Microsoft foi processada por problemas com os seus controladores Elite para a Xbox

5 3 votes
Avalie o nosso artigo

O processo foi recentemente alterado para permitir juntar num só outros queixosos em outros processos equivalentes contra a Microsoft.

Os vários processos contra a Microsoft por problemas de “drifting” nos seus controladores Elite foram agora juntos num único processo maior. O primeiro destes processos deu entrada no tribunal em Abril deste ano, e era ele próprio um apanhado relativamente volumoso de vários queixosos que se queixavam de problemas com os seus modelos de controladores.

A alteração realizada agora em Outubro juntou 7 outros processos de queixosos num só, bem como um pedido de análise da situação por um jurí independente.

A acção abrange os controladores Elite série 1 e 2.

Para quem não sabe, o drifiting é a recepção de comandos sem que o controlador tenha sido tocado, causados por um qualquer tipo de problema interno.



No caso dos controladores elite o defeito é atribuído a um potenciómetro,  o mecanismo que transfere em dados digitais o movimento efetuado nos “thumbsticks”.

É referido que o problema deriva de uma falha conhecida da Microsoft, e relacionado com uma espécie de gordura lubrificante e que se escapa causando a deteção de movimento não efetuado pelo jogador. É igualmente referido que, pelas inúmeras queixas efectuadas sobre este assunto pelos clientes, a Microsoft sabe perfeitamente da existência do problema, mas no entanto não só não reconheceu o defeito, como cunca fez nada para o reparar, recusando reparar os controladores sem custos.

A queixa refere que um enorme grupo de pessoas está com este problema desde 2014, sendo solicitada a devolução do dinheiro, e uma comunicação pública onde a Microsoft notifique todos os donos destes controladores deste defeito.

A queixa é que apesar do problema e de a Microsoft ter plena consciência do mesmo, ela continua a descrever os controladores elite como:

… controladores Xbox superiores, que melhoram a jogabilidade, e os controladores “mais avançados do mundo”, referindo ter uma precisão superior.

A queixa tem como objectivo proteger o público do Marketing enganoso da Microsoft que não só não representa a realidade, como omite factos materiais.

 



5 3 votes
Avalie o nosso artigo
22 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
José Galvão
José Galvão
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

“O jogador é o nosso foco”…

Rui
Rui
1 mês atrás

Tenho um elite 1.0 desde quase o inicio da geração e o único problema e que me irrita profundamente é as vezes a conexão do bluetooth, de resto é sempre a funcionar na perfeição, e estamos a falar jogar nele quase todos os dias durante quase 6 anos.

Só pedem a devolução do dinheiro do comando, tudo bem, se fosse uma ação a pedirem mais diria que era um oportunismo puro e ridículo.

E já agora deixo uma critica à conexão dos comandos xbox nesta geração, o comando da x360 tinha conexão via wifi e era 100000000x superior na estabilidade da ligação e o range, nesta geração a microsoft seguiu a sony e optou pelo bluetooth, eu é o unico defeito que encontro nos comandos da xbox, não é as pilhas, é a bluetooth que tem muito menos range que no passado e a conexão volta e meia começa a falhar mesmo eu estando perto da consola.

Nada de grave e raramente aconteçe mas quando aconteçe é realmente irritante.

By-mission
By-mission
Responder a  Rui
1 mês atrás

Pah eu já vi várias vezes os comandos a desconectar em lives, mas pensava que era algo normal na xbox, o meu DS4 só quando acaba a bateria mesmo…. E já tive 2.

nETTo
nETTo
Responder a  By-mission
1 mês atrás

Então, eu ia responder exatamente isso sobre o dualshock 4, ele tem uma conexão com o console perfeita, não existe o “raramente se desconecta”, ele fica o tempo todo conectado e só descontecta mesmo no caso que vc citou.

Sobre o controle do One, no vídeo que o Mario trouxe outro dia comparando o tempo de loading do PS5 em DMC5, tinha ali uma amostra do One X, e no loading do mesmo é possível perceber que o controle desconecta durante o loading. Eu até comentei sobre isso.

Rui
Rui
Responder a  nETTo
1 mês atrás

Posso te dizer que o meu comando da xbox perde a conexão em media prai 2 vezes por mês.

É raro, não é um problema e normalmente é quando te afastas um pouco, e não quando estas a jogar e perdes a conexão, é quando te afastas ou pões o comando num sitio “estranho” pode acontecer isso.

Nunca me aconteceu quando estava in game a jogar, mas sim quando me levanto para ir ali e volto ou quando ponho o comando por baixo do móvel aonde está a consola, como disse não é nada demais mas quando aconteçe é irritante porque tas por exemplo no party a falar e perdes a conexão deixas de ouvir o que estavam a dizer.

Nos comandos da x360 eu quase podia ir pro trabalho e ainda tinha conexão da consola em casa.

É um pequeno pormenor mas está lá e gostaria que nas novas isso estivesse resolvido e acho que sim, o bluetooth tem menos latencia e mais range.

eduard08
eduard08
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Era exactamente o que ia comentar, pois eu ja usei varios comandos da xbox one e nunca tive problema de conexão por exemplo
E só acrescentar o BT so foi integrado como disse o Mario para o pc, mas mais tambem para ser compatível com um maior numero de apararelhos como os smarphones pois ja eram compactiveis com os pc antes com o uso de uma pen

Rui
Rui
Responder a  eduard08
1 mês atrás

Eu tenho amigos que nunca tiveram o problema, mas queixam se do range comparativamente com o comando da x360, eu apesar de ser muito raro e sob circunstancias especiais que eu já detetei ele as vezes perde a conexão.

nETTo
nETTo
1 mês atrás

No forum que frequento aqui no BR, tem diversos relatos quanto a essas versões Elite, digo reclamações de usuários e pelo valor que eles cobram aqui (quase o valor de um One X) é bizarro presenciar tantos problemas vindo de um produto premium. Não estou aqui afirmando que todos os controles dão problemas, mas sim que o indice de reclamação é considerável, e isso que Caixistas tem muita dificuldade de críticar a Microsoft, passam pano a tudo.

PS: O controle normal do One também é muito problemático, já tive 3, 2 deram problema, um não ligou mais e o outro tive de mandar trocar os dois analógicos. Isso pra não falar do problema que muitos reclamam que é comprar um controle pra usar por 6/7 anos e ele vir com pilha, tendo o cliente que desembolsar + valor pra poder resolver a situação. A desculpa da Microsoft é de que ela da opção ao cliente de usar pilha ou bateria, mas pergunto, já que ela fabrica uma bateria, por que Dia.. ela não inclui no pacote e deixa a opção de pilhas aos amantes de pihas?

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  nETTo
1 mês atrás

Isso, sempre falo isso, a Microsoft tinha que incluir a bateria no pacote, ela te dá a opção de “escolher” mas se quiser bateria tem que gastar mais, acho isso sacanagem

Utran
Utran
Responder a  nETTo
1 mês atrás

Eu sou um cara que sou do xbox, e irei de series X, porém a verdade é que esses controles do xbox são horriveis, esse problema do analogico se movimentar sozinho, não é somente no elite não, nos normais tambem acontece, ja tive 3 controles, e os 3 controles deram o mesmo problema no analogico, eu até comprei uma chave torxT8 pra abrir o controle e por algum algodao pra minimizar o problema, meu irmão tambem já teve o controle com defeito varias vezes, enfim, esse defeito é antigo, o meu controle do 360 está perfeito até hoje, o do xbox one inclusive a edição especial do halo5 tambem deu o mesmo problema, é uma vergonha, espero que esses novos controles não deem este problema, porque se der vai ser uma sacanagem sem tamanho da microsoft, que sabe do problema, e que fique bem claro que este problema acontece em TODOS os controles do xbox.

Apenas mais uma observação, eu fiquei tão paranoico com este problema, que na epoca que comprei o controle do halo5, eu pedi pro cara abrir e me mostrar só pra eu sentir o analogico ai eu fui e pedi outro porque na minha cabeça o controle ia da o problema do analogico, ai peguei o outro controle, e meses depois, lá estava o problema no analogico.

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Tenho 2 controles Xbox, 3 do 360 e 2 do One(um deles inclusive Day One 2013) e nunca tive problema nenhum, então o comentário do user acima dizer que o controle Xbox é horrivel, causa estranheza, mas vai saber
Pra constar, nunca tive problemas com os controles PS também

Gervas69
Gervas69
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Bem, eu tenho 4 da 360 sem problemas e tenho 7 da One, 4 têm problemas com o analógico, cheguei a trocar um e acabou por avariar o outro, estes são a versão que não têm bluetooth, o outro avariado é no botão R1 (deve ser fácil reparar mas ainda não me dei ao trabalho) mas estava na garantia e a Microsoft enviou um novo mesmo sem eu enviar o avariado.
Os analógicos são difíceis de trocar, tem para aí umas 10 soldas, em comparação com os da psp que é apenas de pressão.
Espero bem que os novos comandos da série X não venham com o mesmo problema dos analógicos, se bem que os mais recentes não deram problema nos analógicos.
Em relação ao artigo, deduzo que os comandos já estariam fora da garantia para a Microsoft se recusar a reparar gratuitamente.

eduard08
eduard08
Responder a  nETTo
1 mês atrás

Eu tenho as 3 consolas da gen actual e por experiência própria prefiro os comandos da xbox ao da ps4 e nao compreendo porque de toda a gente criticar o uso das pilhas, e tenho 2 baterias que comprei por uma pechincha, e tenho sempre uma carregada para quando a outra acaba, e prefiro perder 2 minutos a muda-la que por exemplo no caso da ps4 ter de estar a ligar o cabo para carregar o comando, e usa-lo quando este esta a carregar, o que por vezes acaba por incomodar
Em todo o caso tudo isso e so uma questao de marketing, tens exemplos no tempo da 3ds que a nintendo deixou de vender o carregador com a consola, e agora a apple que nem carregadore nem os fones metem nas caixas dos iphones, ao menos a Microsoft ainda mete 2 pilhas 😂😂😂

Hiago
Hiago
Responder a  eduard08
1 mês atrás

As pessoas reclamam simplesmente porque estamos em 2020 meu amigo, se a bateria do PS4 dura pouco é o caso de cobrar uma bateria de maior autonomia (é o que esperamos do DS). Sério, não tem como defender pilha, se vc disse que queria a possibilidade de substituir a bateria sem precisar abrir o controle eu até entenderia.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Hiago
1 mês atrás

Eu sou a favor das pilhas, concordo com ele, fio pra jogar enquanto carrega é ruim, tenho pilhas carregaveis e duram que é uma beleza, acabou é só trocar rapidinho, o PS4 eu geralmente deixo o controle carregando e uso o outro reserva, no fim dá-se jeito pra tudo
Acho que não justifica de jeito nenhum a zombaria e polêmica que fazem ao redor das pilhas

Livio
Livio
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Interessante como o problema de drifting tem afetado os 3 consoles desta geração, no DS4 e no controle do One creio que usam a mesma peça(nunca desmontei o do One mas o do 360 é bem parecido) já no Joy-con, por ter dimensões reduzidas, o componente é outro, mas que utiliza a “mesma solução”(aqui me faltou a palavra correta) que os outros controles.

[OFF] Já que o artigo trata de um joystick do Xbox venho aqui relatar uma experiência de manutenção de 2 joysticks do X360, foi a 1ª vez que abri joysticks do X360 (Não trabalho com manutenção, as vezes aceito fazer manutenção de colegas do trabalho).

Muito se briga sobre o que é melhor, se é usar pilhas(Xbox) ou baterias(PlayStation) e pela experiência que tive com DS3 e DS4 é que até agora não recebi um joystick que esteja inoperante devido a vazamento da bateria e em nenhum desses vi trilhas oxidadas devido o uso das baterias ou seja manutenção de DS3 e DS4 se resume ou a troca das borrachas de contato ou da manta de contato(onde as borrachas dos botões fazem contato).

Já nos controles do Xbox eu tenho um do One em que a pilha estourou, sei que o contato oxidou mas não sei como está internamente, já disse que não ligo o One há mais de um ano. Já nos 2 controles do meu colega eles ficaram inoperantes devido a estouro de pilha(em um) e de bateria(no outro). Tive que refazer boa parte das trilhas, a maioria das trilhas refeitas praticamente desapareceram..
comment image
comment image

PS: Aí na foto tem os componentes que causam o drifting nos consoles
PS2: Tinha esquecido de comentar mas não lembro de drifting nos controles de gerações anteriores (PS1,PS2 e PS3).
PS3: Meu DS4, que veio junto com o PS4 adquirido em julho de 2014, funciona até hoje sem problemas e com bateria ainda boa.
PS4: A bateria dos controles do X360,pelo menos as que vendem por aqui, consiste em 2 pilhas recarregáveis internamente, por isso que a bateria estoura também.

Livio
Livio
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

[OFF – Relacionado]
Do mesmo colega que enviou os joysticks do X360 (mencionados acima) eis que recebo este Joystick para Switch:
comment image

O que é curioso é que ele parece um Frankstein, tem a disposição dos analógicos e direcional e botões do Xbox One, a carcaça e botões L1/2, R1/2 do DualShock 4(e são os botões L e R de um DS4) e é identificado pelo PC como sendo um joystick do X360:
comment image

O defeito deste joystick? Drifting (Axis 1):
comment image

O culpado:
comment image

Limpei e acabei fazendo o mesmo para os 3 potenciômetros restantes, pois de vez em quando os outros também faziam drifting:
comment image

Resultado final (Axis 0,1,3,4):
comment image

Peço desculpas ao Mário pelo tanto de imagens, mas creio que seriam importantes e reforçam o motivo do drifting em outros joysticks.

Há no mínimo 3 soluções para o drifting:
1- Remover, limpar e recolocar o potenciômetro(opção que faço)***;
2- Trocar o potenciômetro (quando a solução de cima não resolve);
3- Trocar todo o módulo analógico****;

*** Tem gente que somente afasta o potenciômetro do módulo e retira a peça do meio (aquela pecinha de formato circular na 4ª foto), mas isso não resolve porque o problema geralmente está na parte resistiva (restante do corpo do potenciômetro).

**** Prefiro preservar o módulo original e no máximo trocar somente os 2 potenciômetros, relatos de que já li em alguns fóruns e em outros sítios é que em alguns casos o módulo trocado estava pior que o original.

PS1: Ainda estou devendo um artigo ao Mário, como estou em um período de descanso pode ser que enfim eu consiga fazer até o final do ano, vi que coloquei muitas fotos e provavelmente irei simplificar. Tive algumas situações em 2019 e 2020, que espero explicar no artigo, caso consiga terminá-lo.

error: Conteúdo protegido