Microsoft diz que na E3 a Xbox One irá surpreender o mundo.

Promessas promessas. É o que se poderia dizer das afirmações da Microsoft. Mas na perspectiva de Gamer só espero uma coisa: Que eles tenham razão.

xonevsps4

Até ao momento tudo o que a Microsoft apresentou foi decepcionante para o grosso do público alvo do seu produto: Apenas 4 jogos foram apresentados junto com a consola, dois dos quais nem sequer eram exclusivos e deu-se ênfase às situações como as características TV que, apesar de interessantes não são o grande foco dos clientes da consola, os gamers.

Pior ainda, de acordo com análises já feitas ao hardware da consola a mesma possui uma placa gráfica 50% inferior à PS4, com um sistema operativo que apenas deixa livres 5 GB, contra 7 da PS4.

Mas o pior de tudo não foi o que foi conhecido, mas o que ficou por se saber, com muitas questões no ar que inquietam os possíveis interessados no produto

Publicidade

Retomando o nosso artigo

Mas no entanto tudo isto será rapidamente ultrapassado minimizado caso a Microsoft apresente aquilo que as pessoas querem, jogos de qualidade. E nesse aspecto a empresa promete que a E3 será o ponto de viragem para a empresa.

Ao que se sabe a Microsoft investiu mil milhões de dólares na aquisição de exclusivos para a Xbox One, um valor que não se sabe ter sido igualmente gasto pela Sony. Falta agora saber se este milhão foi ou não bem investido, ou se a Sony, sem investir nada conseguiu igualmente captar a atenção dos produtores. E tradicionalmente o certo é que a consola da Sony sempre foi privilegiada.

Mas as palavras de Craig Davidson, director de Marketing Global da Microsoft são claras “A Xbox One irá surpreender o mundo na E3. Iremos matar a Sony na E3”.

Curiosamente estas são palavras fortes e de certa forma arrogantes. E após as mesmas serem proferidas é bom mesmo que a consola surpreenda. Pois caso contrário a credibilidade de futuras afirmações da Microsoft poderão cair em descrédito.

Fonte: Gamechup

Publicidade

Posts Relacionados