Processadores Haswell da Intel prometem consumos de bateria até 50% menores.

De acordo com a Intel, os seus novos processadores Haswell poderão aumentar a vida das baterias dos portáteis em 50%.

Intel

Os processadores para dispositivos móveis Haswell são os sucessores dos actuais Ivy Bridge, e de acordo com a Intel serão até 50% mais eficientes que estes últimos, permitindo igual percentagem de ganho de bateria. Marketing? Não sabemos, mas o certo é que a Intel está dedicada em criar processadores x86 para os mercados de dispositivos móveis e assim sendo tem de garantir níveis de bateria semelhantes ao oferecido pelo iPad.

Na realidade os ganhos nunca serão dentro desse valor. O CPU é apenas um dos componentes que consome energia, e para o ganho existir essa poupança teria igualmente de ser conseguida no consumo dos ecrãs, placas gráficas e muitas outras peças. No entanto o Haswell apresenta um processo de fabrico de 20 nm com regulador de voltagens incluido e novos estados de baixo consumo que terão certamente impacto nos ganhos de bateria.

O certo é que caso a Intel consiga poupanças significativas há que questionar o futuro do Windows RT. Afinal se a versão x86 do Windows 8 conseguir ser eficiente o suficiente para competir com um iPad não há real necessidade de um windows RT.



Mas o certo é que para isso ainda deverá faltar muito.



Posts Relacionados