Microsoft recomenda desinstalação de update problemático para Windows 7 e Windows server 2008

Normalmente quando sai um update para o windows o mesmo é criado com a intenção de criar estabilidade, segurança e resolver problemas e bugs. E para isso temos instalações automáticas e alertas. Mas quando um desses updates é problemático, o que nos avisa?

Windows-7

Confesso que por vezes desespero quando o computador me faz actualizações automáticas e após as fazer me avisa que vai encerrar dentro de minutos porque a actualização que fez é crítica. E esse é o motivo pelo qual possuo as instalações automáticas desactivadas.

No entanto não pretendo passar sem actualizações de segurança. Elas existem por um bom motivo, e devem ser instaladas. E assim possuo os alertas de novas actualizações ligados, e que já de si são igualmente chatos.

Mas se há tanto automatismo para instalações automáticas e mesmo para alertas de novas actualizações, deveria igualmente haver o mesmo para a remoção e alertas de actualizações problemáticas. O que não há, e nesse caso restamos nós, as páginas web, para dar a conhecer aos utilizadores as situações que podem estar a causar instabilidade nos seus sistemas.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

A questão é que a actualização de segurança 2823324 para o Windows 7 e Windows server 2008 está-se a revelar mais problemática do que o problema que pretende corrigir, causando instabilidade nos sistemas e mesmo ecrãs azuis. Por esse motivo a actualização foi removida, mas quem a instalou deverá remover a mesma.

Para além dos problemas de instabilidade referidos, esta actualização pode causar a paragem no acesso aos servidores do Kaspersky Anti-Virus, podendo levar a infecções sérias do sistema. Assim, a Microsoft, na sua página de suporte KB2839011 explica como remover a actualização em causa.

Fonte: Hothardware

Publicidade

Posts Relacionados