Rumor: iPhone 8 pode ser atrasado devido a problemas de produção dos ecrãs OLED

A inclusão do sensor de impressões digitais no ecrã está a causar problemas de produção que podem atrasar o lançamento do iPhone 8

O iPhone 8 está previsto para este ano, com a Apple a prometer uma revolução, com um telefone mais fino, mais alto, ecrã oled, câmara 3D, e muito mais. Mas os rumores sobre a produção apontam no sentido que a disponibilidade do smartphone para este ano será bastante afetada.

Por exemplo o analista da KGI Ming-Chi Kuo refere aos seus clientes que mesmo que possa ser possível lançar o smartphone em Setembro, os primeiros telefones só deverão estar disponíveis em Novembro, com um atraso a ser previsto para despachos posteriores. O problema ao que parece está na inclusão no ecrã OLED de sensores 3D e do Touch ID.

Basicamente este analista acredita que será possível colocar telefones no mercado no lançamento, mas tudo depende da procura pelo modelo OLED. Quanto aos investidores questiona estes se esta situação que está a causar o atraso será realmente algo de inovador que justifique isso, se o Touch ID pode sofrer com isso, e se um atraso não cortará parte do efeito do novo iPhone com a competição a lançar novas inovações  neste período.

Um outro analista, da empresa IHS Markit veio chamar a atenção para o facto de a Samsung ser o fornecedor exclusivo para os ecrãs OLED dos novos iPhones, dado que a Samsung é o maior especialista no fabrico de ecrãs curvos. E refere que a “Samsung está a ter dificuldades em entregar aquilo que a Apple deseja”, mesmo tendo já fabricado para os seus smartphones mais de 75 milhões de ecrãs curvos.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

Etas análises batem certo com uma notícia da Digitimes que referia que a Apple estava com problemas em implementar o seu sensor de impressões digitais proprietário para o novo iPhone 8 OLED.

Para além disso o website Japonês Macotakara tinha referido que a STMicroelectronics, o fornecedor dos sensores da nova câmara 3D precisava de mais tempo para a produção em massa. E todos estes problemas somados levam a apontar para dificuldades de fornecimentos nas datas tradicionais.

Seja como for, isto são apenas rumores, e não certezas, até porque a possibilidade de a Apple encontrar alternativas em caso de não conseguir implementar o desejado não está fora da mesa.

Publicidade

Posts Relacionados