Jogos a chegar em 2018 que passaram despercebidos: Biomutant

Biomutant é um RPG de acção a ser publicado pela THQ Nordic, e que está a ser desenvolvido pelo estúdio sueco Experiment 101, que conta na sua equipa com membros da Avalanche Studios que colaboraram em Just Cause e Mad Max. É um épico de fantasia científica, em que, na pele de um gauxinim mutante perito em artes marciais e no manejo de uma espada, temos que salvar toda a vida de um desastre natural.

No mundo de Biomutant, toda a vida depende de uma árvore – a Árvore da Vida. Esta árvore tem cinco raízes distintas que alimentam todas as formas de vida. Quando óleo tóxico sobe das profundezas da Terra, é nosso dever entrar em acção e salvar as cinco raízes, e toda a vida, da extinção (pelo caminho, devemos também derrotar uma criatura enorme e monstruosa que está neste momento a roer a árvore pelas suas raízes). Existem, neste mundo, seis tribos distintas, que divergiram de uma população ancestral. Três delas querem salvar a árvore da vida e outras três não estão para aí viradas. Nós desempenhamos o papel de um guaxinim mutante e biónico perito em artes-marciais e armas de fogo que irá ter pela frente a missão de unir todas as tribos e eliminar esta escuridão que agora ameaça o nosso mundo. Nem que os tenhamos que convencer montando uma mão mecanizada. É esta a permissa louca que está na base de BioMutant.

Ao lado de Darksiders III (de que já falamos aqui anteriormente), este é o outro grande projeto a avançar pela mão da THQ Nordic (a antiga Nordic Games, que surgiu dos escombros da THQ) e que, supostamente, chegará este ano. Apesar de ainda serem raras as informações quanto à história e background, o jogo chama a atenção pelos seus visuais coloridos e ricos em detalhe. É o primeiro jogo do estúdio sueco Experiment 101, fundado por antigos membros da Avalanche Studios que colaboraram em Just Cause e Mad Max.

Descrito como uma fábula de kung-fu pelos diretores, em Biomutant podemos costumizar à vontade o nosso personagem com partes robóticas, mutações, armas (desde espadas samurai a metralhadoras), tal como num MMO. Além disso, ao longo da aventura será possível proceder à criação e costumização de novas armas. A experimentação será fundamental para se perceber quais as melhores combinações para enfrentar os inimigos, de modo a tornar a experiência o mais divertida e fluída possível. O jogo é em terceira pessoa, combinando o jogo de plataformas com um combate em que se mistura o corpo-a-corpo em artes marciais, luta de espadas e o disparo de armas.



A exploração é um grande componente de Biomutant. O mundo do jogo pode ser atravessado a pé, através de mechs, balões de ar, jet skis e até teremos disponível um Disco Voador. Haverá 3 mundos individuais, um submundo, e, por alguma razão, haverá também um sistema solar em miniatura à nossa disposição.

Eis o primeiro gameplay:

Biomutant será lançado para PC, PS4 e Xbox ONE ainda este ano (supostamente).



Posts Relacionados

  Subscribe  
newest oldest
Notify of
Carlos Zidane
Visitante
Carlos Zidane

Que jogo legalzinho! Nem sabia que existia, pelo que eu vi no vídeo e pela sua descrição, parece bem divertido e com conteúdo razoável.
Será que é o primo do Rocket de Guardiões da Galáxia?! 😁
Vou aguardar, já tá na lista.
Valeu Mário, nem tinha ouvido falar mas achei interessante.

Mário Armão Ferreira
Admin

Artigo do Bruno 😉

Carlos Zidane
Visitante
Carlos Zidane

Ah, é verdade! Desculpe Bruno. Belo artigo mano!

bruno
Visitante
bruno

Obrigado.

Vitor PG
Visitante
Vitor PG

Outro jogo(que era pra ter sido lançado em 2017, mas acho q esse ano sai)que pode passar despercebido e que merece atenção eh o Call of Cthulhu the videogame,eu não sei vcs mas eu gosto bastante da lore e do universo criado por Lovecraft apesar do título ” the video game” ser uma maldição já que nenhum jogo com esse título foi bom vide Rambo the videogame

jeffe
Visitante
jeffe

Me interessei por esse jogo desde o trailer