Sony fecha Guerrila Cambridge! Mais conhecido como Cambridge Studio.

Não confundir com a totalidade da Guerrila, ou sequer com a Guerrila Amsterdão, a parte da Guerrila responsável por Killzone e por Horizon Zero Dawn!

A Sony veio anunciar que, numa análise a todos os projectos e recursos da empresa Playstation, e de forma a alcançar os seus objectivos estratégicos, a mesma optou por fazer alterações à estrutura dos seus estúdios Europeus.

Nesse sentido, decidiu-se que o pequeno estúdio pertença da Guerrila situado em Cambridge, e conhecido também como Cambridge Studio, seria fechado.

De notar que este estúdio não é a Guerrila, mas sim uma pequeno ramo do mesmo. A Guerrila encontra-se situada em Amsterdão e a sua continuidade não está em causa!

A Guerrila Amsterdão é a responsável por jogos como Killzone e Horizon: Zero Dawn. Já este pequeno ramo da Guerrila foi responsável or RIGS Mechanized Combat League para o  PlayStation VR™. Outros títulos passados incluem MediEvil, Primal, Ghosthunter e Killzone Mercenary para a Vita.



Eis as declarações da Sony:

Dentro da Sony Interactive Entertainment Worldwide Studios, temos o processo regular de forma a considerar os projectos perto do seu término e a distribuição de recursos. Dentro deste panorama tão competitivo isto é o que nos permite continuar a produzir projectos de alta qualidade, inovadores e comercialmente viáveis.

Tendo analisado e avaliado todos os projectos correntes e planos para curto e médio prazo, decidimos que para atingirmos os nossos objectivos estratégicos, se torna necessário realizar mudanças na estrutura dos nossos estúdios europeus.

Como resultado, foi decidido que o Cambridge Studio, pertença da Guerrilla, irá ser fechado.

É uma pena que tal leve a redundancias compulsórias. Apesar que aceitamos que esta decisão irá implicar perder funcionários de alto calibre, ao focarmos-nos em outros estúdios com projectos novos e excitantes em desenvolvimento (incluindo trabalho continuado no Playstation VR), acreditamos que estaremos numa posição mais forte de avançar e ser capazes de entregar o melhor conteúdo com a melhor qualidade que é possível, aos jogos jogadores.

A ideia da Sony é relocar todas as pessoas que estiverem interessadas em outros projectos, mas todos aqueles que não quiserem deslocar-se terão a ajuda em empresa em procurar outros empregos. Felizmente a zona é cheia de pequenos produtores de videojogos, bem como perto existe o London Studio da Sony, o que deverá facilitar a vida aos funcionários.

Com esta dispensa, que é sempre uma pena ver-se acontecer, e com o fecho da Evolution e agora do Cambridge Studio, a Sony fica com os seguintes estúdios (de notar que alguns deles possuem mais do que uma equipa, o que significa que trabalham em dois jogos ao mesmo tempo):

Europa:

London Studio
Media Molecule
Guerrila
XDev

Japão:

Japan Studio
Polyphony Digital Inc.

EUA

Bend Studio
San Mateo Studio
Naughty Dog
San Diego Studio
Santa Monica Studio
Sucker Punch

 



Posts Relacionados

Readers Comments (18)

  1. Se era para avançar com o VR, porque fechar esse estudio e não melhora lo??
    Mas espero que o pessoal seja aproveitado e que os estúdios ganhem com isso

    • Não estará em causa o VR. Mas sim os projectos futuros que o estúdio possuía.
      Se no fundo eles não tinham nada para curto e médio prazo, não justificaria estar ali a enterrar dinheiro.
      A Sony quer relocar os elementos, mas nem todos poderão querer mudar.
      Essa é pelo menos a explicação oficial da Sony.

      Acho realmente pena que isto aconteça, mas realmente, num mundo competitivo como este, entre estar a pagar durante vários anos a funcionários e a manter uma empresa que não tem como retornar os rendimentos, mais vale fechar e aplicar o dinheiro em algo que renda.

      Atualmente os estúdios da Sony estão a evitar estas situações ao possuírem cada um duas equipas, uma que trabalha no titulo que está anunciado e outra em outro que virá a sair depois.

      E esse é um dos motivos pelos quais este estúdio também foi fechado. Por redundância.

      Se isto é bom?? Não sei dizer… mas uma coisa é certíssima, com a perda da Evolution e agora este, mesmo com 2 equipas por estúdio, são 2 a menos.

  2. [Off] Ontem, ou hoje pela madrugada, teve a apresentação do Switch e de cara uma coisa nao me agradou, o preço. 299 dólares o mesmo valor em euros em alguns locais, em outros é mais caro.

    Bateria pode durar ate 6 horas,mas depende do jogo.

    Atualmente estou neutro em relação ao novo console, fiquei animado na apresentação do trailer e decepcionado com as ultimas informações.

  3. E ontem foi um exemplo de como muitos sites colocam o título da notícia de forma incompleta com o objetivo de ter mais acessos. Quando li “Sony fecha estudio Guerrila” logo pensei: “Como? E o Horizon ZD?”. Acessei o link para saber por completo que foi uma filial do estudio que fechou.

    Mesmo assim sendo filial ou não é uma pessima notícia, pois todos que ali trabalhavam tinham suas ideias para outros jogos, quem saiba daqueles que foram dispensados nao existia entre suas ideias o proximo grande jogo?

  4. polyphone tem que ir tbm, pq pelas ultimas liberações de gt, esses japas ja estao ultrapassados, realoca gt para um estudio ocidental e pronto.

  5. Mario qual processador o Nintendo switch usa?
    O que você achou do preço, ele é bom para um portátil e ruim para console?
    Qual chance de ter um Batlefield nesse console em termos de o hardware aguenta…

  6. É aquela coisa… vento que sopra cá, sopra lá também. Faz parte do competitivo mercado de jogos.

Os comentarios estao fechados.