Instalador de Fortnite podia ser usado para instalação de malware

Aquilo que sempre se referiu, o facto de Fortnite estar fora da Google Play poder criar problemas de segurança, comprovou-se pouco tempo depois.

Antes do mais, refira-se que o problema específico que aqui se refere, está já corrigido pela Epic, mas há também que se dizer que conforme existiu esta falha, outras poderão existir, mas que estão ainda desconhecidas.

A realidade é que o alerta que foi lançado comprovou ter razões de ser. A decisão da EPIC de ter o seu Fortnite fora da Google Play revelou-se mesmo um risco de segurança!

Paraterem o jogo, não só os telefones necessitam de permitir a instalação de aplicações de fontes desconhecidas, mas o pior é que a solução da Epic passa por um instalador, descarregado do seu Website, que depois instala e actualiza o jogo.

A questão é que essa aplicação podia ser desviada para ir buscar código a outros locais e descarregar e instalar outras aplicações que não o Fortnite. E a partir do momento que a instalação era feita pelo instalador devidamente autorizado, as aplicações que por aí entrassem no telefone teriam igualmente todas as permissões do instalador.



O risco era pior do lado dos telefones Samsung, uma vez que o instalador está disponível na sua loja e foi mesmo colocado nos diversos telefones de forma automática pela marca, e nesse aspecto é supostamente de confiança, pelo que os utilizadores nem recebem qualquer tipo de alerta sobre os potenciais riscos existentes.

Basicamente esta situação, mesmo estando agora corrigida, nunca teria acontecido se a Google Play não tivesse sido evitada. Daí que sim, Fortnite é um jogo desejável, sim, a Epic merece confiança, mas o certo é que nada, mas mesmo nada justifica que se coloque a segurança dos utilizadores dos smartphones em risco apenas para que a EPIC possa encher melhor os seus bolsos!

Falta agora saber que outros potenciais riscos de segurança podem existir, mas que não foram detectados.



Posts Relacionados