FBI consegue activar remotamente o microfone em qualquer smartphone Android

Após o escândalo da NSA as noticias sobre quebras de privacidade são em catadupa. E agora confirma-se algo que já se sabia desde 2011: O FBI consegue activar remotamente o microfone de qualquer smartphone, particularmente se for Android.

Se prezas a privacidade ou se tens algo a esconder, então os telefones Android não são os ideais para ti e deves mesmo repensar o seu uso.

De acordo com o The Wall Street Journal o FBI pode activar remotamente o microfone de qualquer telefone equipado com o sistema operativo Android da Google. Esta activação e consequente gravação de conversas pode igualmente ser realizada em qualquer portátil ou computador equipado com microfone, e tudo sem que o utilizador se aperceba.

Estas situações são conseguidas à custa da contratação de hackers para integrarem a sua força de segurança.



No entanto, O The Wall Street Journal assegura que, apesar da capacidade, o FBI necessita de um mandato judicial para activar remotamente os microfones, o que torna a capacidade em algo útil e uma ferramenta poderosa, mas não efectivamente e directamente violadora dos direitos das pessoas e da sua privacidade. Essa situação é para já algo exclusivo da NSA e das suas análises de metadata a conversas voz captadas em telefones de tudo e todos e realizadas sem necessidade de ordem judicial.



Posts Relacionados