As conferências da E3 de 2016

E3conference

Há muito o que se possa dizer sobre o que se passou nesta E3. Muito mesmo!

Normalmente a E3 é uma altura de entusiasmo, e onde vemos as novidades das consolas. Mas pela primeira vez na vida a E3 foi uma desilusão que preferia não tivesse existido.

Eis um resumo e comentário das apresentações da Microsoft e Sony:

Microsoft

Vamos ver o essencial do apresentado:

O Software

Gears of War 4 – Já apresentado anteriormente! Exclusivo da plataforma Xbox.
Recore – Já apresentado anteriormente. Novo IP. Exclusivo da plataforma Xbox.
Forza Horizon 3 – Novo jogo de um IP conhecido. Exclusivo da plataforma Xbox.
Final Fantasy 15 – Já apresentado anteriormente. Multiplataforma.
Teken 7 –  Já apresentado anteriormente. Novo jogo de um IP conhecido. Multiplataforma.
Scalebound – Já apresentado anteriormente. Novo IP exclusivo da plataforma Xbox
Dead Rising 4 – Novo jogo de um IP conhecido. Exclusivo da plataforma Xbox
Sea of Thieves – Já apresentado anteriormente. Novo IP. Exclusivo da plataforma Xbox
Halo Wars 2 – Novo jogo de um IP conhecido. Exclusivo da plataforma Xbox.

Para além disto tivemos direito a alguns Indies ou jogos não AAA: Gwent, o jogo de cartas de Witcher 3, Deliver us the Moon, Flint Hook, Far, Slime Rancher, Inside, We Happy Few.

Ora olhando apenas para os AAA, basicamente os jogos que definem a imagem de marca da consola, vemos que a Microsoft apresentou um total 9 títulos. Mas desses 9, apenas 3 deles nunca tinham sido visualizados, o que implica que nesta E3 a Microsoft apenas nos presenteou com a apresentação de 3 jogos AAA como novidade.

Mas na realidade, apesar de novidade, desses três jogos, Forza Horizon 3 e Halo Wars 2, não foram verdadeiramente surpresas. Desde que a Xbox One foi lançada não há um ano em que não tenhamos direito a um jogo Forza e um jogo Halo. Daí que era mais do que esperado que este fosse o ano de Horizon 3 e, segundo já se falava, de Halo Wars 2.

Apesar de as linhas de cima poderem parecer algo críticas, na realidade estas limitam-se a relatar a realidade, e só parecem críticas porque quem as ler, está com uma ideia na cabeça um pouco criada pela realidade das E3 dos últimos anos. E aí o que temos visto são jogos e mais jogos, novidades e mais novidades, mas que passado um ano, e perante nova E3, ainda continuam a ser promessas. Nesse aspecto, apesar de não podermos negar que o conteúdo apresentado pela Microsoft a nível de novidades e surpresas foi fraco, o que foi apresentado foi algo terra a terra, e constituído por jogos que os fans poderão efetivamente jogar nos próximos tempos. No fundo as E3 deveriam ser um pouco isso mesmo, uma apresentação do que está para vir em breve, e não uma feira de promessas a longo prazo.

O Hardware

Mas a apresentação da Microsoft não foi marcada pelas apresentações do software, mas sim do hardware! E aí poderemos dizer que aquilo que vimos foi uma verdadeira decepção para quem acompanha as consolas à tantos anos pois marca o fim de um ciclo como o conhecíamos.

Faz cerca de 3 ou 4 meses surgiram rumores sobre uma possível PS4 mais potente que não teria direito a exclusivos, mas que apenas correria, e melhor, os jogos da atual PS4. E os rumores foram acompanhados de um coro de críticas que vieram de todos os lados, quer dos fans da Sony que estavam decepcionados, quer dos fans da Microsoft que de certa forma gozavam com a situação de haver uma fragmentação do mercado.

Nesta conferência a Microsoft começou acom uma apresentação de uma nova versão Slim da Xbox One, a Xbox One S. Trata-se de uma nova revisão da consola com pequenas afinações de performance, e ainda é mais pequena, aquece menos e possui a fonte embutida. Seria, só por si, motivo de notícia e júbilo entre os fans, com muitos a ponderarem a troca da consola atual por esta nova versão.

Mas se a Xbox One S foi apresentada no início da conferência, mesmo no fim a Microsoft anuncia que daqui a um ano teremos uma consola mais potente, com 6 TFlops, a Scorpio, e que segue todas as políticas que surgiram como rumores para a Playstation Neo. É uma consola que não terá direito a exclusivos e que se limitará a fazer melhor aquilo que é feito para a plataforma. E essa plataforma tem uma base, a consola de atual geração, a Xbox One original! Basicamente ambas as consolas correrão os mesmos jogos, mas a One correrá em TVs 1080p e a Neo fará o mesmo mas em TVs 4K. Pelo menos isto é o prometido, mas será que podemos confiar que será assim e só assim? Isso é que se torna mais difícil de crer!

Pois bem… aquilo que tanto se criticou na Sony pela NEO e que se julgava que a Microsoft não iria fazer, foi anunciado oficialmente, como existente igualmente na Xbox!

E isto não faz com que a Microsoft me tenha decepcionado (porque como lerão depois, a Sony também já confirmou oficialmente que vai fazer o mesmo, e numa consola aparentemente bem menos potente), mas sim com que a decepção aconteça com a industria dos videojogos em geral.

É que visualizando as criticas e comentários feitos à Neo, quando do surgimento dos rumores, quer pelos fans da Sony, quer pelos fans da Xbox One, esta Scorpio não pode de forma alguma ter caído bem para ninguém. Porque diga-se que se tal não for a realidade, perante estas revelações de algo exactamente idêntico, então estaremos perante uma enorme hipocrisia e o total descrédito de quem tanto criticou as políticas da Neo nos rumores que a rodearam.

Este novo conceito trazido por consolas como a Neo e Scorpio, apresentadas pela Microsoft como algo que transcende as gerações, são no fundo um fragmentar de um mercado que em mais de 40 anos sempre foi uno. Uma criação de um mercado onde o hardware não é único e onde um video de apresentação deixa de mostrar o resultado na nossa consola, mas sim num dos modelos da consola. É o fim das consolas tal como as conhecemos!


Mas porque apresentar a Scorpio agora? Se a consola só sai em finais de 2017 como se compreende a revelação da Scorpio apenas umas dezenas de minutos depois da apresentação da Xbox One S. Porque não aguardar uns tempos? Pelo menos deixar a notícia da Slim assentar? Não será que a Microsoft condicionou imediatamente as vendas da Slim ao anunciar já a Scorpio?

Vejamos: Quem já tem uma Xbox One e pretende a Scorpio, não tem necessidade de, por apenas um ano, perder dinheiro com uma troca para a versão Slim. Afinal havendo uma compatibilidade a 100% não justifica manter mais do que uma consola!

Quem ainda não tem uma Xbox, ou espera pela Scorpio, ou caso queira mesmo investir será preferível apanham um dos modelos antigos mais baratos em detrimento da S. Afinal, mais uma vez, é por apenas algum tempo, e a consola original é perfeitamente capaz.

Completamente alheios a estas realidades sobram aqueles que ou não tem o que fazer ao dinheiro, ou não pretendem investir na Scorpio tão cedo.

Sim, a Scorpio será uma consola MEGA POTENTE, e certamente a preços que a tornam compensadora face aos PCs, mas será coerente de depois de todo o investimento na criação de uma versão Slim, colocar o anuncio da Scorpio apenas umas dezenas de minutos depois da sua apresentação?

Não seria mais lógico ter-se aguentado a revelação por uns meses, permitindo a corrida às trocas pela Slim e um aumento de vendas por alguns meses?

Coerência e lógica associada a esta decisão de fazer tudo na mesma apresentação… sinceramente tenho dificuldade em ver!

Mas ainda nesse aspecto, tendo escrito tantas vezes que, apesar de compreender os motivos da sua existência, via na Neo uma traição ao consumidor inicial que permitiu o sucesso da atual geração, ver que a Scorpio segue as mesmas políticas, colocando-se lado a lado com a NEO, deixa-me completamente decepcionado. Sinceramente, tinha preferido uma nova geração!

Sony

Aqui, por uma questão de coerência do que vinhamos a falar vamos inverter a ordem e falar do hardware primeiro:

Hardware

Apesar de não terem apresentado qualquer nova consola, na realidade a decepção com a Sony terá de ser igual à que aconteceu com a Microsoft e a Scorpio. É que horas antes da E3, Andrew House confirmou a existência de uma consola superior que coabitará com a PS4. A tão falada PS4 Neo.

Basicamente, mesmo sem se ter falado da Neo da E3, a mesma acabou, pelo menos para mim, por ensombrar toda a conferência. Talvez por ver a apresentação da Scorpio e as poucas novidades a nível de jogos da Microsoft, não conseguia deixar de pensar que tanto a Microsoft como a Sony, apesar de um leque de jogos melhor para o lado desta última, estavam ambas com a cabeça em outras paragens.

Daí que nesse aspecto, tudo o que foi dito sobre a Scorpio em cima poderia ser repetido aqui. Porque mesmo sem a apresentação na E3, a decepção da confirmação de que a Sony tambem terá uma nova consola melhorada face à anterior, mas que não terá exclusivos, existe aqui também.

De resto, foi abordado o VR que será colocado à venda em Outubro, e mostrou-se 4 jogos exclusivos para ele:

Farpoint
Star Wars Battlefront X-Wing VR
Batman Arkham VR
FF XV

Mas vamos aos jogos apresentados para a PS4 sem qualquer periférico adicional:


Software

God of War – Novo anuncio de Exclusivo – Nova perspectiva, mundo 3D!
Days Gone – Novo IP exclusivo
The Last Guardian – Exclusivo. Já previamente anunciado, mais um trailer e data de lançamento.
Horizon Zero Dawn – Exclusivo. Novo IP, Já previamente anunciado
Detroit – Exclusivo. Novo IP. Já previamente anunciado
Resident Evil VII – Novo jogo. Multiplataforma, suporte VR.
Call of Duty Infinite Warfare – Já apresentado. Multiplataforma
Call of Duty: Modern Warfare – Já apresentado. Remastered
Lego Star Wars: The force Awakens, novo jogo, Multiplataforma
Death Stranding: Novo jogo, novo IP, Exclusivo
Spiderman – Novo jogo, Exclusivo

A sony deu ainda a conhecer a criação de três remasterizações de Crash Bandicoot.

No global, falando apenas dos AAA não VR, a Sony falou de 11 jogos, sendo que apenas 3 eram multi plataforma. 8 dos jogos apresentados eram exclusivos, e 4 foram novidade absoluta, sendo que 3 desses são novos IPs (excluimos Spiderman por já haver jogos com essa temática).

Sem dúvida, a nível de novidades apresentadas tivemos uma performance algo superior à da Microsoft!

Conclusões

A E3 2016 ficou para mim marcada pela apresentação das novas consolas com políticas de compatibilidade e co-existência muito especiais (no caso da Sony, a confirmação pré E3 da existência da Neo). Esta novidade representa o fim de um ciclo de gerações com quase 40 anos, e uma mudança com a qual nem todos saberemos lidar da mesma forma. Vai-se mexer no mercado, acabar com a unicidade do hardware, e criar de uma forma inédita, reações das mais diversas, especialmente no que toca à base mais fiel de utilizadores, pelo que não sei sequer como comentar estas novas consolas. Mas o certo é que seja com Sony ou com Microsoft… não estou exatamente feliz com o que tomei conhecimento!

Nos próximos dias irei criar artigos comparativos sobre as especificações que correm em rumor das novas consolas!

 

Publicidade

Posts Relacionados

Readers Comments (68)

  1. Gears of War 4, vou comprar com um amigo, partilhado, gosto bastante do modo Horda, que voltou.

    Forza Horizon 3, vou comprar sozinho, é o jogo de carro que mais gosto, mas somente Horizon que eu compro, não gosto de simulador, somente árcade´.
    Esse Forza Horizon 3 parece estar sensacional compra mais do que certa.

    Dead Rising 4 compro quando estiver em promoção, Dead Rising 3 eu fiz todas as conquistas.

    ——————————————————-
    Recore, esse jogo parece ser uma bosta, desde primeira vez que vi esse jogo achei muito tosco.
    Sea of Thieves, parece ser legal, mas tipo Destiny, The division, que precisa de mais jogadores, para o jogo se tornar legal, estou evitando jogos assim.
    Final Fantasy, não gosto!
    Scalebound , preciso ver mais desse jogo, ainda não entendi o que realmente é esse jogo.
    Teken 7, detesto jogo de luta.
    Halo Wars 2, não gosto, jogos nesse estilo.

    PS: Se eu tivesse um PS4 certamente compraria God of War, achei incrível o pouco que mostraram.

    Já os consoles é complicado falar, eu também não queria.
    Eu não vou ter dinheiro para comprar um TV 4k e um Scorpio, sem chance nenhuma, mas nenhuma mesmo.
    Não tenho muito a dizer pois concordo de cabo a rabo com o artigo.
    Gostaria somente saber uma coisa, pensando um pouco no futuro.
    Quando lançar a Xbox Scorpio, e Neo ou PS5 que seja, é fácil produzir jogos para Scorpio e PS5 (Neo), e pegar esses mesmos jogos para Xbox ONe e PS4, é fácil fazer esse porte?
    E pode acontecer tipo, Rockstar vai lançar GTA 6, ela produz para Scorpio, e PS5, e uma equipe B da Rockstar produz para Xone e PS4, pode acontecer isso?
    Resumindo, vai mudar alguma coisa, fazer o mesmo jogo para consoles mais potentes e mais fracos?

    • Luciano S. Carvalho 16 de Junho de 2016 @ 9:52

      Desculpa pelo palavreado, mas vai ser uma bosta tudo isso, bagunçaram com tudo.

    • Infelizmente tanto a Polaris como uma eventual Vega não são 100% compatíveis com as placas da atual PS4 e Xbox One. Segundo o sebbbi (o programador gráfico principal da Redlinx) a AMD cortou alguma compatibilidade no sentido de melhorar algumas coisas para concorrer melhor com a Nvidia.
      Isso quer dizer que não há garantia que os jogos atuais corram nessas consolas sem alterações. Mas pior ainda, ao teres essa quebra de compatibilidade, isso significa que terás de programa genéricamente. Ou seja, a questão do hardware único e da optimização perfeita… perde-se!
      As consolas sempre foram sistemas fechados, com exclusivos únicos e hardware único. Isso foi-se! Agora os jogos saem para PC, tirando exclusivos e abrindo o sistema, e o hardware… passa a haver mais do que um.
      Chamem-lhe o que quiserem… mas consolas, no termo exacto da definição que sempre conhecemos… essas morreram!

      • Mário depois de muito tempo pensando em tudo o que já foi revelado oque ainda não foi possível foi compreender por que estas duas fizeram tanta merda. E melhor ao mesmo tempo. A PlayStation (a única divisão que dá lucros na Sony) simplesmente acaba com o monstro de vendas. Afinal é só escrever no Google PlayStation 4 que já aparece o complemento NEO. ou então a Microsoft, estamos afazer rios de dinheiro com a Xbox e temos todo o dinheiro do Mundo, temos todos os servidores do mundo. E qual a única alternativa. Qual a única alternativa. Não é a AMD 380 tão potente quanto a Scorpio(199,99) não precisas do on-line pago, jogos mais baratos. O que nos sobra é o PC. E quão triste o dia que é ver que jogar no PC é mais barato que nos consoles. Kkkkkkkk como a Andrew disse o mundo mudou.

      • Para mim… acabou.

        A Sony acaba de confirmar todo o desastre que pretende implementar, exatamente igual à Scorpio, como tu bem disseste Mário. Eu ainda tinha a vaga esperança que a mesma companhia que suportou a PS3 durante 7 anos com excelentes exclusivos, que produziu obras primas na PS2 estivesse a pensar a neo em termos diferentes. Mas não, vão em frente com esta treta, e nos mesmos termos da Microsoft.

        O porquê disto, continuo sem saber. Dizem que querem captar os jogadores PC. Quem prefere PC, os adeptos da performance, irá sempre ir para o PC. Daqui pouco chegam as topo de gama da nVidia e as novas topo de gama da AMD. E irão atingir os 4k à vontade ou até os 8k. Isso nunca irá mudar.

        A única coisa que conseguirão é levar as pessoas ao PC cada vez mais. É o suicídio.

        Porque não acredito numa única palavra que eles (Sony/Microsoft) dizem. Os jogos continuarão a vir para ambas as plataformas, mas com melhores resoluções e efeitos superiores na consola superior… E quem me garante a mim que há a optimização necessária na consola que lançaram há 3 anos? Que os jogos nessa não sairão capados.

        É o maior insulto, a maior afronta que fizeram aos respetivos clientes.

        Para mim, acabou. A Sony não me conta mais como cliente. Desde a lata com que começaram a cobrar aos clientes por remasters, depois pela retrocompatbilidade dos títulos PS2 e agora esta treta.

        Venha a sucessora da Dreamcast e a NX. Está na altura de mudar.

        • Analisando o contexto desses “novos” consoles, agora com mais calma acho que a única empresa que pode continuar com isso a longo prazo mé a microsoft.

          Sei que é uma teoria louca, mas eu pensei assim, se isso virar moda as pessoas de início pelo menos uma boa parte vão aderir, ai na próxima geração se houver uma eles decidem fazer o mesmo só que ao meu ver a sony já perderia inúmeros clientes pois ela só tem os PS, já a microsoft se o pessoal mudar para o pc que é o que eu acho que vai acontecer, vai estar em lagar vantagem pois todos os jogos de xbox também vão sair para pc.

          E nesse pensamento foi que me veio a cabeça que no início a Sony pode ate pensar que isso vai ser uma boa, mas a longo prazo quando as pessoas se voltarem para o pc por ser um investimento melhor dessa perspectiva e as vendas de consoles Sony começarem a diminuir acredito que ela volte ao modelo antigo, principalmente se a nintendo continuar nesse modelo e fizer sucesso.

          Para mim depois dessa E3 nunca, mais compro um console Sony ou Micro, vou levando meu ps4 até onde der e depois monto um pc.

          • Concordo! A Sony vai sair perdendo, pq a MS não está pensando no xbox, e sim, usando-o para captá-los para o Windows 10.

        • Onde leste? É notícia nova?

        • Na Eurogamer.

  2. Infelizmente não teremos mais aqueles jogos fantásticos de final de geração(halo 4 e the last of us), e o pior é que a maioria dos consumidores irão abraçar essa idéia, mas eu farei minha parte, nada de Scorpio ou Neo.

  3. Cara, eu vi um monte de pessoas que meteram o pau no neo agora defender esse scorpio. Eu realmente não consigo entender….. E o pior são as respostas.

    -Ah, a microsoft fez certo, mostrou logo o scorpio assim o consumidor já sabe o que vai vir e escolhe o que comprar. Sério isso? O.o

    -Ah, as pessoas tem que aprender a ser humilde, se vc não tem dinheiro para comprar um scorpio vá de One mesmo! Sério isso? O.o (não sabia que querer ter um novo console é questão de humildade)

    -Ah, mas o scorpoio é uma nova geração. Pode ver pela diferença de poder. Sério isso? O.o o próprio phil disse que não era uma nova geração e mesmo assim as pessoas preferem mentir para si mesmo.

    E ainda teve gente antes da E3 zuando a sony tipo assim:

    # Antes da E3

    -Prefiro trocar pilhas do que um console.

    # Depois da E3

    Ainda tenho 1 e meio para juntar dinheiro para o scorpio…

    Fala sério….

    Eu poderia citar as barbaridades que vi durante esses dias no facebook, youtube…

    Para finalizar, o controle elite vai começar a ser comercializado separado no Brasil. o preço está em 1.799
    Se um controle atualmente de 150,00 obamas está sendo vendido por esse imagina quando chegar esse novo console?

    A conferencia da Microsoft foi legal, mas pra mim por nao ter o fator surpresa pra mim nao tem impacto.
    Outra coisa que eu não gosto é dessa forma como a Microsoft aborda seus lançamentos.
    Pô tirando o dead rising, todos outros jogos nós já sabíamos.
    A Microsoft espera 6 meses pra dizer os jogos que vc vai jogar daqui a mais 3 meses.
    Poderiam lançar os jogos a cada 3 meses, assim o ano ficaria balanceado e vc teria como conciliar os mults com os exclusivos.

    Pra mim a sony fez uma E3 legal, eu sinceramente não sabia o que viria e foi surpresa algumas coisas.
    Mas simplesmente cagou para os consumidores antes da E3 falando do neo.
    Foi um banho de água gelada -100°

    • Cara 150 obamas sendo vendido por 1800 temers???? mas q conta absurda é essa?????? um controle pelo preço do videogame, já vou até adiantando, Neo por aqui será uns 3500,00 e o Scorpio não sairá por menos de 5.000,00, virou brincadeira pra rico essa porra.

      • Eu acho que o neo vai vir mais caro aqui no brasil. Do jeito que a sony é mercenária aqui no brasil, não duvido nada chegar por mais de 5k.

        Eu sei que nessa brincadeira se o brasileiro quiser jogar a 4k ano vem vai ter que gastar uns 10k.

        • Ah meu amigo, tecnologia 4k aqui no Brasil é para pouquissimos por enquanto, acho que só estará acessivel lá pra 2018 pelo menos.

          • Se PS 4 normal era 4 mil Dilmas, imagina o NEO… Deve vir por 10 000,00 Temers..

          • Tava vendo uma discussão sobre isso na outer hj, um carinha lá colocou o site da microsoft onde apareço o controle xbox elite sendo vendido pela Mic por apenas 1.799,00, dai veio a grande pergunta, se um controle de $150,00 custa tudo isso no brasil imagina o scorpio que será lançado ano que vem por algo proximo a $600,00?

  4. Se bem que já existem umas 4K a preço um pouco acessível no Brasil, porém não confio muito na qualidade 4K oferecidas por elas.

    No Br já existem TVs Philips 4k por menos de 2K temers.

    • A questão é esta: Uma TV é uma compra feita para durar anos! Não é exactamente o tipo de aparelhos que se pense em fazer upgrades, especialmente com as 8K a aparecer no mercado. Aliás a realidade de mercado mostra que a maior parte das pessoas passou para 1080p faz pouco tempo! E muitas delas ainda nem estão a 1080p.
      Trocas uma TV 1080p recente por outra por causa dos 4K parece-me algo que pouco irão fazer. Eu pessoalmente não o farei. Tenho três, com 55, 43 e 42 polegadas, sendo que a mais recente tem menos de um ano. Todas são SmartTVs e 3D. Vou trocar aparelhos perfeitamente funcionais e com uma qualidade de imagem fantástica para quê?
      1080p com um bom AA como o de Uncharted 4 e 60 fps é para mim o que procuro. Não preciso de mais do que isso! Tenho PC capaz de 4K à um bom tempo, mas sempre preferi manter os 1080p com bons fps do que os 4K.

  5. Jogos, só disso que irei falar, não quero mais nem debater este assunto dos intrusos da geração:
    Dos jogos da Microsoft:
    Forza Horizon 3 – Pelo pouco que foi mostrado o jogo está incrivel, simplesmente mudaram o patamar do jogo anterior com vários modos e tipos de carros a serem conduzidos.
    ScaleBound – Desde a E3 passada já estou de olho no jogo e tem tudo pra ser excelente, action rpg open word dragões bosses gigantescos.
    Recore – Gostei da proposta e darei uma chance ao titulo.
    Gears 4 – Apesar de estar muito parecido com os ultimos jogos no que diz respeito a gameplay, darei uma chance ao titulo pela historia que promete ser bem legal.
    DeadRising 4 – Gostei do 3, o 4 tambem comprarei.
    Sea of Thieves – Não gostei do conceito do jogo, se esse é o melhor jogo da rare de hj, RIP RARE.
    Halo Wars 2 – RTS ainda não é minha praia, tenho aqui o Helldivers e ainda não consegui passar do tutorial.

    Dos jogos da Sony:
    God of War – Compra certa, sinceramente pra mim ao lado do novo Zelda os jogos mais impressionantes da feira, ousaram no novo gameplay e forma de contar a história, promete ser um dos principais jogos em seu ano de lançamento (segundo o diretor 2017).
    Days Gone – Jogo de zumbi novamente, a premissa parece ser muito semelhante ao filme “Guerra Mundial Z” ordas de zumbis correndo atras do personagem gerando aquela sensação de desespero, vários tipos de outros zumbis e mundo aberto, sistema de kraft entre outros detalhes ainda a ser descobertos, como ainda esta em desenvolvimento vou dar um desconto a IA dos zumbis e a movimentação do personagem, mas é compra certa também.
    Horizon Zero Dawn – Goty, sem mais.
    The Last Guardian – Só vou comprar quando estiver bem baratinho, não curto muito o estilo de jogo do diretor.
    Detroit – Idem The last Guardian.
    Spiderman – Compra certa, na insomniac games eu confio, será jogão.
    jogo do Kojima – Ainda preciso entender do que se trata.

    Nioh – Compra certa.
    Nier Automata – Compra certa.
    GT Sports – Compra certa.

    • Palavras do tio Phil pra tranquilizar quem estava com medo do One slim rodar os jogos com melhor qualidade
      “Honestamente, não compre este box se você acha que está comprando para jogar melhor seus games do Xbox One, porque ele não foi desenhado pra fazer isso. Ele foi desenhado para jogar seus jogos do Xbox One exatamente da mesma maneira que seu Xbox One já faz.”

      • Não lembro quem comentou anteriormente, mas desde segunda a MS(ou alguém relacionada a ela) fala uma coisa e depois a informação é desmentida.

        Isso quebra a confiança.

        Ruim será quando começarem a analisar um jogo no Slim e no original e perceberem que os 2 não funcionam da mesma maneira.

        • Quanto a isso só nos resta aguardar, no momento só temos a palavra dele pra acreditar, mas não podemos esquecer que é comum termos melhorias em versões Slim, o proprio Mário deu o exemplo do Play 3 Fat dele, também não vamos detonar a Micro em tudo né

        • Fui eu Livio e infelizmente isto é o que se passa desde 2013.. Não sou Acionistas da Microsoft tão pouco o dono mas além de engraçada e frustrante uma companhia tão grande ter dois ou três discursos para uma mesma pergunta, parece que estão perdidos, o pobre tio Phill já foi desmentido umas três ou quatro vezes. Aí fica difícil.

      • Vishhhh, ele falou isso de verdade, lembrou muito a do Dom Matrick sobre o X360.

    • GOTY e Guerrilla não combinam na mesma frase, espero que seja um bom jogo, isso já é o suficiente.
      O The last of US do Kratos ainda não engoli, espero muito que matem o garoto brutalmente logo no começo do jogo e que isso desencadeie a fúria e faça o Kratos voltar a ser o KRATOS.
      Também espero que tenha umas “primas” e que seja uma bela carnificina cheia de porrada. Ou seja, só espero que seja God of war.
      Se Gears of War 4 fosse o jogo do Marcus levando o filhinho indefeso dele pra passear no bosque, te garanto que estaríamos descendo a lenha na The Coallition nesse momento.
      Sinto que pós The Last of Us, parece que todo jogo da Sony tem que ser sentimental e colorido igual TLOUS…

      • kkkkkk, melhor comentário de hj.
        Mas deixando a brincadeira de lado, tudo bem fernando eu estou te entendendo, não vou mais falar bem do Surpri…… god of war e nem dizer mais que Horizon Zero Down é forte concorrente a G… blz.
        Vou começar todos os meus textos agora só pra te alegrar, pois acho que está faltando alguma noticia boa pra vc ficar feliz, começando agora.
        Gears 4 – Nossa que gameplay, épico, fenomenal, espetacular, goty desse ano.
        Boa tarde.

        • Pior que Gears 4 pra mim é tudo isso ai que voce falou no sarcasmo kkkkkk

          • kkkkk, pelo menos eu entendo quem gostou molina, o problema esta em quem quer se impor até nas opiniões alheias.
            Jogaremos quando lançar.

          • E pra não ficar só no Gears, que coisa fantástica foi aquilo que mostraram de God of War hein, é day one na certa.

        • Ah não, eu não quero me impor, eu quero ouvir seus argumentos só isso. Você já começa a perder a linha, até parece alguém famoso por ir nessa linha.
          Agora eu acho engraçado todo jogo Sony ser candidato a Goty, isso é bizarro. Vc já viu alguém chamar um game do Xbox de Goty por aqui?
          Já sey, GOTY é Graphics of the year, é só pra isso que vcs ligam mesmo.

          • Acredito que levar este ser em consideracao é algo hilariante pois, perde a linha com toda a certeza, o mais comigo que ele recorre ao Mario para ter um respaldo dos seus argumentos, Enfim deixa ele de lado.

          • Acho legal jogos que exploram bem a jogabilidade e capricham em gráficos há algum problema nisso? Afinal eu gastei aqui pouco menos de 4.000 reais para ter uma experiencia melhor do que a geração passada, no minimo quem compra console de geração nova deve esperar isso, porque se não ainda estariamos jogando sonic no master system até hj.
            Sobre os jogos da Sony serem candidatos a melhor do ano depende, Uncharted tenho certeza que vai concorrer esse ano, mais racht e last guardian não, ano que vem tem horizon e god e sinceramente pelo pouco visto em god e pelo gameplay do horizon e3 na minha opinião estão sim entre os principais jogos de 2017, olha acredito sem pestanejar que mesmo GT sendo lançado este ano ele vai ser engolido por horizon 3, enfim, vc gosta de tirar os meritos dos jogos da sony e isso está mais que comprovado, antes era uncharted, e como o jogo foi lançado já e sabemos como foi recebido vc ficou calado, agora sua implicancia vai decair em cima do novo God of war, tem sido isso todo sempre, nem estranho este seu comportamento.

            PS: Vi em outro comentário seu que o novo god pegou o lado emocional de Tlou e chamou isso de boiolismo, lembro que a poucos dias tivemos uma discussão exatamente sobre isso em que comparamos estes lados nas franquias da ND e Gears, se me lembro bem vc até citou a morte da mulher Don pra dizer que Gears tinha isso, ou seja, quando é pra falar bem de jogo da Mic o argumento vale, quando o jogo é da sony é boiolismo, e digo mais fernando vc tem que ser mais constante e permanecer em suas convicções, essa semana mesmo vc postou aqui o artigo da DF sobre o scorpio, ué não era a mesma que era sonysta e parcial pro lado da sony?

          • Valerio Fernandes 16 de Junho de 2016 @ 20:31

            @ Fernando

            Fernando estas a ir por caminhos apertados!
            Depois queres que não te respondam torto!
            Uma coisa é jogar o jogo (uncharted 4) e veres com os teus próprios olhos a sua narrativa e o desfecho final de uma das melhores franquias de sempre. Outra coisa é jogar no youtube em canais de xbox! Caso não saibas o jogo é playstation 4 e não Xbox! porque raio vais tu ver videos de um jogo num canal de xbox (Xbox Mil Grau)
            Porque raio vai tu acreditar em 15.000 pessoas que assistem aquilo em vez de “Milhoes” de pessoas espalhadas pelo mundo no qual o feedback é altissimo?
            Se a xbox One não tem GOTY´s é porque não sabem contar historias! Eu tive xbox 360 e olha que levou uns quantos GOTY´s. Alguma coisa esta mal e é com a Microsoft actual não com a Antiga (Bill Gates)…
            Beijos e Abraços (Do GOTY) [“Graphics”-“Game” of the Year]

          • Deixem o Fernando pessoal… Quem o conhece sabe que esse é o ciclo normal. 2 ou 3 comente neutros, depois o lado verde se ativa ele se transforma no Hulk aí já viu rsrs.. Agora falando sério Gear melhorou imenso desde a beta e sim temos um sério candidato a Goty, mesmo com boylisses e lado emocional. Parece me que está resolução dinâmica seria uma ótima implementação em Uncharted e God of War para se ter os benditos 60 fps.

      • Não conheço a série Gears, pois não é o meu estilo de jogo preferido mas gostaria de saber dos demais que acompanham a franquia se desde do GeoW original até o GeoW4 houveram mudanças no jogo?

        • Mudanças drásticas não, nunca houveram, algumas mudanças pequenas ou ajustes no gameplay.

          • Porque não entendo quando reclamam de uma franquia que não muda as suas características.

            Aí vem uma nova versão do jogo e desenvolvedora resolve mudar o estilo e câmera e começam a reclamar das mudanças.

            Depois os mesmos que reclamaram das mudanças do jogo elogiam outro jogo que é quase o mesmo desde o nascimento da série.

            Uma hora querem que mude, outra não, um dia vou acabar indo para o hospício!!!!

        • Drásticas não. Tudo baseado em ajustes de gameplay.

          • Na real, se jogar gears 1 e depois o quatro o que muda? só gráficos e história.
            Livio não mudou desde o primeiro jogo em 2006, e é isso que não tem me agradado, eu tenho aqui no One o Ultimate e por ter comprado este jogo ganhei via retro todos os outros do X360 e falo com propriedade, não mudou nada desde o primeiro, falo quanto a jogabilidade e gameplay.

        • Isso é normal Livio, nunca tão satisfeitos com nada, mas eu entendo esses que reclamam das mudanças, de boa.

          Voce jogou a demo do Resident Evil 7??? Deu até vontade de voltar a procurar uma Resident 1 pra comprar pro meu Saturnão kkkk

          • Rapaz ainda vou jogar, espero que hoje consiga.

            Tenho uma amigos do whats que pedem que eu grave o gameplay após às 22 horas. Há 2 dias capoto** depois de jantar.

            **Do verbo capotar, mas com referência de dormir e com sono pesado!!!

        • Mas é aí que eu acho que voces são injustos com o Gears, sem querer polemizar, o que mudou do Uncharted 1 ao 4??? Pra mim estória e gráficos, só. É o que o fã da série quer.

          • Mas que mais querias que mudasse de um jogo que é um Franchising? Se mudas muito mais não tens mais do mesmo jogo, tens outro jogo. 😉
            Todos os jogos que pertencem a um franchising tem de ter a mesma base. Seja ele Xbox ou Playstation.

          • Sim Mario, exatamente como penso.

          • Que isso molina vc jogou uncharted 4?
            Cara quem joga o primeiro e depois o quarto game, sabe muito bem diferenciar as coisas, muita coisa foi implementada neste ultimo jogo, agora não é só andar pra frente atirando, o jogo tem verticalidade, vc tem cenarios imensos a serem explorados, foi incluido o sthealt, a corda adiciona e muito no gunplay, temos agora também a ferramenta lá que foi copiada do tombraider a qual escalamos paredes abrasivas, o personagem tem peso, tudo isso vc não encontra em nenhum dos jogos anteriores. Já em gears molina por incrivel que pareça ta identico o gameplay deste novo em relação aos anteriores, inclusive o gears jugdmanet foi duramente criticado na época pois não trazia nada de novo no diz respeito a gameplay.
            Quero deixar claro aqui que comprei meu X360 na época por causa do Gears, e nele joguei todos inclusive o judgment, e agora no One estou jogando o ultimate, e depois de terminar todos esses jogos pra mim o gameplay ficou velho e precisa de pelo menos uma repaginada, não uma mudança da água pro vinho mas algo de novo que adicione, parecido com o que fizeram em uncharted 4, e falo isso com base nos dois gameplays que sairam do jogo e no beta que tive acesso, se no dia do lançamento algo novo se mostrar eu não tenho vergonha nenhuma de vir aqui e aplaudir as novidades.

  6. Vish, esqueci…OFFTOPIC
    Rapaz, começo a acreditar nos fans da plataforma xbox a partir de agora, Hideo Kojima assume que é sonysta,kkkk:
    http://www.gameblog.fr/news/59881-hideo-kojima-nous-explique-pourquoi-il-a-choisi-playstation

    Vai ver no final eu que estou cego?

  7. Malta, não acham que já chega de offtopics?
    O que vale é que sou um gajo porreiro 😉

  8. Fico muito triste com isso. Será o fim dos consoles de mesa, digo, dos tradicionais. Não sou contra a evolução dos mesmos, mas não tem nada mais satisfatório que pegar o controle, ligar o game e jogar. Isso de montar consoles como pc não me agrada, gosto de aproveitar o melhor de todos os jogos, não ter que comprar peças ou outras coisas para conseguir rodar um jogo. Parece me que o scorpio não terá essa opção de upar (não pesquisei), mas no futuro não escapa.

  9. Dead Rising 4 chegará ao ps4 ano que vem.

  10. Mario, o dia que você conseguir entender essa empresa chamada microsoft por favor nos avise.

    Olhe; https://omelete.uol.com.br/games/noticia/e3-2016-microsoft-voltara-a-lancar-jogos-no-steam-afirma-phil-spencer/

    • A Microsoft quer é dinheiro. Colocar jogos no Steam mas não todos serve como publicidade aos jogos Xbox pois é no Steam que está o grosso dos gamers. Mas depois se gostarem e quiseres o resto, tens que ir para a loja deles.
      Infelizmente a Steam não pode fazer nada.

  11. Leram as ultimas noticias da Eurogamer?

    A Sony tem um discurso semelhante à da Microsoft e falou mais abertamente sobre o PS4 Neo. O discurso de ambas é o mesmo nesse momento. Todo eles se contrariam perante as primeiras declarações mas tm algo em comum, nenhum dos dois poderá ter jogos exclusivos e a potência extra deve ser utilizada para oferecer os jogos em maiores resolução. Em teoria, o Xbox One e o PS4 são os consoles até 1080p, e o Neo e Scorpio devem rodar acima e com as características VR.
    Assim sendo, se respeitarem essa política a ponto de quem possuir uma TV Fullhd não sentir que precisa comprar um novo console, a coisa não é tão ruim. Aqueles mais apegados à maquina que o jogo roda do que ao jogo em si, sempre reclamarão, alguns então sentirão ódio só por saber que o vizinho tem a versão mais potente do console e ta jogando em 4K, isso é fato.
    Se por um lado é bom não esquecerem os atuais consoles, por outro significa que a potência extra das maquinas será negligenciada em prioridade da resolução. Eu penso que com o ciclo natural do novo modelo, em determinado momento o Scorpio e o Neo se tornarão os consoles de entrada com maquinas mais poderosas chegando ao topo e os velhos consoles serão descontinuados. Se isso ocorrer em 2019 ou 2020, penso que não há mais motivos para reclamação.
    Outra coisa, ao ser questionada sobre a superiodade técnica do Scorpio, a Sony respondeu que isso não é o que realmente importa, ou seja, confirmaram de forma indireta que a microsoft está correta ao afirmar que o Scorpio é o console mais poderoso.
    Eu não poderia concordar mais com a Sony, não é a potência que define a qualidade mas ouvir isso é estranho de quem disse que jogar em 1080p te fazia um melhor jogador:

    http://www.gamespot.com/articles/sony-native-1080p-allows-you-to-be-a-better-gamer/1100-6416145/

    Agora que o vento não está a favor, jogar em 4K não te faz um jogador melhor, mas em 1080p fazia, ta legal…

    Acho que as respostas estão dadas para quem pergunta qual é o sentido do Xbox One S.
    É ser um console compacto, barato e que rodará todos os jogos da geração com o desempenho que tem levado até agora, e o mesmo vale pro PS4 original.

    • Fernando, deixa de ser parcial e pensa.
      O que a Sony refere é verdade. E a situação aplica-se aos 4K, mas muito menos.
      O problema é que abaixo de 1080p, num televisor de grandes dimensões tens um défice de informação. Os inimigos ao longe não são perceptíveis da mesma forma, e compreenderias isso bem se tivesses as duas consolas e jogasses Battlefield em ambas. Os 900p da PS4, mesmo deficitários, são bem superiores aos 720p da One no que toca à definição dos objectos à distância. 1080p, para as profundidades de campo dos jogos permite perceber-se bem o que se passa à distância.
      E sim 4K permite ainda mais, mas se antes falavamos de défice, os 1080p não possuem défice, os 4K possuem é mais. Aqui é uma questão de matemática e de veres o número de pixels atribuido a uma determinada área de ecrã em cada resolução. E percebes que com 1080p para as TVs até 55 polegadas, consegues um número de pixels suficiente para definir algo perceptível, mas abaixo disso o número é deficitário (são as amálgamas de pixels que vês em alguns jogos). 4K dá mais, mas as verdadeiras vantagens são em TVs 55 ou maiores.
      Eu pergunto agora. Tens TV 4K? Vais trocar? Se sim custa-me a perceber as ruas frases de que o Neo+VR é caro pois a Scorpio+TV4K é ainda mais caro.
      Mas mais curioso ainda é que ainda não ouvi da tua boca uma única crítica ao anúncio da Scorpio e respectivas políticas, quando antes caias em cima a da Neo à boca cheia. Mas agora que a Scorpio é igual… o discurso continua a cair sobre a Sony. Valha-nos tanta Imparcialidade.

    • Acho muito ingênuo acreditarem que o Scorpio não terá exclusivo, como muitos já falaram aqui que vai ser um desperdício de hardware na diferença de Teraflops, memória e largura de banda se o Scorpio para ser ainda dessa geração. E muitos ainda acham que isso não é console de nova geração.

      Enquanto o Neo segundo as informações que temos até agora terá um aumento de clock na CPU, uma nova GPU com clock maior e a mesma quantidade de memória com o acesso mais rápido.

      Seguindo estes dados é mais fácil o Neo não ter exclusivos do que o Scorpio, mas como não sou vidente vamos esperar o final do 1° anos de vida de cada console para ver quem está certo e quem está errado.

  12. Todos falam do Fernando!
    Como eu já disse, dos leitores ativos que escrevem todo dia não tem nenhum imparcial, todos parcial, e o Neto, ele sempre acha que opinião dele mais importante, ele sempre contesta a opinião de todos, de qualquer um, a dele sempre é a correta!
    E o pior de tudo se diz não ser fanboy, e sim gamer, eu morro de rir toda vez que um fanboy, se diz gamer imparcial!!

    Muitos aqui criticam a Xbox mil grau, o mais curioso que essas mesmas pessoas sabem tudo o que se passa lá, todo dia vai dar audiência para os caras, e no mínimo muito peculiar esse fato!

    God of War se eu tivesse um PS4 eu compraria pois eu gostei do que eu vi.
    Porem em muitos lugares vi criticas sobre a câmera o ângulo que pega o Kratos agora esta diferente, e querer dramatizar a serie também li muitos reclamando.

    Sobre a E3 eu achei os jogos do PS4 mais impactante, porém são promessas para os próximo ano, ou até anos.
    Microsoft mais pé no chão porem muito mais honesta, mostra o que vamos poder jogar, a Sony ano passado, tudo que mostrou foi adiado para esse ano, da MS saio, muitos, esse ano mesma coisa, Forza Horizon 3, Recore, Dead Rising 4 são jogos que sai esse ano.
    Então pra mim Sony faz uma E3 com jogos para próximos anos, MS E3 muito mais honesta nesse sentido.

    Realmente falar que um jogo vai ser goty somente por um Trailer, e 5 minutos de gameplay, é mesma coisa do que quem julga um jogo ser ter jogado, só que um diz que vai ser goty o outro diz que vai ser uma bosta, ambos não jogaram, então se opinião de um é valida do outro também tem que ser.

    • Luciano S. Carvalho 17 de Junho de 2016 @ 4:31

      Penso exatamente o mesmo, como dizem: “Macaco não olha para o próprio rabo”. Criticam tanto, mas se comportam da mesma maneira, até pior.

    • Só uma correção karneiro,
      Da E3 2015, Uncharted 4, Ratchet & Clank já foram lançados e ainda estão por lançar este ano ainda the last guardian em outubro, GT sport em novembro deste ano, Nioh também será lançado neste ano.
      Sobre sua observação de que a Mic mostra e lança, não é totalmente verdade, veja o caso de Scalebound que foi anunciado em 2014 e será lançado ano que vem, quantum break foi anunciado junto com o One (2013) e foi lançado neste ano, Halo 5 junto com o One (2013) lançado ano passado, e tem vários outros casos ainda, Gears 4 que me lembro foi anunciado em 2014 e sai em 2016, recore 2015 e sai 2016, os unicos que nesta são anuncios novos e já sairão são Horizon 3 e DeadRising 4 (este ultimo exclusivo temporário). Por aqui podemos perceber que a abordagem das duas empresas são muito semelhantes né, lógico a microsoft tem costume já de mostrar alguns jogos e lança-los em seguida, mas no geral é tudo igual.
      Sobre o fernando, bom eu acho ele um cara antenado no mundo gamer, não vejo maldade nas coisas que ele escreve porem vejo bem claro o lado das coisas que ele escreve, é parcial a opinião dele e sendo assim quase sempre as analises dele são superficiais, sempre falta dizer coisas sabe.
      Sobre God of War, confirmo o que vc disse realmente tem gente que está criticando igual ao fernando, mas em esmagadora menor proporção, no geral foram muito bem vindas as mudanças nesse recomeço do jogo.
      E realmente a Sony anuncia jogos que só serão lançados daqui a alguns anos como é o caso de FF7Remake, Shenmue3,DeathStrading,DaysGone, nisso eu concordo com vc, mas se vc reparar eu coloquei acima alguns jogos da microsoft que demoraram 2 ou 3 anos para serem lançados depois do anuncio, o que não distancia muito a microsoft da sony nesta prática, vc concorda?

    • Engraçado Karneiro, quantos jogos da conferência da MS que foram anunciados na E3 e serão lançados no mesmo ano? Praticamente só o Forza Horizon, da lista de jogos do One ele foi o único que não foi anunciado em outro evento.

      Dead Rising 4 e Halo Wars2 já foram anunciados ano passado. O resto seguiu o mesmo passo da Sony, com no mínimo 2 apresentações na E3 até serem anunciados.

      Do lado da Sony há um jogo que não foi anunciado na E3, mas que será lançado 1 ano após o trailer de revelação. GT Sports não foi apresentado na conferência da Sony, vai ser lançado este ano e tem muita gente que esquece disso.

  13. Quando assisti pela primeira vez o gameplay do God of War, houve uma estranheza natural de quem está vendo um game renovado, com câmera nova, mecânicas novas, etc… Depois eu revi e achei deslumbrante. O problema é que nós gamers pedimos inovação e quando ela ocorre, somos os primeiros a criticarmos. Sinceramente… Creio que no quesito games, as demonstrações foram fantásticas, e os games aparentemente serão fantásticos… Tivemos: Batlefield 1, WD2, homem aranha, gears of war, God of war, horizon, the Last guardian , forza horizon 3, Halo war 2, Zelda que inclusive aparenta estar soberbo, ou seja, qualidade está garantida e não consigo entender o pq dessas discussões infundadas sobre qual game é melhor ou está melhor, ou será melhor, sendo que nenhum deles foi lançado ainda, fora que quem define qual game é melhor é o seu gosto pessoal. O que tem que ser discutido é esta perigosa enxurrada de consoles novos que está ameaçado a ocorrer, pois eu estava pensando aqui… Do jeito que está, o Scorpio será lançado obsoleto no final de 2017, e em 2019, terá um outro console da MS e a Sony tb não ficando pra trás. Infelizmente, estão acabando com esta indústria por ganância!!! Viva o boicote!!!

  14. Engraçado eles dizerem hoje que estão querendo evitar que o pessoal vá para o PC, depois da E3 eu comecei a considerar o PC de novo… Mas Vejam o Xbox One S, se ele e um PS4 Slim tivessem sido anunciados e nada de Scorpio ou Neo, a nossa vida gamer estaria maravilhosa agora. Aí a imbecil da Microsoft lança o belo XB1 S e depois fala que ano que vem teremos um novo e poderosíssimo console pra 4k e a Sony com essa porcaria de Neo… Argh!!! Se eu pudesse queria socar a cara desses caras. Que cagada meu. :@
    Nesse cenário, só tenho 2 opções; jogar o PS4 indefinidamente até lançarem um PS5 e pular o tal Neo que espero do fundo do coração que seja o maior fracasso da história mundial da indústria, ou montar um PC e me dedicar a ele somente como já fiz no passado. Sony e Microsoft, espero que o Nintendo NX venda 500 milhões de unidades e vocês se lasquem. Rage Quit!

    • Kkkkkkk concordo! Seu talento de escrever o que eu penso é o msm do que Zidane fazia com a bola nos gramados pelo mundo. Tomara que a Nintendo venda muito com o NX e as vendas do neo e do Scorpio sejam ridículas.

    • Tu é eu. A Scorpio para mim deve ficar de lado. Vou meter duas AMD e com os jogos no PC eis a minha Xbox, mas com 12 Tflops.

    • Isso que eu tava pensando hj, tomara que o NX obtenha o apoio das dev thirds e venda muito, assim a Nintendo vem de dois pé nos peitos da Microsoft e Sony pra elas aprenderem a respeitar seus consumidores.

  15. Afinal Dead Rising 4 só é exclusivo da plataforma Xbox por um ano.

Os comentarios estao fechados.