PS4 terá vencido a Black Friday. E isso pode ser preocupante.

Vários dados apontam no sentido de que a PS4 venceu a Black Friday… e isso pode ser mau para o futuro de ambas as consolas.

Antes do mais os dados:

Há vários indicadores que nos chegam que apontam no sentido de que a PS4 terá vencido a Black Friday em território Norte Americano, mas convêm notar que esta não é ainda uma realidade confirmada. Seja como for, eis os dados que tem vindo a circular.

Best Buy

A Best Buy é a maior cadeia de vendas Norte Americana e responsável pela maior parte das vendas de consolas.

De acordo com um estudo da infoscout, a empresa responsável pelos dados que deram a Xbox One como vencedora no ano passado a PS4 foi a vencedora nesta cadeia com o Bundle que incluia Uncharted:Drake’s Collection a ser o mais vendido de todos os produtos.

Amazon

Os dados da amazon são públicos e podem ser consultados. O que se viu após a black friday, e considerando apenas os produtos ligados aos videojogos, na sua tabela dos 100 produtos mais vendidos foi a PS4 com o bundle Uncharted:Drake’s Collection na primeira posição, com o primeiro Bundle Xbox a aparecer na 11ª posição.
Dentro do top 100 temos ainda mais um bundle PS4 na 15ª posição, outro na 24ª, outro na 27ª, um bundle Xbox na 31ª e outro na 36ª, novo bundle PS4 na 39ª e finalmente um novo bundle Xbox na 95ª posição.

Target

Curiosamente na Target a vencedora foi diferente. A WiiU foi a consola mais vendida! Nada foi referido quando às restantes consolas.

Mas porque motivo, a confirmar-se a vitória da PS4 (algo já dado como certo em alguns websites noticiosos), tal será mau para ambas as consolas?

A lógica é mais clara para o lado da Xbox One. A Microsoft apostou tudo para este período! Se no ano passado a sua consola teve uma quebra de preço que a PS4 não acompanhou, vencendo-o, este ano a Sony igualou os preços. E o resultado, foi uma derrota!

Ora este ano, com excepção do preço a Microsoft tinha outros argumentos. Argumentos de peso que a consola concorrente não tinha! E todos eles se concentraram neste período!

Vejamos:

  • Novo Dashboard com o windows 10
  • DirectX 12
  • Retrocompatibilidade
  • Descida de preços
  • O maior e melhor line up da história da consola
  • Forza 6
  • Gears of Wars – Ultimate Edition
  • Rise of the Tomb Raider
  • Halo 5

Em compensação a Sony avançou para este período basicamente em branco:


  • Remasterização dos três jogos Uncharted da Playstation 3 (Uncharted: Drakes Collection)
  • Acordo de publicidade para Star Wars Battlefront
  • Acordo publicitário que inclui exclusividade de 1 mês nos DLCs e os direitos sobre a modalidade e-sports de Call of Duty.
  • Descida de preços

Basicamente os argumentos da Sony eram bastante, mas mesmo bastante fracos comparativamente, motivo pelo qual a empresa avançou com a iniciativa de igualar preços.

Ora com estes resultados, mesmo que tenha sido batida por pouco, a Xbox One parece comprometida a nível de competitividade. Se com toda esta oferta não bate a PS4, o que esperar quando a Sony, que anunciou os 30 milhões de consolas vendidas, apresentar argumentos?

A questão aqui é que isso de bom não tem nada! A concorrência é algo que motiva os mercados, que impulsiona o dinamismo e que cria as oportunidades e negócios que todos apreciamos. Se a guerra das consolas ficar definida tal poderá levar a que as empresas deixem de se preocupar com os seus produtos. A microsoft deixe de investir na sua consola da mesma forma e a Sony descanse à sombra da bananeira.

O que nos vale no meio de tudo isto é que os valores de venda da Xbox One, apesar de inferiores aos da PS4, são um sucesso face à consola anterior, motivo pelo qual esperamos que a Microsoft não desarme mantendo a competição acessa. Até porque como diz o ditado Norte Americano “A coisa não acaba até a senhora gorda cantar!” (em Portugues o ditado é “Até ao lavar dos cestos é vindima”).

E sinceramente, pelos motivos expostos, espero bem que a vitória da PS4 na Black Friday não se venha a confirmar!

Fonte: Polygon, Amazon, infoscout

NOTA: A Microsoft por intermédio de Major Nelson, publicou uma série de números relativos à Black Friday, revelando que ela foi um sucesso para a Xbox One, mas não referindo que a consola terá sido a mais vendida do período.

Publicidade

Posts Relacionados