Sony vai levar os jogos MBL para outras plataformas a partir de 2021

Os jogos MBL The Show, desenvolvidos pela Sony San Diego, sempre foram exclusivos Playstation. Mas a partir de 2021, a Sony vai permitir que esses jogos passem a alcançar outras plataformas.

É certamente uma surpresa. A Sony vai fazer com que os seus jogos MBL alcancem outras plataformas, deixando de ser exclusivos Playstation.

Tal foi anunciado pela Sony, Estúdios San Diego e pela Major League Baseball Players Association.

A noticia cai como uma surpresa, mas no entanto não deixa de ser algo que até seria espectável. Se bem se recordam a Sony tinha já anunciado que iríamos ver mais jogos Playstation no PC, e MBL é um dos jogos que mais sentido faz que isso aconteça. Estamos a falar de um jogo que só tem mercado nos EUA, e que pode expandir tremendamente o seu mercado ao ser lançado no PC.

No entanto o comunicado da Sony fala em outras consolas e não apenas em outras plataformas. Daí que o canal Twitter da Xbox e da Nintendo América já se tenham pronunciado quanto à notícia.



Falta no entanto saber-mos exactamente quem será abrangido, pois dificilmente estamos a ver a Sony a lançar um jogo na Xbox por sua livre iniciativa. No entanto também é uma realidade que a Major League Baseball Players Association poderia não aceitar renegociar a licença com a Sony a não ser que tal acontecesse. Essa situação não seria novidade pois já aconteceu no passado com a franquia F1 que a Sony perdeu para a codemasters por imposições de os jogos serem multi plataforma. Aqui a Sony poderá ter ponderado a situação e preferido manter a franquia, mesmo que à custa de o jogo ter de ser multiplataforma.

Vamos aguardar por mais detalhes que foram prometidos para uma data posterior.

Eis o comunicado:

 



newest oldest
Notify of
Edson
Visitante
Edson

O que se sabe é que chegará no pc, xbox e switch! Eu estava online no twitter na hora quando veio essa notícia e a primeira pessoa que postou foi o Phil Spencer! Depois disso, a Nintendo da América tbm se manifestou, confirmando o game no switch. Para fechar, Mat Piscatella apareceu por lá, dizendo que isso será comum no começo dessa década, começando em 2020. (Off topic) A Microsoft está comprando um estúdio polonês e uma das 4 opções são: Teckhand, People Can fly, The Astronauts e The Farm 51.

bruno
Visitante
bruno

O que esta claro nisto tudo, e que foi uma imposicao da MLB para permitir a licenca a Sony

Mas uma coisa e clara, o que o contrato diz, e que a licenca MBL the Show chegara a mais consolas… mas nao se sabe se pela mao da Sony ou do San Diego!…

Por outras palavras, e perfeitamene possivel que a Sony continue a fazer os seus titulos para a PS mas agora a licenca fica tb disponivel para estudios terceiros que a fazem chegar a outras plataformas.

O que se torna claro e que, ao contrario dos arressabiados do PC que andam a chorar pelos cantos porque nao tem os exclusivos Sony no PC defendiam, isto nao e um exclusivo Sony que a empresa voluntariamente decide publicar em terceiros. E apenas uma licenca externa em que o contrato permite que titulos com essa licenca, ate agora exclusiva da Sony, possam chegar a outras plataformas (mas nao obrigatoriamente pelas maos da Sony).

Brunoab
Visitante
Brunoab

Eu acho que a Sony vai fazer port ou vai terceirizar o port.

Eu diria que iria terceirizar, mas ai lembrei que o jogo é anual… acho que não da tempo de terceirizar o jogo fazendo um por ano.

Shin
Visitante
Shin

Nos anos 80 e 90 existia uma quantidade imensa de games de esportes de várias empresas, a razão é que era barato fazer esses games com a geração 3D esses jogos adquiriram complexidade e custo. O realismo exigiu nomes e rostos reais. Expressões e publicidade específica. Mesmo para a EA manter seus jogos de esporte representa grandes custos e por isso nos últimos anos eles tem reciclado o conteúdo.

MBL não é tão grande como Fifa oh NBA mas tem altos custos a ser considerado e assim como nenhum game de esporte sobreviveu isolado, eles estão apenas seguindo a EA.

Brunoab
Visitante
Brunoab

em 2021 a gente descobre onde vai rodar.

sony pode exigir login na PSN dentro do xbox também agora…

port para switch?

se port de CPU de tablet (PS4) para CPU de tablet (switch) já fica cagado, imagine port de CPU de desktop top (PS5) para cpu de tablet (switch2).

talvez o port do jogo seja feito por outro estúdio inclusive…

AlexandreR
Visitante
AlexandreR
daniel
Visitante
daniel

Eu já acho uma grata surpresa se algum for lançado abaixo de $449, imagine então por $399. A Sony, historicamente fez um subsídio monstruoso no Ps3 não porque ela quis, mas porque foi obrigada. Mas se ela fez àquela época, pode ser que o faça, até porque o Ps4 vem sendo um sucesso monstruoso a nível de hardware, e ainda maior em software. Se os ganhos com softwares se manterão com a iminente chegada em massa das subscrições em games, ai não tem como prever. Pelo que prometem, esses consoles terão algum prejuízo sendo vendido a $499, mas sendo vendido a $399? Haja coragem viu kkkk.

Carlos Zidane
Visitante
Carlos Zidane

Eu acredito em 500 mas se vier 400 será excelente pra todo mundo. Pode puxar o preço do Xbox pra baixo também.

Espero que consigam fazer algo equilibrado entre preço e performance, e também equilibrado pra empresa, pois o desenrolar bem pra ela mantém os jogos e toda essa indústria a correr bem. Uma quebra de Playstation ou Xbox só traria prejuízo aos jogadores.

Shin
Visitante
Shin

Sony não estará perdendo dinheiro como se é esperado, eles não são estupidos. O PS5 mantém os limites de Design do PS4 fat e PS4pro então não deve custar muito mais. Veja por exemplo que a AMD lançou sua RX5700XT edição de aniversário por $449 um preço similar ao da HD7950 em 2012, atento a densidade próxima. Então sim eles farão isso a $399 a $449 mas não mais que isso.

A sugestão de um custo muito maior parte das pessoas acreditando em um bigchip quando isso não vai ocorrer. Se estivéssemos em 2012 as pessoas estariam acreditando que os consoles teriam uma Hawaii XT inteira, que era um chip de 471mm^2 e 2816 ULAs, quando na verdade, tem menos de metade disso.

Os consoles não terão GPU maior do que Navi10, o limite será os 13.300 milhões de microtransitores de Vega 20 que é um pouco mais de 2x a densidade do Chip Scorpio do One X.

A solução SSD provavelmente é um BGA simples como esse.
https://images.speicherguide.de/storage-magazin/news/2016/22199-Samsung-512GB-BGA-NVMe-SSD-lineal.jpg

O cooler e case do Series X é baseado na amostra do Ryzen Embedded V1000.
https://cdn2.nextinpact.com/images/bd/news/169970.png

A CFG sugerida é o dobro de RavenRidge nos V1000.
https://www.servethehome.com/wp-content/uploads/2018/02/AMD-Ryzen-Embedded-V1000-Series-Overview-696×369.jpg

Se for ver o ID de Renoir ele deriva em seus Drives de RavenRidge e Fireflight. Fireflight é o ID do Fenghuang usado no console Subor Z+.
https://images.anandtech.com/doci/13163/RearIO.jpg

Vocês viram no Post do Mario Sobre Celadon RN, um chip Renoir que nada mais é que uma atualização de RavenRidge mas dentro da arquitetura Renoir usando Zen 2 e Vega. Perceba que nesse chip eles cortaram o SMT e incluíram apenas 4MB para diminuir o Core Cluster pela metade. Os consoles terão essa mesma base mas serão descendentes diretos de FireFlight e portanto, além de ser um custom chip, não é algo grande e todas as mudanças que estão sendo aos poucos reveladas sugere isso.

Por isso não é tão caro como se imagina e a Sony pode começar a lucrar com ele nos primeiros milhões.

bruno
Visitante
bruno

Shin, não estamos mais em 2013 e a Sony nunca se viu tão ameaçada como agora. Tens streaming de um lado e a MS do outro com o seu gamepass. Por outro lado, goza da boa vontade do público. A PS3 não foi um erro porque era cara a produzir. Foi um erro porque tinha hardware que demorou a apresentar resultados e chegou com um custo muito alto ao público.

Ora isso não corre o risco de ocorrer agora. Com a oferta da AMD ambas as consolas serão muito mais fáceis de programar e mais diretas de extrair performance.

A Sony ganha 1600€ por consola vendida. Uma perda inicial de 200-300€ não será muito.

As melhorias do SSD serão mais ao nível de input/output com alterações ao controlador. A Sony tem uma patente nisto que aponta poder atingir velocidades de 20gb/s.

Mike Ybarra confirmou recentemente que o que há nas próximas consolas é algo nunca antes visto. E não existe no PC.

E o mesmo tipo do Wccftech que acertou em tudo 1 ano antes do anúncio oficial da Navi (excepto o nome do chip), já veio referir que o Big Navi, o tal nVidia killer, sera o GPU das próximas consolas. O mais relevante é que este GPU ultrapassa o limite das 64CU, supostamente.

Shin
Visitante
Shin

Aonde Sony está ameaçada? Em nenhum momento qualquer ação da Microsoft abalou as vendas do PS3 ou PS4, a estratégia de amenizar a atuação do PS4pro e estabilizar o One X como “legítimo 4K” só afetou a psicologia do hardcore ouvinte do Digital Foundry e de foruns Tech. Esses são os mesmos camaradas que costumam comprar mais de um console por geração.

O Xbox só vende bem nos países que falam inglês e mesmo nesses países ele precisa ter melhor opções para ser relevante.

Desde 1984 quando a Nintendo reconfigurou o segmento de jogos em console o mercado era de jogos japoneses vendido para o ocidente. A Sony se torna a anfitriã pois os desenvolvedores não estavam satisfeitos com as exigências da Nintendo. E o que ocorre com esses camaradas? Eles desde a geração passada migraram para PC e Multiplataforma.

Então quem está desmembrando o PlayStation não é o Xbox e sim o PC, assim como todos os consoles. Por que como eu disse, Nintendo reconfigurou o mercado em 1984 e nada mudou desde então apenas houve evolução tecnológica e publicitária. A única tentativa de evolução foi o Wii que pega um novo público.

Olhe os eletro-eletronicos de consumo e verá que na expansão digital todos adotaram multifunção. A Sony é uma empresa bem sucedida em aparelhos com uma única função e má sucedida em multifunção. Por isso a Sony perdeu relevância quando Smartphones se tornaram multifunção e todos os mercados adjacente.

Os notebooks gamers cada vez mais baratos e com chips de alta performance são a verdadeira ameaça. Olhe os dados dos jogadores no Steam e verá que notebooks já são maioria.

Brunoab
Visitante
Brunoab

– vai ser 12TF ou mais no PS5, eu aposto em 14TF para dar exatamente 10x o PS4 (18TF GCN 1.1 = 14TF RDNA2)
– vai ter SSD com pelo menos 5gbps de leitura.

E não, não adianta achar que os próximos consoles vão ser fracos para ter a possibilidade de ports de PS5 ou xbox SX para switch.

e se seguir a tradição, o proximo console da Nintendo vai ser um flop.

vc esta errado quando pega o preço do mercado INFLADO de GPUs de PC e compara como se Sony e MS fossem pagar algo perto do valor atual de mercado nas GPUs para usar na proxima geração.

do mesmo jeito que vc estaria em 2012 falando que seria absurdo esperar 8GB de RAM no PS4.

Ewertom
Visitante
Ewertom

Cadêê o dono da página para informar o user @Brunoab sobre as suas infrações ou aqui se pode achincalhar outras plataformas menos a plataforma de eleição.Quero e exijo uma resposta,ou somente se é fanboy quando não há uma concordância com a opnião pró Sony.