Nintendo Labo será a formula que levará a Switch ao sucesso extremo?

Sim, a Switch está a vender muito, muito bem… Mas com o Nintendo Labo… as vendas da consola vão disparar! Pessoalmente, estou ansioso por experimentar!

Olhando para o preço da Switch… é cara! Muito cara! Mas agora percebe-se porquê! A consola não é apenas um tablet com comandos como dava a entender. Na realidade, a consola foi pensada para ser usada de forma extremamente originais, e o Labo é a prova que a mestria e originalidade da Nintendo não tem limites.

O que vão ver, caso não tenham lido nada sobre o assunto ainda, algo que considero difícil, vai deixar-vos de boca aberta!

Expliquemos então o que é o Nintendo Labo!

Lembram-se de Guitar Hero? Precisavamos de uma guitarra! De DJ hero? Precisavamos de uma mesa de mistura! Enfim, jogos destes não há assim tantos, e isso porque requerem hardware a acompanhar o jogo e que depois não pode ser usado em mais consolas por questões de compatibilidade.



Mas e se esses extras fossem de mero cartão? Sim, cartão! Papel!

Como é que cartão pode funcionar? Não tem electrónica!

Na realidade pode, e pode muito bem, mesmo sem electrônica, pois a Switch está equipada com uma série de sensores que pela simples detecção de movimento podem criar uma panóplia enorme de instrumentos totalmente funcionais.

Mas isso funciona, perguntam?

Bem, a resposta está no video que se segue! É o Nintendo Labo!

Surpreendidos? Eu fiquei! Mas o génio da Nintendo é isto, e não pára de surpreender!

Mas como é que a Switch consegue isto? Como é que, por exemplo, o piano toca?

Se repararam bem, os comandos da Switch estão equipados com sensores de infravermelhos, e estes sensores, num ambiente escuro detectam perfeitamente movimentos.

Mas aqui não é só o movimento que está em causa. Cada uma das teclas possui um autocolante reflector que é captado pelo sensor, e de acordo com a leitura feita, a nota respectiva é tocada. É algo de génio! Sem peças mecânicas, sem electrónica, apenas um sensor de infra-vermelhos, uns autocolantes reflectores e um pedaço de cartão devidamente dobrado.

Estas criações que funcionam com a ajuda do Joycon são denominadas de Toy-Con

No dia 27 de Fevereiro, quando este produto for colocado à venda, vais poder comprar um de 2 kits. Eis o que eles contêm:

Kit Sortido

Este Kit permite criar vários Toy-Con, incluindo um carro telecomandado, uma cana de pesca, uma casa, uma mota e um piano.



  • Carro telecomandado: Aqui inseres o Joy-Con esquerdo e direito no carro telecomandado. Através da funcionalidade de vibração HD dos Joy-Con este fará o cartão vibrar de forma a mover o carro na direcção desejada.
  • Cana de pesca: Aqui tens uma cana extensível com um carretel unido por uma linha a um suporte que contém Nintendo Switch. No jogo lanças a linha agitando a cana de pesca e giras o carretel para puxar o fio quando sentires a vibração do Joy-Con inserido no carretel e que indica a mordidela de peixe. Ah sim, não te esqueças de esticar bem a cana para manter a linha tensa, ou o peixe foge!
  • Casa: Aqui inseres vários blocos montados em aberturas nas partes laterais e inferior da casa interagindo e participando em minijogos com uma criatura que aparece no ecrã da consola e que está virado para a frente. Os blocos são detectados pela câmara de infravermelhos no Joy-Con direito inserido no topo da casa.
  • Mota: Inseres os dois Joy-Con num conjunto de guiadores e isso permite-te conduzir uma mota no ecrã da Nintendo Switch. Tens ainda acesso ao botão de ignição para ligar o motor, e claro, girar o guiador direito ativará o acelerador e ao inclinares o corpo ou girar os guiadores direito e esquerdo em simultâneo,  controlará a mota.
  • Piano: Constrói um piano de 13 teclas, coloca a consola e os dois Joy-Con e cria a tua própria música. Tens até a possibilidade de criar novos sons e efeitos sonoros.

Kit Robô

  • Robô: Cria um fato de robô e insire os Joy-Con direito e esquerdo nas respetivas ranhuras da mochila e do visor para assumires o controlo do robô que vês na TV com a Nintendo Switch estiver colocada na base. Este kit permite usufruir de uma variedade de divertidas experiências, incluindo o modo Robô, no qual podes destruir edifícios e ovnis.

O que dizer disto? Certamente um sucesso, especialmente pelo facto que o custo de produção é ridiculamente baixo, mas as compras serão aos milhares.

Quanto a preços, os valores não são finais, e podem vir a custar 10 euros mais, mas segundo a Eurogamer.pt, o kit sortido custará 59.99 euros (que irei adquirir, pelo que esperem review), e o kit robot, 89.99. Se o primeiro kit é diversificado e não custam mais do que um jogo normal, já o segundo, apesar de muito mais complexo é muito caro, mas certamente ambos venderão em grandes quantidades.

NOTA: A FNAC possui para pré-reserva o kit sortido a 69.99€ e o robot a 79.99€.

Existirá ainda um kit de personalização a 9.99 euros.

 



Posts Relacionados

newest oldest
Notify of
Edson Nill
Visitante
Edson Nill

Realmente uma ideia de gênio, Mário! A Nintendo pegou a todos de surpresa com o labo.

Igor
Visitante
Igor

Que papelão Nintendo!😉

Carlos Zidane
Visitante
Carlos Zidane

Muito bem bolado. Apesar de não ser pra mim, não tem como não se encantar.

Livio
Visitante
Livio

Confesso que queimei a língua quando soube das especificações e preços do Switch. Na época opinei que o aparelho não venderia bem e poderia ir no mesmo caminho do WiiU.

Isso me fez ter a seguinte atitude nunca opine antes do tempo(pode até ser contraditório com o meu penúltimo comentário em outro artigo, mas lá há um histórico a justificar).

Quando vi o vídeo do Labo tive a reação “Como isso interage com o Switch”. Achei a ideia promissora e não duvido que irá vender.

Infelizmente fico triste com o posicionamento de alguns “gamers”, principalmente aqueles que são Youtubers. A frase citada por um leitor logo acima: “Que papelão Nintendo!” foi retirada de um famoso canal da “nação verde”. Estes deveriam ficar na deles(calados) visto que o hardware que tanto chamam de ultrapassado vende mais que os 3 modelos do One juntos(na verdade 2 porque não se vende mais o fat). Se calhar o Labo venderá e será bem mais funcional que o Kinect do One. Disseram que o Labo é caro para ser papelão e o que falar do Kinect? U$100,00 para ficar encostado.

A “nação azul” também não está atrás, tem muito Youtuber BR tirando uma onda do Labo e se estes tem orgulho de que o PS4 é o mais vendido deveriam também estar calados visto que o Switch está num ritmo de vendas até melhor.

Vitor PG
Visitante
Vitor PG

Na verdade vc está pagando caro pelo software e não nescessariamente no papelão

José Galvão
Membro

Confesso que me deixou deveras curioso, mas também me deixou com muitas reticências…

Em primeiro lugar, o facto de ser cartão, percebo a escolha do material mas ou é do melhor cartão jamais feito ou então estraga-se em três tempos, nas mãos das crianças nem deve durar um dia.

Em segundo lugar, o facto de ser cartão, e custar entre 70 a 80€, tudo bem que trás um jogo e não deve ter sido fácil criar tudo aquilo mas caramba, são 5 mini jogos acompanhados de cartão.

Não vou para já descartar, vou esperar pelo que dizem as ”pessoas de verdade” e até que ponto aquilo se estraga com a utilização, e além do mais é Nintendo, ou seja tanto faz comprar agora como uns meses mais tarde uma vez que promos e Nintendo não combina.

Edit: não é por nada mas montar tudo aquilo, segundo a Nintendo demora cerca de 4 horas…

Vitor PG
Visitante
Vitor PG

Achei deveras interessante esse Labo,achei q a Nintendo não tinha inovado nada com o Switch(A SONY tinha chegado com a ideia console/portátil antes,com o Cross play com o Vita)mas comprei o Switch msm assim por ter me encantado com a qualidade indiscutível dos jogos da Nintendo,esse Labo achei incrível mas deve ser só um acessório para curiosidade,não vejo,adultos pelo menos,investindo horas brincando com isto mas pra faixa etária q se propõe é interessantíssimo! Vc montar seu próprio brinquedo e usar o Switch como “motor”,só acho que papelão pra criançada é meio ruim pois elas já conseguem quebrar brinquedos de plástico então imagine papelão

Edson Nill
Visitante
Edson Nill

Vitor, seu comentário tem
desconhecimento. Primeiro: Antes da Sony fazer o que o psvita faz com o ps4, o Wiiu já fazia, msm sabendo que era limitado por conta da distância do console, ainda sim fazia. O Vita faz sim com o ps4, porém por rede online, mas em Portugal deve funcionar bem por conta da qualidade da internet portuguesa, mas aqui no Brasil, não funciona nada bem! Falo pq tenho o psvita e o ps4, tenho uma internet de 60 mb, e os comparo pq tb tenho Wiiu e o switch. Entenda: a inovação está no switch pq é nele que vc leva os jogos para qualquer lugar sem depender de internet, streaming, etc… Experimente-o e depois me fale se é igual ou não, ou melhor, pergunte ao Mário que tb tem switch, se é a msm coisa. Abraços…

VitorPG
Visitante
VitorPG

Edson,o wii-u vc não poderia jogar no controle tablet se vc não levasse o console junto,por exemplo vc vai viajar pra cidade longe e vai deixar o console em casa e vai levar só o controle,isso não existia no wiiu,no PS4 sim,vc podia usar o cross-play desde que tivesse internet,então a SONY quem começou.o Swich só aprimorou a idéia

Edson Nill
Visitante
Edson Nill

Vitor, não! Internet como? Vc precisa do streaming, ou seja, do console próximo. Se vc falasse do psnow eu até concordaria contigo, mas não do ps4 e Vita. Eu por exemplo sofro com os dois metros de distância, imagine a distâncias maiores. O switch sim, não depende de nada de Net, ou seja, não há nada igual.

Livio
Visitante
Livio

Recordo que houve um artigo no PCManias em que uma pessoa conseguiu jogar o crossplay entre Vita e PS4 a vários Km de distância,claro que a pessoa teve que realizar algumas configurações em sua rede, então Edson é possível sim, pode ser dificil implementar, mas é possível

Edson Nill
Visitante
Edson Nill

Mário e Lívio, por isso que falei da boa internet. Eu queria muito que o psnow tivesse aqui no Brasil, na verdade, que tivéssemos uma internet pelo menos razoável para que funcionasse um now por aqui, porém nem msm o psvita com o ps4 funciona bem, sendo que a minha internet não é ruim no padrão brasileiro, por isso que falava com Vitor sobre isso. O switch é o único console que não depende de uma conexão para jogar em qualquer lugar, e isso é diferente, o on The Go é um ou o maior fator de vendas do aparelho. O mundo hj necessita de consoles com essa mobilidade, por isso que torço para a Sony fazer o msm.

Carlos Zidane
Visitante
Carlos Zidane

Eu também Edson! Torcendo aqui pra Sony lançar algo portátil legal.
Mas também torcendo pro Switch receber varios jogos thirds, já que não sou um grande fã dos Exclusivos big N, essa coisa de levar com a gente é demais.
Quero ver como estará lá pelo meio do ano. O preço continua meio salgado especialmente dos jogos por aqui, mas enfim, dependendo do conteúdo…

Edson Nill
Visitante
Edson Nill

Carlos, eu já sou um grande fã dos exclusivos Nintendo, mas torço tb para o switch receber muitos games das thirds, sendo que aparentemente isso há de acontecer. A biblioteca do console já é muito boa para um console tão novo, e ainda sendo da Nintendo, onde Sempre recebeu menos thirds.

Ewertom
Visitante
Ewertom

Me desculpa a demora de comentar neste artigo e quero agradecer por o ter realizado.
Confesso que quando assiti o trailer de demonstração do Labo fiquei deveras ancioso de como se faz os objetos de papel se moverem e interagir com o jogador e para minha surpresa a Nintendo uniu física do nosso dia a dia e juntou com o software do Switch e ficou fantástico.
Na minha opnião este brinquedinho é mais do que suficiente para aqueles que pensavam em adquirir um Switch não pensar mais e ir procurar seu console.Como eu.