MLB pode ter tramado a Sony em negócio com a Microsoft

5 9 votes
Avalie o nosso artigo

A Microsoft anunciou que MLB: The Show 2021 sairá no dia 1 no Gamepass, com a própria MLB como distribuidora.

O jogo MLB The Show é criado à vários anos pela Sony San Diego, tendo sido até hoje um exclusivo da Playstation. No entanto, o jogo não é pertença da Sony pois é a MLB que possui os direitos sobre o mesmo.

Nesse sentido, a MLB abordou a Sony o ano passado, dando a conhecer que queria que o jogo passasse a ser multi plataforma, algo ao qual a Sony não se pôde opor. No entanto, as negociações avançaram no sentido de a Sony San Diego continuar a produzir o jogo. Apesar da perda de exclusividade, à qual a Sony não se podia opor, a situação acabava por ser vantajoso em outros aspectos para ambas as partes: Para a MLB que via o seu jogo multi plataforma, e para a Sony que, mesmo não sendo a situação ideal, mantinha as receitas trazidas pelo jogo, aumentando-as ainda mais com as vendas noutras plataformas.

O que a Sony não terá previsto, era que a MLB negociasse com a Microsoft a colocação do jogo no Gamepass.

E isso foi o que aconteceu. Perante um pagamento de uma soma não conhecida, e da qual a Sony, mesmo não sendo a situação desejada, forçosamente vai receber parte, a Major League Baseball acordou a colocação do jogo no dia um no Gamepass, distribuindo ela mesma o jogo, o que coloca a Sony numa posição fragilizada, pois o jogo na sua consola será vendido normalmente a 70 euros, ao passo que na consola concorrente pode-se desfrutar do mesmo por apenas 10 euros.



Diga-se que a nível de jogada empresarial a Microsoft está de parabéns, sendo que a Sony revelou aqui uma imaturidade tremenda, deixando-se, literalmente, papar.

A alternativa que resta à Sony é o ofertar o jogo aos seus clientes na PSN+, o que envolve uma despesa e quebra de receitas. Algo que torna o contrato com a MLB em algo não vantajoso. Afinal se a Sony acaba por ter de pagar por algo que ela mesma produz para poder ter o jogo em condições mais ou menos equivalentes às da concorrência, mais vale não produzir o jogo, e dedicar a Sony San Diego à produção de outros jogos, esses sim, exclusivos.

Falta no entanto saber se não há aqui algum trunfo na manga da Sony. MLB: the Show, sempre necessitou da PSN+ para o jogo online, e quem sabe… não irá continuar a fazê-lo… Inclusive na Xbox?

Os dados concretos do que se passou, do que se vai passar, se os clientes de alguma das marcas vão sair beneficiados ou prejudicados, se a Sony vai continuar com o jogo, quais os requisitos do online, e muito mais, não são ainda conhecidos, pelo que uma conclusão geral não pode ser ainda tomada. Mas até ao momento o que se pode dizer é que, no mínimo, ou a Microsoft leva a melhor, ou a Sony terá de abdicar de receitas com o jogo que ela mesma produz, para fazer algo equivalente.



Note-se que esta situação não é totalmente inédita. O minecraft é produzido pela Microsoft e está disponível na Playstation. A novidade aqui é o jogo poder ser disponibilizado por um custo bem menor na consola concorrente, o que se torna caricato.

Esta situação mostra no entanto que a Sony tem andado a dormir… Não há outro termo. Desde que Jim Ryan tomou conta da SIE, as suas medidas não tem sido consensuais, e é preciso não esquecer que o público alvo da PS não é mais do que a soma das partes. Desagradar a pequenos nichos é suficiente para retirar mercado, valor e personalidade à marca, removendo aquilo que sempre a caracterizou e definiu.

Os jogos no PC não foram consensuais, por muito boa justificação que haja. Aliás escrevemos mesmo que com a cada vez maior unificação da Xbox com o PC, qualquer dia temos a Xbox a correr os jogos da PS, algo que pode acontecer desde já com streaming de jogos do Stadia, Geforce Now, e Steam para o novo browser da Xbox.

Esta situação é dessa forma mais um golpe na Playstation, que no meio de tudo isto, e após uma geração onde, seguindo as regras clássicas, teve o maior sucesso de sempre, parece que os novos gestores encaminham a empresa por um caminho que poderá não ser consensual juntos dos fans.



5 9 votes
Avalie o nosso artigo
99 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Felipe Horvath
Felipe Horvath
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Ótimo Artigo , Mario ! As decisões da Microsoft , apesar de legais , sempre me soam imorais , tanto na politica de adquirir estúdio , ou de tentar se sobressair prejudicando o concorrente , ao invés de inovando. Esse episódio da MLB mostra muito dos dois CEOs , tanto o Phil como o Jim. Phil Spencer numa jogada suja e preguiçosa e Jim Ryan se deixando jantar pela concorrência. Como fã de Playstation , acho que a Sony deveria sim recusar a licensa e seguir produzindo jogos exclusivos de grande orçamento , assim como voltar atrás nas políticas de lançar jogos no PC.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

[OFF] – Mario , nao da pra colocar foto no perfil aqui ?

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Fiz , vamos ver se deu certo haha

Hiago
Hiago
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

A Sony não pode se dar o direito de errar e estão errando muito ultimamente, eles não tem o capital da Microsoft, logo se começarem a perder a sua identidade e base de fãs pode ser o início do fim. Jim tem que tomar muito cuidado com o caminhão que está levando a marca. Meu medo é a Sony levar sua divisão de jogos para o que veio se tornar a Sega.

nETTo
nETTo
Responder a  Hiago
6 meses atrás

Todas as vezes que eu vejo este tipo de discurso que exalta o poder econômico da Microsoft acho graça.

Temos alguns exemplos interessantes de linhas de raciocínio similar que contradiz, vejam a própria Microsoft, está aí desde os anos 2000, tem quase 30 anos no ramo e mesmo sendo um Top3 das maiores do mundo não conseguiu ter a relevância que as pobretonas Sony e Nintendo tem, nunca conseguiu liderar uma geração que seja, diferente denovo das outras duas. A Sony aliás, de 4 gerações já finalizadas liderou 3. Mas temos mais alguns exemplos, vejam o papelão que a outro Top3 Google vem passando, e assim como a Google podemos dizer o mesmo da Amazon.

Pra finalizar, os consoles estão aí, já temos 4 meses completos de geração, e diante do cenário atual, temos um PS5 vendendo pouco acima do PS4 no mesmo período a nível mundial, e os Xbox Series a vender menos que o Xbox One no mesmo período. Não sei qual é está realidade onde as decisões da Sony tem impactado em seu desempenho comercial. E falo isso sem me contaminar com a paixão que tenho por suas franquias.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  nETTo
6 meses atrás

Expectativa: A poderosa Microsoft vai arrebentar quando entrar para o mundo dos consoles

Realidade: Ficou em último em todas as gerações que eles participaram

Expectativa: Agora a Microsoft com seu poder econômico pode arrebentar com a Sony se essa não se cuidar

Realidade: O maior lucro de todos os tempos do PlayStation e da indústria dos games veio pela mão do tão criticado Jim Ryan, nunca um console teve uma line-up de primeiro ano com tanta variedade e o ps5 vende igual água.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Eu concordo muito quando você diz que o gamepass é uma isca venenosa. .. afinal de contas, já vemos como as maiores franquias da Microsoft despencaram em qualidade nos últimos anos né? Só aí já se percebe o que tem por de trás da bondade passageira da MS. Apenas discordo que ele vai ameaçar os triple A de qualidade elevada que estamos acostumados a ver nos exclusivos Sony e jogos da rockstar. Quem bebe dessa fonte,dificilmente vai aceitar menor qualidade… Eu e você somos um nicho de jogadores que preferem a qualidade à quantidade e esse mercado se mostrou muito forte e crescendo na geração passada. Enfim, vamos ver onde isso vai dar. Que dá medo que acabe mal, dá! Mas creio que o triple A tem seu público fiel.

OFF- Ontem a noite estava vendo um artigo seu, que achei sem querer pesquisando no Google. 8 meses atrás o tal engenheiro Rosário, no Twitter, referia o ps5 não possuir ML dedicado na GPU e referiu no mesmo twitte que o tempest poderia fazer isso. Ora, se não tem nada dedicado a ML no GPU, talvez a insomniac fez isso com tempest ou algo que pode estar lá e não sabemos, pois ao afetou a performance de gpu. Se lembra? Creio que acrescenta bem ao seu artigo de ML de dias atrás.

Livio
Livio
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

E não estás em trabalho remoto??

No meu caso havia a ideia do remoto e a gestão sempre recusou, então veio a pandemia e como precaução mandou todos para o remoto e viram os benefícios. Contas de água, energia elétrica e internet diminuíram, bem como gastos com manutenção predial, auxílio transporte e de terceirizados pela limpeza. Num piscar de olhos já pensam em adotar o remoto após a pandemia.

Livio
Livio
Responder a  Livio
6 meses atrás

Nem o PC do trabalho pude trazer, foi concedido somente a aqueles cujo computador não consegue rodar o sistema. Aqui pego emprestado o desktop do meu pai e equipei com mais memória(estas tive que solicitar ao trabalho), pois é mais barato pagar 2 pentes do que um PC inteiro.

Fora que não há auxílio para energia e nem internet e continuará assim caso o remoto continue pós pandemia.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Verdade Mario. Então de onde estaria vindo a aplicação de ML no spider Miles Morales… Do GE? Se for, aí se confirmaria ser uma unidade hardware que faz mais do que imaginávamos… Mas tb foi referido por Dev que o tempest é excelente pra IA. Pode vir dele TB…

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Sim. Só estou intrigado da onde vem o ML de Miles Morales… Pois se não atingiu performances, não foi da gpu ao que parece. Então sobraria o tempest e o GE, se esse realmente for um hardware, e aí estaria fazendo mais do que imaginávamos.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Eu tenho certeza que a Microsoft lucra com windows, pacote office e Azure hoje. A divisão Xbox deve dar prejuízos, que não são pequenos. Mas é a aposta principal dela no momento né? Tornar a indústria um caos. Ela está sangrando para fazer sangrar a concorrência.

Francis
Francis
Responder a  Sparrow81
6 meses atrás

Você disse que as maiores franquias da Microsoft despencaram por causa do Xbox Game Pass, mas Forza Horizon 4 que foi o primeiro da série a entrar no Xbox Game Pass foi o Forza Horizon mais bem avaliado no Xbox e o com mais conteúdo, Gears 5 tem uma campanha bem maior que a do 4 e vejo que está recebendo mais conteúdo e Halo Infinite apesar das polêmicas teve melhorias visuais depois da demo e promete ser o maior Halo.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  nETTo
6 meses atrás

Está no top 3 pq só existem 3 hahaha. Eu acho que o gamepass não é um bom negócio não , quem diz isso é pq só está na teoria e nunca usou de verdade. Eu paguei mais de um ano e quase não joguei nada. Mais vale gastar esse dinheiro nas promoções e comprar jogos que a gente realmente quer jogar do que ficar pagando todo mês sem jogar nada , apenas pra dizer que tem muitas possibilidades.

Edson Nill
Edson Nill
Responder a  Felipe Horvath
6 meses atrás

Vc pagou e não jogou? Parabéns, pois vc é o cliente que a MS quer fisgar. Rsrsrsrs

Edson Nill
Edson Nill
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Por 1 ano? Rs

Rodrigo
Rodrigo
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Dê uma chance a esse excelente jogo Mário. Mass Effect Andrômeda é um dos games mais injustiçados dessa geração. Eu não peguei ele no lançamento, pelo visto um dos motivos de ele ser muito criticado é que foi lançado com uma montanha de bugs, mas foram corrigidos. Tem uma ótima história principal, as missões de lealdade e relacionamento são o ponto alto. Tem vários mundos vastos, muitas missões secundárias, para quem gosta de um bom RPG de exploração. Os diálogos são ótimos. É uma chance de ver a Frostbite Engine no seu melhor, principalmente na versão PC. Claro que isso é só uma sugestão minha, eu não sei se você gosta da série Mass Effect. Eu gostei muito.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Edson Nill
6 meses atrás

Pois é , assinei pensando que jogaria muito , mas nada me agradou quase. Hj em dia prefiro comprar os jogos que me interessam.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Hiago
6 meses atrás

O importante é que dia 30 estaremos jogando Returnal , enquanto a caixarada vai ficar no MLB o resto do ano. Hahaha

Francis
Francis
Responder a  Felipe Horvath
6 meses atrás

Pelo seu comentário, dá para perceber que você achou o Xbox Game Pass ruim por não gostar do Xbox, não por achar o serviço ruim, pois resumir o serviço ao MLB já mostra seu erro, além que é estranho você estar querendo diminuir um jogo desenvolvido pela Sony.

Daniel Torres
Daniel Torres
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Olha como eu tonha falado antes, eu tinha parado de participar aqui, mas perante uma notícia dessas me vi na obrigação de comentar.

O nome apropriado para esta nova gestão da Sony é prostituta, pois abre as pernas para qualquer dinheiro que entra. Tá ai mais uma prova da incompetência de Jim Ryan e do quanto a Sony está arrogante e despreocupada com a sua marca.
Eu duvido que nos tempos do Ps3 e até do Ps4 a Sony se quer teria permitido a MLB tirar a exclusividade dela.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Daniel Torres
6 meses atrás

Pq tinha parado de participar ?

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Felipe Horvath
6 meses atrás

Em resumo, por causa de algumas pessoas aqui do site que defedem a Sony fortemente e qualquer um que comente algo que não seja a favor ficam debochando ou tirando por menos e isso acabou me cansando.

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Se você pensa assim Mário ok, mas para mim o termo correto é exatamente esse prostituta e a Microsoft tem meus parabéns por esta manobra, tudo que é notícia a respeito da Sony só tem uma coisa em comum aumentar receitas e só isso, por isso que uso o termo prostituta.

Sempre tive um imenso respeito por ti e se acha que com meu comentário de alguma forma te ofendi, sinta-se livre para excluir meu comentário, não ficarei ofendido de nenhuma forma.

Livio
Livio
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Como já citei, sobre este caso, em comentários em um outro artigo.

É um caso que não me preocupa, isso não vai levar os jogos PS para o Xbox. MLB não é uma IP do PS, era um exclusivo mas não pertencente a Sony. Ela somente o produz.

Agora veja a situação, MLB é uma franquia já consagrada no PS, mas no Xbox??? Até o momento ela tem 0 jogadores pois sequer o jogo foi lançado. O que a MS fez aqui é, como a franquia está estreando no lado Xbox e nesse lado não há jogadores então garante um $$ de retorno à MLB, disponibiliza day one no GamePass com valor baixo(€10,00 segundo o artigo), muitos que não comprariam se o jogo não estive no serviço irão testar e provavelmente irão gostar. Na minha visão o que a MS está a fazer aqui é o mesmo que a Sony fez com Rocket League e Fall Guys, a diferença é que nesses jogos a desenvolvedora era pequena(na época), no caso do MLB ela terceirizou de uma grande, a SanDiego.

Em nada garante que MLB2022 sairá day one no gamepass, se por acaso sair e a San Diego ainda continuar a ser a desenvolvedora então a Sony deve ainda achar vantagem nesse negócio.

Será que a MLB correrá o risco de perder uma desenvolvedora com experiência no jogo para ir atrás de outra com a possibilidade de que jogos futuros caiam de qualidade e aceitação?? A franquia MLB é diferente do caso da F1(e ainda tinha outro esporte que a Sony detinha os direitos de produção do jogo), com a MLB a franquia aparenta evoluir a cada ano, com os antigos F1 eu não via evolução, podem acreditar, o F1, durante a época que “era da Sony”, que ainda me traz boas memórias é o F1 de 1996, o primeiro que apareceu no PS1 e que era desenvolvida pela Psygnosis(na época nem da sony era e parece ter sido adquirida depois)

Para finalizar ainda há muito a se detalhar, ou não já que são decisões empresariais. Como não há certezas e tudo vai para o especulativo quem não garante que, após a Sony aceitar que o jogo seja multi, as receitas de venda e DLC (se existir, não sei) do jogo aumente para as unidades vendidas na plataforma PS?? Ainda acho que a Sony sabia disso e não “largou o osso” por ainda achar vantagem neste negócio.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Livio
6 meses atrás

Vale ressaltar que comprar por 70 dólares NÃO é igual ALUGAR por 10 dólares/mês na gamepass né? Isso também tem que ser levado em conta. O jogo pode muito bem ficar disponível alguns meses no gamepass e depois sumir.

Livio
Livio
Responder a  Sparrow81
6 meses atrás

Sim, por isso não vejo com alarde esta notícia. O jogo pode simplesmente sair do catálogo 2 meses depois. Bem lembrado!

Um outro ponto que você citou, a assinatura mensal, se por acaso quem ainda não tem PS5, gosta do jogo e vai optar pelo Series X devido o preço baixo no GamePass, vai pagar muito mais que 70 dólares, supondo que o jogo fique 1 ano no catálogo.

Daí fica as opções:

  • Paga 10 dólares por mês com a possibilidade do jogo sair a qualquer momento e ser obrigado a comprar o jogo, caso seja fã da franquia;
  • Paga mais de 70 dólares caso o jogo fique por mais de 7 meses no serviço.
Livio
Livio
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Não esqueci, mas jogas os 200? Se jogar a metade disso terás aproveitado o MLB por completo?? Se sim quero essa dica de pausa no tempo.

Meu exemplo vai para queles que decidiram ir de Series devido a oferta de preço baixo do GP

Livio
Livio
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Não digo que sou parte da maioria ou se da minoria, é uma incógnita, mas eu quando foco em um jogo eu não desvio a atenção para nenhum outro.

Há tempos que o meu jogo principal é GTSport, lobby e campeonatos com conhecidos sendo que aqui tenho um Ghost of Tsushima a jogar, um Heavenly Sword(PS3) já no último boss e dentre outros jogos, mas o foco é o GT(nem a campanha dele eu fechei) e quando ligo já é para treinar para os campeonatos, então assim como eu devem existir pessoas a jogar só MLB, se assinar GP devido o preço dificilmente vai jogar outro game e vai acabar assinando um serviço que no fim das contas vai sair no mesmo preço do que adquiri-lo no PS.

Edson Nill
Edson Nill
Responder a  Livio
6 meses atrás

Costumam ficar 6 meses no catálogo, com algumas exceções ficando menos como Gta 5 e RDR2.

Sephirot
Sephirot
Responder a  Sparrow81
6 meses atrás

Esse argumento não funciona, você tem que levar em consideração que em uma plataforma vc tem a opção de aproveitar o jogo em duas formas, uma através de um serviço razoavelmente barato, e através da compra tradicional, e na outra plataforma só existe a opção de adquirir o produto, então uma plataforma acaba por apresentar uma oferta superior a da outra.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Sephirot
6 meses atrás

Eu tenho a plus a mais de 2 anos. Com os jogos ofertados lá durante esses dois anos lhe garanto que bate o gamepass em qualidade e TB não tenho nem tempo para jogar tudo, NINGUEM tem. Entre um serviço que vem entregando jogos de alta qualidade mensalmente e outro que é de aluguel, com 70% dos jogos a serem indies ou AA e que nem sei quanto tempo vai estar disponível, fico com a plus por 150,00 reais/ano.

Deto
Deto
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

sem esquecer que é um jogo anual de esporte

pq vc vai querer comprar esse jogo por 70USD se pode alugar por um ano por 1 real até a versão 2022 ser lançada?

Edson Nill
Edson Nill
Responder a  Sparrow81
6 meses atrás

Andresão, porém há outros pontos perigosos que vc não está levando em consideração. O primeiro ponto é o que o Mário falou: o pós pandemia mostrará um mundo com crise econômica, com muito desemprego e queda do poder aquisitivo e as declarações do Phil Spencer soa bem aos ouvidos mais desatentos, pois o mesmo fala que se vc quer um mercado maior, vc tem que deixar o jogo mais acessível e não menos acessível ( Quando ele disse isso, estava respondendo a uma pergunta do repórter sobre o fato do Jim Ryan defender o aumento dos jogos e que jogo custa caro para ir para uma assinatura) ou seja, ele claramente o coloca como o bonzinho pró consumidor contra a ” maléfica” Sony que quer tomar todo seu dinheiro. Ai agora vem o outriders e o Beisebol para o game pass day one. Sim, o primeiro é um game medíocre, mas está custando uma fortuna no PlayStation, enquanto o segundo vendia 1 milhão, 1 milhão e meio só no PlayStation, além de possuir altas notas no metacritic. Eu sei que comprar um jogo é melhor do que alugar, porém vc esquece que um jogo desses no gamepass, o cara assina o serviço, joga o game fazendo seu progresso e caso ele queira comprar, esse jogo sairá do gamepass com promoção e ele certamente irá comprar no xbox, pq todo seu progresso foi construído ali! A MS está sendo agressiva como jamais foi na divisão xbox, pois pela primeira vez, ela tem a ” benção” do presidente da empresa que está comprando todas as ideias de Phil Spencer ( Lembrando que devem estar gostando do trabalho do Phil, pois o mesmo foi promovido). Isso é um perigo real e se já estão fazendo todo esse alarde com outriders, MBL, imagine quanto os games da Zenimax, além dos outros exclusivos aparecerem day one no gamepass, enquanto a Sony está cobrando 70 dólares em Returnal( nada contra o jogo, mas por 70 dólares, acho que não venderá bem) A MS está cagando para o console Xbox, ela está pensando a frente e pensar a frente é arrebentar o conceito clássico do mercado. Ah! Quanto as vendas do Series, elas não estão ruins, mas a MS tem um problema real com abastecimento do series X, acima até da Sony com o ps5. Provavelmente o ps5 venderá mais que o series, mas ainda é prematuro tirarmos conclusões, pois o mundo está ao avesso e faltam consoles no mercado a ponto de mascarar qualquer previsão.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Edson Nill
6 meses atrás

Entao, Edson. Eu entendo seu medo… Porém, como já respondido ao Mário, não acredito que ela consiga fisgar quem tá acostumado de beber da fonte de triple A de alta qualidade e grande orçamento… A qualidade dos games da Microsoft vem despencando para se colocar no gamepass day one e o público que gosta de qualidade não é tão desatento assim. Sabe o que é jogar um God of War, Uncharted, The last of us 2, Spider-man, Horizon: Zero Dawn… E tem certeza que esses são ofertas superiores ao que tem hoje no Xbox. Quem fica jogando multiplayer infinito é outro público. O público de triple A mesmo somos nós.., os que gostam de um belo single player, com um fator replay absurdo. Então são jogos que duram a geração ou até mais, com pessoas sempre voltando a joga-los, nem que seja por puro saudosismo.

Edson Nill
Edson Nill
Responder a  Sparrow81
6 meses atrás

Meu medo é que nós somos de uma geração diferente, inclusive essa geração que sempre bancou jogos de qualidade, tanto no play quanto na Nintendo, mas há uma nova geração de clientes e essa turma não costuma valorizar tantos os jogos bons, limitando-se a jogos multiplayers intermináveis.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Edson Nill
6 meses atrás

Toda geração amadurece, Edson… Não espere Kids com 15 anos de hoje, que jogam multiplayer infinito, daqui mais 15 anos se contentando com isso… O ser humano evolui, pelo menos a maioria. Então o que vejo é que o público de triple A de qualidade aumentou na geração passada, só vermos os números de vendas desses (mais de 145 milhões de unidades em 3 anos, no caso dos exclusivos PlayStation). É um público aumentando e não diminuindo.

Livio
Livio
Responder a  Sparrow81
6 meses atrás

Não confiaria muito com uma geração a acreditar em terra plana, que vacina mata e que repete o que a história mostra que dei errado no passado.

Infelizmente a internet fez aparecer essa galera. Se confiam em uma única pessoa e aceitam tudo desta.

Edson Nill
Edson Nill
Responder a  Livio
6 meses atrás

Exatamente, Lívio! Fim do tempo isso, meu Deus!

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Livio
6 meses atrás

Tempos difíceis….

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Edson Nill
6 meses atrás

Cara , pelos gráficos que vi ontem , os Xbox séries venderam 4.2 milhões , enquanto a Sony vendeu 6 milhões de ps5. Desses 4.2 milhões a metade deve ser de séries x , ou seja , a Sony é a maioria total quando se fala de hardware verdadeiramente de nova geração. Fico pensando se compensa as empresas capricharem na otimização para o séries x.

Edson Nill
Edson Nill
Responder a  Felipe Horvath
6 meses atrás

Creio que seja mais o series S, Felipe! A escassez do Series X é absurda, chegando a fazer com que o ps5 pareça estar em normalidade de estoque. Rsrsrs

nETTo
nETTo
Responder a  Edson Nill
6 meses atrás

Outro dia o PS5 entrou em estoque na Amazon, do momento que eu recebi o aviso no App até o momento em que tentei finalizar a compra foram exatos 1 min, e nesse período todo o estoque acabou.

As pessoas conseguem comprar e depois anunciam na própria Amazon por valores muito acima, 6800 a 7000 mil reais e estes anúncios vendem ainda sim.

Já com o XSX vejo na mesma Amazon anúncios também com preços abusivos, mas estes não vingam em vendas, não pelo menos nestes 4 dias que tenho monitorado.

Deto
Deto
Responder a  nETTo
6 meses atrás

tive sorte e comprei na pré venda.

aposto que a demanda agora, digo a quantidade de gente querendo comprar por quantidade disponível para venda, é muito maior

pessoal nem deu muita bola para a pré venda, “compro quando tiver disponivel”

aposto que se fosse hoje, impossível conseguir o PS5 Digital por 3.9k igual eu consegui.

Edson Nill
Edson Nill
Responder a  nETTo
6 meses atrás

Será, Deto? Eu não tenho dúvidas que o ps5 venderá mais que os Series, mas realmente não vejo muitos Series X à venda, mas confesso que não procuro muito tbm.rsrs

Livio
Livio
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

E confirma se ela foi ingênua?? Ela sabendo ou não da possibilidade do jogo no gamepass day one nunca iremos saber, a resposta poderá sair nos próximos dias, se ela continuar a desenvolver o MLB ela não foi ingênua, se desistir da franquia então ela foi.

Livio
Livio
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

E o problema é esse, ninguém tem posse dos dados, se na época da renovação que tornou o jogo multi já se tivesse conhecimento de que poderia ir ao GamePass a Sony teria sido ingênua??

Eu creio que ela sabia que iria ocorrer, com certeza ela deu contraproposta do acordo, não foi só assim:

MLB: O jogo agora é multi
Sony: OK então.

E mesmo sabendo que o jogo partiria do 0 na concorrência ela provavelmente costurou o contrato a favor dela, é uma possibilidade que diante deste cenário ela tenha conquistado em acordo valores maiores de receita nos jogos vendidos na plataforma PS, onde até o momento concentra todos os admiradores deste jogo e ter deixado a plataforma Xbox responsável por retornar as receitas para a MLB, que tem 0 jogadores e aqui é uma boa justificativa da MLB ter acordado o jogo day One no GP, já garantiria um valor de retorno.

Ninguém sabe o que teve neste contrato de renovação, muitos estão a criticar o jogo a 70 euros na plataforma PS e de 1 a 10 dólares na plataforma Xbox, sendo que neste contrato de renovação a Sony esteja a ganhar mesmo com 70 dolares em sua plataforma.

Enfim, como o Mário sempre fala e citou há poucos dias, empresas não são mães e te dar paẽzinhos todos os dias

Livio
Livio
Responder a  Livio
6 meses atrás

Afinal vocês estão se pilhando demais, um jogo cuja IP não é da Sony e o o nome só está envolvido porque foi uma das suas Devs a desenvolver, a pergunta que fica é:

Quem daqui compra e joga anualmente este jogo? Recebi na Plus e nunca baixei.

Agora sim, ficaria com muita raiva se fosse uma IP da Sony, mesmo que fosse Knack ou The Order, porque as IPs da Sony tem sinônimo de exclusividade(embora alguns já não tenham) e sair na concorrência seria o motivo de investir em outra coisa o dinheiro destinado ao PS5.

Livio
Livio
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Em um lado custa 70 euros e no outro 1 euro. A própria Sony costuma a fazer promoções para quem não é assinante da Plus enquanto os que ali estão pagam full price.

Tantos outros setores fazem o mesmo para atrair novo consumidores, embora aqui no Br há leis que todos os usuários devam ter acesso as mesma promoções, inclusive aqueles que já tem a assinatura, algo que afetou em cheio as provedora de internet que ofertavam melhores planos para os novos e os atuais com ofertas piores.

Um lado custa 70 e outro 1 mas se esquecem que o jogo não é da Sony, ela não tem poder para isso, logo a reclamação deveria ir para a MLB. A Sony somente desenvolveu, se foi paga para isso ou se a receita de venda na plataforma PS for a forma de pagamento o problema é entre eles.

San Diego deveria poupar e focar em outros jogos, mas qual jogos??? https://pt.wikipedia.org/wiki/SIE_San_Diego_Studio

Pela lista aí do link, se MLB sair das mãos deles esse Studio se assemelha a Japan Studios(segundo alguns, para mim Japan tem mais valor que San Diego), nada que preste nos últimos anos, motivo para fechar.

nETTo
nETTo
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Penso eu que como agora o game virou multi, todos os custos de desenvolvimento estão com a MLB, e assim sendo, com a IP e custos sob sua tutela e a Microsoft já de cara oferecendo uma grana pra lançar no Gamepass, nada mais natural.

Alguns podem ficar com raiva, de minha parte isso não influencia em nada em minhas escolhas visto que eu já ganhei na Plus 2 versões deste game e apesar de resgatar nunca baixei porque não é do meu interesse.

Mais a uma situação caricata rolando com tudo isso aí, os mais fanboys, falo do gado que segue os pastores aqui no Brasil, tá jurando de pés juntos que a Sony abriu a porteira e assim como o PC vai por seus jogos no Xbox hehehe

Deto
Deto
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

“abaixa d+, acaba mostra a bunda”

se rebaixou em aceitar fazer jogos para xbox, usando seu próprio estúdio.
agora não reclama de estar mostrando a bunda.

no minimo deveria ter mandado o MBL contratar um estúdio para fazer o port do jogo.

daqui a pouco a MS vai em cima da Disney dona da Marvel e ai o palhaço Ryan vai botar a insonminiac fazer Spiderman para xbox e a MS comprar o jogo day one no gamepass tb?

Cancela o jogo, muda o nome dos jogadores e do jogo e lança somente no PS5.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Deto
6 meses atrás

Concordo com você , por mais que venham com milhões de explicações , eu ainda acho isso uma humilhação pra marca Playstation. Sou fã da marca e fiquei puto da Sony ter dado margem prós caixistas zoarem com a nossa cara. Se isso é fanatismo ? Pode se que seja , mas me permito isso nessa área de hobbies.

By-mission
By-mission
Responder a  Felipe Horvath
6 meses atrás

A questão toda são o precedentes..

Primeiro a Sony nunca tinha lançado um exclusivo para PC agora qualquer jogo pode ser lançado pois o “only on Playstation” é igual a nada.

Antes a Sony nunca tinha lançado um jogo de seus estúdios em uma plataforma Xbox, e agora põe tudo e todos no mesmo saco, a Marvel com o dinheiro da Microsoft pode simplesmente obrigar a Sony a lançar Spyderman na Xbox!

Ao contrário do que muita gente pensa a Sony tem os direitos do aranha no cinema, mas nos vídeo games a história é outra.. A Disney não fez nenhuma questão ainda por que simplesmente é melhor 30% de alguma coisa do que 100% de nada e querendo ou não o jogo foi um tremendo sucesso..

Basta um chefão da Microsoft começar negociar com a Disney que rápidinho o Aranha vai para o GamePass.. O único obstáculo aqui é o DINHEIRO esse que para a Microsoft é infinito…

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  By-mission
6 meses atrás

Por mais que o dinheiro da Microsoft seja infinito , o Satya Nadella não vai ficar perdendo dinheiro pra sempre em algo que não funciona. O gamepass não vai emplacar nunca , pois tem quantidade , mas não qualidade. Por mais que a Microsoft tenha adquirido muitos estúdios , os únicos que prestam são a Ninja Theory e ID software.

Ewertom
Ewertom
Responder a  Felipe Horvath
6 meses atrás

Se não tem Xbox,isso ta claro,tem muita qualidade no game pass amigo.Sério mesmo,recomendo dar uma olhada.

Deto
Deto
Responder a  By-mission
6 meses atrás

pois é, como eu falei aqui.

daqui a pouco o Nadella fica amigo do CEO da Disney… e que o palhaço Ryan vai fazer?

botar a insomniac fazer port do spiderman para xbox igual esta fazendo o Sam Diego fazer do MBL para xbox?

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Deto
6 meses atrás

Acho que seria uma escolha da Sony desenvolver ou não… Não acho que a Sony aceitaria colocar a insomniac pra desenvolver um jogo pra xbox , mais fácil desistir da IP e mandar pra uma dev 3rd party.

Deto
Deto
Responder a  Felipe Horvath
6 meses atrás

se não desistiu do MLB?

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Deto
6 meses atrás

A questão do spider é MUITO diferente. Acho que vocês estão exagerando nessa e não pouco.
O Spider nos cinemas é da Sony, e pelo interesse em ambas fazerem parcerias em filmes se dá a exclusividade do Spider nos jogos para a Sony. É uma questão que uma precisa da outra. E a Sony NUNCA vai largar de ser dona nos cinemas do herói mais popular do mundo, esquece.

Deto
Deto
Responder a  Felipe Horvath
6 meses atrás

não tem nada de fanboy zoar…

primeiro que eles nem jogam esse jogo ai.

a questão é que a Sony foi feita de boba.

vai produzir um jogo para ser melhor de jogar na plataforma da concorrência.

nem a MS fez isso… lança os jogos no PC pq mesmo que ela não ganhe dinheiro por aplicativos rodando no windows, o windows é dela

Gervas69
Gervas69
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Pelo tipo de jogo que é, será apenas a Xbox a tentar recuperar algum mercado em casa.
Apesar de ser um estúdio da Sony a produzir foi um jogo encomendado e em que a Sony está completamente alheia ao caso.
Mas realmente é uma facada para os fans da franchise e que tenham PlayStation.
Agora imaginem se é um FIFA ou GTA.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Gervas69
6 meses atrás

Existem duas possibilidades :

1) A Sony ter licenciado a marca MLB e ter arcado com todos os custos de desenvolvimento.

2) A MLB ter encomendado o jogo pra Sony , tendo a própria MLB arcado com os custos de desenvolvimento.

Se o que aconteceu foi a primeira opção , então a Sony já sabia de antemão que o jogo sairia no gamepass. Se a realidade for a segunda opção , há uma possibilidade da Sony ter sido passada pra trás mesmo.

Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Continua a haver uma diferença…quem paga 70€ pelo jogo fica proprietario do jogo para sempre….através do gamepass não é proprietario de nada…só ar

nETTo
nETTo
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

As pessoas as vezes esquecem deste “pequeno” detalhe kkk

Gervas69
Gervas69
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Apenas para refutar um pouco as contas, se você gastar 2000 € em game pass, tem acesso ao serviço por + de 11 anos, mesmo que gaste o mesmo valor no mesmo período de tempo em jogos no final o valor dos jogos não é de 2000€ apesar de os ter gasto.
O exemplo da casa se calhar não se adequa bem, será mais comparável a um carro.
O game pass compensa para quem joga regularmente, no meu caso compensa porque tenho filhos e eles apesar de jogarem maioritariamente fortnite também jogam outros jogos, o meu filho mais velho terminou á pouco tempo o Jedi fallew order e começou o Outriders, eu tenho jogado o wreckfest e o dayz e o outro vai instalando e desinstalado jogos.
Se fosse só para mim o game pass não me compensava porque com o tempo que tenho para jogar compensa mais comprar os jogos.
Acho que estão a ver o game pass como bicho papão que não o é, mas também não é por assinar que tenho obrigatóriamente que jogar os quase 500 jogos, mas se jogar exclusivamente apenas um ou dois jogos, que pode ser o caso deste MBL compensa mais comprar o jogo, e não será por estar no game pass no dia 1 que vai deixar de vender, o que poderá acontecer é que mais gente o jogue por estar no catálogo mas que por princípio nem sequer ponderava em comprar.

Gervas69
Gervas69
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

O exemplo do carro será mais adequado, porque a casa tende a valorizar de acordo com a inflação, já o carro desvaloriza com rapidez assim como os jogos, e o game pass também tem sempre jogos novos (até agora*). Mas também não é isso que está em causa.
Tenho jogos de PC de á 20 anos, mas nem os posso jogar porque nem tenho hardware para isso, tenho um portátil que nem leitor de DVD tem e se der os jogos a alguém ainda me pagam para ficar com eles.
O game pass já tem mais de 2 anos e de início não me atraiu e da mesma forma deixo de assinar se vir que não me compensa.
Nós temos é que olhar para as nossas carteiras e ver o que nos compensa, e aproveitar enquanto é bom.

Ewertom
Ewertom
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Mas se tu gostar da casa,compra,no game pass eu vejo como uma vitrine,onde tu olha,experimenta e se tu gostar,adquiri.
Ex:eu baixei o tetris efect que estava pensando em comprar,ainda bem,jogo mediano e graças ao game pass evitei um jogo ruim
As pessoas tem que parar com esse negócio de que game pass é somente um serviço e que no fim tu somente pagou e nada tem que isso é falso.Gostou,tu tem a oportunidade de compra-lo

Livio
Livio
Responder a  Ewertom
6 meses atrás

Mas para isso a casa também deve estar à venda, nem toda casa alugada está à venda!

Andrio
Andrio
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

A sony soltou uma nota informando que a decisao de sair no gamepass foi da mlb. (Acho que todos nós já sabiamos)

Isso me parece que foi de caso pensado e que já faz um tempo entre a mlb e ms.
Sinceramente a sony amadora nesse ponto, vamos ver daqui para frente.

https://www.eurogamer.pt/articles/2021-04-07-sony-esclarece-que-foi-a-mlb-a-decidir-colocar-the-show-21-no-game-pass

error: Conteúdo protegido