Alinhamento de lançamento da Switch é super decepcionante.

Mais do que uma boa consola, a Nintendo tem de assegurar o público alvo que a consola não vai sofrer da mesma falta de suporte das Third Party que a Wii U sofreu. E infelizmente, a confirmar-se o alinhamento de lançamento da consola, esse receio fica ativo.

Qualquer hardware necessita de software para vender. Se o hardware e o preço (que discutimos ontem), são importantes, é o software que acaba por definir o sucesso de uma consola! E como tal, num lançamento de um produto deste género, o alinhamento de jogos disponíveis revela-se essencial para a aceitação inicial do público.

Mas infelizmente, A Nintendo veio revelar oficialmente a lista de software que estará disponível no lançamento da Switch, previsto para o dia 3 de Março de 2017. E o que ali temos é de pequena quantidade… e qualidade.

E de acordo com o comunicado oficial da Nintendo estes são os títulos disponíveis no lançamento da consola:

  • The Legend of Zelda: Breath of the Wild
  • 1-2 Switch
  • Super Bomberman R
  • Skylanders Imaginators
  • Just Dance 2017

Sim caros leitores, não viram mal! A Nintendo Switch terá no seu lançamento um total de apenas 5 jogos! A Wii U tinha um total de 32 jogos no seu lançamento, a PS4 26 e a One, 22. Por aqui já se pode ter uma ideia.



Há no entanto, tal como aconteceu com as restantes consolas, há mais títulos previstos para Março, dentro da janela de lançamento, mas não a tempo do mesmo, e são eles:

  • SnipperClippers
  • Fast RMX
  • Has-Been Heroes

Um total de mais 3 títulos. A Wii U teve 23 nesta situação, a PS4 teve 31 e a One teve 22. E por aqui ficam com uma ideia!

Mas depois, durante o resto do ano, naturalmente, sairão mais jogos (e mau seria se não fosse assim):

Para 28 de Abril há um título adicional:

  • Mario Kart 8 Deluxe

E o resto tem tudo datas vagas. Mas eis o previsto para a primavera:

  • Arms
  • Disgaea 5 Complete
  • Puyo Puyo Tetris
  • Rime

Verão:



  • Splatoon 2

Outono:

  • The Elder Scrolls 5: Skyrim

Natal:

  • Super Mario Odyssey

E mais 10 jogos com datas ainda não definidas que se esperam em 2017:

  • Xenoblade Chronicles 2
  • Ultra Street Fighter 2 The Final Challenge
  • Minecraft
  • EA Sports FIFA
  • Sonic Mania
  • I Am Setsuna
  • Steep
  • Syberia 3
  • NBA 2K
  • Dragon Ball Xenoverse 2

Este é uma lista decepcionante. É reduzida e sem grandes títulos de verdadeiro interesse capazes de despertar interesses globais na consola. Tirando The Legend of Zelda, não há ali um título que se possa verdadeiramente considerar como um jogo que venda consolas. Daí que, não impressionando a consola pelos seus gráficos ou performances globais, certamente seria espectável mais, muito mais, especialmente depois de sabermos que a Wii U sofreu de falta de suporte. Seria de esperar alguns nomes mais sonantes. E isto deixa-nos a pensar que se a Nintendo não conseguiu convencer os grandes produtores a suportarem a consola no lançamento, quando é que se espera que a suportarão?

Mesmo Fifa, que ali se encontra, acaba por não ser verdadeiramente relevante. A Switch de forma alguma consegue correr, pelo menos com a mesma qualidade, o motor de jogo Frostbyte aplicado na Xbox One e PS4, pelo que o esperado nesta fase, e há inúmeros rumores sobre esse assunto, é uma conversão do jogo da PS3/Xbox 360 usando o velhinho motor Ignite que não sofre atualizações na jogabilidade desde 2013.

Entretanto sabemos que os jogos para a consola custarão 60 euros (menos 10 euros que a média dos jogos Xbox/PS4, mesmo preço que a média dos jogos PC, e 10 euros mais que os jogos DS mais caros) , o que diga-se para um sistema que, mesmo que melhor explorado, possui performances globais inferiores às de um tablet topo de gama atual, são bastante caros!



Posts Relacionados