As diferenças em Tomb Raider: Definitive Edition entre a Playstation 4 e a Xbox One.

Os benchmarks e análises estão aí. E ao contrário do que a Eidos afirma, excepção feita aos fotogramas, Tomb Raider: Definitive Edition não parece ser igual nas duas consolas.

A Digital Foundry fez os habituais testes de imagem e fotogramas às versões Xbox One e PS4 de Tomb Raider. Eis as diferenças encontradas:

Fotogramas

De acordo com os testes efectuados  a diferença mais óbvia entre as versões Playstation 4 e Xbox One de Tomb Raider: Definitive Edition é o número de fotogramas por segundos a que o jogo corre.

Ambas as consolas encontram-se limitadas superiormente no que toca ao número de fotogramas, com o limite da Playstation 4 nos 60 fps, e o da Xbox nos 30 fps.

Assim, no teste comparativo efectuado a nível de fotogramas o que se verificou foi o seguinte:



Fotogramas mínimos:

PS4 – 45 fps
XBox One – 24 fps

Fotogramas máximos:

PS4 – 60 fps
Xbox One – 30 fps.


Num outro artigo efectuado no início da semana, a Eurogamer efectuou testes de performances a outras áreas do jogo, e eis os resultados melhores e piores encontrados.

Fotogramas mínimos:

PS4 – 32
XBox One – 24

Fotogramas máximos:

PS4: – 60
Xbox One – 30

Fotogramas médios (média dos testes efectuados nesse artigo):

PS4 – 52,17
Xbox One – 29.91

Performance adicional média da PS4: 74,42%. (Na realidade a diferença real deve ser bastante inferior uma vez que o limite superior parece bem mais penalizador na Xbox One).


 


No entanto o último artigo verifica ainda o seguinte:

Resolução:

PS4 – 1080p constantes
Xbox One – framebuffer variável, com 1080p no jogo e 900p (re-escalados) nas cinemáticas

XB1_TR_900p



PS4_TR_1080p

Curiosamente é nas cinemáticas que a PS4 apresenta as maiores quebras, o que mostra que estas cenas são efectivamente as mais exigentes.

Alpha Blending ou efeitos de transparência

A Eurogamer refere ainda que na maior parte das capturas os efeitos de transparência da Xbox One parecem rendidos a metade da resolução. No entanto algumas outras imagens não mostram essa situação o que poderá implicar uma bug ou uma situação que não é constante em todo o jogo.

Depth of Field ou Profundidade de Campo e filtragem anisotrópica.

De acordo com a Eurogamer a filtragem anisotrópica registada durante o jogo é inferior na Xbox One (apesar de tal não ter sido quantificado).

Já os efeitos de profundidade de campo obtidos nas cinemáticas, apesar de existir uma desfocagem progressiva nos dois casos, são bastante inferiores na Xbox One, como se pode constatar nas fotos.

TR_DOF3

Texturas

Existem igualmente algumas texturas com resolução inferior na Xbox One, mas a Eurogamer admite que tal pode tratar-se de uma bug relacionada com a transição de resoluções entre os 900p e os 1080p. E sinceramente também achamos que tal deverá ser o caso.

No que toca à comparação com a versão PC, a mesma torna-se mais complexa. Existem efeitos como a Tesselização que estão completamente ausentes das consolas, bem como existem texturas de qualidade inferior, mas em compensação outros efeitos foram acrescentados (fisica nas arvores e objectos, efeitos de refracção de luz na pele, etc, etc). No global o consenso geral é que visualmente o efeito obtido nas consolas acaba por ser superior (ler as diversas análises ao jogo espalhadas pela internet), e é igualmente  curioso constatar que ambas as consolas aplicam uma solução FXAA para o anti-aliasing, tal e qual como os PCs usam por defeito (apesar de poderem usar soluções mais complexas).

Já agora fiquem com um video de comparação entre a versão PS4 e a PC.




Posts Relacionados