Sony Pictures hackada

 Posted by on 7 de Junho de 2011  Diversos
Jun 072011
 

Os hacks continuam, e não há qualquer notícia no sentido de poderem vir a parar, quer a bem, quer pelo uso da força.

Desta vez o colectivo conhecido como LulzSec afirma ter roubado os dados de mais de um milhão de utilizadores do site SonyPictures.com.

Esta notícia só pode surgir como um choque, uma vez que após a quebra da segurança da PSN a Sony terá contratado alguns dos mais reputados especialistas de segurança, pelo que não se entende bem como esta falha passou.

É que segundo este comunidado, o grupo LulzSec firma ter sido explorada uma vulgar falha de vulnerabilidade a ataques de SQL injection, tendo com isto roubado passwords, e-mails, moradas, datas de nascimento e outras informações.

Mais ainda, o grupo afirma ter conseguido obter 3,5 milhões de códigos de oferta de músicas de filmes que a Sony se preparava para distribuir.

A Sony não confirma nada ainda, dizendo apenas que estão a investigar, mas o grupo LulzSec questiona: “Quem é que pode confiar numa empresa que se permite a si mesma manter-se exposta a este tipo de ataques tão simples? E o pior é que os dados nem sequer estavam encriptados… Isto é vergonhoso e inseguro: Eles estavam a pedi-las.”

O que é vergonhoso é que hajam pessoas assim. Que se exponha a vulnerabilidade é uma coisa, mas roubar dados pessoais e propriedade da Sony já é outra. A isso chama-se roubar, e a sociedade pune esse tipo de coisas com cadeia. Porque motivo estes senhores se acham diferentes?

Nós não somos contra pessoas, mas contra atitudes. Este tipo de justiça pelas próprias mãos é condenável, e se a Sony é insegura, óptimo, já sabemos todos. Mas o mais certo é estes dados roubados, bem como os códigos aparecerem à venda no mercado negro, como já aconteceu antes, daí que onde está a moralidade nestes actos?

Publicidade

  One Response to “Sony Pictures hackada”

Comments (1)
  1. É algo totalmente questionável, porque de um lado você tem aquelas pessoas que passaram por alguma situação referente a Sony e por outro lado temos moralistas virtuais que recriminam esse tipo de ato. É inquestionável que esse tipo de atitude, seja crime. Porém serve de ajuda não só pra companhia ficar ciente de suas falhas, quanto pra o consumidor fica atento ao tipo de situação em que ele poderá quem sabe ficar exposto!

Sorry, the comment form is closed at this time.