Microsoft promove Xbox One com imagens de Battlefield 4… no PC

As imagens oficiais de Battlefield 4 já estão disponíveis para a PS4 e XBox One. Mas talvez com algum embaraço face ao facto deste correr a 720p, a Microsoft lança um video promocional do jogo na consola, onde usa imagens… da versão PC.

pubx

Naquilo que nesta fase só se pode chamar de publicidade enganosa e propositada, a Microsoft lança um video promocional de um evento da Xbox One. Nesse video de 1 minuto e 10 segundos onde o logótipo da Xbox One está presente de inicio a fim, é lançado um desafio aos melhores jogadores de Battlefield na Xbox One para defrontarem futuramente em Londres uma outra equipa de jogadores Europeus.

Naturalmente, sendo o jogo Battlefield, são mostradas imagens do mesmo, e apesar de existirem apenas 20 segundos de imagens, e de todo o contexto envolvente ser Xbox One (recorda-se o logótipo sempre presente), o que é visualizado são imagens da versão PC do jogo.

Essa situação é bem visível do segundo 52 ao segundo 56, onde claramente se vê no canto superior direito a indicação que o pressionar da tecla Backspace dá acesso ao Battlelog. Uma situação que, mesmo com suporte teclado nas consolas de nova geração, nunca apareceria dessa forma.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

O que pensar disto? Vejam o video e comentem:

Acréscimo colocado a 2/10/2013 pelas 17:30

Quando questionado sobre este assunto, Albert Penello não negou a filmagem, respondendo:

Traduzindo:

Porque era video promocional feito no Youtube usando filmagem obtida um mês antes das filmagens oficiais terem sido lançadas? Huh?

Na nossa maneira de ver a resposta de Penello é rude, sarcástica, e acima de tudo, enganadora.

Nada justifica o uso de imagens PC, especialmente porque a Microsoft, mais do que ninguém, soube desde sempre a resolução a que o jogo corria na sua consola, mesmo que não o admita. E como tal, o uso de imagens PC, com mais detalhe e resolução, é bastante conveniente.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

Para além do mais, o que Penello refere é, no mínimo estranho. Websites como a Eurogamer (Digital Foundry), e mesmo utilizadores mais normais, como Jack Frags, tinham à mais de uma mês Terabytes de filmagens obtidas na Xbox One e que libertaram no dia 29.

Querem agora convencer alguém que o fabricante da consola, tal como meros utilizadores e websites, não tiveram igualmente acesso a uma Xbox One para captura de imagens que poderiam ter libertado agora, uma vez que esta publicidade foi lançada após o fim do embargo da Dice que terminou a 29 de Outubro?

Ao que parece, no que toca a esta gafe, a Microsoft quanto mais fala, mais se enterra. Mais valia admitir que foi um erro!

Curiosamente, numa conversa paralela, Tom Dog enviava um tweet a Aaron Greenberg da Microsoft onde dizia:

 

Tradução:

1080p é melhor que 720p vamos ser honestos. Um jogo a 1080p é mais atraente que um jogo a 720p

Ao que Aaron Greenber tem o descaramento de responder:

Tradução:

Vocês percebem que verão todos os jogos a 1080p como resolução de saida certo?

Mas que raio de resposta é esta? Agora 720p re-escalados são 1080p para a Microsoft? Desde quando? Não haja dúvidas que a Microsoft não anda a ser clara.

Publicidade

Posts Relacionados