Nintendo Switch – A docking Station que é, e o que deveria ser.

Olhando para a Docking Station da Nintendo Switch, é incompreensível que ela tenha o formato que tem, causando os problemas nos ecrãs que ela causa. E vendo o que realmente é útil na dock, um utilizador pôs mãos à obra e com uma impressora 3D imprimiu uma dock como ela sempre deveria ter sido.

A forma da Docking Station da Nintendo Switch é certamente incompreensível quando vemos que a mesma está completamente vazia no seu interior. A Docking no fundo não é mais do que uma parede de plásticos onde a consola entra no seu interior. Mas infelizmente, causando essas mesmas paredes problemas com o ecrã, há que se questionar porque motivo a Nintendo optou por isso, até porque poderia fazer a mesmissima coisa de forma bem mais barata.

Vamos ver a docking Station:

Esta é a Dock… No lado esquerdo vemos um led que indica ligação à TV e duas portas USB.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

Na traseira, abrindo a tampa vemos o seguinte:

Como se vê o lado maiis largo da Dock, onde está o circuito electrónico da mesma, está basicamente vazio, sendo que a electrónica se concentra no pequeno espaço ali visível.

Abrindo a dock completamente, este é o circuito impresso que existe na consola e que possui as portas USB, a porta HDMI e a ligação de energia.

Aqui vemos o circuito impresso, com os dois fios que ligam ao led e um “flat cable” que liga ao conector que se encontra no interior das duas paredes verticais da Dock e onde a consola encaixa.

Mas dados os problemas que esta concepção cria, eis a solução criada por um utilizador, usando uma impressora 3D, e que traz todas as funcionalidades da Dock, sem os inconvenientes, e a um custo bastante inferior.

O circuito entra na peça mais alta, sendo tapado por baixo com a tampa:

Eis a peça montada e a uso:

Publicidade

Posts Relacionados

Readers Comments (10)

  1. Duas portas USB 2.0 em 2017?

    Como sempre defendi, o Switch deveria ter sido mostrado e vendido como um console portátil e a Dock ser um acessório simples vendido a parte.
    O formato que a nintendo escolheu, me parece ser só para o console parecer ser mais do que realmente é. Vamos ver até onde o sucesso do console se mantém sem a necessidade de uma redução de preços.

  2. O Switch é talvez o lançamento mais desastroso de que tenho memória: nunca vi um produto ser lançado com tantos problemas, e com tão pouco valor para com o consumidor.

    Mas mesmo isto tudo diz tudo da força da marca Nintendo e do peso que os exclusivos têm na hora de vender consolas, dados os números de vendas sólidos.

    O switch é tudo aquilo que envisionei para uma possivel sucessora da Vita. Mas esperava mais qualidade e sobretudo que não herdasse os defeitos (acessórios caríssimos). Infelizmente herdou.

  3. Só eu que acho esse Switch uma piada de mau gosto?!

    • Pessoalmente o grande defeito que lhe deito é o preço, mas caso os jogos venham a ter qualidade e o suporte exista, esse será mesmo o único defeito a apontar.

      • Eu não consigo perdoar os pixéis mortos, os joycons e a dock que arranha o ecrã – são erros de design básicos e falhas no próprio funcionamento do produto em que os acessórios oficiais o danificam.

        Isto é muito, muito mau. Torna a Switch consola num daqueles produtos de terceira do tipo contrafeito.

        E numa consola portátil, de uma das maires fabricantes com um legado de respeito, e com um preço de mais de 300$ é inadmissível.

        • Acho que o switch é aquele produto que só valerá a pena após a primeira revisão de hardware. Um novo modelo de Dockstation e os joycons reforçados. Uma nova bateria também seria bem vindo, além de redução de preços.

        • Infelizmente os problemas não são só esses.
          A ausência de auriculares sem fio é vergonhosa, os 32 GB de memória são uma aberração, e há problemas com o Wi-Fi.

          Mas apesar disso tudo a consola parece estar a vender bem, ou pelo menos é essa a imagem que os media se estão a tentar esforçar por passar, e se isso acontecer a Switch pode vir a ter sucesso.

          Sinceramente não lhes desejo nem sorte nem azar, desejo apenas é que o produto justifique para todos aqueles que o querem.
          Pessoalmente não me importava de ter uma, mas eles tem de fazer porque a consola justifique.

  4. Comprei o console e ele está acima das minhas espectativas, e olha que não eram baixas.

Os comentarios estao fechados.