Navis com 64 CUs ou até mais, poderão vir com o Navi 12 e não com o Navi 20 como se esperava

Apesar daquilo que se julgava, os Navi 12, que se julgava poderem ser GPUs de menor capacidade, poderão ser GPUs de maior capacidade que os Navi 10.

Segundo os rumores que circulavam, a AMD iria lançar os Navi 10 como os seus actuais GPUs mais poderosos. Os Navi 12 e Navi 14 seriam GPUs mais fracos destinados às gamas mais baixas.

A revolução surgiria depois com o Navi 20 e Vavi 21, que seriam o GPU mais potentes e destinados às placas topo de gama.

Mas eis que Kamachi Ensaka, um utilizador do Twitter que está sempre atento às movimentações da AMD, mostrando tudo o que entende serem dados relevantes, vem dar a conhecer que há dados que levam a acreditar que um novo GPU com 4096 Shader Processors (64 CU) está prestes a ser lançado.

Ora a novidade é que esse GPU poderá não ser um Navi 20… mas sim um Navi 12!



Ora um Navi 12 com mais Compute Units que um Navi 10 altera a realidade que se acreditava existir. E desta forma, a confirmar-se esta situação, os Navi 12 não serão uma versão reduzida dos Navi 10 que equipam as Radeon 5700, mas sim uma versão mais capaz dos mesmos, destinada a GPUS topo de gama.

Esta situação leva Kamachi a teorizar que a AMD alterou a sequência usada de numeração, e que os Navi 20 e 21 serão na realidade versões futuras dos Navi com RDNA 2.0. Resumidamente os GPUS 1x serão RDNA 1.0, e os 2x RDNA 2.0, a serem lançados para o ano.

Esta situação acaba por ser relevante no sentido que tal torna a possibilidade de os GPUs das futuras consolas terem mais de 40 Compute Units muito mais provável. Dificilmente os GPUS das consolas viriam com um Navi 20 acabado de lançar, mas com um Navi 10, alterado, e com características dos Navi 20, com mais de 40 CUs, isso poderá ser uma possibilidade.

Note-se que estas situações são teorizadas, pois um GPU de consola está sempre dependente do preço. Mas a realidade é que sem esta situação a única forma de os GPUs das consolas poderem passar os 40 CU seria com a presença de um GPU Navi 20, algo que certamente será caro. Mas um Navi 10 melhorado e adaptado com tecnologia Navi 20, mostra-se muito mais adequado por serem em finais de 2020 GPUs já com ano e meio de mercado, e como tal bem mais acessíveis.

Eis os tweets de Kamachi:

Kamachi dá a conhecer ainda algo mais… Esse GPU Navi 12 poderá ter capacidades DLOP, algo que Kamachi acredita significar Operações Deep Learning (basicamente capacidades de inteligência artificial).

Apenas como nota, Ray Tracing e Deep Neural Networks foram os temas principais da Siggraph 2018. Daí que estas serão tecnologias de futuro que poderão muito bem poder aparecer nas consolas.



Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of