Servidores de Gran Turismo Sports estiveram em baixo, e a causa foi… incomum!

O grande fluxo de pessoas que acederam em simultâneo a Gran Turismo Sports causou um fluxo de tráfego bastante acima do normal nos servidores no período de Natal. O que se passou daí para a frente foi algo curioso e mesmo caricato!

Se te tentaste ligar aos servidores de Gran Turismo nos dias de natal certamente percebeste que estes estavam em baixo, impossibilitando os utilizadores de correr online e gravar o seu progresso. Uma situação nada desejável num jogo que depende da internet para funcionar plenamente.

A questão está agora resolvida e uma explicação foi dada. E ela não só é relacionada com uma situação incomum, como chega mesmo a ser caricata!

A parte caricata é que Yamauchi da Poliphony veio dizer num tweet que não sabia o que se estava a passar, uma vez que os servidores estavam ligados e a funcionar. Mas curiosamente… os jogadores não se conseguiam ligar e como consequência os servidores estavam vazios!

A este tweet seguiu-se outro onde Yamauchi referia que acreditava que o problema estava nos servidores da PSN que estavam a rejeitar a autenticação de início de GT Sports.



E tal veio a confirmar-se!

O que se passou então para que isto acontecesse?

Ao que é relatado tudo se deveu a um fluxo completamente anormal de pessoas aos servidores de GT Sports. um número que não só era recorde, como ultrapassava em muito a média de ligações normais ao jogo que este estava a experimentar nos últimos tempos.

Ora a PSN já foi hackada em tempos, e como tal esta possui medidas de segurança automatizadas, quer para evitar novos hacks, quer para evitar que a rede caia. E o relatado como sendo o que aconteceu foi o sistema considerou este fluxo anormal de tráfego como um possível ataque DDoS. A consequência automatizada foi que as ligações aos servidores começaram a ser rejeitadas.

É realmente uma situação que dá o que pensar. Porque das duas uma, ou os servidores da PSN são extremamente sensíveis, ou o GT Sports vendeu realmente bastante bem no período do Natal!

 



Posts Relacionados

Readers Comments (26)

  1. Além de tudo que disseste tem algo mais… Gt Sport está totalmente amarrado ao online, então toda a vez que trocarem de carro vais aceder ao servidor, toda vez que fizer uma volta vais aceder o servidor, toda vez que bater no modo Sport irá aceder ao servidor, nada anormal se não fossem essas situações como logins novos a servidor. Ex: a primeira conquista em Gt Sport é andar 100.000km no nível 3, hora essa conquista nunca bati, e também não possuo nenhum amigo que a possua, ficando claro que se for 100.000km em único dia já a teria batido restando apenas a hipótese de ser 100.000 em uma corrida ou o servers toda a vez que que o jogo se conecta entender como um novo login…

    Se houver mais alguém a jogar diariamente há de concordar comigo. Há certos bugs nesse sistema de salvamento…

    Meu pobre Pegeut GR.B está lá todo amassado e sujo após uma prova de rallye, ora toda vez que pego o carro está lá todo sujo e amassado sem direito a uma lavagem kkkkkk

    • Fui uma das vítimas da rejeição dos servidores da PSN, tentei dia 24 e 25 e nada.

      O que tenho o quw reclamar é que mesmo com sistema de punições online ainda tem muota gente a burlar o jogo. Estava em a corrida na pusta de Tokyo e os outros usavam a parede da primeira curva para obter vantagem, fora outro que em plena reta freia na minha frente (eu estava na cola em pleno vácuo) só para eu levar punição e ele ficar com a posição. Gravei um vídeo e depois coloco um link aqui.

      • Estas punições deveriam ser acumulativas e adicionadas no tempo final, assim creio que evitava que certos usuários burlassem o jogo.

        Ontem fiquei com put# raiva porque fui numa corrida sem fazer tempo e sem fazer ajustes no carro, daí decidi completar a corrida limpa e fazer a quilometragem visto que seria um fos ultimos no grid.

        Comecei em 16 de um total de 20, comecei tranquilamente a corrida aí um dos que estavs em posição melhor, e consequentemente um carro melhor, erra em uma curva e vai para o final, ao tentar recuperar suas posições sai batendo em todos, inclusive em mim. Minha corrida limpa foi para o espaço.

        • Livio esse sistema realmente não está a funcionar, ora larguei em 6 e fui subindo até a o 3 quando um brasileiro simplesmente jogou o carro em cima do meu além de ir contra o muro e voltar em 11 eu é que levo a punição…

          https://youtu.be/aXTKx8vhBRI

        • Tenho muitos replays deste tipo, um cara jogou o carro 3 vezes para não me deixar ultrapassá-lo..

        • Olá Lívio,assiti ao seu video no seu canal e esta lá o #gostei#.
          Não tenho este jogo e nem quero,simulador para mim já éra e faz tempo,mas a Sony deveria ajeitar estas tretas,pois isto não é nada bom para o jogo.
          Abraços.

          • Qual dos vídeos? O que a galera usa a parede da curva 1 de Tokyo? Se sim eu pensava que tinha deixado o vídeo em privado.

            Não tenho muita experiência com o Inglês e escrevi o título e descrição sem ao menos consulta o Google tradutor, nem sei se o que tem la está correto.

            Ainda vou verificar o título e subtítulo e compartilhar este vídeo na página oficial da Polyphony no Facebook

          • Diz o que queres que eu indico-te.

          • Eu usaria em vez de “Drivers Surfing on curve 1”, “Cheaters skidding on Wall on curve 1”, ou sliding em vez de skidding se achares que não se adequa.

            Sliding pode ser usado se entenderes que se adequa a um movimento em contacto permanente com uma superficie escorregadia. Aqui a parede não é escorregadia, mas é como se fosse.

            O Skidding será o adequado se entenderes que há um movimento em frente criado pelo momento do carro, após o movimento ter sido travado no veiculo, em contacto com a parede.

            Alternativamente usa “Ridding a wall” que significa correr nas paredes.

          • Acabei de ver que foi um outro vídeo.Vlw pelo comentário!

          • O vídeo ao qual me refiro é est:
            “https://youtu.be/IbxjlSiSUBg”

  2. Gran turismo Sport está entre os mais vendidos na última semana no Reino Unido

    “http://www.eurogamer.pt/articles/2018-01-02-top-reino-unido-call-of-duty-ww2-permanece-imbativel”

    • @Livio mas mesmo com vendas até que boas,os servidores tem que suportar o volume vendido.
      Pois se a empresa coloca 3 milhões de jogos para a venda o servidor tem que estar preparado para este fluxo para uso em rede.
      Se você paga a psn a SONY tem que te dar suporte.

      • Depende do custo.

        Só planeias isso se achares que o jogo venderá essa quantidade de uma só vez (e isto trata-se um exemplo porque poderemos estar a falar de um número muito maior ou menor de utilizadores).

        No entanto, entre isso e vendas de cópias online (aí não fazes mesmo ideia), pode dar para o torto e a isso não há ninguém que consiga prever.

        Pode acontecer a qualquer um:

        “http://www.mirror.co.uk/tech/xbox-live-down-gamers-furious-11656819”

        • Não Bruno não depende do custo,pois a Sony trabalha com dados de vendas da série e pesquisa de dados ao notificar a data de venda do jogo(pré venda,ou dados da beta).E se colocou 6 milhões de jogos a venda o seu suporte tende a ser superior para dar conta do número informado,mais a base e se multiplicar.
          Como você falou pode acontecer,mas a verdade é que não pode acontecer quando se tem um valor envolvido.
          Isto se chama respeito com o consumidor e respeito com a marca envolvida.

          • Como creio que a notícia explica, os servidores e a sua capacidade não estiveram nunca em causa.
            O que se passou foi com os servidores de autenticação da PSN que devido ao subito fluxo de ligações, cortaram o acesso aos servidores.

          • Mais uma vez, não estamos em 2005.

            É impossível a Sony saber quanto vende online e muito menos, mesmo que coloque 6 milhões em venda, assumir que em menos de 1 semana venderá isso tudo, se isso nunca ocorreu nessa série.

            Não se trata de respeito ou não neste caso. Sugerir isso é exagero, tendo em conta a falha envolvida.

            Tu planeias de acordo com o que acontece. Se tens inundações de 100 em 100 anos, sendo que esta métrica até pode ser maior, crias infrastruturas adequadas a essa realidade, ou seja, não gastas milhares de euros em infrastruturas anti-inundações, que em 100 anos o mais provável é até que sejam destruidas, com outras alterações urbanas.

            Aqui é o mesmo.

            Se houve um aumento excepcional do número simultâneo de utilizadores mesmo com o sistema desenhado para o dobro do máximo anteriormente registado alguma vez em toda esta geração, é algo que pode ocorrer, e de longe é desrespeito pelo utilizador.

          • O problema não foi a quantidade. Foi o aumento subito para valores fora do comum e que ocorreram num curto espaço de tempo.
            Imaginemos que os servidores possuem 24 mil jogadores diários. Isto dá uma média de 1000 por hora. Naturalmente podem haver horas com 10 mil, outras com apenas mil. O que não será normal é que os 24 mil tentem entrar ao mesmo tempo.
            Aqui foi isso que aconteceu. O valor subiu para muito acima do normal.
            Sabias por exemplo que se todas as pessoas de uma cidade resolverem tomar banho ao mesmo tempo as torneiras não deitarão água?
            Aliás nem precisam de ser todas. As redes quando dimensionadas preveem picos de uso máximos e minimos, mas em nenhum caso são dimensionadas para casos de uso extremo onde as probabilidades de tal uso acontecer são super reduzidas.

          • Pois creio que a conivência das duas respotas dada ao assunto demonstra pelo menos a mim o porque de tanto desrespeito com o consumidor.Bom como falei não tenho este jogo e então para mim fica a nada.
            Por isso que não assino a PSN.
            Sem mais.

          • Ewerton… explica pois sinceramente não percebi…
            Desrespeito pelo consumidor onde e porque?
            Como é que uma quebra causada por um sistema automatizado de defesa da rede que confundiu um uso pontual anormalmente alto, com um ataque DDOS, fechando os acessos para proteger o resto da rede é um desrespeito pelo utilizador?
            Que me digas que o sistema tem de ser revisto para conseguir separar as coisas e no futuro, mesmo sendo estes picos de uso pouco normais, não volte a acontecer, ok, creio que todos concordamos que seria desejável.
            Mas desrespeito pelo consumidor é que não vejo onde está! Aqui não é uma questão de infra-estrutura! Pelo menos no que toca a esses dias, foi um erro de um sistema automatizado de protecção causado por uma combinação de factores que levaram a um volume de acessos fora do normal.
            Explica o teu ponto de vista por favor, se calhar podes ter razão e ser apenas algo que não comprendi.

          • Referente a desrespeito com o consumidor,vejo da seguinte forma,como a base instalada só tende a aumentar,se não tiver uma melhora na estrutura este caso volta a acontecer e possível com maior frequência em menor espaço de tempo,por este motivo a afirmação de respeito ao consumidor ok.
            Não acho normal este tipo de falha e acho que quem paga pelo serviço também.
            Na Live nunca tive este tipo de problema,mas pode ser porque não entro todos os dias,mas amigos meus de trabalho relatam com certa frequência dias que a PSN não funciona.
            Não posso afirmar esta informação de meu amigo,mas que isso é chato é, ainda mais com os jogos dependentes de internet para se jogar legal.
            Espero ter sido expecifico e caso esteja errado a minha mente é aberta para qualquer discussão saudável.

          • Ewerton… Não deixas de ter razão! Se isto fosse algo normal não estaria aqui noticiado.
            Daí que normal não foi. Mesmo com a justificação isto é algo que não deveria ter acontecido. O sistema tem de ser melhor a distinguir as coisas.
            Mas estamos a falar de uma proteção automática. Uma medida de software destinada a proteger a rede em caso de ataque. Algo que falhou em detectar correctamente um ataque, mas que ficamos a saber que existe, e que funciona.
            Se efectivamente tivesse existido um ataque e o mesmo software tivesse protegido a rede, a notícia seria diferente, e envolvendo os mesmos intervenientes.
            Daí que desrespeito seria se os servidores não tivessem capacidade. Isto foi uma espécie de uma bug. Uma falha na detecção, um falso alarme. Semelhante a um detector de fumo a disparar quando alguém está por baixo a fumar! Pelo menos no que toca ao sucedido nesses dias não consigo ver qualquer desrespeito.

          • Não concordaria com o Ewerton mais dia #19/12/17 a PSN foi novamente atacada e graças as este sistema automatizado não veio abaixo, infelizmente não é perfeito mas é melhor que se perca a conexão de uma vez, e como jogo Gt Sport diariamente posso dizer que a mim não afetou o login no online do jogo, mas os outros features como organizar partychat, ou ver quem se encontrava online realmente estiveram abaixo, mas como disse como não a conseguiram derrubar não virou notícia, mas ora se quiseres mesmo ir a fundo a Live também passou por períodos semelhantes em que alguns features ficaram abaixo mas a rede em si não.

          • Apesar de não haver consciência disso, as redes possuem problemas constantes.
            Olha por exemplo estes relatos de problemas no dia de ontem:
            PSN:
            http://downdetector.com/status/playstation-network/news/187039-problems-at-playstation-network-3
            LIVE
            http://downdetector.com/status/xbox-live/news/186996-problems-at-xbox-live-3
            Isto são só casos relatados, e não a realidade da rede, mas dá para se perceber que há regularmente problemas nas redes.

  3. Deve ser isso que referes Mário, muita gente entrou ao mesmo tempo só pode, não sei se reparaste mas no Natal o GT foi oferecido com praticamente quase todos os bundles não só da PS4 mas também do PSVR, agora imagina na véspera de Natal e ”arredores” a quantidade de gente nova a jogar GT, o sistema deve ter pensado que de facto era um ataque.

Deixe um comentario

O seu e-mail nao sera publicado.


*