Drones com armas de atordoar poderão ser uma realidade no futuro.

Os Drones estão a tornar-se comuns, e as utilidades pensadas para eles são inúmeras. Mas a os mesmos poderão ser úteis para o bem e para o mal, e a facilidade com que qualquer um os pode utilizar para situações menos correctas é algo de assustador.

Hexacoptero

O Chaotic Unmanned Personal Intercept Drone (CUPID), poderia ser considerado apenas mais um Drone. Mas não o é!

Na realidade este drone desenvolvido pela  Chaotic Moon para uso das forças de autoridade, no sentido de poderem localizar e caçar alvos foragidos e atordoar os mesmos até que as autoridades o possam alcançar fisicamente. E para tal possui um taser que fornece uma descarga de 80 mil volts, capaz de incapacitar qualquer um temporáriamente.

O aparelho em causa pode ser controlado por controlo remoto ou smartphone e pode ser usado em um raid ou na caça de fugitivos a pé.



Apesar de este Drone ser apenas um conceito que ainda não está em aplicação, a ideia do mesmo é assustadora uma vez que leva a questionar o que impede que este tipo de alterações possa vir a ser realizada para usos menos legais ou correctos ou apenas para magoar pessoas.

O vídeo que se segue mostra um voluntário a ser atordoado pelo Drone em um dos testes do aparelho, mostrando que o  conceito funciona.


Parece que afinal as roupas que protegem contra este tipo de armas poderão vir a ser mais comuns do que se pensa. 🙂



Posts Relacionados