Liberator 3D, a arma impressa em casa a 3D, é uma bomba relógio.

A Liberator 3D é a arma que pode ser impressa em casa. E esta é certamente mortal. Falta saber é quem poderá morrer ao usa-la.

Criar uma arma em plástico capaz de aguentar com a explosão da pólvora presente na câmara do projéctil é actualmente uma realidade. Mas convêm não esquecer que o controlo da resistência do plástico não é uma realidade durante a impressão, e uma zona que por qualquer motivo possa ficar mais fragilizada levará à explosão da pistola nas mãos do seu utilizador.

Assim, e para desincentivar a impressão caseira destas armas a polícia de New South Wales a Austrália construiu duas destas armas com uma impressora AUD cujo custo ronda os 1700 dólares, usando-as para disparar balas .380ACP para blocos sintéticos que simulam a pela humana.

A primeira arma disparou com sucesso, tendo a bala penetrado 17 cm no bloco sintético  ou seja mais do que suficiente para causar danos mortais a um ser humano, mas a segunda arma, ao ser disparada, literalmente explodiu em milhões de pedaços.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

A lição a ser aprendida aqui é que não há controlo de qualidade neste tipo de construção. O plástico ABC nunca sai com a mesma qualidade e resistência, e assim sendo qualquer um poderá ficar sem uma mão, ou pior, sem a vida, ao usar uma armas destas. Mas infelizmente o Pirate Bay não retira as esquemáticas da web e as mesmas continuam a ser descarregadas.

Assim, seja a arma construída para seja que fins for, há que se ter o cuidado. Quem pode acabar bastante ferido, ou mesmo morrer, é o seu utilizador.

Vejam o vídeo divulgado pela polícia.


Publicidade

Posts Relacionados