Acordo entre a AMD e a DICE terá custado à AMD algo entre 5 a 8 milhões de dólares.

De acordo com múltiplas fontes, o negócio entre a AMD e a Dice terá custado à AMD algo entre 5 a 8 milhões de dólares. E Battlefield 4 é o primeiro jogo a sair desse acordo.

bf4

O negócio entre a AMD e a DICE engloba a colocação de Battlefield 4 num pacote exclusivo que permitirá a oferta do jogo com a venda das placas da marca. Este negócio será apenas disponibilizado para parceiros seleccionados.

Mas o real acordo passa não só por essa situação mas por garantir que o jogo será uma mostra tecnológica no hardware AMD.

Este é um acordo do qual ambos os lados beneficiarão. Nesta fase, a AMD deu à DICE direitos exclusivos para o uso do seu API Mantle, o API que fará frente ao DirectX e Open GL, e o resultado está aí com Battlefield 4 que sairá em Dezembro e onde veremos os aumentos de performance que o mesmo trará. Este é um API de baixo nível que permite acesso directo ao Hardware, oferecendo ganhos de performance anteriormente apenas existente em consolas, bem como permitindo a criação de situação fora das especificações DirectX.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

Com este acordo que terá custado entre 5 a 8 milhões, a AMD melhorará a sua imagem face aos jogadores e aumentará as vendas das placas R9 e R7.

A dúvida que fica é até que ponto será fácil recuperar este investimento, mas que é uma nova forma de publicitar um produto, isso é, e caso os ganhos de performance sejam efectivamente grandes, poderá funcionar.

Publicidade

Posts Relacionados