Jul 262012
 

Será que a 3DS XL justifica o preço adicional face à 3DS? É o que vamos abordar de seguida:

A 3DS XL é a irmã de maiores dimensões da 3DS, e é também o membro mais novo da família 3DS. No entanto é igualmente mais cara, num valor entre 30 a 50 ou mais euros, dependendo das lojas. Será que a consola justifica a diferença no preço? Quais as reais diferenças entre as consolas?

Pois bem, a 3DS XL é maior. E maior em tudo, incluindo os botões e o botão direccional que faz de pad. Será que isso é bom ou mão?

A realidade é que todos os botões e mesmo a pad são maiores e mais grosso, sendo igualmente de melhor acesso. Com estes botões maiores a necessidade de precisão diminui, e como tal a probabilidade de erro no pressionar do botão, diminui igualmente. Com botões maiores torna-se mais fácil ser preciso.

E com o pequeno botão deslizável, a pad, a facilidade de uso melhora também, particularmente para dedos maiores que agora apoiam sem problemas sobre o mesmo.

Os próprios botões L e R são igualmente maiores e mais grossos, sendo mais fáceis de serem pressionados,e os botões Home, Select e Start foram re-desenhados, sendo agora mais fáceis de serem percepcionados e pressionados.

Mas esta situação justifica o investimento na versão XL? Não! Claro que não… A questão é que há mais diferenças.

Ora a diferença mais visível e anunciada é o ecrã. É aliás a única diferença que a maior parte dos utilizadores acreditam existir quando pensam na consola.

E esta é a diferença mais significativa. Os ecrãs são 90% maiores, e tal aporta uma nova experiência de jogo.

No entanto há uma outra melhoria que lhe está associada, e da qual há pouca consciência: A melhoria do efeito 3D.

Na realidade o ecrã é apenas maior, e sem qualquer diferença para o da 3DS. A questão é que quem já mexeu numa 3DS sabe bem que o ajuste da profundidade do efeito 3D é uma situação complexa. E quando ajustado ficamos sempre com a sensação que o ajuste encontrado ainda não era o ideal. Ora com o aumento da dimensão do ecrã a zona deslizável do pequeno botão de ajuste lateral torna-se maior, e como tal o ajuste torna-se mais perfeito. E acreditem ou não o ajuste da profundidade ganha uma nova precisão,permitindo chegar a valores mais ajustados de forma mais simples.

Não é uma diferença brutal, mas existe, e sendo o 3D um dos grandes trunfos da 3DS, este “ajuste fino” adicional é muito bem vindo.

Mas há uma segunda diferença significativa: Os ecrãs da 3DS, ao serem de uma geração mais recente, cortam bastante os reflexos no ecrã.

O motivo para os reflexos prende-se com o facto de os ecrãs da 3DS possuírem 3 camadas para ajuste do 3D. E cada uma dessas camadas faz o seu reflexo. Mas com XL cada uma dessas camadas recebeu um tratamento adicional com uma camada anti-reflexo. Os números oficiais da Nintendo referem uma taxa de reflexos de 12% para a 3DS, e de apenas 3% para a 3DS XL.

Ora perante estas situações há já aqui uma série de diferenças entre as consolas. Melhor facilidade de uso, botões maiores e mais grossos, botões re-desenhados, ecrãs 90% maiores, melhor 3D, e menos reflexos.

Se adicionarmos a essa situação uma bateria maior e como tal com maior durabilidade. A Nintendo anuncia para a 3DS uma duração de  5 horas para jogos 3DS e 8 horas para jogos 3DS, mas com a 3DS esses valores passam para 6,5 e 10 horas, respectivamente.

Quer isto dizer que os euros adicionais irão pagar uma série de diferenças. E se por si as mesmas podem parecer menores, todas em conjunto justificam a diferença.

Agora cada um terá de decidir por si se justifica ou não pagar o dinheiro extra, mas ao menos sabem as reais diferenças entre os sistemas.

Publicidade

Sorry, the comment form is closed at this time.