Konami está hesitante relativamente às performances da Xbox One para PES 2015.

Sinceramente esta situação foi para mim uma surpresa. PES não possui complexidade suficiente para ser verdadeiramente exigente, mas no entanto a versão 2015 para a Xbox One aparenta estar a dar problemas aos programadores.

pes 2015

Muito sinceramente fiquei surpreso quando a Konami veio dar a conhecer que logo na sua primeira Build tinha conseguido colocar o jogo a correr a 1080p 60p cravados na Playstation 4, mas quando questionada sobre se o mesmo acontecia na Xbox One referiu “estamos num estágio onde ainda não podemos dar um sim definitivo“.

Apesar de reconhecer, por ser uma questão factual, que a arquitectura da Xbox One com a sua reduzida eSRAM é problemática, o certo é que não posso deixar de ficar pasmado com esta situação. Jogos muito mais complexos já começaram a superar as limitações desta memória conseguindo alguma paridade com a PS4, e PES, pela sua “fraca” complexidade deveria ser um jogo que não apresentaria problemas de maior.

Aqui não vou criticar o hardware da consola. É sabido que ele é complicado e que não permite que se consiga resultados sem dedicação e programação específica. Mas o facto é que já se provou que com essa dedicação o problema se pode superar. Daí que não havendo neste jogo uma aparente complexidade que justifique esta diferença, com tanto tempo de trabalho no jogo, terei de pensar que, caso a Konami não consiga equivaler a versão Xbox One à da PS4, estaremos perante um sério caso de… desleixo (e uso esta palavra apenas para não usar uma adjectivo mais forte).



Para justificar a situação a Konami explicou que a PS4 está numa fase de desenvolvimento mais avançada e que por isso é a consola de preferência usadas nas demonstrações. Esperemos que a situação seja efectivamente essa, porque senão, face ao jogo em questão, haverá muito a questionar sobre a competência dos programadores da Konami!

No entanto convêm não esquecer que PEs 2015 usa o Fox Engine, o mesmo motor que é usado em Metal Gear Solid: Ground Zeroes e que viu nesse jogo a Xbox One limitada a 720p 60 fps, mas convenhamos que a complexidade do mundo desse jogo é tremendamente superior ao universo fechado e limitado ao recinto do estádio de PES, pelo que aqui a paridade será algo meramente expectável, e se o motor mesmo assim cria problemas… convenhamos que parece que há algo de errado com ele.

Fonte: Videogamer



Posts Relacionados