Vários programadores reagem ao que tem sido dito sobre o DirectX 12.

Os APIs de baixo nível são motivos de ganhos de performance, mas vários programadores reagiram ao que tem sido dito sobre o DirectX 12.

DX12

Muito tem sido dito e escrito sobre o DirectX 12 e alguns profissionais da industria pronunciaram-se sobre o assunto:

O CEO da Stardock, Brad Wardell referiu neste artigo que o  DirectX 12 iria duplicar as performances da consola da Microsoft, clarificando posteriormente no seu Twitter  que com a sua frase que dizia : “com o DX 12 cada possuidor de uma Xbox teria um novo GPU que terá o dobro da velocidade” na realidade não estava a falar literalmente pois seria software e não hardware, mas que os jogos Dx 12 seriam 2x mais rápidos.

Esta foi uma clarificação necessária graças às célebres teorias de MisterXmedia.

Publicidade

Retomando o nosso artigo

Mas se ali estamos perante um optimista, outros profissionais da industria são muito mais cépticos. Rich Foster é programador da PhyreEngine Team, a equipa de pesquisa e desenvolvimento da Sony Computer Entertainement, e refere sobre o comentário de Wardell: “Bem, isto fez-me rir. O DX12 vai puxar os GPUs com o dobro da intensidade causando problemas de aquecimento.”

Não podemos deixar de concordar com Foster. Já o dissemos aqui em comentário e agora colocamos a frase novamente em artigo: “Um GPU puxado a 100% é um GPU puxado a 100%. Se este está a debitar 1 fps ou 1000 fps é irrelevante dado que a sobrecarga no sistema é a mesma”. E por esse motivo não se compreende qualquer declaração que afirme que o DX 12 poderá levar os GPUs a aquecerem mais, sendo que na nossa opinião a mesma até peca por ridícula. Quando muito o CPU por ser melhor aproveitado pode aquecer mais, e o sistema aquecer mais. Mas nunca passará dos valores normais de aquecimento.

O comentário seguinte vem de um programador da ICE Team, a equipa da Naughty Dog responsável pelos APIs de baixo nível das consolas Sony. E nele Cort Stratton de forma séria refere, “Os novos  SDKs podem melhorar significativamente a performance do mesmo hardware, sim. Não sei sobre o DX 12/X1, claro; não é o meu departamento.

Mas Stratton acrescenta mais dizendo que as pessoas tem o direito e os motivos para estar cépticas sobre ganhos de performance “Bom; desconfiem sempre de TODAS as declarações sobre ganhos de performance. Por exemplo, o que é *exactamente*que ficou 50 a 100% mais rápido. E mais rápido que o que? Detalhes!

Publicidade

Retomando o nosso artigo

Esta é outra realidade que podemos constatar com o Mantle. Os ganhos com um API de baixo nível são variáveis e apesar de certas situações poderem duplicar ou triplicar a performance, a performance média ganha varia e bastante de jogo para jogo. Um exemplo não faz uma realidade e os primeiros Benchmarks revelados pela AMD revelavam ganhos de 300% no Mantle. Mas na prática 50 a 60% são a realidade mais comum, e apenas em sistemas mais fracos.

O engenheiro de software da Treyarch, Dan Olson teve uma reação mais séria: “Aqui temos um artigo… e não percebo porque motivo as pessoas dão a cara para dizer este tipo de coisas

Dean Ahston acha a frase de Wardell hilariante. Na sua resposta refere. “2x mais performance usando o DX12? Aquele artigo quase me me engasgar com a minha chávena de chá.”

Mas é na resposta de Billy O’Neal, um dos programadores responsáveis pelas linguagens de programação C# e C++ da Microsoft, que encontramos o maior realismo face a toda a situação: “Ambas as principais consolas possuem um grande número de núcleos sem grande sal. Daí a motivação para optimizar o caso“.

E curiosamente Billy é quem toca na ferida. Mas apesar de tudo as empresas preferem vir com paliativos de performance, quando na realidade a Microsoft em vez de estar a salvar a Xbox One poderá estar a prejudica-la. A libertação de um API universal como do DirectX 12 vai criar um fosso tremendo entre as consolas e os PCs que dantes era apenas no hardware e agora vai ser igualmente no software. E as consequências para as consolas (e não só a Xbox One) a longo prazo poderá ser imprevisível.

Mas quem sabe tudo não passa de uma táctica elaborada para que a actual geração dure menos?

Sinceramente não sabemos os ganhos que o DX 12 vai trazer. Já referimos anteriormente que os ganhos vão existir globalmente nas consolas assim que o software começar a ser programado para acessos de baixo nível. Podemos ainda esperar alguns ganhos adicionais na Xbox One com a implementação total do API, algo que ainda não acontece. Mas ter os PCs a acompanhar esses mesmo ganhos é que não sabemos se será algo bom, ou algo mau.

 

Publicidade

Posts Relacionados