Pode a Xbox One em finais de 2015 bater a PS4 ultrapassando-a em vendas?

O final de 2015 é mais forte na Xbox One do que na PS4. Poderá a consola da Microsoft bater as vendas anuais da Sony nos últimos meses do ano, apesar de ter perdido durante todo o resto do ano?

vs

A questão tem vindo a ser levantada em vários fóruns. Poderá a Xbox One recuperar as perdas face à PS4 no final do ano de 2015, batendo-a em vendas?. Naturalmente a questão é teórica, mas resolvemos abordar a mesma. E para tal, a história, como sempre, serve-nos de exemplo, tendo para isso que se recuar uns anos no tempo para um dos poucos, se não mesmo o único caso em que isso aconteceu.

O ano era 2003, um ano dominado pela Playstation 2. Mas no entanto essa consola nem é a que está em causa pois as disputantes aqui eram a Xbox e a Gamecube.

Em valores aproximados, eis as vendas durante os primeiros 9 meses de ambas as consolas. Dado que os números são do Grupo NPD, que apenas lida com o mercado Norte Americano, vamos trabalhar apenas com este mercado, falando das vendas globais em separado:

Janeiro

Xbox: 164.000

Gamecube: 81.000

Vencedora: Xbox

Margem acumulada: 83 mil consolas a favor Xbox

Fevereiro

Xbox: 199.000

Gamecube: 165.000

Vencedora: Xbox

Margem acumulada: 117 mil consolas a favor Xbox

Março

Xbox: 165.000

Gamecube: 165.000

Vencedora: Empate

Margem acumulada: 117 mil consolas a favor Xbox

Abril

Xbox: 127.000

Gamecube: 101.000

Vencedora: Xbox

Margem acumulada: 143 mil consolas a favor Xbox

Maio

Xbox 124.000

Gamecube: 84.000

Vencedora: Xbox

Margem acumulada: 183 mil consolas a favor Xbox

Junho

Xbox: 167.000

Gamecube: 124.000

Vencedora: Xbox

Margem acumulada: 226 mil consolas a favor Xbox

Julho

Xbox 137.000

Gamecube: 127.000

Vencedora: Xbox

Margem acumulada: 236 mil consolas a favor Xbox

Agosto

Xbox: 146.000

Gamecube: 100.000

Vencedora: Xbox

Margem acumulada: 282 mil consolas a favor Xbox

Setembro

Xbox: 172.000

Gamecube: 165.000

Vencedora: Xbox

Margem acumulada: 289 mil consolas a favor Xbox

Resumindo até agora… nos primeiros 9 meses do ano, a Xbox ganhou 8, a Gamecube não venceu nenhum, e empataram em um dos meses.

Vamos ver os restantes meses:


Outubro

A Nintendo anuncia uma descida de preço na Gamecube

Xbox: 176.000

Gamecube: 254.000

Vencedora: Gamecube

Margem acumulada: 211 mil consolas a favor Xbox

Novembro

A Nintendo lança o exclusivo Mario Kart Double Dash

Xbox: 490.000

Gamecube: 754.000

Vencedora: Gamecube

Margem acumulada: 53 mil consolas a favor Gamecube

Dezembro

Xbox: 1.120.000

Gamecube: 1.160.000

Vencedora: Gamecube

Margem acumulada: 93 mil consolas a favor Gamecube

Vencedora do ano: GAMECUBE

Por aqui vemos que uma vitória da Xbox em 2015 não seria inédita. E a Microsoft possui três exclusivos de peso para o Natal. Mas vamos ver as dificuldades que a Microsoft atravessa usando números actualmente consolidados do VGchartz (os mais acessíveis):

1º – Ter três exclusivos, especialmente de peso, é naturalmente sempre superior a ter apenas um. No entanto três exclusivos não triplicam a hipótese de venda. Quem compra a consola por um desses exclusivos não compra mais duas, uma por cada um dos outros. Resumidamente, se a nível de software poderemos teoricamente ter boas vendas nos três, a nível de vendas de hardware o número não é o mesmo que ter cada um dos exclusivos à venda em alturas separadas do ano.

2º – Dado que os números do NPD Group apenas abrangem o mercado norte Americano vamos fazer essa comparação com o mesmo nas actuais consolas. Assim, durante o ano de 2015 a Xbox One vendeu neste mercado, até Junho de 2015, um total de 1.149.976 consolas, sendo que a PS4 no mesmo período atingiu as 1.361.210 consolas. Trata-se de um delta de 211.234, um valor inferior ao de 2003, e perfeitamente possível de ser recuperado.

3º Naturalmente a nível mundial a coisa é bem diferente: Durante o ano de 2015 a PS4 vendeu até finais de Junho, um total de 4.871.280 consolas. Por sua vez a Xbox One vendeu 2.069.852. Aqui, o delta de consolas é de 2.801.428 consolas a favor da PS4.

Torna-se claro que, apesar do ponto 1, a situação nos EUA não é muito diferente da que tínhamos em 2003, sendo até mais vantajosa para a Xbox (211.234<289.000). E com o lançamento de Halo, o valor pode ser alcançado sem grandes problemas. Já a nível mundial a situação é bem diferente e a hipótese de recuperação é bem pequena.

Olhando para os últimos relatórios e contas das empresas, estes indicam que a Sony despachou entre Abril e Junho de 2015 um total de 3 milhões de consolas PS4. O relatório e contas da Microsoft indica que nesse mesmo período a empresa despachou 1.4 milhões de consolas Xbox One + Xbox 360 (sem distinguir as percentagens).

Quer isto dizer que é basicamente o mercado norte americano quem está a absorver as consolas da Microsoft. E nesse sentido torna-se perfeitamente claro que certamente este mercado verá a Xbox One triunfar até final do ano com o lançamento de Halo 5. No entanto a nível mundial o previsível é que as vendas da Sony continuarão a aumentar, mantendo a consola como líder de vendas!

Publicidade

Posts Relacionados