Jogos que terão upgrade da PS4 para a PS5 gratuitamente.

5 5 votes
Avalie o nosso artigo

Eis a lista de jogos PS4 que terão direito a versões PS5 sem qualquer custo extra.

Antes de começar este artigo, quero desde já pedir desculpas aos fans da Xbox pelo facto de esta lista não englobar essa consola. No entanto a fonte desta notícia é o Playstation Blog, pelo que, como seria de esperar, não aborda a Xbox série X. E não tendo conhecimento de uma lista igual para a Xbox, que certamente será pelo menos igual em dimensão a esta, prefiro não abordar a consola.

Eis então os jogos que podem adquirir para a PS4, com a garantia que terão direito a uma versão PS5 do mesmo jogo.

Call of Duty Black Ops Cold War – A versão PS5 contará com uma versão a 4K 60 fps com RT ou 120 fps (em resolução não referida). Aqui a passagem não se pode dizer que seja gratuita, uma vez que estará á venda uma versão PS4 sem direito a atualização. Para a atualização é preciso que comprem a versão cross-gen por mais 10 euros e que inclui a versão PS4 e PS5 do jogo. Por outras palavras a versão para as duas consolas custa mais 10 euros.

Assassins Creed Valhalla – Confirmado rm 4K nativos a 60 fps, o jogo contará com mas efeitos e melhores tempos de loading. A versão PS5 será instalada sem custo extra ao se colocar o BD na drive da PS5.



Borderlands 3 – Com melhorias no multijogador e 4K 60 fps nativos, a versão PS5 será instalada sem custos perante a presença da versão PS4.

Control – O upgrade apenas acontecerá para os possuidores da Ultimate edition. Sabe-se apenas que o Ray Tracing estará em grande uso neste jogo.

Cyberpunk 2077 – Os compradores da versão PS4 terão direito a um patch para a nova geração, com melhorias nas performances. Nada mais foi dito sobre ganhos, excepto que o patch apenas sairá em 2021.

The Witcher III terá uma versão dedicada ara a PS5 em 2021. BAsta possuir a versão PS4.

Destiny 2, Dirt 5DOOM Eternal tambem receberão patches para tirar vantagem da PS5. O dirt 5 suporta 4K e 120 fps (não em conjunto).

While Far Cry 6, Immortals Fenyx Rising e Watch Dogs Legion – Apesar de o primeiro só ser lançado em 2021, tal como todos os jogos da Ubisoft, ele terá uma actualização gratuita para a nova geração.



Hitman III – Terá direito a actualização, mas apenas para os possuidores da versão digital. A versão física não dará direito à actualização gratuita. Porque?

Horizon Fobidden West, Miles MoralesSackboy: A Big Adventure tambem terao direito a upgrade gratuito caso comprem nesta fase a versão PS4. A versão ultimate, exclusiva da PS5 dará direito a uma versão remasterizada do jogo Spider Man da PS4.

FIFA 21 e Madden 21 terão direito a upgrades gratuitos.

The Avengers – 4K 60 fps e 4K 30 fps são modos para a versão PS5 que terá atualização gratuita para quem tiver a versão PS4.

O NBA 2K21 cestará tambem na lista de jogos com atualizações gratuitas. Mas apenas na versão Mamba Forever. Porque?





5 5 votes
Avalie o nosso artigo
guest
44 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
AlexandreR
AlexandreR
6 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

O meu irmão comprou the witcher e amou o jogo. Era para começar entretanto, mas sendo assim vou esperar para quando tiver a ps5.
Como já acabei tlou2, devo avançar para o ghost of tsushima 🙂

Felipe Leite
Felipe Leite
Responder a  AlexandreR
6 dias atrás

Não irá se arrepender!
The Witcher 3 é o meu jogo favorito da geração. Vou jogar de novo assim que sair o patch!

Marco Antonio Brasil
Responder a  AlexandreR
6 dias atrás

The witcher é um jogão para quem gosta de ARPG e uma boa história! Mas eu diria que vale mesmo a pena esperar para jogar no PS5, os loadings enchem o saco.

José Galvão
José Galvão
6 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Estou curioso para ver como será o modo boost da PS5, no Bloodborne adorava ter 60fps.

Uma vez que não tenho a Pro, estou a agiardar pela PS5 para jogar os new game + dos grandes exclusivos da PS4.

Alessandro Alves de Melo
Alessandro Alves de Melo
6 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

É uma boa ideia ter essa lista, vi que há promoção na PSN para alguns jogos, é o momento de comprar a versão PS4 e ganhar a atualização grátis para o PS5, acabei de fazer a minha reserva, quem for do Brasil está saindo por 4500 + 200 de cash back no App Magalu.

Ennio Rafael Costa Lima
Ennio Rafael Costa Lima
5 dias atrás

Minha preocupação é apenas a TV (Sony 900 E). Estou a um clique de encomendar o PS 5. Mas e a TV? Terei alguma perda de qualidade? Tipo o nível de NITS do HDR? Ou algo similar?

José Galvão
José Galvão
Responder a  Ennio Rafael Costa Lima
5 dias atrás

Não tenhas qualquer receio, tenho uma tv igual à tua e posso-te dizer que em termos de preço/qualidade, temos a melhor tv do mercado, mesmo sendo de 2017.
Embora limitado a 1080p, tens 120htz, se as novas consolas conseguirem 120fps a mais de 1080p, tiro-lhes o chapéu, tirando isso estás bem preparado para a PS5, tens 10 bit de cor puros, tens os 1000 nits necessários para o verdadeiro HDR, tens praticamente tudo, eu não trocava a minha X900E pela nova X900H que pode ter.mais nits mas leva um bigode em termos de full array que é vital para os niveis de preto.

Se quizeres eu posso-te dar os meus settings, até parece que tens uma nova tv, a sério estás bem como estás.

Só uma pergunta, achas o conteúdo em HDR algo escuro?

Ennio Rafael Costa Lima
Ennio Rafael Costa Lima
Responder a  José Galvão
5 dias atrás

As vezes acho escuro mesmo. Principalmente no X-Box X. Destiny 2 fica com muitas áreas escuras demais.

José Galvão
José Galvão
Responder a  Ennio Rafael Costa Lima
5 dias atrás

Eu já tenho a minha X900E à mais de 2 anos, e só neste ano é que finalmente tranquei as definições de imagem que me satisfazia, mas no entanto o HDR em alguns jogos estava mais escuro do que devia, em alguns jogos preferia SDR mesmo, mas eis que à meros dois dias atrás, percebi o meu erro.

Como deves saber, podes ter o teu setting de imagem diferente em cada entrada, seja HDMI ou não, o meu, tirando a entrada dos componentes, tenho tudo igual nas 4 entradas de HDMI, o que eu não sabia é que quando entrava em modo HDR, o brilho e o Gamma eram alterados, assim que eu mudei, para o setting igual ao normal SDR, a diferença foi da noite para o dia, aquela sensação de estar escuro desapareceu, testei agora mesmo o Resident Evil 2 e wow.

O meu setting de imagem é especificamente para conteudo HDR com o bonus de que fica uma imagem igualmente linda em SDR.

Heis o setting:

Modo de imagem
Cinema em casa

Modo de imagem automática
Desativar

Brilho
43

Cor
75

Sensor de luz
Off

Agora nos parâmetros avançados

Brilho:

Brilho
43

Constraste
Max

Gamma
Max

Nível de preto
48

Ajuste de preto
Médio

Optimização de contraste avançada
Desativar

Escurecimento local automático
Alto

X-tended dynamic range
Alto

Cor:

Cor
75

Tonalidade
R1

Temperatura de cor
Avançado 2

Temperatura de cor Avançada
Não mexer

Live colour
Baixo

Claridade:

Nitidez
40

Reprodução da realidade
Auto

Resolução
20

Mastered in 4k
Apenas em 1080p

Redução de ruído aleatório
Auto

Redução de ruído digital
Desativar

Gradação suave
Alto

Movimento:

Motionflow
Personalizado

Suavidade
Min

Nitidez
Min

Modo filme
Alto

Opções de vídeo

Modo HDR
Auto

Gama de vídeo HDMI
Auto

Espaço de cor
BT.2020

Experimenta e diz qualquer coisa, para mim é perfeito, não te esqueças de fazer o mesmo para as Apps, é como se fosse outra entrada, isso implca YouTube, Netflix, etc..

Despois de aplicares estes settings, tanto nas Apps video como nas entradas de HDMI, individualmente corre conteúdo em HDR, e vais reparar que o teu brilho passa de 43 para Max, mete novamente em 43, e o mais importante, em HDR o teu Gamma passa para 0, mete novamente em Max que tudo isso fica gravado, verás que agora o HDR tem outra beleza, a sério experimenta e dá feedback.

Ennio Rafael Costa Lima
Ennio Rafael Costa Lima
Responder a  José Galvão
5 dias atrás

Você usa cinema home para games também??

José Galvão
José Galvão
Responder a  Ennio Rafael Costa Lima
5 dias atrás

Yup, e não tenho problema algum com input lag.
Não uses nunca o Motion em jogos.

Outra coisa que me esqueci, o HDR ao contrário do Dolby Vision, é open source, ou seja não está standarizado, tems ezemplos de má implementação de HDR, agora mesme testei o Crash Bandicoot N’Sane Trilogy e achei o HDR uma porcaria, a culpa não é da TV, é da uma particular implementação.

Ennio Rafael Costa Lima
Ennio Rafael Costa Lima
Responder a  José Galvão
5 dias atrás

Realmente. Obrigado pelas dicas. Estou testando com The Boys e a imagem esta muito bonita. Obrigado mesmo. Não testei nos video games ainda.

Ennio Rafael Costa Lima
Ennio Rafael Costa Lima
Responder a  José Galvão
5 dias atrás

José Galvão a dica de um milhão de dólares é a de que o brilho e o gamma vão para o máximo em HDR. Nunca tinha prestado atenção nisso. A imagem agora é outra aqui.

José Galvão
José Galvão
Responder a  Ennio Rafael Costa Lima
5 dias atrás

Porreiro, fico contente, como já tinha dito, até parece que tens uma tv nova.

Ewertom
Ewertom
Responder a  José Galvão
5 dias atrás

Dica excelente,obrigado por compartilhar

Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira
Responder a  José Galvão
4 dias atrás

Grande dica.
Tenho uma LG 4k e o HDR também fica mt escuro, vou experimentar para ver se também fica porreiro na minha. (apesar de ser outra marca)

Deto
Deto
Responder a  José Galvão
5 dias atrás

verifica no site que já tem update de firmware… A minha X905E, nome da x900e no BR, tem update de firmware do dia 06/10.

já atualizei, não acredito que tenha suporte a VRR ou game mode e no log só tinha informação de “melhoria de desempenho”, mas talvez eles tenham arrumado alguma incompatibilidade com o PS5, pq a X900H já teve update para suportar o PS5.

Pode ser que eles testaram a X900H com o PS5 e já testaram com a X900E e mudaram algo no firm para funcionar melhor.

ESQUECE hahahahah acabei de ver que essa versão do firm na X900E já saiu em 16/06… demorou quatro meses para adaptarem para a versão BR.

José Galvão
José Galvão
Responder a  Deto
5 dias atrás

A data do último update é deste mês, e ficou bem mais rápida.

Deto
Deto
Responder a  José Galvão
5 dias atrás

Nossa, me perdi de+

A data na página EUA é obviamente data do EUA de dia e mês invertidos.

Tanto a X900E quanto a X905E tem a mesma, 6 de outubro e eu me confundi por causa disso.

Bom que vc me avisou e eu fui conferir

Quem sabe tem alguma novidade possível por HDMI 2.0 para PS5 que eles não comentaram.

José Galvão
José Galvão
Responder a  Mário Armão Ferreira
5 dias atrás

Não, é só a 1080p, se não estou em erro o modelo do ano seguinte, a X900F é que fazia 1440p@120htz caso usasses uma ferramenta da nvidia.

José Galvão
José Galvão
Responder a  Mário Armão Ferreira
5 dias atrás

Ah nem pensar, já fico muito contente se as novas consolas estabilizarem nos 4k/30fps ou 1440p/60fps, estando os 4k/60fps reservados para jogos de luta, acção tipo Nier Automata e alguns jogos de carros, e claro os indies.
120fps acredito que tenhas nos jogos vr, indies e compilações de clássicos tipo Sega Megadrive Collection.

Deto
Deto
Responder a  Ennio Rafael Costa Lima
5 dias atrás

Essa semana eu verifiquei a a X905E, nome desse modelo no BR, tem um update de firmware do dia 06/10 e eu já atualizei.

Faz alguns dias também a X900H teve update de firmware para suportar 4k 120hz/120fps e talvez nessa nossa x90xX tenha alguma novidade para o PS5… No log de mudanças não tinha nada, mas talvez seja somente melhora de compatibilidade e a Sony não quer fazer alarde para gerar manchetes “TV da Sony não é compatível com PS5” igual adoram fazer.

Deto
Deto
Responder a  Deto
5 dias atrás

ahahhahah Esquece

esse update de firmware é de junho nesse modelo… demorou 4 meses para adaptarem para o modelo BR.

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
5 dias atrás

Dos jogos que vi, The Witcher 3 é o único que terá upgrade gratuito com inclusão de Ray Tracing.

É interessante dizer isso porque certos upgrades gratuitos consistem basicamente em abrir o código-fonte do jogo, mudar alguns presets para o novo console (filtros, texturas, resolução), realizar uma bateria de testes, e pronto. Free upgrade. Se fosse no PC, bastaria você mesmo alterar estes presets e realizar seus testes.

Com Ray Tracing a situação muda de figura, porque não é só alterar presets. Precisa realizar várias alterações em jogos que antes não foram programados com Ray Tracing. Spiderman e Devil May Cry 5 receberão versões remasterizadas em especial pelo Ray Tracing, que realmente consome tempo de desenvolvimento.

E do tanto que ouvi falarem que Gears 5 teria upgrade gratuito de Ray Tracing no SeriesX, mas o gameplay que vi não apresentou. Creio que Forza Horizon 4 e Ori também não apresentarão Ray Tracing. Link: https://www.youtube.com/watch?v=Rq7JjrBWJ4E&feature=emb_logo

Marco Antonio Brasil
Responder a  Carlos Eduardo
5 dias atrás

Você tocou em um ponto muito interessante desses upgrades gratuitos. Depois que vi alguns comentários de que o gears 5 não apresenta diferenças significativas entre as versões Series X e one x fiquei com o pé atrás. Até que ponto teremos realmente alguma atualização significativa nestes jogos ou será mais uma ferramenta de marketing?
Na minha opinião só aumento de resolução e fps (não que seja ruim, muito pelo contrário) são coisas que já espero ao conseguir rodar o jogo em uma máquina mais poderosa e não deveriam ser vendidos pelas empresas como se fosse um remaster.

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
Responder a  Marco Antonio Brasil
5 dias atrás

Sim. Um estúdio pode simplesmente abrir o código-fonte, e alterar o código abaixo

int fps = 30;

para

int fps = 60;

Recompila, gera o build, testa, disponibiliza patch gratuito. E pronto! Free Upgrade e Pró-consumidor. Outra pode trabalhar por meses remasterizando um jogo, melhorando texturas, incluindo Ray Tracing, melhorando a modelagem dos personagens, cenários, incluir NPCs, cobrar 20 euros pelo jogo, e será rotulada de anti-consumidora.

Então tem que analisar bem o que está sendo feito, ver os resultados, sem se deixar levar por argumentações do flamewar.

Joguei bastante Dirt Rally 2.0 no PC, usando uma GTX 970. Em abril/2020 o jogo saiu na PSn Plus, e fui jogá-lo no PS4 base. E embora ambas versões estivessem em 1080p 60fps, faz diferença você jogar com presets no High-Ultra no PC, enquanto no PS4 os presets customizados aparentavam estarem no Low, com filtros e texturas de menor qualidade.

Então vejo assim, seria muito legal se disponibilizassem upgrades gratuitos de vários jogos, com melhores presets nas novas consolas. Mas creio que na maioria dos casos será boost com os mesmos presets de antes. Por exemplo, o jogo tem resolução ou FPS dinâmicos, e a nova consola alcançará melhores resultados sem patch do estúdio, já que após testado, o jogo rodará nos clocks de CPU e GPU da nova consola. Parece que o Xbox Series X oferecerá HDR automático em alguns jogos, mas embora seja legal, esse tipo de trabalho não terá o mesmo resultado que cada estúdio aplicar nativamente aos seus respectivos jogos.

A inclusão de Ray Tracing pode sim diferenciar mais o jogo entre as consolas, mas acho pouco provável que os estúdios invistam nisso sem cobrar. Então embora a princípio pareça louvável a atitude da CD Projekt Red em disponibilizar Ray Tracing gratuito em The Witcher 3, é melhor esperarmos o resultado para ver o quanto de facto usaram.

Alessandro Alves de Melo
Alessandro Alves de Melo
Responder a  Carlos Eduardo
5 dias atrás

Mas se a empresa lançar um upgrade com RT não poderia aumentar as vendas dos jogos base do PS4? Eu mesmo fiquei interessado em comprar o The Witcher 3 pensando no upgrade para o PS5.

Finn
Finn
Responder a  Alessandro Alves de Melo
4 dias atrás

Eu penso que deve aumentar sim. Eu mesmo comprei vários jogos de Xbox 360 porque tinham versão enhanced no X1X e alguns de PS4 só por causa da versão melhorada no Pro. Mas fazer uma análise de rentabilidade só as empresas envolvidas podem fazer. Também não me parece ser esse o foco da Sony.

Marco Antonio Brasil
Responder a  Carlos Eduardo
5 dias atrás

Excelente CE , nada a acrescentar. Agora só nos resta mesmo esperar os jogos.
Viste os vídeos do cyberpunk? Está muito bonito, a mim pareceu um “GTA nextgen”. Mas não tenho dúvida que está rodando em um “PC da NASA”. Estou muito curioso para ver uma comparação do ultra no PC com as versões PS5/SX que serão lançadas no próximo ano

Finn
Finn
Responder a  Carlos Eduardo
4 dias atrás

Ótimo comentário, Carlos, existem muitos pontos interessantes de se debater. É muito bom que agora ambas as empresas estejam se preocupando com retro e updates gratuitos dos seus jogos antigos. Como jogador que revisita jogos antigos, acho muito importante que exista um update para que o jogo não fique muito datado em resolução, textura, framerates e talvez efeitos sonoros e filtros. Até o Xbox One era uma tristeza, salvo alguns remasters, só era possível jogar jogos antigos nos consoles com as mesmas limitações que eles tinham na época, o que é diferente no caso do PC, que basta ter um bom hardware e ajustar as settings ou, em alguns casos, baixar texturas modificadas por fãs.
Nesse sentido, eu acho maravilhoso existirem atualizações gratuitas, mesmo que que as mudanças não sejam nível remake, acho que merecem congratulações pelas iniciativas, especialmente o trabalho do time da MS, que é de se tirar o chapéu desde o X1X.
Discordo que as versões melhoradas se limitem a ter as mesmas presets, mas resolução ou framerate melhores que os fps/resolução dinâmica originais. E essa será justamente a diferença entre os jogos sem nenhuma otimização que rodam melhor no hardware do PS5/XSX e os jogos enhanced no Xbox Series X/boosted do PS5 (que eu imagino). Os jogos antigos (X360 e Xbox og) no modo enhanced do X1X tiveram no geral melhores texturas, resolução, framerate, melhor áudio e HDR (os jogos enhanced no Pro também, mas só existem os jogos enhanced do próprio PS4), melhorias que não são as automáticas e simples. Um exemplo é o próprio dirt raly 2.0 do PS4 Pro e X1X, que tem versão enhanced e várias melhorias visuais que se assemelham a um preset high, mas nesse caso não sei dizer se os jogos foram desenvolvidos para os consoles de meia geração ou não. Mas claro que mesmo nesses casos é demais esperar um super trabalho ou que muitos estúdios remasterizem seus jogos ou façam alterações significativas, como de engine, gratuitamente.
Concordo plenamente que deve-se analisar caso a caso antes de dizer que em determinado caso alguma empresa é anti consumidor. Se o remaster tem poucas melhorias, dá para dizer que é uma prática anti consumidor para vender de novo o mesmo jogo a preço cheio. Se houve um time que trabalhou bastante e com capricho para remasterizar o jogo com padrões da atual geração, é possível excluir essa possibilidade. Por exemplo, dizer que o remake do Demon’s Souls é anti consumidor é coisa de fanboy. Vou esperar sair o remaster do Spider Man de PS4 e comparar com o jogo de PS4 rodando no PS5 antes de tirar minha conclusão.
Sobre o Ray Tracing, eu tenho minhas dúvidas, de fato aplicar bem o RT como se o jogo tivesse sido desenvolvido com ele parece ser uma tarefa bem trabalhosa, mas atualmente no PC já existem programas, como o ReShade e PTGI, que incluem RT em qualquer jogo (ou mais precisamente o Screen Space Ray-Tracing) e usando qualquer placa que suporte RT, mesmo os que não foram desenvolvidos com esse recurso. Então eu imagino que não seja tão difícil inserir RT de forma mais ou menos.
Voltando ao assunto das versões enhanced, na minha opinião nesta geração a MS terminou na frente, em qualidade e quantidade, considerando os jogos desta geração e os da geração passada ( que infelizmente não existem no PS4 Pro). Por fim, quanto ao “retro gaming com melhorias”, a MS está na frente em dois aspectos. O primeiro é a abrangência, porque a retro com melhorias do Xbox inclui muitos jogos desde o primeiro Xbox, com vários jogos thirds, como o Red Dead Redemption. O segundo é o smart delivery com relação aos jogos exclusivos, porque os jogos cross gen nele não são simples upgrades, mas sim as versões da nova geração (até o momento só os 3 já citados, Gears, Forza Horizon 4 e Ori, e os futuros cross gen), ou seja, com conteúdo inédito e melhorias. Seria como comprar o Spider Man, Horizon, Sacboy ou algum jogo da ND no PS4 e ter a versão de PS5 gratuitamente quando trocar de console. Mas faço a ressalva que excetuando-se o Spider Man, o resto é especulação, porque ainda não se sabe como serão as versões de PS5 e se elas serão diferente do modo boost da versão de PS4.

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Carlos Eduardo
5 dias atrás

O que será que está acontecendo com o ray tracing nos xbox series hein??

Fernando Molina
Fernando Molina
5 dias atrás

Quem comprar um Playstation 5 no lancamento estará muito bem servido de jogos

Ennio Rafael Costa Lima
Ennio Rafael Costa Lima
5 dias atrás

E esse headset Sony Pulse 3D? O que vocês acham? Estou pensando em colocar no pacote.

Marco Antonio Brasil
Responder a  Ennio Rafael Costa Lima
5 dias atrás

Acho que só vale a pena se você ainda não tiver um bom headset!

AlexandreR
AlexandreR
5 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Alguém me consegue explicar o porque de um remake do Demond Souls e não um Bloodborne 2?
O Bloodborne foi um sucesso, e arisco dizer que séria uma aposta melhor.
O que me leva a crer que o motivo é a falta de experiência da equipa. Por isso é que se asujeitaram a um remake do Demond souls

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  AlexandreR
5 dias atrás

Falta de experiência da equipe da Bluepoint? Por favor, né, amigo! Os caras estão aí faz anos fazendo remake!
Uma coisa não exclui outra… Bloodborne 2 se sair algum dia, provavelmente será Japan Studio + From Software (que é a responsável pelo primeiro game).
Demon’s Souls é o primeiro jogo, que deu início ao estilo soulslike. Você não tem ideia do impacto que esse jogo é para a próxima geração. Hehe

bruno
bruno
Responder a  AlexandreR
5 dias atrás

Bloodborne foi feito pelo Japan Studios e FromSoftware. A From tem neste momento em mãos Elden Ring para a Namco.

Demons Souls é um remake da Bluepoint, que já tem no currículo Shaow of the Collossus.

O porquê? Foi um jogo li.itado pela PS3, assim como Shadow, que tem agora oportunidade de brilhar sendo mais fluido e com maior fidelidade gráfica.

Rafael
Rafael
5 dias atrás

Mario o que vc pensa sobre alguns jogos dar a opcao de jogar com mais fps e menos qualidade e outra opcao de melhorar resolução, texturas e cair para uma taxa de quadros menor?

Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira
4 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Uma duvida que ainda não consegui esclarecer totalmente:

Sendo assim o Cyberpunk 2077 em edição fisica para a PS5 só mesmo em 2021?

Assim para jogar este ano na PS5 tenho de pegar a versão fisica da PS4 e correr na PS5 (para já apenas com melhorias nos loadings e talvez frame rate mais estável ?!).

É isso Pessoal?

error: Conteúdo protegido