FBI quer espiar todas as contas de e-mail

O FBI planeia “escutar” todos os e-mails das grandes plataformas como o Gmail e Yahoo alegando essa necessidade para uma intervenção mais rápida, segura e eficaz.

gmail

O FBI pretende analisar em tempo real todas as comunicações via email que se realizam. Segundo Valerie Caproni, ex conselheira geral do FBI, o que se pretende não é o acesso aos e-mail guardados, mas sim a intercepção de comunicações electrónicas e seus dados relacionados em tempo real. Isto porque segundo o seu sucessor, Andrew Weissman, a capacidade de interceptar essas comunicações com ordens de tribunal está a tornar-se obsoleta.

Segundo esta agência governamental o problema é que a internet evoluiu mais depressa do que a legislação sobre a mesma. E assim não há como forçar os ISP’s a instalar equipamento caro de monitorização nos seus servidores.

Ou seja, o que o governo Americano pretende é o acesso total a comunicações privadas. A questão é às comunicações de quem, e quem estaria sujeito a ser espiado por estas situações?



Custa a crer que o FBI não consiga controlar gangsters e traficantes só porque não possui acesso à sua dropbox ou e-mail em tempo real. Mas é isso que o FBI argumenta que acontece.

O problema desta situação é poder abusivo que seria concedido a esta organização. Trata-se de uma organização policial que terá de ser regulada e não possuir liberdade total. Já o poeta Romano Juvenal no primeiro século referia “Quis custodiet ipsos custodes?”, ou “Quem vigia os vigilantes”. Custa a crer que um poeta do primeiro século possa ter mais conciência dessa realidade do que o actual Presidente Norte Americano.

Caso a situação seja aprovada todo o correio que passa pelos grandes fornecedores de e-mail serão mesmo de instalar essas máquinas espias, parecendo o FBI esquecer-se da possibilidade de envio de mensagens instantâneas por serviços como o MSN, ICQ, etc. E Quem sabe não teremos o ICQ, os fóruns privados, e muito mais, também vigiados um dia?

Caros senhores… ganhem juízo. Nesta guerra não vale tudo, sob pena de a liberdade que tanto pretendem defender ser terminada pelas vossas próprias práticas.



Posts Relacionados