Incendio em Notre Dame está a levar os jogadores de volta a Assassins Creed Unity

O realismo criado dentro de alguns jogos tornou-se numa forma de se poder visitar virtualmente Notre Dame antes do incêndio.

Assassins Creed Unity  passa-se em França na altura da revolução, e permite visitar a Paris dessa altura.

Nesse sentido, os principais monumentos da cidade estão disponíveis para visita virtual, sendo que, Notre Dame, pela sua popularidade, está naturalmente presente.

O popular monumento foi inteiramente modelado a 3D, num trabalho de digitalização que demorou 14 meses, podendo ser visitado por dentro e por fora. As condições não são exactamente as melhores, dado que o edifício não foi criado com o intuito da visita, mas a realidade é que acaba por ser visitável, e de uma forma que permite a apreciação de detalhes de outra forma inacessíveis.

A possibilidade de se escalar o edifício, quer pelo interior, quer pelo exterior permite acesso a pormenores que por norma escapam à visualização do público em geral. Tal torna este jogo uma das forma preferenciais de visitar o monumento, e dado o incêndio recente que assolou o mesmo, as pessoas estão a recorrer, em quantidade, ao jogo para poderem re-visualizar Notre Dame.



Naturalmente o edifício presente no jogo é uma interpretação artística do edifício real. A ideia não é, e nem nunca foi, em recriar o mesmo ao pormenor. Trata-se afinal de um item de um jogo criado com a intenção de mera representação de Notre Dame, e não algo criado com a ideia de ser fiel à realidade. E tal pode-se refletir quer na ausência de detalhes, na criação de situações que não correspondem à realidade, e na alteração de proporções.



newest oldest
Notify of
José Galvão
Membro

O mais irónico é o Notre Dame ter a sua melhor representação num jogo queimado pela comunidade, e com razão.

eduard08
Visitante
eduard08

penso que o facto de o jogo ter sido oferecido para pc ajudou também bastante para isso