Nokia quer regressar ao mercado, e pode apostar no Android

Não, a Nokia não é da Microsoft. Apenas a parte maior da empresa foi adquirida sendo que a remanescente está impedida de usar a marca até 2016. Mas nessa altura a empresa planeia regressar aos mercados, e como já demonstrou, poderá apostar no Android.

nokia-pureview

A Nokia está muito, muito mal. A maior parcela da empresa foi adquirida pela Microsoft e a parte remanescente perdeu o direito a usar o seu nome Nokia.

Ora esta parte menor está actualmente a operar pelos seus próprios meios e planeia regressar ao mercado de smartphones assim que puder recuperar o nome Nokia em 2016.

Actualmente a Nokia está activa e a trabalhar com o Android. Ainda recentemente a empresa portou o HERE Maps para a plataforma android e mostra a disposição da empresa em trabalhar com a Google. O próprio Z Launcher, uma personalização do Android criada igualmente pela Nokia é outra prova disso.



Infelizmente a compra pela Microsoft obrigou a um licenciamento da marca a esta empresa (que agora até nem a usa), bem como colocou algumas restrições de uso ao que resta da Nokia. Mas em conferência a equipa da actual Nokia deixou claro que reconhece  que a sua marca é um valor acrescido e que  ainda é vista como uma marca de qualidade.

Os representantes falaram sobre o futuro da empresa, e deixaram claro que querem colocar-se novamente no mercado, independentemente do que a Microsoft diga.

A marca Nokia é muito valiosa na perspectiva do reconhecimento na área dos telefones e aparelhos móveis e . Mas para já não podemos ir por aí. 

Sabendo o que está a restringir a empresa finlandesa, é sensato acreditar que a companhia quer levar o famoso nome para seus futuros produtos e há uma grande probabilidade de smartphones Nokia com Android existirem na próxima década conforme a marca esteja disponível novamente para o uso comercial.

Ora a Nokia sabe que a sua marca é um valor acrescido e que apesar de ter perdido quota, ainda é vista como uma marca de qualidade.

Segundo várias fontes, 2016 é o ano em que a Nokia pode voltar usar novamente a sua marca e explora-la. E um Nokia Android seria algo muito bem recebido pelo público em geral.



Posts Relacionados