Noticias diversas sobre jogos para as consolas de nova geração. Tomb Raider, Dying Light e The Witcher.

Tomb Raider, Dead Island e Witcher 3. Todos tem novidades.

TR3

Tomb Raider

A Square Enix e a Crystal Dynamics anunciaram que Tomb Raider será disponibilizado para a PS4 e a XB1 no início de 2014.

A versão chamar-se-à Tomb Raider: Definitive Edition, e terá características exclusivas para as novas consolas.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

A versão Xbox One irá suportar o Kinect para mudar armas, apetrechos e navegar nos menus com a voz. Os jogadores podem ainda rodar e investigar as relíquias com gestos e “inclinando-se” sobre o mundo.

No que toca à PS4, as luzes do DualShock 4 irá alternar entre o vermelho e o laranja quando a Lara possui uma tocha na mão, e piscar a vermelho sempre que Lara é atingida.

O motor do jogo foi revisto e há mais detalhe, sendo que o novo hardware permitiu à equipa atingir a visão que sempre pretendeu.

O jogo suportará 1080p em ambas as consolas ao usar motores revistos e melhorados da antiga geração e a tecnologia TressFX para cabelos. Existirão ainda vários DLC como mapas, armas, personagens e roupas disponibilizados de raiz.

Dying Light


A Techland, produtor de Dead Island e Dying Light confirmou que a versão do seu jogo para a The PlayStation 4 (que pode ser vista no video de cima), correrá a 1080p. O produtor afirma que vai tentar a paridade nas duas versões (PS4 e XB1) com 1080p a 60 fps, mas afirma que ainda é muito cedo para poder confirmar a situação.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

O jogo será publicado pela Warner Bros. Interactive Entertainment, sendo lançado em data ainda não anunciada do ano 2014, e terá versões para a  PS4, Xbox One, Xbox 360, PlayStation 3, e PC. A WiiU está excluída do lote.

O jogo possui ciclo dia/noite, sendo que se durante o dia o jogador é o caçador, durante a noite passa a presa.

The Witcher 3


Más notícias para os possuidores da PS3 e Xbox 360. A CD Project Red ficou de tal forma fascinada com as capacidades das consolas de nova geração que acabou por decidir excluir estas duas consolas da lista de suporte.

De acordo com a equipa, a potência das novas consolas abriu novas ideias à equipa, sendo que Michal Krzeminski, designer da equipa considera a PS4 “um sonho tornado realidade no que toca a desenvolvimento de jogos”. A equipa quer criar um mundo ainda maior do que o de Withcer 2, com pelo menos o mesmo nível de detalhe, algo que parece ser bastante complexo para a PS3 e Xbox One.

Uma das ambições da equipa é criar um jogo com os melhores gráficos alguma vez vistos, referindo que esperam conseguir atingir os limites das consolas de nova geração, mas deixando claro que tal apenas será uma realidade para o nível actual de conhecimento do hardware, sendo que com o avançar dos anos várias melhorias actualmente não disponíveis passarão a ser possíveis.
Boa ou má jogada? Certamente com esta opção a equipa perderá uns valentes milhões em vendas. No entanto a equipa refere que acima de tudo se preocupa com a qualidade do produto, colocando as vendas em segundo lugar.
Publicidade

Posts Relacionados