Director Criativo de Spider Man está incrédulo com o que os estúdios First Party da Sony estão a realizar.

Bryan Intihar, Director criativo de Spider Man deu a conhecer que está incrédulo com o que os estúdios First Party da Sony estão a produzir.

A Imsoniac não faz parte dos estúdios First Party da Sony, apesar de ser uma empresa conhecida por trabalhar com eles na condição de estúdio Second Party, ou seja, um estúdio independente que realiza muito trabalho exclusivo para a Sony.

Numa entrevista ao  The Telegraph no âmbito de uma “preview! sobre o jogo Spider-Man que esta empresa está a realizar para a Sony, Bryan Intihar não conseguiu deixar de expressar toda a sua admiração e até incredulidade pela qualidade dos conteúdos que os estúdios Sony conseguiram criar nos seus jogos, alegando que a Insomniac está a fazer todos os esforços para conseguir atingir um patamar idêntico com o seu Spider-Man.

Trabalhamos com a Sony à mais de 20 anos, certo? Apesar de extremamente excitado por trabalhar com a Marvel, estava igualmente excitado por poder voltar a trabalhar com a Sony outra vez. Estou tão impressionado e mesmo incrédulo com o que os seus estúdios First Party fazem: Olhem para a Guerrilla e o que fizeram com o Horizon Zero Dawn. Obviamente a Naughty Dog está na cidade, e temos uma longa amizade com eles. Sou um fan gigantesco do God of War e penso que o Cory Barlog e a que a equipa de Santa Monica estão a fazer é fantástico. E olhem para a Sucker Punch e o que eles estão a fazer com o seu novo IP.



Somos uma pequena peça de algo muito maior, e temos orgulho de fazer parte desse algo maior. Para mim temos de estar no mesmo patamar de qualidade e entregar ao mesmo nível do que esses outros jogos exclusivos fizeram.

Este ano teremos um grande fluxo de jogos exclusivos vindos da Sony a começar pelo recem lançado God of War, mas ainda teremos o Dreams da Media Molecule, bem como títulos de second partys como Spider-Man da Insomniac e o Detroit da Quantic Dream’s. Para o ano teremos o The Last of Us Part II da Naughty Dog, o Ghost of Tsushima da Sucker Punch  e o Days Gone da Bend Studio bem como a possibilidade de Death Stranding da Kojima Productions que também será publicado pela Sony.

Este arsenal de exclusivos de elevada qualidade e que não tem decepcionado são a maior arma da Sony na guerra das consola.



Posts Relacionados

newest oldest
Notify of
Livio
Visitante
Livio

Ainda acho que The Last of Us P2 e Death Stranding ficarão para 2020, quem saiba um cross entre PS4 e o futuro hardware da Sony

José Galvão
Membro

Não acredito muito que esses dois jogos sejam para 2020, na pior das hipoteses um deles, o Death Stranding já deve ter gameplay na próxima E3, e não deve demorar muito pois não perderam tempo a desenvolver um motor novo, tiveram um de borla, já o The Last of Us 2 é que estou na dúvida, mas acredito que terá igualmente gameplay nesta E3, esse e o Ghost of Tsushima da Sucker Punch.

A Sony nesta geração não dá a minima hipotese.

bruno
Visitante
bruno

Não dá mesmo. E recordar daqueles que no inicio da geração puseram em causa a qualidade dos estúdios internos da Sony e andaram a falar em jogos “meia-boca”. Que exclusivos não importam. Pelo menos só um doido completamente alheado da realidade é que daqui para a frente vem dizer disparates destes.

Não concordo com a Sony lançar tudo isso em 2019. TLoU Part 2 e Days Gone são demasiado semelhantes e deve haver distância entre os dois lançamentos. E Death Stranding… não me imagino o Kojima a entregar o jogo para o ano.

Mas concordo que nesta E3 teremos gameplay desses títulos. Pelo menos é o mínimo que espero.

Livio
Visitante
Livio

Sei que ainda temos uma E3 nos próximos dias, mas caso a Sony lance tudo em 2019 o que teremos para 2020? Um GT7? Pois é o único estúdio que vejo que pode ter um tempinho de desenvolvimento. ND está com TLoU P2, Sucker Punch com Ghost, Media Molecule com Dream(que já tem que sair), Santa Mônica com o recente GoW, Bend com Days Gone.

Fernando Molina
Visitante
Fernando Molina

Eu também vou ficando incrédulo a medida que avanço em God of War, que jogo é aquele, essa geração a Sony não deu chance pra ninguém mesmo, espero que a Microsoft tenha aprendido com o One X que não é apenas potencia que interessa, nesse resto de geração ainda dá tempo de preparar os alicerces pra próxima

Carlos Zidane
Visitante
Carlos Zidane

Apesar da satisfação com o que a Sony tem feito, fico desanimado com a MS e o que ela fez com o Xbox, a essa altura as duas empresas poderiam estar lançando jogos fortissimos e poderia ter os dois e aproveitar dobrado, mas o caminho que tomaram no Xbox foi triste e extremamente decepcionante.

Espero que estejam cientes disso pra mudar na próxima versão, pois esse sorriso amarelo deles pra mim é uma farsa, não devem estar contentes também, mas “não podem dar o braço a torcer”.

Fernando Molina
Visitante
Fernando Molina

Concordo totalmente, na geração passada a disputa entre o 360 e o PS3 foi linda, pena que a Microsoft se perdeu tanto nessa geração, que até no mercado norte americano eles foram derrotados, e o pior é que eles não dão sinal nenhum de que tenham aprendido a lição

bruno
Visitante
bruno

A pior parte da atitude da MS é que esta ausência de jogos da parte deles não foi algo em que foram apanhados de surpresa mas mais uma consequência do mercado e das vendas que têm tido. Eles já começaram atrás e em reacção cortaram nos jogos, apostando nos serviços.

A ver vamos se este ano aparecem novidades de peso, mas já não ligo a promessas nenhumas, desde que tivemos o desplante de ter a diretora de publicações a falar num alinhamento forte e depois sair-se com a Gamescom do ano passado…

AlexandreR
Visitante
AlexandreR

Sinceramente o jogo que menos espero , dos exclusivos da Sony , é o Spider Man.
O gameplay não pareceu mal…
Mas estou mais ansioso com o Days gone, The last of us, Ghost of tshuhima e The death stranding.
Será que sou o único que não me diz nada?
Aliás eu adoro a Insomniac Games, mas preferia um Sunset overdrive.
Mas espero que eles me mudem as ideias…

bruno
Visitante
bruno

Pois vão mudar, podes apostar…

Todas as previews apontam para uma história envolvente, cheio de personagens e referências ao Universo Marvel e um mundo aberto vivo e cheio de actividade.

Os últimos vídeos demonstram só as mecânicas e acabam por até dar má imagem ao jogo devido à semelhança com o Spiderman da Activision.

Mas isto é mais a série Batman Arkham, mas com um mundo muito maior (a Nova Iorque do Universo Marvel) e muitos mais NPCs.

nETTo
Visitante
nETTo

Depois de ter jogado ao exagero Nioh espero mais do que nunca o jogo da Suckerpunch Ghost of Tsushima, a temática samurai, japão feudal me atrai muito, se eles conseguirem um combate atraente nivel nioh em mundo aberto e muito conteudo teremos novamente um dos melhores vindo da Sony.
Tlou Part 2 nem vale citar;
Death Stranding sim é uma incognita pra mim mesmo vindo do kojima;
Days gone pra mim é Dayone

PS: não sei quanto a vcs, mas Nioh é um dos melhores desta geração, gostei dele muito mais que do Bloodborne