Os melhores gráficos desta geração, e o motivo porque Uncharted 4 está acima deles

A presente geração apresentou já proezas gráficas. Mas jogos que unam essas proezas com excelente jogabilidade, só mesmo Uncharted 4!

As análises a Uncharted 4 não deixam mentir. O jogo é considerado pelos melhores websites como uma Obra Prima, com um grafismo e uma jogabilidade combinadas como nenhum jogo fez até agora.

É o primeiro jogo desta geração que combina uma apresentação audiovisual de elevadíssima qualidade com aquilo que é um grande jogo e uma grande jogabilidade.

Eis uma lista dos jogos que melhores gráficos apresentaram na presente geração, e os motivos pelos quais, estes falharam:

Ryse: Son of Rome

Rise-son-of-rome-2

Rise-2

Rise: Son of Rome foi um dos jogos de lançamento da Xbox One, e gráficamente impressionou para a época. Apesar de o jogo até ser satisfatório, o mesmo peca em vários sentidos. A sua jogabilidade revela-se apenas mediocre, e acima de tudo, extremamente repetitiva. A versão consola possui ainda problemas de performance, que foram resolvidas na versão PC, e muitas das cutscenes são apenas video. Contudo os problemas básicos ligados à concepção do jogo, esses não se alteraram. O ponto alto do jogo é a estória!

inFamous Second Son

infa-1

infa-2

inFamous Second Son foi igualmente graficamente impressionante. Mas infelizmente a jogabilidade não era verdadeiramente digna de destaques. Não havia ali verdadeiramente nada de original, ou mesmo de novo. Passou por isso como apenas um bom jogo, com um bom grafismo, mas sem se destacar.

DriveClub

Driveclub-1

Um portento gráfico que se tornou mais tarde naquilo que deveria ter sido logo no seu lançamento. No entanto os vários problemas com o jogo levaram a que o mesmo demorasse larguíssimos meses a reparar os seus problemas. E somente após esse tempo os efeitos atmosféricos, um dos pontos altos do jogo, é que foram adicionados. Falhou em revelar-se num grande jogo, e quando se tornou nisso mesmo, o seu timming já tinha passado.

The Order 1886

Order

Theorder


Graficamente um dos melhores jogos de sempre, tendo arrebatado vários prémios pelo seu grafismo. Mas o ritmo impresso ao jogo variava tremendamente, os encontros com os inimigos eram algo decepcionantes e os combates com os bosses eram apenas sequencias quick time. O fim deixa a história completamente no ar, ajudando ainda mais a criar a ideia de insatisfação. Apesar das falhas não deixava de ser um jogo agradável, mas criticado por muitos e mal aceite pelo mercado.

Star Wars Battlefront

SW3

SW8

A proeza de Star Wars Battlefront não estava só no seu grafismo, mas nas performances obtidas com ele, pois apesar de todo o detalhe gráfico e efeitos, o jogo corre a 60 fps.

No entanto a falta de conteúdo, a jogabilidade simplificada face a outros shooters, a falta de interacção com os cenários, e a ausência de modos offline mais variados e um modo campanha, tornaram o mesmo num jogo que agradava mais aos fans do que outra coisa. É o melhor jogo Star Wars até hoje criado, e o primeiro a transportar-nos de forma realista para dentro daquilo que durante anos foi um universo de fantasia, mas isso, face ao referido anteriormente, não foi suficiente para o tornar o sucesso estrondoso que poderia ter sido.

Quantum Break

QB1

QB2

Quantum Break é outro colosso gráfico e possui a aplicação de tecnologias inovadoras. A sua jogabilidade no entanto, apesar de divertida nunca chega a ser excepcional, e até poderia ser. As cutscenes misturadas com a série TV é uma novidade, mas na prática a série não traz verdadeiramente nada de novo. Algumas bugs gráficas e picos de qualidade diferentes em diversos aspectos e pormenores acabam por lhe tirar um pouco do brilho. É um bom jogo, mas não um jogo excepcional!

Uncharted 4

 UC1

UC2

Uncharted 4 não baterá os restantes jogos em todos os pontos do aspecto gráfico, e não é livre de situações menos conseguidas e que poderíamos apontar como defeitos. No entanto o polimento, o nível de detalhe, a captura de movimentos e a forma como eles se encadeiam, a quantidade de efeito, qualidade de modelações, associados a uma jogabilidade melhorada face a algo que já era considerado como muito bom, tornam este jogo no primeiro grande jogo desta geração, e o primeiro a conseguir complementar com o peso certo todos os componentes que definem efetivamente uma nova fasquia de qualidade a ser atingida. E daí as avaliações maioritária mente 10/10.

Estamos por isso ansiosos por o terminar e assim, com a experiência total testada, fazer a nossa análise.

Publicidade

Posts Relacionados

Readers Comments (29)

  1. Concordo que o Uncharted 4 é um bom jogo, já o estou a jogar e estou um pouco desiludido (não me interpretem mal, o melhor jogo que joguei esta geração) , pois depois do TLOU e com algumas pessoas da ND a dizer que o U4 tinha muita inspiração do TLOU estava á espera de algo mais inovador…a ND utilizou a mesma formula de sempre e não arriscou quase nada…neste momento a minha maior expectativa já está voltada para o TLOU2 onde a ND pode, deve e vai concerteza fazer magia

    • Poxa Vitor para vc o defeito o defeito do jogo é o fato de ser uncharted. Como assim? Querias jogar The Last of Us e não Uncharted? Acima de todas as novidades o jogo tem que manter sua essência, não se reinventa a roda no quarto jogo da série. Então não se pegue nisto Uncharted é Uncharted e TLoU é TLoU.

      • Pois é, não da pra comparar os 2 jogos. E como já li acho que aqui mesmo na pcmanias, a ND conseguiu atingir algo tão grande em TLoU que será dificil de alcançar novamente.
        Outra coisa, Uncharted tem o seu estilo de jogo, e pra mim ele ta cumprindo e superando os antigos.

        Ps: Hahaha, deram nota 4 para o jogo no metacritic.

    • Querias algo mais inovador???
      Queres mais inovação que elevar os standards e fasquia de como deve ser feito um videojogo?
      Tem uma jogabilidade muito melhorada com novas mecânicas, o melhor grafismo de sempre, uma atenção ao detalhe como nunca visto, um nível de polimento raro nos dias de hoje, uma longevidade igualmente exemplar e uma historia que de facto é boa, e tu dizes que não inova, ou então o teu conceito de inovação é muito, mas muito diferente do meu, e se não percebes a inspiração em TLOU, então não sei se estamos a falar do mesmo jogo.

      Também não percebo como é que um jogo que te desilude, é igualmente para ti o melhor jogo desta geração, porque se para ti a magia fica para a próxima, então das duas uma, ou vivemos ambos em mundos muito diferentes ou então és muito fino.

  2. Já o acabei e fiquei absolutamente maravilhado, apesar de ter expectativas muito elevadas, nada me preparou para isto, para esta excelência com que a ND me brindou, estes senhores estão de facto não um mas uns passos à frente de toda a gente na industria, até me dá arrepios só de pensar no que eles vão fazer no TLOU2, porque se já conseguiram isto no seu primeiro jogo para o sistema, imagino com toda a experiência acumulada na bagagem.

    Para mim esta geração começou agora!

  3. Estou entrando na Escócia, parece que é o oitavo capítulo, mas perdoando estes pequenos spoilers, não achei tão incrível o começo, mas depois… Grafismos incríveis, estória que está me prendendo como nenhum game jamais ousou em me prender. A Nd fez uma obra prima, e como José Galvão disse. Não consigo nem imaginar o que será um The Last of Us 2.

    • Prepara-te pois ainda não viste nada, e tenta não derramar aquela lágrima mais para o final.

  4. Além desses jogos citados, eu colocaria também o The Wicher 3 e The Division como exemplos de grandes gráficos dessa geração, mesmo que tenham sofrido algum downgrade em relação a revelação inicial.

    Em Uncharted 4, estou na fase em que os personagens chegam em uma ilha.Mesmo com um problema aqui e outro ali, de fato é um dos gráficos mais impressionantes que já vi em um jogo. A jogabilidade foi muito melhorada, e o jogo ganhou bastante com mapas mais abertos.Mal espero ver como termina tudo isso. Sério candidato ao Goty 2016.

  5. Pra mim a geração começou agora com Quantum Break e Uncharted 4, infelizmente esses rumores de consoles melhorados vindo aí…

  6. Uncharted fechou o ciclo do PS4 original, quem quiser ter e ver a nova experiência da Naugthy Dog, que pague pelo novo PS4 NEO, pois de agora em diante vai ser assim. A sony e os estúdios perdiam tempo e dinheiro em otimizar motor gráfico e API, essa conta agora é nossa uma vez que teremos que comprar Hardware novo mais potente, ao invés deles trabalharem bem os produtos. Essa geração vai ser a pior de todas desde a nintendo 8bit que eu comecei.

    • Estás a especular!
      Não te estás a basear em qualquer dado oficial ou sequer rumor, mas apenas a dar a tua opinião!
      De momento só há rumores, mas o que há não aponta nesse sentido!

      • Mário estás sendo romantico, só uma pessoa tola não (que não é o seu caso) vê que a nova realidade será essa ou vc acha que a sony e os estúdios vão falar abertamente que é muito mais lucrativo vender novos hardware que otimizar os antigos.

        • Não Edinho. Não vejo a coisa assim, e chama-me tolo se quiseres.
          O que eu vejo é uma empresa que ainda não está totalmente fora do risco de colapso financeiro e que tem forçosamente de ter a consciência de que criar atritos com as pessoas que a sustentam será mau para si.
          Por isso, a não ser que estejamos a lidar com idiotas, e nesse caso tudo o que penso deixará de fazer sentido, leva-me a crer que as regras que surgiram como rumores serão 100% verdadeiras, e que a Neo, a ser verdadeira, será apenas uma alternativa à PS4, mas nunca uma ameaça.
          Mas como disse, isto acreditando que não estamos a lidar com idiotas.

    • Se os rumores se concretizarem concordo com voce EDINHO, e achar que o Play 4 original será usado como base para os futuros lançamentos é tampar o Sol com peneira, ou querer se enganar, mas vamos esperar e ver se os rumores são verdadeiros.

      • Pois é cara isso é maior sacanagem com nós gamers a $ony foi esperta vendeu um hardware mais ou menos para depois vender o top de linha eles fracionaram o produto, pois assim eles poderiam medir a temperatura mercado sem correr o risco de perder grana ao inves de lançarem o produto melhor com maior preço.

  7. Me desculpem, mas acho que vou gerar uma pequena polêmica aqui… Estou achando os gráficos do jogo excepcionais, sem dúvidas o melhor nessa geração de consoles. Além disso, o game em si é muito bom de jogar,e repito:É um grande candidato ao Goty…

    MAS…Vocês acham que aquele gráfico da E3 2014 foi alcançado, mesmo nas cutscenes?… Pra mim, chegou perto, mas não igual…porém as expressões facial e corporal até melhoraram no jogo final…

    Eu tenho o trailer da E3:
    https://www.youtube.com/watch?v=y1Rx-Bbht5E

    E tem aqui uma cutscene do jogo na mesma fase, aos 6:40 seg
    https://www.youtube.com/watch?v=nb-0M6qyVdw

    Não vi o trailer 2014 ser reproduzido dentro do jogo, com a mesma qualidade gráfica(repetindo, excetuando as expressões que ficaram melhores)… Então sempre me pergunto como aquele trailer inicial estava sendo gerado em um PS4 a 60 fps…Creio que nunca saberemos.

    • Não vou ver pois não cheguei lá. Mas sei que a cena da E3 não existe no jogo, pelo que não se pode comparar.

      Mas tenho um artigo sobre esse tema para amanhã. E amanhã falamos.

      Quanto aos 60 fps… é fácil. Basta teres angulos de câmara fixos, a cena controlada e muitos dos efeitos não estarem calculados em tempo real!

  8. Eu acho que em termos de gráficos, todos os jogos dessa lista fazem uma ou outra coisa melhor que Uncharted, como por exemplo o Tesselation de Battlefront, o Anti Aliasing de The order 1886 e Infamous Second Son, a iluminação de Quantum Break, o foto realismo de Driveclub e a vegetação de Ryse.
    Colocaria também o The Division pela quantidade de detalhes em mundo aberto, e o Metal Gear Solid V por causa do foto realismo.
    A questão é que Uncharted não falha em nada do que pretende fazer e vence no conjunto da obra.
    Para fazer uma analogia, me lembra o que disse o treinador do Anderson Silva quando ele estava no auge da carreira: existem boxeadores melhores que ele, praticantes de Muay Thay melhores que ele e lutadores de Jiu Jitsu melhores, mas ele sabe bem um pouco de tudo e combina as técnicas como ninguém.
    Então Uncharted 4 é o jogo mais equilibrado dessa geração, só que a Naugthy Dog jogou pelo caminho fácil. Nessa geração eu esperava que dois estúdios queimassem minha língua e lançassem jogos em 1080p 60fps com gráficos nunca imaginados para estes hardwares me mostrando que eu estava errado em duvidar deles:343i e Naugthy Dog. E por que Lançaram Halo 4 e The Last of Us no final da geração passada quando todo mundo estava baixando a resolução e cravando que as máquinas nao tinham pra onde ir.
    A 343i trouxe 60fps com resolução dinâmica e gráficos “Halo 4.5”. A Naughty Dog fez um trailer pra fermentar a imaginação do povo em 60fps e depois voltou a realidade. O resultado final de ambos os jogos foi satisfatório dentro do que se propuseram mas pra mim é a certeza de que essa geração não vai longe como foi a anterior e de acordo com os rumores da atualidade, Halo 6 e The Last of Us 2 devem estar sendo desenvolvidos com outros Hardwares em mente.

    • Perfeito a análise Fernando, dentro do que realmente aconteceu.

    • Muito bom comentário. Concordo plenamente com ele.
      Infelizmente o hardware da atual geração tem menos segredos do que o anterior, e como tal é mais fácil extrair-se performances.
      No entanto é preciso ver que os jogos de cima foram os primeiros para o hardware, e que todos eles possuem espaço de manobra para melhorar.
      Uncharted sacrificou muito pelo detalhe que possui. Drake nunca se esquece de passar a cinta da arma por cima da cabeça. As notas que antes apareciam milagrosamente no caderno agora são tiradas nos locais, etc.
      Se te lembras critiquei Ryse, Son of Rome por falta de detalhe. O facto de as lanças aparecerem nas mãos dos soldados foi um exemplo, e eu referi-o porque mais do que grafismo era isso que eu esperava de uma consola com 8 GB. A última fornada de jogos para a 360/PS3 apresentou grafismos muito satisfatórios, e apesar de eu gostar de os ver melhorados, mais do que ter um HDR em vez de um Bloom, ou um MSAA 4X em vez de um TMAA era nisso que eu gostava de ver aplicada a performance. Uncharted faz isso magistralmente e é por isso um jogo que cria uma nova fasquia de realismo no jogo.
      Sacrificou-se 60 fps para isto. Para o detalhe quer visual, quer da física. E sinceramente, acho que foi o melhor que poderia ter sido feito!

    • João Magalhães 16 de Maio de 2016 @ 1:11

      Novamente Fernando vc fala por vc e não pelos fatos…

      Chegar a conclusão que essa geração não vai durar tanto quanto a anterior é no mínimo óbvio.pois foi a geração passada que fugiu a regra sendo a mais longa da história.

      e vc continua na insistência em achar que porque o salto foi menor se faz necessário um nova geração.esqueça isso!!!O tempo sempre foi inimigo de um HW fechado e isso nunca impactou no mercado de consoles.Se Sony ou MS estão querendo vir com versões superiores é por um novo modelo de negócios…

      Tá ai Uncharted 4 mostrando…Agora é que estamos “começando” a chegar a maturidade desses consoles….Um novo console agora só ia atrapalhar essa evolução pois a necessidade de otimização maciça não ia se fazer mais tão necessária no atual console com uma versão superior.

      • Então beleza João você tem a sua opnião e o Fernando tem a dele e fim de papo.O fato de um pessoa ter uma opnião divergente da sua não compete a voce atirar pedras.O Fernando quando comenta mostra fatos e explica o porque da sua opnião.Agora como o Mario mesmo disse que na opnião(visão dele)este jogo puxa um pouco mais de particulas e efeitos que outros jogos já fizeram,mas o jogo não escapa de defeitos,mas ter defeitos não é algo ruim e sim uma chance dos produtores de melhorar as tecnicas utilizadas com o conhecimento do hardware com futuros projetos,se eu tivesse um paly 4 tava jogando e não criticando um coment quando este esta falando sua opnião com provas.

        • Me desculpe por falar assim João,mas quero que voce reflita algumas posições suas citadas,jogo videogame desde o Atari e na boa o melhor jogo de luta pra mim na época do Street Figther 2 éra o jogo do Neo Geo Art of Fighing,com uma qualidade tremenda,mas quem ganhou em popularidade foi o Street,e mesmo assim nunca discordei de ninguem pois gosto e opniões (quando tem embazamento) não se descute.Acho eu que nós gamers aprendemos a ser racionais o suficiente pra entender que nem todo mundo pensa como nós,joga como nós,agi como nós,mas respeito é essencial meu amigo e entender opniões e uma forma de aprender que não estamos em um mundo onde somente nossas opniões são validas.Isso é ser racional.Ok isto não é uma critica.Agora concordo com voce de não haver necessidade de uma nova consola e acho eu que pelos comentes de outras fontes parece ser mesmo verdade e isso na minha opnião e muito ruim para nó neste momento.Vamos esperar e ver que supresas a Sony nos reserva.

  9. Alguns sites estão comentando que Uncharted 4 é o jogo mais bonito até o momento dessa geração, mas ele corre a 30fps. E se fosse 60fps como Metal Gear Solid 5? Se a Konami tivesse optado pelos 30fps então provavelmente MGS 5 teria sido o jogo com os melhores gráficos dessa geração. Se Forza 6 corresse a 30fps imagine o que a Turn 10 Studios teria conseguido? Também temos outros exemplos como Halo 5, Dirt Rally, Overwatch, Rainbow Six Siege, dentre outros, que operam a 60fps.

    • Não é fácil especular e nem interessa especular. Se… Se…
      Para além do mais não sabemos que fps Uncharted oferece!
      Quem te garante que o jogo até não possui performances (pelo me os em certas partes) que poderiam oferecer 60 fps, mas que devido a quedas e a sacrifícios que teriam de ser feitos para optimizar, a ND optou por se ficar pelos 30 (pouco provável sem grandes sacrifícios)?
      A questão é que especular todos podemos, mas o certo é que até ao momento ninguem fez o que a ND fez a nível visual.

  10. Concordo que uncharted bate os concorrentes no quesito jogabilidade mais está distante de bater graficamente, tenho ambos os consoles e ainda não vi nada como ryse, ( vc consegue ver a saliva entre os dentes do personagem), entenda-se graficamente.uncharted é belíssimo e em momentos me vejo parando para ver a paisagem, mais ryse é de 2013 e está em outro nível. Quem tem os 2 compare.

    • O único senão é que as cenas de Ryse não são em tempo real, mas sim pré-rendidas. De forma simplista… São video!
      E isso é fácil de se ver se, tal como eu, tiveres a versão PC e acesso aos ficheiros!

    • Como ainda não tive a possibilidade de jogar uncharted 4, não posso falar por ele, mas para mim Ryse já havia sido batido graficamente por infamous e the Order e mais recentemente por quantum break, como a esmagadora parte da mídia diz ser o jogo mais bonito até o presente momento, não concordo com vc.

  11. João Magalhães 16 de Maio de 2016 @ 0:45

    Bom.A análise técnica da Digital Foundry fala por todos:

    Uncharted 4: A Thief’s End – o veredicto da Digital Foundry

    Uncharted 4 é um passo em frente na renderização em tempo real nos consoles. O motor é eficiente e capaz, produzindo resultados acima de muitos outros jogos. Existe dedicação à excelência e isso recompensou, é o jogo de console com melhor aspecto que já vimos. Existem jogos que ficam perto em certos aspectos, como Star Wars Battlefront, mas nada tão polido e consistente quando este jogo.

    A tecnologia é usada para mais do que belos visuais, temos resultados igualmente lindos nos consoles com jogos como The Order 1886 e Ryse, mas eram experiências limitadas. Uncharted 4 brilha na apresentação de um nível de detalhe sem precedentes e expande o gameplay central. Assistir à evolução e expansão dos visuais e design de um jogo é raro.

    Uncharted 4 demonstra o quanto pode ser feito no atual PS4. Muitos estúdios não têm o orçamento e pessoal para conseguir isto, mas é sempre fascinante ver o que pode ser alcançado pelos que estão no topo. A questão é para onde vamos agora. O Uncharted original mostrou a entrada da Naughty Dog no mundo dos pixel shaders programáveis e a equipe conseguiu versões mais lindas a cada novo jogo. É difícil prever quais os resultados que veremos no seu próximo jogo, mas estamos entusiasmados.

    Não há nada melhor do que Uncharted 4 para demonstrar o que pode ser feito nos consoles. É uma experiência obrigatória que combina gameplay perfeito com visuais de topo. Se é fã de tecnologia gráfica, tem que jogar Uncharted 4. Na verdade, é um feito tão espantoso que até os usuários que preferem outras plataformas deviam encontrar uma maneira de pelo menos experimentar o jogo, apenas para apreciar a mestria e engenho apresentados aqui.

    http://www.brasilgamer.com.br/articles/digitalfoundry-2016-uncharted-4-analise-tecnologica

Os comentarios estao fechados.