Análise: LG xxLM670S – Um smarttv de luxo

Analisar televisões é algo complexo. Basicamente podemos dizer que para quem tiver disposto a pagar há sempre algo mais para oferecer, pelo que a verdadeira escolha está na opção de um produto que seja simultaneamente o melhor e mais completo possível, mas igualmente acessível.

Claro que acessível é algo discutível. Para uns acessível é 400 euros, para outros é 700, para outros é 1200, e para outros é mais. Daí que um outro factor pesou igualmente na escolha, a oferta preço, e atingindo um ponto onde obtínhamos um televisor com tudo o que é efectivamente necessário, eliminamos o supérfluo que se seguia.

O televisor escolhido foi assim o LG LM-670S, uma SmartTv da LG com uma lista de especificações quase interminável. Trata-se de uma TV de luxo, mas a um preço extremamente interessante uma vez que a televisão poderá ser obtida por perto de 700 euros no seu modelo de 42 polegadas.

Após termos comparado uma grande quantidade de televisores e marcas, a nossa escolha no que toca à relação qualidade/oferta/preço caiu claramente sobre este televisor de classe energética A+.



LG xxLM-670S

Estética

670s frente2

670S lado

Esteticamente estamos perante um televisor sobre o qual  poucas críticas poderão ser feitas. E diga-se mesmo que as fotos acabam por fazer pouca justiça à TV.

Apesar de prateada, o facto é de frente apenas a barra inferior e o pé são visíveis. O televisor não apresenta qualquer moldura lateral que chame a atenção,  apesar de esta existir, mas ser tremendamente fina e quase imperceptível para quem olha, excepto se andar à procura da mesma.

Uma vez a TV ligada podemos dizer que a área de ecrã é total.

LG_42LM670S1

Qualidade de imagem

O televisor em análise é um LCD LED, com uma qualidade de imagem assombrosa. No entanto este modelo utiliza ainda a tecnologia LED Plus da LG bem como o controlo de Micro Pixel que permite que cada bloco de LEDS possa ser controlado individualmente e não como um todo como acontece em muitas TVs. O resultado são cores naturais e um racio de contraste mais elevado com pretos bastante profundos.

A TV implementa igualmente um sistema 400 Hz que suaviza a imagem e que funciona impecavelmente bem. O seu senão é o aumento do “input lag” do televisor que se torna incrivelmente alto. Mas felizmente a LG pensou nisso, desactivando todo o processamento de imagem que este televisor efectua quando o mesmo é colocado no modo “Jogo”.

A sua resolução é Full HD (1920*1080) e o tamanho de ecrã (que na designação do modelo substitui o xx que usamos no nome), pode variar entre os 42, 47 e 55 polegadas. O ângulo de visão é os já tradicionais 178 graus, o que se considerarmos a cobertura possível de 180 graus é, logicamente, excelente.

O sintonizador é TDT (Mpeg 4 .H264).

44 45

As imagens de cima apesar de reduzidas para este artigo foram capturadas de um canal SD e de um canal HD.

As regulações de imagem e de efeitos não podiam ser mais simples e isto graças a um extraordinário modo PERITO que permite de forma simples, guiada e explicada passo a passo, configurar o televisor ao gosto de cada um para a melhor imagem possível. (A foto que se segue permite ver o modo, mas não os menus interiores do mesmo).

48

O 3D

Como não podia deixar de ser, estamos perante um televisor 3D. A tecnologia usada é a tecnologia passiva da LG, que permite o uso de óculos polarizados, e dispensando os tradicionais, pesados e dependentes de bateria, óculos activos.

Esta tecnologia baseia-se no modo 1080p interlaçado para funcionar e requer um ecrã especial, o que a torna inacessível a outros televisores que utilizem a tecnologia activa. O método de funcionamento é bastante mais simples, e os óculos custam apenas 7 euros se forem originais. Alternativamente podem usar os óculos fornecidos nos cinemas para visualização de filmes 3D, uma vez que estes são totalmente compatíveis com a tecnologia do televisor.

A TV é fornecida com 5 pares de óculos, sendo que um deles é um clip para se adaptar a armações de óculos pré-existentes. Ou seja, a LG pensa em quem já usa óculos e fornece assim uns óculos adaptados a essa realidade e que dispensa a colocação de óculos sobre óculos.

Este televisor possui dois certificados relacionados com o 3D, sendo primeiro passado pela intertek, uma empresa independente de certificação, e que garante que o televisor fornece uma experiência 3D a 1080p, e o segundo é um certificado da TUV que garante que o televisor não apresenta cintilações com o uso dos óculos 3D.

O processador dual-core que equipa este televisor pode ainda criar efeitos 3D artificiais em qualquer transmissão TV 2D, bastando para isso pressionar a tecla respectiva. Mas naturalmente o efeito não será o mesmo de um 3D nativo, sendo bastante menos notório.

Para quem tem problemas com a focagem da imagem 3D, a profundidade do mesmo é completamente regulável.

O DUAL PLAY

Outra das características do 3D deste televisor é o suporte Dual Play. Basicamente o Dual Play trata como se fosse 3D uma imagem 2D dividida a meio.

Em que situações se revela esta situação vantajosa?

JOGOS!

Com este modo qualquer jogo que suporte modo de ecrã dividido pode ser jogado em ecrã total. Basicamente o televisor pega nas duas metades do ecrã e trata-as como se fosse uma imagem 3D. E faz isto seja a imagem lado a lado ou topo e baixo.

O resultado é a sobreposição das duas imagens em ecrã total que com o uso de óculos Dual Play, permitem a duas pessoas estar a jogar em ecrã total sem que uma veja o jogo da outra.

Basicamente se no 3D temos uma lente polarizada negativa em um olho e outra polarizada positive no outro que permite ver as imagens destinadas a cada olho no lado respectivo, aqui os óculos Dual Play são constituídos por duas lentes iguais. Um dos pares com duas lentes polarizadas positiva e o outro par com as duas lentas polarizadas negativas. Desta forma cada pessoa vê o seu ecrã sem qualquer interferência da imagem do outro jogador que até pode estar num local diferente do mapa.

Basicamente este modo permite ter dois ecrãs em apenas um.

Dual Play

Os comandos

Ao contrário do que é habitual os LM-670s não são fornecidos com um comando, mas sim com dois.

O primeiro é um comando tradicional bastante completo e que permite total controlo de todas as funções do televisor.

comando

Já o segundo é um comando que apesar de muito mais simples, facilita tremendamente o uso do televisor, particularmente nas funções de Smart TV que analisaremos mais à frente.

A LG denomina-o de Magic Remote.

magic



Basicamente temos aqui uma versão mais simplificada de um Wiimote e que permite controlar de forma diferente e completa este LG dentro das aplicações, apesar de menos funcional e completo do que o outro comando fornecido.

Conectividade

A nível de conectividade este televisor está equipado com o seguinte:

2 portas USB 2.0

1 porta SCART

1 entrada áudio para PC

1 entrada D-Sub (Vga PC)

1 entrada componentes

1 entrada AV

4 portas HDMI 1.4

Suporte à tecnologia Simplink (HDMI CEC)

Wi-Fi incorporado

Suporte DLNA

1 Porta Ethernet 100 Mbits

1 saída audio óptica.

49

As funções Smart TV

Bem, aqui é onde nos podemos perder, e certamente isso vai acontecer, com funções importantes a ficarem esquecidas.

Media Center

Para começar este televisor possui características de media tank incorporadas, sendo capaz de ler todos os formatos de filmes e áudio do mercado.

Suporta igualmente legendas .srt externas e os caracteres Portugueses, algo que nem todas as marcas se dignam a suportar.

Como já vimos na conectividade o televisor possui integrado um cliente DLNA o que quer dizer que caso possuem um servidor DLNA activo ele imediatamente se conectará a este de forma a poder aceder a todos os filmes e musicas ali partilhadas.

Mas caso isso não aconteça, eles podem ser acedidos directamente através de uma pen ou disco USB ligado a uma das portas USB.

54b 55 56 57

Naturalmente para um media center completo é necessário o acesso ao Youtube, algo que o televisor faz sem problemas graças a aplicação youtube embutida.

E como podem ver pela imagem de baixo aplicações é coisa que não falta a este televisor, sendo o Youtube, Facebook e o Skype de destacar (este último requer a compra em separado de uma câmara da LG adequada ao televisor).

Mas naturalmente muitas mais aplicações e jogos podem ser instaladas acedendo à Store da LG, e o televisor tem 384 MB livres para instalação de aplicações adicionais (incluindo jogos diversos), sendo que a maior parte delas não passa de alguns megas. Da mesma forma, algumas das já instaladas, caso não sejam do agrado, podem ser desinstaladas.

46

Eis um acesso à internet efectuado usando o seu web browser incluído, uma característica que actualmente qualquer media tank também fornece e que como tal incluímos nesta secção.

51 52

Para terminar as características de media center, o televisor é capaz de gravar TV para um disco rígido que lhe seja ligado. Para tal possui capacidade de programação e posterior visualização dos programas gravados em disco. O único requisito é que este disco seja ligado na porta USB indicada com HDD.

O suporte WiDi

Uma das características mais interessantes deste televisor é o facto de ele ser certificado Widi. a tecnologia de HDMI sem fios disponibilizada pela Intel.

Usando um computador com uma placa gráfica HD4000 e o Windows 8.1 este ligou-se imediatamente, e à primeira tentativa, a este televisor. Bastou para isso activar a opção Widi na TV, e acrescentar um segundo monitor (sem fios) no windows 8.1 ligado à mesma rede. Imediatamente o televisor fornece um código que inserido no portátil permite passar a imagem do mesmo para a TV.

Os modos Duplicar, expandir e monitor único são suportados. No primeiro caso a TV terá a mesma resolução (1080p max) que o monitor do portátil e será uma cópia em todos os aspectos. Já nos restantes modo o televisor reverte para os seus 1080p nativos.

47 68 69

Relativamente a esta opção será de assinalar que a mesma não é livre de uma latência algo elevada devido ao uso de uma rede wireless.

Audio

Como já referido na conectividade, este televisor possui uma saída audio óptica que permite a sua ligação a qualquer sistema audio de sala. No entanto se pretendem utilizar as colunas do televisor este encontra-se equipado com duas colunas embutidas de 10 watts cada uma, e capazes de Virtual Surround.



O televisor implementa a tecnologia Clear Voice II da LG para um audio cristalino e limpo.

Diga-se no entanto que tendo ligado este televisor a um sistema de audio Denon, no teste não se deu uso ao som interno da TV.

A aplicação iPad

Essencial para a captura destas imagens (excepção para as três primeiras) e para a realização deste artigo foi a aplicação LG para iPad.

Esta não só permite o controlo básico do televisor, criando ainda um rato e um teclado virtual, mas acima de tudo permite capturar imagens do ecrã a qualquer altura.

A aplicação liga-se por wireless ao televisor, e as imagens obtidas podem ser guardadas no iPad, ou imediatamente partilhadas no Facebook.

Sem dúvida uma aplicação mega interessante e digna de registo.

54

Conclusão

Este televisores LG da série 670 são verdadeiros portentos pelo preço. No entanto se os 700 euros desmoralizam alguém, as versões 660, 640 e 620 estão igualmente disponíveis abdicando de características, mas igualmente descendo nos preços.

Naturalmente algumas funções ficaram por analisar, mas como dissemos no início, dada a abrangência possível com este televisor seria impossível cobrir tudo.



Posts Relacionados