Filmes baseados em jogos que estão ou poderão estar em produção – Parte 1

Tens noção da quantidade de filmes baseados em jogos que estão para sair? Eis uma lista!

Altered Beast

Produção entre a Stories International (um ramo da Sega) e o estúdio Circle of Confusion, adaptando o célebre jogo.

Angry Birds 2

O primeiro filme foi um sucesso obtendo 346.9 milhões, dando à Roxio a luz verde para o segundo.

Assassin’s Creed 2

O primeiro filme acabou de sair, mas a Ubisoft e a New Regency estão já a trabalhar no segundo. O ator principal será o mesmo, mas o realizador pode mudar.

Asteroids

Asteroides? Um filme baseado no jogo vintage de tiro aos asteroides? Sim! terá o dedo de Lorenzo di Bonaventura, produtor de Transformers e GI Joe. Argumento? Algo confuso, mas podemos dizer que no fundo o título dá uma grande liberdade de escolhas.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

BioShock

Iria ser dirigido por Gore Verbinski, director de Pirates of the Caribbean, mas este desistiu. O filme é da Universal e esta não quer gastar mais de 80 milhões, o que levou o realizador a desistir.

Borderlands

Não confundir com o filme de horror com o mesmo nome. Este será um filme baseado no título da Gearbox e Take-Two, o jogo sci-fi Borderlands e que já está em produção. O produtor Avi Arad e o seu filho, ambos responsáveis por Iron Man, Spider-Man, e X-Men estão na equipa.

Call of Duty Cinematic Universe

O jogo da Activision Blizzard Call of Duty é um sucesso que se quer passar para o cinema. O jogo será criado por um estúdio criado pela Activision Blizzard,

 

Centipede

Sim, mais uma vez um jogo dos anos 80, desta vez Centipede da Atari. O filme será uma colaboração da Atari com a Emmett/Furla/Oasis Films.
O que sairá daqui é mais uma vez uma incognita!

 

Dante’s Inferno

Fede Alvarez (do remake de Evil Dead) seria o responsável pelo filme. O mesmo supôs-se cancelado, mas ainda está a ser desenvolvido.

Detective Pikachu

A legendary Films adquiriu os direitos do nome graças ao sucesso de Pokemon Go, mas o filme será baseado no jogo ainda por sair Detective Pickachu.

O realizador será  à partida Rob Letterman (Goosebumps).

Deus Ex

Previsto sair em 2006 o filme foi cancelado dois anos antes. Mas foi re-escrito e o título da Square Enix deve ver a luz do dia.

Scott Derrickson será o realizador (Sinister, The Exorcism of Emily Rose Doctor Strange.

Devil May Cry

A Screen Gems já em 2011 tinha mostrado interesse num filme. Mas sabe-se pouco sobre o mesmo. É dos projectos menos avançados aqui referidos!

The Division

A divisão de filmes da Ubisoft (Ubisoft Motion Pictures) confirmou que o jogo de 2016 será transformado em filme.

O realizador será, ao que tudo aponta,  Stephen Gaghan (Syriana). Gahgan foi um dos escritores do argumento de Call of Duty: Ghosts.

Os atores escolhidos deverão ser Jake Gyllenhaal (Prince Of Persia: The Sands Of Time) e Jessica Chastain (Zero Dark Thirty).

 

Far Cry

Já em tempos houve uma adaptação, muito fraca, deste título aos filmes, mas a Ubisoft não desiste e volta à carga, desta vez tendo mais controlo sobre a direcção criativa do mesmo.

 

Firewatch – TBA

Sim, Firewatch, o título da THR será adaptado ao cinema. O projecto surge em colaboração da Good Universe e da Campo Santo.

Five Nights at Freddy’s – TBA

A adaptação deste jogo está ao cargo da Warner Bros, e terá realização de Gil Kenan (Monster House).

Fruit Ninja – TBA

Pode parecer mais uma adaptação improvável, mas Fruit Ninja vai para o grande ecrã conforme anunciado por Tripp Vinson. O argumento será de JP Lavin e Chad Damiani, que adaptaram o livro How to Survive a Garden Gnome Attack. Os produtores executivos serão Sam White e Tara Farney.

 

Gears of War

Com direcção de Dylan Clark (Rise of the Planet of the Apes) e Scott Stuber (Central Intelligence), este é um projecto que já existe à 3 anos, mas que foi anunciado num livestream de apresentação de Gears of War 4, e onde a Universal Pictures foi anunciada como parceira.

Publicidade
Aproveite o código de descontos PCManias
Casetips

Retomando o nosso artigo

Ghost Recon

Mais um filme da Ubisoft, com a parceria de Michael Bay (Transformers), com parceria com a Warner Bros.

 

God of War

Apesar de vários avanços e recuos, God Of War é outro filme em produção. A ideia é uma adaptação humanizada de Kratos ao estilo do que fez Christopher Nolan com Batman. O orçamento é de 150 milhões, mas não tem avançado.

Gran Turismo

Need for Speed  já saiu, e Gran Turismo será a seguir. Ambos estiveram em desenvolvimento simulatâneo, mas a EA adiantou-se para lançar o seu filme. A Sony está a fazer força para que o seu filme avançe, com o realizador Joseph Kosinski (Oblivion e Tron: Legacy). A trabalhar no argumento temos Jon Hoeber e Eric Hoeber conhecidos por Red, Battleship, e The Last Witch Hunter. Os produtores serão Dana Brunetti e Mike De Luca.

Half-Life

Quando promoveu 10 Cloverfield Lane, J.J. Abrams falou do futuro filme da Bad Robot, o filme Half-Life. Pouco mais se sabe!

 

Halo

Foi anunciado em 2005 que o filme seria realizado por Peter Jackson, apoiado por Neill Blomkamp. A história foi re-escrita várias vezes e a produção avançou e parou, e avançou e parou, sendo declarado um projecto morto, dois anos depois. Este é um filme que poderá não ver nunca a luz do dia, mas que, pelo sucesso do jogo, se acredita que poderá vir a ser retomado.

 

Heavy Rain

A New Line Days adquiriu os direitos para trazer para o cinema este jogo da Sony, tendo-os vendido à Unique Features. Atualmente os direitos estão nas mãos da Warner Bros que contratou David Milch (NYPD Blue e Deadwood ) para escrever o argumento.

 

Kane & Lynch

Previa-se este filme para 2014 com Bruce Willis e Jamie Foxx , mas tal não aconteceu e em 2013 foi anunciado que Gerard Butler e Vin Diesel iriam assumir os papeis. Desde essa altura nada mais se soube.

The Last of Us – TBA

A Screen Gems da Sony, e responsável pelos franchisings Resident Evil está a trabalhar em trazer The Last of Us para o grande ecrã.

Sam Raimi é o produtor, e Neil Druckmann está a adaptar a história ao cinema, sendo que este revelou que o filme será muito fiel ao jogo, apesar de grandes mudanças. No entanto divergências entre Druckmann  e a Sony em termos da direcção do filme tem levado a problemas diversos.

Maisie Williams interpretará Ellie, e isso é tudo o que se sabe.

Mass Effect – TBA

Parceria entre a Legendary e a Warner Bros, Mass Effect está a ser adaptado ao cinema.

Publicidade
Aproveite o código de descontos PCManias
Casetips

Retomando o nosso artigo

Avi Arad é o produtor, e Mark Protsevich o argumentista. Apesar de tudo, em Março de 2014, o CEO da Legendary Pictures, Thomas Tull veio relevar que a história ainda não está afinada.

Metal Gear Solid

Metal Gear Solid é dos jogos que está em gestação à mais tempo para ser adaptado a filme. Com suposto interesse de Christian Bale, o filme passar-se-à no Alasca. O director será Avi Arad (Filmes The Amazing Spider-Man).

Fala-se que vários produtores e mesmo directores como Quentin Tarantino, Kurt Wimmer e Paul Thomas Anderson foram juntos à produção em 2014

 

Metro 2033

Usando Mad Max e The Hunger Games como inspiração, este é mais um dos jogos a ir para o cinema. O argumentista é F. Scott Frasier (The Numbers Station,).

Minecraft – 24 de Maio, 2019

A adaptação do jogo da Mojang, Minecraft já tem data, e é realizado por Shawn Levy (Night at the Museum ). Steve Carell poderá ser um dos atores!

Missile Command

Após Centipede tinha de vir  Missile Command, mais um jogo Atari dos anos 80. E mais uma vez por acordo da Atari com a Emmett/Furla/Oasis Films.

O filme será produzido por Randall Emmett e George Furla (Lone Survivor)

Monster Hunter

Com um rumor que a adaptação estaria a cargo de Paul W.S. Anderson (filmes Resident Evil), este é mais um filme em adaptação.

 

E para já ficamos por aqui. Amanhã retomaremos com mais jogos que poderão vir a ser adaptados nos próximos tempos para o cinema.

Publicidade

Posts Relacionados

Readers Comments (20)

  1. Nossa, é uma lista fortíssima hein?! The Last of Us, God of War, The Division, Deus Ex, Heavy Rain, Metal Gear Solid, Halo, Devil May Cry… Só esses já são alucinantes. Veria todos no cinema tranquilamente. A adaptação de Ghost in the Shell com a Scarlett Johansson pelo pouco que vi, ao que parece será bem legal também. (Com ela também, qualquer filme já dá uma melhorada…) ;P

  2. Mário não acredito que você esqueceu de… Uncharted! Praticamente uma das poucas adaptações faladas nos últimos meses.

    O texto até foi finalizado.

    http://br.ign.com/cinema-tv/44158/news/filme-de-uncharted-esta-com-roteiro-finalizado

    • Não esqueci nada… O artigo tem duas partes!

      A propósito, explico a moderação. De x em x mensagens o utilizador fica moderado em uma ou mais mensagens, dando-me a possibilidade de o re-avaliar (as mensagens com links tem bastantes mais probabilidades).

      Essa é a explicação de algumas retenções de vez em quando!

  3. Não teria Uncharted também??

    • depois de perguntar q vi q essa é a primeira parte da lista, desculpe =(

      • É mesmo, nem percebi. Fiz um comentário anterior ao seu sobre a falta do Uncharted, mas atualmente o comentário está esperando o aceite da moderação.

  4. Uma adaptação para os cinemas que eu gostaria de ver era Gears of War, se bem feita, ficaria ótima, uma pena que não saiu do papel.

  5. Eu adoraria ir ao cinema e assistir filmes bem elaborados dos seguintes jogos:
    God of War
    Uncharted
    Infamous
    The Last of US
    Gears of War
    Dead Space
    Halo
    Metro
    Metal Gear Solid
    Devil May Cry

  6. A maior parte dos jogos tem histórias muito fraquinhas para serem adaptadas e seriam massacrados pelos críticos. Outros jogos não receberão o orçamento necessário para uma adpatação de qualidade e terão resultado lastimável como Warcraft.
    Os filmes da série Resident Evil o qual eu acho todos sem exceções péssimos filmes, são os que atualmente possuem o maior orçamento. Apesar do maior orçamento, parecem ter roteiro escritos por adolescentes cursando a universidade, conta com elenco na maior parte medíocre com atuações sem vergonhas tendo no máximo 2 ou 3 bons atores ou com alguma bagagem por cada episódio lançado.
    Da lista desse primeiro artigo, somando a lista do segundo, nenhum filme vai ter orçamento suficiente para adaptar de forma convincente algumas séries:
    Imaginem histórias que ou apresentam eventos de nível mundial, como Gears of War, The last of Us, Deus Ex, Half Life e Metal Gear Solid, ou eventos de batalhas espaciais épicas como Mass Effect e Halo, ou confrontos mitológicos como Dante’s Inferno ou God of War. Todos esses filmes precisariam de efeitos especiais e enredos de primeiro escalão para estarem a par do que foi realizado nos jogos.
    Nesses casos, para mim era melhor nem tentarem tocar nisso.
    Os únicos que acredito que poderiam sair bons seriam um filme de Uncharted e Splinter Cell. Mais voltados à ação sem envolver batalhas épicas e algum humor envolvido. Seriam filmes bons de assistir para quem é fan, mas em ambos, os críticos de cinema profissionais massacrariam a história nas análises.

    • Concordo, eu vi não sei onde que assassins creed custou 200 milhões pra ser produzido, achei este valor alto.

      • Custou 125 milhões. O lucro foi de 212.8 milhões.
        Mas não estás errado. A Ubisoft estava disposta a ir aos 200 milhões, mas não foi preciso. Se o tivesse feito o filme teria sido um flop.

        • ata, devo ter lido errado.

        • Assassins Creed é um filme que foi mal de crítica.
          Um motivo que ajuda esses filmes à ir mal de crítica é o fato de que para quem não jogou o game, o filme geralmente não faz sentido algum e quando faz, os personagens são mal explorados.
          Vou falar novamente de Resident Evil. Em um dos último filmes, que eu não lembro qual é, tem a Ada, vestida exatamente como no jogo RE4. Pra quem é fan da franquia, como eu, aquilo faz sentido. Pra quem está indo no cinema ver um filme, aquilo parece desnecessário, e de fato é. Se fossemos pensar de forma lógica sobre video games, como fazemos com filmes, a maior parte dos jogos se tornariam estúpidos.
          Esse é o motivo pelo qual jogos que tentam parecer filmes vão mal de críticas pela mídia especializada em games, e filmes baseados em grandes jogos também vão mal.
          Quando um jogo tem uma boa história, que poderia se tornar um filme, ele deixa a desejar em alguma coisa como jogo, Quantum Break e The Order 1886 são exemplos, os dois com falhas primárias de mecânicas de jogo, e história intrigante. Eu colocaria Ryse Son of Rome no meio, mas eu acho que ele é um jogo mais “jogável” do que os outros dois.

          • Concordo.
            Vi os Resident Evil todos e são filmes que se veem. Mas mesmo sendo fan da série, aquilo não atrai assim tanto como isso!
            Apesar de tentarem usar as roupas do jogo, de forma a criar a associação, há coisas ali que não encaixam a 100%, como por exemplo o ambiente do filme que não consegue nunca ser igual ao do jogo.

          • Eu pessoalmente acho que o primeiro filme da saga Resident Evil é um dos bom exemplos de como se adaptar um videojogo.

            Primeiro porque consegue na perfeição captar o espírito do jogo (misto de acção e horror e o trabalho de câmara), em segundo porque segue uma história original, fraca, mas sólida, e que, com cabeça e juízo teria permitido construir uma saga cinematrográfica que teria servido de refª, como temos hoje XXX ou fast & furious, e em terceiro, porque teve a sensatez de introduzir algo de novo, sendo uma história à parte.

            Pena que desse filme tenham resultado as sequelas que são do mais puro lixo que há.

            Mas o primeiro para mim está no meu Top 5 de adaptações, junto com Silent Hill e Prince of Persia, que são filmes que não caem no erro do exagero e sobretudo não parecem ser tirados de um videojogo, a quem o vai ver de fora, que é algo que acaba por ser difícil de se fazer quando se adapta um jogo.

          • O Prince of Persia está muito bom. Nada de exageros e bem adaptado.
            É das adaptações que mais gosto.

            PS: não sei porque, mas as tuas mensagens ficaram todas para moderar. Algo no programa de controlo que me escapa, mas o facto é que continuas sem moderação.
            Seja como for, ainda bem que ficaram, pois a primeira das tuas mensagens eu não vou deixar entrar.
            Concordo com ela a 100%, está educada e não ataca verdadeiramente ninguem, e aliás até dizes muitas coisas que eu próprio gostaria de dizer.
            Mas no entanto eu tinha referido que não entrariam aqui mais mensagens na sequência daquelas conversas e como tal irei cumprir com o que disse, e ela não vai entrar.
            Desculpa qualquer coisa, mas o website tem de ter uma moderação com peso e medida igual para todos, e caso tivesse entrado directo até seria pior pois teria de a apagar.
            Ah sim, e devo apagar assim que tiver um tempinho, todas essas conversas off topic, pelo que apagando as mensagens antecedentes, as precedentes desapareceriam de qualquer maneira.

Os comentarios estao fechados.