Star Wars Battlefront PC vs PS4 vs Xbox One

Star_Wars_battlefront

O dia de ontem à noite foi usado a jogar intensivamente a demo Beta do jogo em todas as plataformas… e eis o que nos apercebemos.

A demo foi colocada a descarregar no PC e nas duas consolas em simultâneo. O PC acabou primeiro, sendo que as duas consolas acabaram o seu download de cerca de 7 gigas basicamente em simultâneo.

Quais as diferenças notadas entre as versões?

Tornou-se notório desde o início que nenhuma das versões consolas está a 1080p. A definição das coisas e o “blur” natural resultante do re-escalamento de imagem estava presente em ambas as versões, sendo notório que na versão Xbox One o mesmo é muito mais agressivo. Tal é perceptível pelas resoluções usadas, 900p na PS4 e 720p na Xbox One!

Curiosamente a versão PS4, apesar de estar a 900p não apresenta um nível de Aliasing verdadeiramente notório em todas as superfícies, apesar de em outras o mesmo ser visível e ao nível esperado dos 900p, sendo no entanto que a qualidade geral se revela bastante boa. Já na versão Xbox One o chamado “shimering” ou efeito de cintilação obtido nas superfícies inclinadas onde o Aliasing é perceptível durante o movimento, existe em muito maior escala, e por vezes mesmo em objetos onde, pela sua proximidade poderíamos ser levados a pensar que o efeito não existiria.

A versão PC foi jogada a 1080p, e com um nível de detalhe colocado em Ultra, mantendo no meu sistema (I7 4770k e R9-290X 16 GB RAM e 4 GB Video) os 60 fps constantes. Já nas consolas o nível de detalhe fica a perder um pouco situando-se no equivalente ao PC em modo “High” (Ainda há o Very High e o Ultra), mas curiosamente tal apenas se nota na qualidade do solo e na quantidade de pedras ali presentes. Os efeitos restantes estão todos presentes, pelo que não consigo dizer que as consolas estejam efetivamente num modo equivalente ao High, sendo que será mais um modo hibrido entre o High e o Very High do PC, com alguns efeitos em particular a poderem mesmo ir mais longe.

Esta situação paga-se um pouco a nível de performances, com quedas dos 60 fps. Não é que sejam verdadeiramente notórias, mas existem pontualmente situações onde apesar de o jogo nunca perder fluidez se percebe que a mesma tem uma quebra de qualidade. Valores não sei dizer, mas de acordo com os testes da Eurogamer são quebras para perto dos 50 fps em ambas as consolas. Nada de extraordinário ou que arruíne a experiência do jogo, sendo que no global, para o hardware das consolas face ao PC que usei, o resultado final é acima de tudo surpreendentemente bom.


De resto ambas as consolas são exatamente iguais. Não me apercebi (mas confesso que na altura estava longe de pensar em escrever este artigo e apenas pensava em jogar e ver a qualidade das versões para me decidir qual o formato a comprar – daí que nem pensei em fazer capturas de ecrã) de qualquer diferença visual entre as versões, excepto claro nas tonalidades de cores que são diferentes entre as consolas, com a versão Xbox, como é habitual, a apresentar tons um pouco mais escuros do que a PS4.

Mas qual a versão que irei escolher?

A realidade é que ainda estou por decidir, mas a noite de ontem serviu já para eliminar a Xbox One. Nada justifica optar por esta versão que deverá custar perto de 70 euros, sendo ela a que visualmente apresenta mais compromissos. Falta decidir entre a versão PS4 e PC!

Naturalmente aqui há argumentos de ambos os lados. A versão PC é melhor e mais barata, mas a versão PS4 revela-se-se suficientemente boa graficamente para não ser excluída. E depois para questões de match making e jogos entre amigos convenhamos que as funções sociais das consolas e a forma como elas se integram batem qualquer PC. E a PS4 é a versão líder de desenvolvimento pelo que poderá ter conteúdo adicional extra.

Será uma decisão que terei de tomar ainda, e tenho alguma pena de não poder ver os níveis em Endor, pois eventualmente será nestes níveis de floresta que poderá existir maior diferença entre as versões consolas e PC!

No global o que se conclui daqui é basicamente que qualquer das versões é boa o suficiente. Apesar da exclusão da versão Xbox, tal só acontece porque tenho a possibilidade de escolha, mas convêm assegurar a quem não a tem que não haverá qualquer hipótese de ficar defraudado independentemente da plataforma de escolha pois o jogo é visualmente impressionante em qualquer uma e a qualidade do jogo oferecido é exatamente a mesma.

Mas boa boa era uma versão para a SNES… como a de baixo 😉

Publicidade

Posts Relacionados