Gran Turismo Sports Beta vs Gran Turismo 6

Que evolução gráfica teve Gran Turismo Sports face a Gran Turismo 6 na PS3? É o que este video mostra!

Convenhamos que os jogos de carros são aquele tipo de jogos onde mais facilmente se pode mostrar grandes gráficos. Não há grandes animações, o circuito é um túnel fechado, pode haver controlo da luz e iluminação, enfim, há uma panóplia de situações aplicáveis a estes jogos que lhes permitem obter grandes grafismos.

Ora Gran Turismo 6 na PS3 era um jogo com um grafismo esplendoroso, daí que surge a questão sobre como a versão de Gran Turismo Sports para a PS4 superará esse jogo.

A resposta é dada de seguida num video que compara os dois jogos onde ambos os jogos são colocados lado a lado com o mesmo carro e nas mesmas pistas de  Nürburgring Nordschleife e Brands Hatch. Recorde-se apenas que Gran Turismo Sports ainda é Beta (versão 1.05).

E já agora, comparemos com Forza 6:



Posts Relacionados

Readers Comments (23)

  1. É claro que em relação ao GT6 o GT Sport possui melhorias.

    Consegui o acesso ao beta ontem (10/05) porém o código chegou em meu e-mail no dia 29/03, caiu na aba de promoções do meu e-mail. E eu pensando que nunca tinha sido selecionado.

    Com o breve teste, nota-se que a parte gráfica é melhor, não tanto, mas melhorou. Não sei se alteraram a jogabilidade pelo joystick, pois desde 2013 tenho um G27 e no GT6 só joguei com o volante. Tenho o adaptador do G27 para o PS4(GIMX, na minha opinião um dos melhores adaptadores), mas eu perderia tempo p/ montar o aparato(estou sem cockpit), sendo assim optei pelo joystick.

    Sou um grande fã da série, mas se este beta fosse a versão final para mim teria uma nota 8.

    Sobre o online a Polyphony deveria aplicar uma punição mais rigorosa para aqueles oponentes que te fazem de apoio em curvas. Estava em uma corrida com 16 participantes, por ter iniciado ontem recebi um carro menos potente e devido a isso consegui uma qualificação na 12ª posição. Corrida começa, os outros oponentes se duelando e eu esquivando, na metade da corrida consegui ficar na 6ª posição aí em uma curva vem um oponente com carro mais potente e me faz de apoio, resultado, saí da pista e perdi todas as posições ganhas, terminei em 13°

    • Há uma coisa que deveria chamar a atenção. É que se de um lado tens 250Gflops do outro tens 1,84 Tflops. Mas no entanto o que vês? Meros refinamentos!
      Isto não é uma critica, é uma constatação de uma realidade, a de que os jogos agora gastam o seu processamento a refinar a imagem e a resolução e não a criar algo de verdadeiramente novo.

  2. A quantidade de reclamações desse jogo sobre a comparação com Forza 6 é absurdo. O Forza 6 tem dois anos praticamente e ainda está melhor. Os carros do gran turismo parecem os carros do mario kart na corrida. É quase um arcade de 60fps. O carro faz curvas em alta velocidade sem passar nenhuma sensação de velocidade. Até o Forza Horizon passa uma sensação de corrida maior. E eu acho que até o Driveclub…
    Eu já vi gente dizendo que o gran turismo tinha melhor física que o forza, e eu queria saber onde, pois o gran turismo é menos realista que o Forza Motorsport 3 de 2009 até hoje.
    O Livio disse acima que daria uma nota 8 pro jogo, eu acho que uma media de notas acima de 80, pela forma como o jogo está, será uma grande vitória, por que esse Gran Turismo vai ter que conquistar pela variedade, ter um monte de carros, um monte de pistas e um monte de modos, pois da forma como está, será massacrado pelo Project Cars 2, e se tiver Forza Motorsport 7…
    E eu não estou nem discutindo os gráficos, pois até esse são discutíveis quando um jogo de corrida de 2017 não deveria nem dar margem para um jogo de 2015 num console menos potente.

    • Eu nem vou comentat muito para não parecer muito mal.
      Porque de resto quando a comparação com o Mario kart aparece, está tudo dito sobre o que escreveste.
      http://www.pcmanias.com/o-que-gran-turismo-sport-realmente-e/
      Independentemente de todos os defeitos que possa ter, GT Sports É o único jogo consolas até hoje oficial da FIA. Daí que comparar com Mário Kart só pode ser para rir.

    • Se queres saber, no que toca a realismo eis uma lista (minha) daqueles que considero os simuladores automóveis mais realistas que já joguei.
      Rfactor 2 – PC – ultra realista, pena que o grafismo não fosse top.
      Assetto Corsa – PC, PS4, Xbox One – Um verdadeiro simulador, mas a física está longe de ser perfeita.
      Project Cars – PC, PS4, Xbox One – Talvez o melhor simulador automóvel nas consolas. Faz no entanto, como todos os anteriores, um certo compromisso com o realismo de forma a manter a jogabilidade.
      IRacing – PC – para mim o melhor simulador automóvel que já joguei. Tudo foi digitalizado da realidade usando tecnologia laser e a fisica é a mais perfeita que já vi. É no entanto já de 2008 e isso nota-se no grafismo. O jogo foi adoptado pela Mclaren e pela Williams na Formula 1, bem como por diversas equipas da Nascar como simulador oficial.
      Richard Burns Rally – PC, PS2, Xbox – um estilo diferente, mas que não posso deixar de referir apesar da idade pois era um colosso na física implementada.
      E após estas referencias, eis que surgem:
      Gran Turismo – PS – O mais simulador possível numa categoria de compromisso com a jogabilidade que lhe tira muita da seriedade do realismo. O carro cola mais à estrada do que devia e a física perde realismo com o aumento da velocidade (falta ver agora nas versões PS4 que foram oficializadas pela FIA, algo que no entanto não lhe devera retirar a componente de compromisso com a jogabilidade).
      Forza Motorsport – Xbox – segue os trilhos de gran turismo e tal como ele o realismo total fica a um canto a favor da jogabilidade. A sua física, apesar de possuir alguma qualidade, fica no entanto a dever muito a gran turismo comportando-se sempre ao estilo do que Gran Turismo apresenta a alta velocidade.
      Quanto a Mario Kart, o teu comentário é de tremendo mau gosto, e chega a ser ofensivo para Gran Turismo. Karts a saltar e a rodopiar nas bananas e a terem ganhos de velocidade se acelerares quando o contador inicial está a um segundo do início da corrida mostram claramente o estilo arcada do jogo.
      Se queres ser sério e levado a sério, este tipo de frases não te levam a lado nenhum de tão ridículas que são.

      • Mário,não entendi sua chateação,pois pelo que entendi do comentário do Fernando ele informou ao meu ver que de realismo em alguns pontos o jogo não tem nada.Pelo menos para mim GT deixou de ser um jogo excelente para ser abaixo de mediano,mas é meu ponto de vista meu e qual seria o problema nisso em mudar meu gosto de jogo que tem um grafismo muito bonito mas em diversão para mim não dá. É um ponto pessoal que todos tem que respeitar pois ninguém é igual a ninguém.Tem pessoas aqui que é só falar mal da Sony ou de qualquer jogo que se doem.Eu tenho Forza 5 e o único forza simulador que joguei e achei horrível e parei aqui.Só jogo FH2 e o 3 que para mim isso é jogo de corrida(que te diverte)tem pessoas que não gostam,mas referir que o jogo é um lixo como alguns comentam aqui isso é demasiado vulgar.Mas repito não entendi isto do comentário do Fernando apenas vi que certos jogos são endeusados e não são tudo isso não.Bons jogos a todos e lembrando alguns aqui(jogos eletrônicos são para brincar e não para brigar).

        • Chateado eu? Eu até me ri….
          O comentário do Fernando é dele e só dele. Cada um tem direito à sua opinião. Agora para se queres que te levem a sério tens de ser sério, e uma opinião só pode ser encarada como séria quando devidamente fundamentada. Daí que quando discutes se gostas mais do Pavarotti ou do Placido Domingo, dois dos melhores tenores, vires comparar um deles com o Zé Cabra, quer queiras quer não, tira toda a credibilidade ao comentário, mesmo que digas muitas coisas válidas pelo meio.

          • Só um minuto amigo você no seu comentário aqui referes que Mario Kart é um Zé Cabra.Desculpa amigo mais exigimos mais respeito de sua parte de um jogo que não é somente um jogo e sim uma união familiar e isso Mario Kart tira de letra.Na boa.É como você falou opniões são opiniões mas ofender uma das séries de maior prestígio ao meu ver foi muito chateante.Na boa temos muito dos pensares iguais mas essa foi difícil. É como um cometário de um user em outro site onde o mesmo descreveu esta mensagem(Os velhos que amam a Nintendo estão morrendo e este empresa mediocre morre junto com eles)lamentável.

          • Não estou a perceber. Não percebias a minha indignação e afinal ages igual? Afinal em que ficamos?
            Mas sejamos claros, eu nunca comparei Mário Kart a Zé Cabra. Tu é que fizeste isso por associação de ideias!
            Da minha parte limitei-me a dar um exemplo igualmente disparatado de uma comparação para que se perceba a situação de uma forma mais abrangente e genérica.
            Porque que eu saiba nenhum dos jogos em causa cantam, e para além do mais, o que está a ser discutido não é a qualidade do jogo, ou sequer o jogo em si, mas sim o realismo da simulação e da física implementada. Daí que o que na tua associação de ideias terias, quando muito, de achar que o que comparei com o Zé Cabra foi a física e realismo do jogo, o que teria lógica quando um jogo 100% arcada e destinado a um público mais jovem é comparado com jogos que tentam ser mais realistas e um deles é mesmo oficializado pela Federação Internacional do Automóvel (FIA). Mas nunca em nenhum caso a extensão deveria alcançar a totalidade do jogo em si!
            Diga-se da mesma forma que a física e realismo de GT e Forza podem ser considerados autênticos Zés Cabra quando comparados com a física e realismo de um simulador automóvel profissional (como este: https://youtu.be/DaoO6BUTgsg ), caso em que Mário Kart nem sequer seria considerado como existente.
            Já agora, estou curioso. Nessa associação tua qual é o Plácido Domingo, o Forza ou o GT?

            Como nota final eis a descrição dos jogos na ESRB
            GT6 – This is a driving simulation game in which players can select cars and drive them through competitive racing circuits. Players attempt to reach first place in time trials and racing events while learning proper racing techniques.

            Forza 6 – This is a racing game in which players can drive a variety of realistic cars around international tracks. Players can progress in various game modes that include Career, Free Play, and Test Drive.

            Mário Kart 8 – This is a kart-racing game in which players compete with characters from the Mario universe. As players race against other drivers, they can use “cartoony” power-ups (e.g., bombs, turtle shells, fire balls) to impede opponents’ progress. Some attacks result in vehicles spinning out, flipping into the air; comical yelps and colorful explosions accompany the action.

            Apesar de a descrição de Forza não a achar a melhor, percebe-se logo aqui que Mário Kart está longe de ser um simulador de condução.

          • Não ficamos amigo,pois se tu leres suas resposta dada ao Fernando você em todas as suas explicações você cita somente dois jogos(GT e MK)então quando você se refere seu penúltimo comentário citando dois tenores e cita um Zé ninguém como dado de exemplo por um user me dá a impressão desta falta de educação.
            Falo isto pois como informado é a opnião dele e se ele acha isto cabe a você perguntar o porquê e não responder da forma como foi dirigido,pois pelo menos para mim fica aqui a impressão falou mau do Xone você é amigo,mas falou mal da Sony você é perseguido.
            Tem gente que não gosta de certos jogos como eu por exemplo que acho esta série GT ultrapassado,mas é uma opnião minha,tem também uma física de velocidade na minha opnião horrorosa.
            Mas quem goste que curta,não é problema meu.Só achei chato ao meu ver sua resposta mas se tu acha que esta bem paciência……Bora joga Mario Kart

          • Desculpa Ewerton, até porque já andas aqui à muito, mas compreende que quando a conversa começa com física, tu levas para a qualidade geral dos jogos e agora já vais em marcas de consolas e preferências pelas mesmas, isso mostra bem que tu entraste por caminhos que nunca foram abordados e que nem sei porque falas deles.
            Assim como a comparação do Mario Kart ao Zé Cabra, apesar de perceber que a associação pode ser facilmente feita, foi tua e só tua. Eu limitei-me a dar um exemplo extremo e exagerado mais terra a terra para que se perceba o ridículo da coisa. Mas como já disse, de um lado estavam jogos, do outro cantores, e os jogos não cantam. E batatas são batatas, laranjas são laranjas!
            Não és obrigado a gostar de GT. Ninguém é! Mas tu mesmo na tua frase dizes e cito: “acho está série GT ultrapassado, mas é uma opinião, tem também uma física e velocidade na minha opinião horrorosa”. E depois terminas com “Bora jogar Mário Kart”.
            Pessoalmente concluiria daqui aquilo que parece lógico, não gostas de GT porque tem uma física horrorosa, mas gostas de Mário Kart. Ora, sem desmerecer Mário Karts do qual até gosto bastante, como não consigo comparar batatas com laranjas, também não consigo sequer comparar um jogo que tenta ser minimamente realista a um jogo cómico e cartoonesco onde tartarugas, cogumelos e dragões correm em karts que disparam mísseis e cascas de banana, e consequentemente também não consigo tomar qualquer opinião comparativa com o algum realismo de Grand Turismo que meta este jogo no meio, como séria.
            E o que está em causa na discussão é exclusivamente a qualidade da física de Grande Turismo. Sim, não é perfeita, mas por muitos defeitos que possa ter, e mesmo que possa ser inferior a Forza (algo que até concordo que é em vários aspectos), comparar seja o que for deste jogo com Mario Kart tira, no mínimo, pelo menos muita da credibilidade a qualquer comentário que o faça.
            E foi isso que foi dito ao Fernando.

          • E tem mais:

            https://youtu.be/138yj5Jx-Xw

            Só não vou dizer qual é o jogo que mais aparece nesse vídeo, mas a resposta certamente será:

            “É um jogo arcade, não tem compromisso 100% com a física”

            Também aparecem PCars e até iRacing

          • Depois deste vídeo que o livio postou acho que a discussão sobre física está encerrada kkkk

    • Os programas humorísticos ainda não te encontraram! O que falta para isso acontecer? Criar um show de stand-up?

      Pô Fernando tem comentários teus que todo mundo começa a concordar, mas quando lemos umas linhas mais a frente começamos a voltar atrás devido você citar inverdades, melhor dizendo, piadas.

      Dou uma nota 8 para o jogo, mas não reclamei da física e nem falta de sensação de velocidade.

      O curioso é ver as reclamações: falta sensação de velocidade, pneu grita demais, som de aspirador.

      Será que estes que sempre reclamam da falta de velocidade possuem carros esportivos na garagem e sempre andam acima dos 120KM pelas ruas?

      Será que sabem que se o carro estiver em uma curva com uma velocidade acima que o pneu aguenta este mesmo irá “gritar”?

      Será que estes que reclamam de som de carros estilo aspirador de pó ligam o console a um sistema de som ou escutam via headphone?

      Agora dizer que o jogo parece um Mario Kart foi a piada do mês. Não foi surpresa ler isso de você visto que nenhum jogo PS te agrada.

      Falam tanto do Forza, vulgo Rei(já perceberam que jogos e consoles MS sempre recebem estes tipos de apelidos?), mas quando as empresas automobilísticas vão procurar um jogo simulador de corridas para promover seus carros qual dos jogos é o escolhido? Forza que não é. Só lembrar de GT6 que recebeu vários carros Vision e que no PS2 tanto GT3 quanto GT4 receberam versões especiais com carros que seriam lançados.

      Mesmo dando uma nota 8 para o estado atual eu jogo todo dia no mínimo para cumprir com os desafios e ganhar uns carros, as vezes fico tentando diminuir ainda mais o tempo de qualify. Desligo os controles de tração e estabilidade e os carros não saem rodopiando e quando escapo da pista e entro em um banco de areia ou grama a física corresponde e o carro não se comporta como se estivesse em um Forza Horizon da vida.

      Mas é assim, se um beta perde para um jogo de 2 anos atrás, pior é o completo de 2 anos atrás perder para um de 2014.

      O teu problema Fernando é simplesmente não ter um PS4 para testar os jogos. Estes jogos não são a 8ª maravilha do mundo, mas também não correspondem com o que você sempre diz sobre eles(cof, cof… defeitos).

      Mas o mais engraçado que, por Gran Turismo perder a majestade ele foi um dos jogos mais vendidos mesmo com atrasos no desenvolvimento e lançamento (GT5).

      • E quando falo que desligo os controles de tração e estabilidade o carro não sai rodopiando não quero dizer que é um problema de física ou realismo. Desligando essas 2 assistências o carro fica mais rebelde, tende a rodopiar para um dos lados principalmente nas curvas, mas não como Mario Kart quando é atingido por algo.

        E mesmo com as assistências desligadas eu consigo conter a rebeldia do carro usando o joystick(o volante ainda não testei por falta de espaço).

        • Umas questões sobre o que au achava que podia ser melhorado dos GT da PS3:

          Aderência: É um dos pontos que achava eram exagerados. Demasiada aderência particularmente no que toca a acelerações extremas que deveriam levar o carro a fugir lateralmente.

          Isso tambem se notava nas curvas com o carro a fugir abaixo do esperado. Como está isso agora?

          E os tuneis de vento como estão. Menos notórios, iguais, menos?

          Outra coisa muito pouco realista era a redução de 6a ou 5a para 3a ou 2a que deveriam arrebentar o motor, mas que não tinham essa consequência. Isso penso que deve estar igual, mas questiono.
           
          E a mudança do centro de gravidade do carro sente-se nessas reduções? E quando metes uma mudança superior após levares a atual ao limite (por exemplo a primeira ou segunda)? Isto é algo que nenhum simulador de consolas fazia.

          • Mas isso(redução de marcha) pelo que lembro nem GT nem Forza tem. Pelo que lembro Assetto e Project Cars implementam.

          • Assetto Corsa tem. Project cars… não me recorda.

          • Bom dia Mário, estou jogando a beta há quase um mês no PS4 Pro. Sou um grande fã da série e jogo desde GT2. Joguei muito GT6 e não vejo como comparar os gráficos de GT6 com GT Sport. Quando peguei o GT6 fiquei muito descontente com a performance, o frame rate variava muito, o anti-aliasing não era bom e o jogo tinha o mesmo defeito de GT5 algumas pistas e carros tinham um ótimo acabamento e outros eram um port direto de GT4 do PS2 e isso era bem visível. Já Gt Sport tem uma performance bem estável raramente percebi quedas de FPS e as pistas e carros tem um ótimo acabamento, sem texturas em baixa resolução ou anti-aliasing inferior como em GT6, a unica exceção foi a pista Dragon Trail que foi incluída na primeira atualização e tinha alguns problemas de texturas em baixa resolução e a física também não estava muito boa o carro rodava nas saídas das curvas sem explicação. Com a terceira atualização consertaram tanto as texturas e a física e a pista ficou no mesmo nível das outras. Na parte da jogabilidade a série Gran Turismo sempre tentou facilitar para quem não é acostumado com simuladores e principalmente joga no controle dualshock, coisa que nem Asseto Corsa e Project Cars conseguiram acertar e suas jogabilidades são ótimas no volante mas no dualshock mesmo depois de muitas regulagens ainda deixam a desejar. Em GT Sport, existem muitas ajudas de condução e a jogabilidade fica muito fácil com elas ligadas. Mas para quem quer conseguir fazer os melhores tempos e ter mais desafio é só desligar o TCS, ABS, ASM que ai o game mostra toda sua simulação. Jogo com o volante G29 e posso dizer que a jogabilidade é muito boa dependendo do carro escolhido é difícil permanecer na pista, basta encostar em uma zebra na curva e acelerar que é rodada na certa. A parte em que você pega o vácuo do carro da frente achei que não ficou tão perceptível e acho que eles deveriam melhorar. O som do motor do carro melhorou muito comparado ao de GT6 mas não supera o som de Asseto Corsa e Project Cars. Na beta os danos mecânicos e visuais estão desligados com exceção de alguns carros que ficam um poucos arranhados. Nas ultimas atualizações incluíram algumas opções interessantes como desligar o HUD e deixar o movimento carro na visão externa mais solta lembrando a camera de GT3 em que o carro se movimenta mais. GT Sport está em closed beta e tem evoluído rápido tanto em jogabilidade e gráficos e não posso deixar de falar que o jogo já está com gráficos muito bonitos utilizando o game com o PS4 Pro e uma TV 4K e a jogablidade vai agradar tanto quem gosta de jogar no dualshock ou no volante.

          • Antes do mais, obrigado pelo texto.
            Deixo só uma nota que a dificuldade do acerto do controlador no Assetto e no Project deve-se em grande parte ao realismo da simulação. GT abdica um pouco dela com o controlador para alcançar melhor todo o público da consola. Isto é normal num jogo first party destinado a um objectivo mas que tem diferentes ambições, neste caso ajudar a venda de consolas.

          • Marcos1977 vou contar uma coisa, baixei uns tempos que vc fez usando o joystick!

            Só falei p/ manter a disputa em ON! Foi mal aí!!!!

            Bem já peguei o GT Sport na atualização 1.05, portanto não peguei esses bugs relatados.

  3. Física pior que o Forza de 2009? Carros com físicas de Mário kart? Rsrs Fernando, foi a brincadeira do ano!rsrs

Os comentarios estao fechados.