Intel preocupada com os CPUs Ryzen da AMD?

Segundo alguns relatos a Intel está preocupada com os CPUs Ryzen da AMD, e prepara umas versões com overclock de fábrica dos seus atuais CPUs para combater a AMD.

Não sabemos ainda o que valem os novos Ryzen da AMD, mas a acreditarmos numa tabela que circula, estes CPUs serão bastante potentes e combaterão os topos de gama da Intel.

Eis essa lista:

Na lista vemos uma série de CPUS da AMD com denominações desde o R3 ao R7, e várias sub designações como o PRO (o modelo mais basico), o modelo acima (sem qualquer designação especial), e os X, os topos de gama, apresentando-se igualmente algumas equiparações aos modelos da Intel bem nossos conhecidos.



Não podemos de achar curiosa a designação R3, R5 e R7, em tudo semelhante à anteriormente usada nos GPUs AMD, o que nos leva a questionar se a AMD não reservará uma surpresa com uma gama R9 toda poderosa que somente dará a conhecer mais tarde!

Entretanto, website Francês CPCHARDWARE dá a conhecer que a Intel prepara uma versão em overclock do seu atual processador i7 7700K, bem como um i5 melhorado, em resposta ao que se refere serem os CPUs AMD.

Assim, segundo este website o novo CPU Kaby Lake da Intel será o Core i7 7740K. Ele será um i7 7700 standard, mas com mais 100 Mhz de velocidade de relógio de fábrica, ficando-se pelos 4300 Mhz. Esta subida paga porém uma penalização nos consumos que sobem dos 91 W para os 100 W. O possível boost dinâmico destes CPUs é ainda desconhecido.

O rumor refere ainda que haverá um i5 7600K mais rápido, denominado de Core i5 7640K que será igualmente uma versão em overclock de 200MHz do i5 7600K que ficará assim a 4GHz. No entanto neste CPU a coisa não deverá ficar-se por aqui, sendo que a Intel planeia acrescentar-lhe uma característica que não vemos nos i5, o Hyper Thread.

A ser verdade, esta parece uma medida desesperada da Intel, que arrisca quebrar com um dos fatores separadores dos dois segmentos de forma a manter-se concorrêncial neste segmento, e mostra a preocupação da Intel com os Ryzen de forma clara.

Parece assim que o futuro será bom para nós consumidores! Caso a AMD entre numa guerra de performances, os seus preços baixos vão garantir que todos saímos a ganhar!

 

 



Posts Relacionados