Comissáo Europeia vai investigar o negócio publicitário da Google

0 0 votes
Avalie o nosso artigo

A Comissão Europeia quer saber se a Google favoreceu os seus serviços de publicidade em detrimento dos da concorrência.

A Comissão Europeia veio confirmar que existe uma investigação formal sobre o negócio publicitário da Google. Basicamente, enquanto líder incontestado das pesquisas na Internet, e como tal da publicidade direcionada, o conteúdo e a publicidade existente passam quase todos por si. E devido a tal a Comissão Europeia quer investigar o negócio à procura de eventuais favorecimentos do seu motor à sua publicidade.

Segundo a Forbes, a publicidade rendeu à Google, no ano passado um total de 147 mil milhões de dólares em receitas publicitárias. É a maior receita publicitária de uma empresa, em todo o mundo.

E estando a Google presente em quase todos os níveis da cadeia de fornecimento da rede de publicidade, entendeu-se haver a necessidade de uma investigação formal, de forma a se perceber se há aqui algum favorecimento abusivo dos seus serviços de publicidade em detrimento dos da concorrência, o que configuraria um caso de uso abusivo de posição dominante.

A confirma-se alguma ilegalidade, a Reuters, acreita que esta seria uma das maiores multas história por práticas ilegais no mercado publicitário.



Segundo a Bloomberg, esta é a primeira vez que a Comissão Europeia examina profundamente o negócio de publicidade da Google, pretendendo analisar todo o processo de ponta a ponta.

Caso a Google seja considerada culpada, para além da multa, esta pode ser obrigada a mudar a forma como aplica a publicidade.

A google mostrou-se disponível para cooperar com a Comissão Europeia, e para responder e esclarecer qualquer questão.



error: Conteúdo protegido