Uber banida de itália e pode ser banida de mais paises

Os serviços da Uber foram considerados como concorrência desleal.

A Uber foi um serviço que sempre vimos com bons olhos. Prática, funcional graças ao uso de uma APP excelente, e barata!

Mas convenhamos… não se pode ser barato sem se passar por cima de muita coisa, e nesse aspecto os taxis tradicionais não conseguem concorrer pois os mesmos estão presos a legislação existente que os impede de ser mais competitivos pelas obrigações que lhes são impostas (apesar que se calhar estava na altura de implementarem uma aplicação de smartphone semelhante, não?)

Naturalmente não se pretende estar agora aqui a defender um lado ou o outro, mas apenas a referir-se aquilo que foi uma realidade julgada em itália e que acabou numa sentença contra a Uber, considerando que o seu serviço, por não estar obrigado às exigências legais a nível de qualidade de serviço e segurança que abrangem os táxis tradicionais, seria concorrência desleal.

Nesse sentido a empresa está banida de funcionar em Itália, e nem sequer usar as aplicações de telemóvel Black, Lux, Suv, X, XL, Select e Van, ou sequer promover ou anunciar os seus serviços nesse país.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

Esta é uma sentença que certamente vai ter repercussões por toda a Europa uma vez que, em termos gerais, a legislação europeia está implementada de forma semelhante em quase todos os países.

Naturalmente a Uber veio garantir que vai apresentar um recurso, alegando que a decisão se baseou numa lei com 25 anos e que o governo italiano tem de decidir se quer permanecer agarrado ao passado ou permitir que a população beneficie das novas tecnologias. Um argumento que apesar de interessante não tem, a nosso ver, qualquer validade legal pois, bem ou mal, quem tem de lidar com as leis do país é a Uber, e não esperar que as leis do país se adaptem face às suas necessidades específicas. Daí que, na nosso humilde opinião, se esse for o argumento usado, ele não parece que vá colar.

A Uber tem agora dez dias para recorrer, o que lhes pode garantir uma suspensão da sentença por dois meses.

Assim a Itália justa-se a uma lista de países que já tinham impedido a Uber de operar, tais como a Bulgária, Dinamarca, Finlândia, França e Hungria.

Há ainda casos especiais como a Alemanha e a Holanda onde o serviço normal Uberpop é ilegal, mas a Uber opera com o UberX nestes países.

Na Polónia e Espanha, a Uber é legal desde que os condutores tenham licença de táxi.

Publicidade

Posts Relacionados

Readers Comments (11)

  1. Concordo plenamente que dentro do mesmo mercado, as regras devem ser igual para todos, a Uber não pode operar com condições especiais, no entanto, acredito plenamente que depois de eventualmente a Uber começar a operar como os taxis, a situação vai continuar tensa, e porquê?
    Porque o que os taxistas querem não é que a Uber tenha as mesmas licenças que eles, eles querem é que a Uber desapareça, porque não só não querem concorrência, como sabem que essa concorrência é superior em todos os aspectos.

    Durante anos a ”classe” Táxi dominou o mercado, sem concorrência, e o resultado disso é que o serviço foi decaindo a olhos vistos, no meu caso, já andei muito de táxi, e posso dizer que na sua maioria são arrogantes, mal-educados e ladrões, sim gatunos, é prática comum ser-nos cobrada a taxa de bagagem sem levar-mos bagagem, já para não falar naqueles atalhos manhosos que na realidade só tornam a viagem um pouco maior que o necessário, e é por essa e muitas outras, que Uber deve existir, se bem que em circunstancias iguais.

    • Ennio Rafael Costa Lima 19 de Abril de 2017 @ 11:29

      José Galvão nunca concordei tanto com você. Eu já ia escrever, mas quando li seu comentário desisti. Escreveu o que eu estava pensando e muito mais.

      Sou Polícia, e como de praxe no Brasil as coisas demoram para chegar. Uber chegou a pouco tempo e recentemente já estamos lidando com casos de ameaças de taxistas, semana passada na saída do aeroporto vários taxistas perseguiram um uber, com passageiro, o fizeram parar e proferiram várias ameaças, com chaves de roda e outros instrumentos em mãos.

      Detalhe do caminho que a pessoa queria percorrer, um taxista aqui cobra 4 vezes o valor do Uber e são tudo isso que vos escreveu acima, como ficar do lado deles?

    • Caramba! Eu imaginava que essa atitude de taxistas só existia no Brasil.

  2. Tudo que o governo mete a mão para criar regulação fica ruim, ninguém pergunta ao consumidor o que ele quer.
    Os taxistas não deveriam reclamar do Uber, deveriam reclamar dos governos que criam taxas, impostos e regulamentações para dificultar e aumengtar o preço ao consumidor final ao invés de abrir o mercado para quem quer empreender.
    No Brasil, existem muitos taxistas que se mudaram para o Uber ou seus concorrentes. Na cidade onde eu moro, taxista que não aceita aplicativo está indo à falência.
    Mercado com muita regulamentação entra em crise. O Estados Unidos, Nova Zelandia, Canadá, Australia não são países ricos a toa. Até a China já percebeu isso e está mudando a passos largos.

    • Não discordo desta maneira de pensar… aliás, eu sou só a favor é da igualdade para todos, mas no entanto há medidas que a Uber tem de implementar, que são as da segurança…
      E nesse campo, tem de haver regulamentação!

      • Hennan Santos Carvalho 19 de Abril de 2017 @ 18:37

        Não sei na Europa, mas no Brasil o UBER é até mais seguro do que o sistema de táxi. Em relação a concorrência desleal, também não vale para o Brasil. Os taxista devido a incentivos governamentais, pagam menos imposto do que no Uber. A verdade é que como o colega falou, querem manter o cartel e para tal vão usar qualquer argumento e que se dane a população.

        • Aqui os taxis são obrigados a possuírem um sistema de alerta em caso de emergência que permite a sua localização e rastreio por GPS, com captura por parte da polícia do som interior da viatura.
          A Uber não tem nada disso!

          • E no Brasil nenhum deles tem!

          • Ahh aqui no Brasil tem um Uber que oferece um serviço que não é oferecido no resto do mundo:

            https://canaltech.com.br/noticia/games/motorista-do-uber-faz-sucesso-com-super-nintendo-instalado-no-carro-91928/

          • O brasil é um lugar singular, não seve de comparação para outros países, na minha cidade , assim como em quase toda cidade do país temos sempre os esquemas, seja o cartel de postos de combustíveis, seja mafia de licença pra ser taxistas, etc…

          • @Livio lol… Br sendo Br…uhauahua

            O certo é não generalizar, mas fazendo uma média, taxista no brasil só vivem de mal humor, não são educados e cheios de si. Já vi casos tipo, (está achando ruim? vai de onibus)

            Outro exemplo é:
            Um supermercado grande mais próximo da minha casa fica a uns 2,6Km. Só pq é próximo eles nao querem fazer a corrida ou querem fazer um preço tabelado pq no maximo eu gasto uns 12 reais. Querem cobrar de 15 a 20 reais.

Os comentarios estao fechados.