Bethesda pede à Microsoft para Elder Scrolls online funcionar sem adesão ao Xbox Live

A Xbox não permite que os jogos online sejam acessíveis fora do Xbox Live. Mas se isso pode ter as suas vantagens, terá igualmente desvantagens particularmente nos jogos a pagar.

elder scrolls online

Uma das apregoadas vantagens da Xbox Live é a Cloud. E a Cloud efectivamente possui vantagens no sentido que se torna muito mais acessível aos criadores de software a instalação de servidores que são alugados a preços mais baixos.

Para tal o utilizador pagará uma mensalidade à Microsoft que servirá para os custos de manutenção da rede. Uma mensalidade que é igualmente paga na PSN+, a rede da Sony, para a maior parte dos serviços online.

Mas estas redes serão diferentes no seu funcionamento. Se na Xbox todos os jogos e serviços Online, pagos à parte ou não, necessitam forçosamente de uma mensalidade Xbox Live, na PS4 existirão jogos e serviços online que só serão acessíveis mediante o pagamento da mensalidade da PSN+ , mas teremos também outros que terão serviços online fora da PSN+, nomeadamente tudo que é pago à parte.



E actualmente esse é o dilema que a Bethesda atravessa: A empresa pretende lançar o seu MMO Elder Scrolls Online, mas o mesmo não será gratuito e obrigará a uma mensalidade de 10 euros.

Infelizmente no caso do Xbox Live a estes 10 euros terão de ser adicionados os 5 euros extra da mensalidade do Xbox Live, e a Bethesda acha que tal valor é exagerado, tendo nesse sentido solicitado à Microsoft um regime de excepção que esta empresa não parece disposta a dar.

O historial da Microsoft com a Xbox One tem sido sempre idêntico, com pressão para manter as suas políticas restritivas e pouco coerentes, mesmo que tal se revele prejudicial ao cliente. Mas no final, até ao momento, sempre cedeu face às pressões e possibilidade na quebra de vendas da sua consola.

Daí que, sendo Elder Scrolls um nome de peso, não seria de estranhar que a Microsoft viesse mais uma vez a ceder, tornando mais uma vez, o funcionamento da sua Xbox idêntico ao da PS4. Caso tal não aconteça, jogos pagos como este serão tremendamente penalizados na Xbox One e da mesma forma os chamados jogos Free2Play nunca poderão existir.

No caso da PS4 temos já confirmado que  DC Universe Online e Planetside 2, dois jogos Free2Play não irão requerer uma conta PSN+. E por esse motivo não se prevê qualquer problema para a Bethesda na colocação do seu jogo fora da PSN+.

E a questão é que caso a Microsoft não ceda mais uma vez, a Sony ficará com a benesse de o jogo ser mais barato na sua consola, o que em pagamentos mensais seria uma questão de 60 euros/ano.

Mas certamente ceder não custa nada à Microsoft. Afinal, segundo afirmam, sempre cederam pelo bem dos utilizadores! Só não se percebe é o motivo porque são obrigados a ceder e resistem tanto às cedências, em vez de colocarem logo as coisas como deveriam ser.



Posts Relacionados