PS Vita

Artigos exclusivos

Análise: Need for Speed Most Wanted – PS Vita

Need for Speed Most Wanted é um dos grandes jogos de 2012. Aqui analisamos o jogo na sua versão PS Vita, comparando-o com o seu antecessor. Need for Speed Most Wanted (NFS:MW) foi um jogo lançado em 2005 pela Electronic Arts, e que retratava as aventuras de um piloto de corridas de rua na sua chegada à cidade de Rockport. Ali o piloto evoluía…

Artigos exclusivos

Programas para criar ficheiros multimédia compatíveis com a PS Vita.

Para alguém que olhe de forma despreocupada para uma Playstation Vita poderá parecer que não há muitas diferenças entre esse sistema e uma Playstation Portable. Mas a verdade é que há, começando pela performance extraordinária oferecida pela portátil, bem como pelas capacidades fantásticas de interacção oferecidas. Mas há mais diferenças nomeadamente no tocante ao seu cartão de armazenamento dedicado e criado exclusivamente para esta…

Artigos exclusivos

Análise: Uncharted Golden Abyss

Introdução: Uncharted: golden Abyss (o Abismo Dourado) é um jogo exclusivo para a Playstation Vita, fazendo parte do lote de jogos de lançamento para esta consola, e baseado na série com o mesmo nome que tanto sucesso granjeou na Playstation 3. Cronologicamente Golden Abyss passa-se antes dos acontecimentos do primeiro jogo lançado para a série, Uncharted: Drake’s Fortune, e numa altura em que Nathan…

Artigos exclusivos

Análise PS Vita – Parte 2

Introdução A PS Vita é, sem sombras de dúvidas, a consola portátil mais poderosa que alguma vez foi fabricada, sendo que, numa análise à concorrência, a 3DS da Nintendo, actualmente a única outra alternativa de mercado, não se encontram verdadeiramente argumentos para a que a mesma possa concorrer directamente com esta consola da Sony. Efectivamente se as especificações técnicas da PSP já eram esmagadoras…

Artigos exclusivos

Análise: Playstation Vita

Introdução Tal como já referimos anteriormente, as consolas mais populares são algo que não analisamos da forma tradicional, com uma avaliação quantificada no final. O motivo porque não fazemos isso prende-se com o facto de uma consola valer pelo que o software que for criado para ela ao longo dos anos for capaz de retirar do seu hardware. E um bom exemplo disso é…

error: Conteúdo protegido