Comprar a edição base de Forza Horizon 5 e complementa-la sai muito mais caro que adquirir a versão premium.

5 4 votes
Avalie o nosso artigo

Com Forza Horizon 5, a Microsoft divide o jogo em pedaços, sendo que a edição base pode não compensar, e acima de tudo a que menos parece compensar é a edição Deluxe. Independentemente de tudo, todo este processo de verificação de qual a melhor escolha para cada um, é uma salgalhada e bastante confuso.

Comprar Forza Horizon 5 pode ser um verdadeiro quebra cabeças. É que a Microsoft resolveu disponibilizar o jogo em 3 pacotes:

Edição Base: 59.99$ – preço oficial
Edição Deluxe: 79.99$ – preço oficial
Edição Premium – 99.99$ – preço oficial

A diferença entre elas? O conteúdo.

Basicamente a Edição Base é isso mesmo… a base. Possui o jogo, e nada mais! De se notar porém que todo o conteúdo que foi considerado nuclear está aqui, e o resto são considerado apenas extras.



A Edição Deluxe, é um pack, que inclui o jogo base, e o Car Pass, que basicamente oferece acesso a um conjunto de carros que serão adicionados no futuro.

O custo da compra da Edição Base, com adição deste Car Pass, em detrimento da Edição Deluxe,  não pode ser contabilizado ainda, uma vez que não há ainda preços para ele em avulso, mas esta será certamente uma opção mais cara.

A Edição Premium, essa inclui a totalidade do pacote que a Microsoft planeia colocar no jogo, nomeadamente:

Welcome Pack, Car Pass, VIP Membership e dois packs de expansão, assim que disponíveis.

Ora dado que, com excepção do custo dos dois packs de expansão, sabemos já o preço do Welcome Pack e do Vip Membership, vamos ver quando acresce a cada uma das restantes Edições para se obter algo igual:

Edição Base (59.99) +  Welcome Pack (4.99) + Vip Membership (19.99) = 84,97$. Estamos a 15,02$ do preço da Edição Premium, e faltando ainda o Car Pass, e os dois DLCs.



Edição Deluxe (79.99) +  Welcome Pack (4.99) + Vip Membership (19.99) = 104,95$. Passamos já o preço da Edição Premium, e ainda estamos em falta dos dois DLCs.

Uma alternativa, apenas válida para a Edição Base, é a aquisição do Add On Premium, que inclui tudo o que falta, nomeadamente  o Welcome Pack, o Car Pass, o VIP Membership e os dois packs de expansão, cujo preço é de 49.99$, e que eleva o custo da Edição Base para 109.98$.

Resumidamente, a adquirir-se tudo a partir da Edição base, o custo mínimo é 109.98$, podendo ser maior ainda, se adquirirmos as coisas à parte.

Quem se lixa no meio de tudo isto é a Edição Deluxe, que tem forçosamente de adquirir tudo o que falta à parte ou, em alternativa, adquirir este Add On Premium (se é que compatível), pagando duas vezes pelo Car Pass.

Porquê tudo isto?



Bem, de forma clara esta divisão prende-se com uma situação. A oferta d Edição Base deste jogo no Gamepass!
Basicamente a ideia é que este pacote seja o que maior implementação terá no mercado, e daí todo o sistema de add ons estar pensado para obter o máximo de dinheiro a partir dele.

Nesse sentido, quem se lixa são os compradores da versão física, que caso optem pelas versões mais econômica, expandindo-a acabam por ter de pagar mais. E pior ainda são os que comprarem a Deluxe, que acabarão por gastar muito mais ao não terem um pack de complemento mais acessível, sendo que caso este funcione na sua versão anula o interesse da versão, ao repetir aquilo que ela traz a mais… o car pack.

Conclusões

Se vai comprar Forza Horizon 5 físico, pensa bem no que queres. Se a ideia é só teres o jogo, a compra é simples, é a Edição Base. Se é só teres o jogo mais os carros que forem sendo lançados, a Edição Deluxe é para ti. Se pretendes algo mais do que isto, pondera bem onde gastas o dinheiro, pois caso optes por estas edições e depois as pretendas complementar, tal poderá acabar por te sair mais caro do que comprar desde logo a Edição Premium.



5 4 votes
Avalie o nosso artigo
13 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Hennan
Hennan
29 dias atrás

Era tão bom quando o jogo custava 60 dólares por tudo. Hoje, a venda de dlcs mudou até decisões de game design. Recentemente terminei Tales of arise. Apesar de uma melhora significativa tecnicamente é revoltante ver que o nível de dificuldade, bem como o ganho de XP e dinheiro foi claramente alterado para induzir o jogador a pagar pela dlc que inclui bônus de XP e dinheiro. As vezes reclamo do aumento de preço da Sony, mas é muito pior cobrar 60 e vender boa parte do jogo como extra.

Hennan
Hennan
Responder a  Hennan
29 dias atrás

Só um complemento. Outra coisa engraçada é que quase nenhum review citou esse problema. Apesar de ser evidente.

Juca
Juca
Responder a  Hennan
29 dias atrás

É que as demais versões já eram assim, não mudou o modelo comercial do jogo, ele sempre foi comercializado com diferentes versões e conteúdos pelo menos desde o 2º, algo que já faz perto de uma década. E desde que estão no gamepass (3 e 4) a versão apresentada lá é a Standard, não a versão mais completa.

José Galvão
José Galvão
29 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Ou então jogas o jogo por 1€ no gamepass e mais tarde compras a versão Premium em promoção por 40€.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
29 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Meu plano é ir jogando pelo Gamepass até encontrar uma promoção.
Ok, espero não estar ajudando a destruir a indústria LoL

Mário Armão Ferreira
Responder a  Carlos Zidane
29 dias atrás

Não estás… O jogo é da Microsoft.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Mário Armão Ferreira
29 dias atrás

Menos mal… ;P

Juca
Juca
29 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Mário, meio que que sempre foi assim, por isso costumo esperar um tempo e pegar a edição Ultimate/Supreme que sempre vem com ao menos todos os DLCs de pista (mais carros nem me interesam muito se já têm as ferraris, e mclarens) que sempre costumam sair por fora. Mas sem dúvidas a MS não vai ser tão trouxa de lançar a versão mais completa de um jogo no Gamepass, não foi assim nem com o 3, nem com o 4, e acredito que não seja com os demais jogos dela que também tenham um DLC, como os da Bethesda, ou pelo menos os games que não são nichados e tenham poucos adeptos. Ruim da versão standard é não tem as DLCs de pistas adicionais como foram as do lego e as do hot wheels nos outros games.

nETTo
nETTo
29 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

O maior problema da série hj são as propagandas ingame, tirar o controle do player pra exibir um comercial de DLC é de tirar o .. da bunda

Vitor hugo Reale Pereira
Vitor hugo Reale Pereira
28 dias atrás

Mario exelente artigo. Uma dúvida mas voltada pro lado técnico, alguns jogos como dar cry 6 nos novos consoles ps5 e xbox series x, estão em um nível de rtx 2060 confirme análises da digital foundry. Porém acho que deveriam rodar melhor esses jogos, pois, possuem um hardwere muito potente. Como funciona esse crosgen? Só pelo fato de sair para ps4 e xbox one já impossibilita dos novos consoles de rodaram os jogos melhor? O que acha Mario, quando vamos ter tais jogos que aproveitem melhor o ps5 e xbox series x?

Vitor hugo Reale Pereira
Vitor hugo Reale Pereira
Responder a  Mário Armão Ferreira
28 dias atrás

Comprendo Mario, no geral o ps5 tá usando uma versão do ps4 pro, com as velocidades da nova geração. No caso do PC ele é mad genérico, mas como não foi criado pensado no hardware do ps5 esses mesmos jogos tbm se tornam genéricos em consoles.

Francis
Francis
22 dias atrás

Para quem tem o Xbox Game Pass, pode pegar a versão separada que dá acesso as DLCs e a versão antecipada. Mas aqui vai um comentário de alguém que jogou todos os Forzas Horizons, muitas das DLCs são dispensáveis para muitos, as principais são de novas campanhas que geralmente são 2 e acredito que ficam com preço menor do que comprar as versões com preço maior.

error: Conteúdo protegido