Jun 142011
 

Faz já algum tempo que a Samsung nos promete novas memórias, mais rápidas e com menos consumo energético, criadas com tecnologia 30 nm, mas apesar de a produção destas memórias ter começado já no ano passado, o consumidor comum continua na expectativa, uma vez que as primeiras remessas produzidas foram todas desviadas para os grandes servidores mundiais, continuando o mercado a receber as tradicionais memórias produzidas pelo método de 60 nm, e com alguma sorte as memórias de 40 nm.

Mas a situação deverá mudar em breve e as memórias DDR 3 1600 de 2 e 4 GB devem começar a aparecer disponíveis ao público em geral. O interesse está, claro, no que já referimos: Baixo consumo de energia e melhores performances (menos 66% do que o consumo tradicional de uma memória comum de 60 nm, e mais 20% de performance do que as de 40 nm).

Publicidade

Sorry, the comment form is closed at this time.