Os jogos de 2016 para vários nomes da industria

Independentemente do que as votações mostram, os melhores jogos não são considerados os melhores por todos nós. A lista que se segue inclui os tops 5 de 2016 vindos de vários nomes da industria dos videojogos.

As listas dos top 5 melhores jogos de muitas das personalidades da indústria nem sempre batem certo com as nossas preferências. Eis aqui o top de algumas pessoas ligadas à industria e que resolveram partilhar os seus conceitos de melhores jogos do ano. E acreditem que ficarão surpreendidos com muitos deles!

Ian Dallas

Director criativo e artista da Giant Sparrow, sediada em Santa Mónica, na Califórnia, tendo trabalhado em conjunto com a Sony em jogos como The Unfinished Swan.

  1. Clustertruck
  2. Inside
  3. Superhot
  4. Firewatch
  5. Darkest Dungeon

Este top é peculiar pelo facto de não possuir um único jogo AAA no mesmo. O facto de a personalidade em causa estar igualmente ligada a uma empresa criadora de jogos Indie poderá ter pesado nas suas escolhas.



Cory Davis

Director criativo, designer e músico da Tangentlemen, trabalhou em conjunto com a Sony para Here They Lie.

  1. Inside
  2. Firewatch
  3. The Witness
  4. Final Fantasy XV
  5. Tilt Brush

Mais uma vez um produtor ligado a jogos de menores valores de produção que escolhe maioritariamente jogos dessa categoria. Final fantasy XV é a excepção aqui!

Mathijs de Jonge

Director de jogo da Guerrilla Games, estando ligado à Sony e a Horizon Zero Dawn

  1. Titanfall 2
  2. The Last Guardian
  3. Uncharted 4: A Thief’s End
  4. Severed
  5. Monster Hunter Generations

Uma escolha bem diferente das anteriores vinda de alguém ligado a jogos AAA.

Rex Dickson

Funcionário da Electronic Arts, é o Director Criativo no franchising Madden.

  1. Oculus Touch (qualquer jogo associado ao oculus)
  2. Far Cry Primal
  3. Adr1ft
  4. Legend of Heroes: Trails in the Sky SC
  5. Madden NFL 17

Curiosamente Madden, o jogo que produz, não falta na sua lista, apesar da última posição. E nem ficava bem, ou ficava?

Neil Druckmann

Director criativo na Naughty Dog envolvido em jogos como Uncharted 4 e The Last of Us

  1. The Last Guardian
  2. Inside
  3. Super Mario Run
  4. Rez Infinite
  5. Dishonored 2

Se calhar, analisando o top de Neil, Madden podia ter ficado de fora no top anterior, não?

Matt Firor

Atualmente na ZeniMax Online Studios foi um dos envolvidos na criação de The Elder Scrolls Online

  1. Firewatch
  2. Fallout 4: Far Harbor
  3. Dishonored 2
  4. FIFA 17
  5. Battlefield 1

Um Fifa??? Enfim… gostos não se discutem!

Nina Freeman

Actualmente na Fullbright , Nina é uma designer de videojogos conhecida por jogos com temas ligados à sexualidade como Cibele

  1. Soft Body
  2. Overwatch
  3. Self Love Hotel
  4. Swap Sword
  5. Makeup Madness

Enfim… Gostos. Mas um jogo de maquilhagem? Convenhamos…

Steve Gaynor

Escritor e designer, igualmente na Fullbright trabalhou em títulos como Gone Home)

  1. Quadrilateral Cowboy
  2. Firewatch
  3. Fitz Packerton
  4. Hitman
  5. The Last Guardian

Apesar de considerar que chamar a The Last Guardian uma obra prima não lhe faz justiça, uma frase com a qual concordamos, as suas primeiras escolhas fazem-nos questionar o seu conceito de bom. Mas ok, gostos são gostos!

Kazuyuki Hoshino

Trabalha na Sega na Sonic Team e esteve envolvido nos jogos de Sonic the Hedgehog

  1. Clash Royale
  2. Pokémon Go
  3. Titanfall 2
  4. Lego Dimensions
  5. Final Fantasy XV

Clash Royale? É sem dúvida um excelente jogo. Adorei-o até perceber que é apenas um sorvedouro de dinheiro! E por isso, vê-lo aqui… não me deixa de chocar um pouco!



Kazutoki Kono

Ligado à Project Aces e aos jogos Ace Combat é produtor de videojogos

  1. Dark Souls III
  2. Life Is Strange
  3. Rez Infinite
  4. Pokémon Go
  5. The Last Guardian

Drew McCoy

Produtor da Respawn Entertainment e ligado a jogos como Titanfall)

  1. Devil Daggers
  2. Doom
  3. Pokémon Go
  4. Hyper Light Drifter
  5. Ori and The Blind Forest: Definitive Edition

Mais uma vez gostos são gostos! Mas as primeiras escolhas destes senhores estão-me a dar o que pensar!

Arthur Parsons

Ligado à TT Games e a Lego Star Wars: The Force Awakens)

  1. Inside
  2. Uncharted 4: A Thief’s End
  3. Pokémon Go
  4. Ratchet & Clank
  5. Doom

Eis uma lista com a qual poderia concordar. Mas mudaria algumas coisas!

Arthur Parsons

Mais um funcionário da TT Games  e ligado a Lego Star Wars: The Force Awakens

  1. Inside
  2. Uncharted 4: A Thief’s End
  3. Pokémon Go
  4. Ratchet & Clank
  5. Doom

Tommy Refenes

Video game designer da Team Meat ligado a Super Meat Boy

  1. Doom
  2. Civilization VI
  3. The Witness
  4. Pokémon Go
  5. The Lab

Ramone Russell

Gestor de comunidade e designer de videojogos na Sony estando ligado a MLB The Show

  1. Uncharted 4: A Thief’s End
  2. Overwatch
  3. Titanfall 2
  4. XCOM 2
  5. The Witcher 3: Wild Hunt

Mais uma lista com jogos que me agradam mais… mas cada qual gosta do que gosta!

Harvey Smith

Trabalha na Arkane Studios em jogos como Dishonored

  1. XCOM 2
  2. Dark Souls III
  3. Inside
  4. Pokémon Go
  5. Adr1ft

Bruce Straley

Mais um director de videojogos que é um peso pesado, trabalhando na Naughty Dog e ligado a títulos como The Last of Us

  1. Inside
  2. Budget Cuts
  3. Thumper
  4. The Lab
  5. Grow Up

O primeiro é muito bom. O quarto até nem desgosto. Mas o resto… são os seus gostos!

Hajime Tabata

Funcionário da Square Enix, Diretor de videojogo em Final Fantasy XV)

  1. Overwatch
  2. Uncharted 4: A Thief’s End
  3. Pokémon Go
  4. Summer Lesson
  5. Civilization VI

Summer lesson?? OMG…

Tim Willits

Director criativo da id Software ligado a títulos como Doom

  1. Overwatch
  2. Titanfall 2
  3. Dishonored 2
  4. Pokémon Go
  5. Deus Ex Go

Claro gosto por shooters e jogos para telemóvel que se jogam ao andar.

Naoki Yoshida

Produtor, designer e projectista na Square Enix está ligado a títulos como Final Fantasy XIV)

  1. Overwatch
  2. World of Warcraft: Legion
  3. Uncharted 4: A Thief’s End
  4. The Last Guardian
  5. Persona 5
 Agora que viram estas listas, o que acham? Cada um tem direito aos seus gostos, mas dado que são estes senhores que vão produzir muito do que vamos jogar no futuro, acham que a coisa está bem entregue?
Torna-se claro que os títulos AAA não abundam por aqui como se poderia esperar, e que os Indies aparecem em força!
Respondam nos comentários!


Posts Relacionados