Os novos trailers de exclusivos PS4 da Paris Game Week

Eis novos trailers de jogos já conhecidos, apresentados na Paris Game Week, e que nos deixam a salivar tal é a qualidade do apresentado.

A Sony foi em força para a Paris Game Week, apresentado não só novos trailers como igualmente novos jogos exclusivos para a Playstation 4.

Mas neste artigo vamos concentrar-nos apenas em alguns dos novos trailers de jogos exclusivos e já conhecidos, que agora ganharam uma nova escala de “hype” tal é a qualidade do que é apresentado.

Começemos por God of War que nos mostra cenas ingame e de combate:



Agora, o novo trailer, muito bem executado, de Spider Man

E o novo  trailer de The Last of Us II.

NOTA: ESTE TRAILER POSSUI CENAS DE VIOLÊNCIA EXPLICITAS QUE PODEM CHOCAR A SENSIBILIDADE DE ALGUMAS PESSOAS

Terminamos com um jogo imperdível, a remasterização de Shadow of the Colossus:

Algo que estes trailers possuem todos em comum é o facto de terem sido mostrados na PS4 Pro, e como tal percebe-se que a Sony aposta num combate à Xbox One X com esta consola e os seus exclusivos. No entanto, dado que a PS4 Pro é basicamente uma PS4 com maior resolução, aqui não se torna preciso mostrar as diferenças entre as versões uma vez que os jogos na consola base serão basicamente iguais mas a 1080p.

Seja como for, é triste que a Sony também tenha alinhado por este esquema de promoção na consola superior, mas infelizmente, nesta fase, o mercado assim a obriga!



Posts Relacionados

Readers Comments (23)

  1. Já rolam imensas teorias sobre o trailler de TLoU 2, e com um pouco de paciência faz até bastante sentido.
    A Naughtdog revelou no Twitter os nomes dos artistas e das novas personagens, sendo que a mulher pendurada ela manteve em segredo… Quem ela é?

    Neil Fez um vídeo explicando as novas características deste motor gráfico, sobre a evolução do enredo do jogo.

    Desculpe lá dizer mas estás cenas do trailler, não está nem no top cinco de violência explícita, então se há algumas pessoas desconfortáveis a assistir esse trailler melhor não jogar TLoU…

    Como diz um user daqui é muito “emocional”.

    • Discordo… e tenho um artigo sobre isso para daqui a uns dias!
      Para uma empresa que, mesmo sabendo-se que não seria por isso, se desculpou com “as criancinhas”, este trailer é vergonhoso!
      Mas não falo mais sobre isso agora!

      • Bom, eu achei sensacional. Nada a reclamar. Eu sou adulto e entendo perfeitamente as implicações disso, mas 18+ assim como GTA está na capa e antes de ver o vídeo, aí a responsabilidade é dos pais. Esse é um jogo pra adultos.
        O Switch está aí pros pais que não querem esse tipo de conteúdo pra seus filhos. É cada coisa no seu devido lugar.

        • Mas que é isso Carlos? Agora há consolas para cada tipo de idade? Desde quando?
          E se a PS4 é para a adultos, então não te parece bem que a Sony diga de uma vez que não quer o cross play porque é mau para as vendas, em vez de vir dizer que está a proteger as crianças?
          O Rayman Legends, o Disney Infinity: Marvel Super Heroes, o Hohokum, o Pix the Cat, são jogos para adultos?
          Amanhã falamos no artigo devido… aqui não adianto mais pois o que tenho para dizer está no artigo.

          • Por favor, não leve a mal meu comentário Mário, só quis dizer que no Switch é mais seguro pra crianças jogarem Zelda ou Mario, e que esses consoles como Xbox e PS4 tem muito mais jogos violentos, não disse que não há outros tipos.

          • Não havia nada para levar a mal Carlos. Como creio que perceberás amanhã, eu não critico o jogo ser violento (apesar de achar que se a câmara se movesse para o lado não se perdia nada). Critico outra coisa… e não adianto para não estragar o artigo.

        • O aviso de idade está no trailer do youtube, sim! Mas apareceu na PGW? E mesmo que aparecesse… seria suficiente para que quem estivesse a ver a transmissão deixasse de ver?

  2. Pois é! Totalmente desnecessário.

    Pior ainda vindo da empresa que se disse preocupada com as criancinhas.

    Os ventos mudam!

    • Se pra ver o trailer já fala sobre ser 18+ e na capa do jogo virá 18+, qual o problema? Dar tiro na cabeça dos outros em qualquer jogo é menos violência?! Tenha dó.
      E pelo que eu saiba o jogo não vai colocar crianças em contato com pedófilos, que era a “preocupação” da Sony na situação referente.

      • Carlos… o problema não é a violencia… Se o jogo é adulto e passado num mundo violento, ele é assim!
        Tens de ver mais longe do que isso, e o enquadramento em como ele foi mostrado.

        Antecipei o artigo sobre esse assunto. Ele sai amanhã, e aí discutiremos!

      • E você como uma criança inocente que é, realmente acreditou nesse papo furado da Sony.
        E ainda dizem que não defendem cegamente nenhuma empresa.
        Acusar os outros é fácil mesmo quando não se olha para o próprio rabo.

        • Não é papo furado… A pedofilia existe nas redes.
          E uma coisa é TU protegeres os TEUS clientes, outra é serem outros a faze-lo. Porque se TU falhares, vão-te culpar a TI… E nesse aspecto, és responsável pelo que fazes.
          Mas se os outros falharem, dado que os clientes são TEUS, vão-te culpar a TI na mesma. Mas nada podes fazer pois não és tu que controlas.

          A Microsoft teve problemas recentes de pedofilia na Live. A situação resolveu-se e o pedófilo foi preso, mas não sem antes uma criança ter sido violada pelo menos duas vezes e ter tido a sua vida controlada durante 16 meses, ao ponto de se ter afastado da própria família.
          http://www.dailymail.co.uk/news/article-5003301/Paedophile-used-Xbox-Live-chat-boy-s-life.html
          A piorar a situação, um funcionário dos escritórios centrais da Microsoft, foi em 2016 preso por pedofilia.
          http://www.dailymail.co.uk/news/article-3893722/Microsoft-employee-arrested-child-pornography-charges.html

          Já a Sony também teve um problema de pedofilia na PSN, mas o culpado foi apanhado após queixas, com a ajuda da Sony que avançou por conta própria, antes da polícia, e apanhou material que o incriminava.

          Podes ver isso aqui:
          https://www.youtube.com/watch?v=fuJr8MFC0oA

          A pedofilia é um problema demasiadamente sério. E confiar em outros para resolver algo que pode afectar a ti ou o que é teu… não funciona! Até porque há aqui concorrência entre as empresas e isso poderia gerar situações desagradáveis de acusações de inacção com intenção de prejudicar terceiros.

          A Sony tem razão no que diz… a questão é apenas que o argumento real não é, e nem nunca foi esse, e a pedofilia foi apenas uma fachada para esconder algo que empresarialmente se compreende e é mesmo a única decisão a ser tomada, mas que muitos utilizadores ou não compreenderiam ou subverteriam para usar como arma de arremesso.

        • Igor,

          Veja que no meu comentário o termo “preocupação” está entre aspas, o que já indica que você sequer interpretou corretamente, mas o Mário expôs vários dados em seguida. De qualquer forma, eu não confio nas empresas como acha.
          Só respondi aquilo também pelo motivo de você estar criando picuinha ao menor sinal possível. Está atento pra apontar os erros da Sony, mas eu não ligo se odeia o PlayStation, eu ligo que polua o ambiente com essa onda de hate. Isso sim é imaturidade, não concorda?!
          Pra mim a Microsoft está na contra mão de quase tudo que eu acho positivo pro mercado, mas não é por isso que eu vou ficar aqui a cada oportunidade metendo o pau como um adolescente problemático, isso não ajuda, só atrapalha. Recentemente vimos na BGS o desprezo do Phil Spencer pelos fanboy’s. As empresas precisam de opiniões honestas, feedback de verdade pra melhorar alguma coisa, não de molecagem.

          • Phil Spencer foi politicamente correto na BGS, ele agiu de acordo com sua posição, não poderia ser diferente.
            Mas os atos dizem mais que as palavras, e o desprezo da Microsoft é tanto pelos “fanboy’s” palavras suas, que ela deu um Xbox One X para o Xbox Mil Grau, exatamente o alvo de toda essa palhaçada de “comunidade tóxica” como esses jornalistas e youtubers “gamers” que não jogam nada adoram chamar aqueles que pedem as suas gamertag/id que nada mais é que um meio de verificar a credibilidade daqueles que fazem análises/reviews dos jogos, isso é o mínimo que se espera de um profissional, credibilidade.
            O email comunicando que ele receberia um Xbox One X veio diretamente da sede da Microsoft nos EUA, ou seja, com o conhecimento e consentimento dos cabeças da Microsoft.
            Aproveitando o assunto, em contrapartida, foi hilário ver hoje a Eurogamer Portugal chorando por não terem recebido da Microsoft um Xbox One X, os caras passaram a maior parte da geração denegrindo o Xbox e agora querem o quê? Receber um console de graça! Sério mesmo!? Pra quê!?
            A Digital Foundry foi uma das primeiras a receberem o Xbox One X, então façam como sempre fizeram e deêm um control+c / control+v na matéria da Eurogamer e pronto. Sem choro.
            A partir de agora prevejo muito mais rage por parte da Eurogamer PT contra o Xbox.

      • Vou-te questionar uma coisa.

        Se tivesses o teu filho na escola e soubesses que o professor mostrou um episódio do Walking Dead nas aulas, o que acharias?
        Não é bem um episódio da Heidi, ou é?

        • Ok, mas se deixas teu filho com o controle da TV, a Fox é a culpada se ele ver uma decapitação ou algo do tipo?

          Acho algo meio sem nexo… Já viste o trailler de The Last of Us? O primeiro? Com o tiro de calibre 12 na cara do estalador a voar pedaços de cérebro para a lente? Aquele com uma paulada na cara do caçador? Ou a melhor parte quando a bomba explode enquanto Joel e Ellie se escondem na parede a voar membros pelo ar? Sabe qual a diferença? Eu te digo, não eram mulheres, pois essa comoção toda é unicamente por eram mulheres no trailler…
          Dúvido, ou melhor tenho certeza que se fosse um homem a tomar aquelas marteladas se estariam nesse tipo de discussões.

          https://youtu.be/kE7li_u1nmg

          […SPOILER…]
          Se não queres saber sobre a história de TLoU 1 não leias a partir desta parte…

          Se no trailler de de TLoU mostrassem a tentativa de estupro de Ellie imaginem quantas vítimas da malvada Naughtdog não estariam aqui a chorar… Ora como vc jogaria aquele trecho sabendo que aquele homem era tão mau…
          A Naughtdog não colocou no trailler não por ser uma cena demasiado para o público, mas por que interferir no enredo…

          Mas neste que não o interfere o mostram no trailler… Olhem lá estão impresionados…

          • Sim… a fox é culpada por mostrar uma decapitação. Se isso passar em horário impróprio tem culpas sim senhor.
            Quanto ao tiro na cabeça do estalador… o que é um estalador? Quantos viste na Rua?
            Essas cenas que falas, foram mostradas na PGW, E3, ou GDC, e sem avisos? Não… não foram.
            Ali há ficção e “gore”. É um mundo violento. Faz parte da temática do jogo e não sou contra ela.
            Eu não sou contra o conteúdo adulto… como terás já percebido se leste o artigo que entrou hoje, o que me chocou foi aquilo ser mostrado no meio de outros trailers inofensivos e para todas as idades, numa transmissão aberta e destinada a todos onde tinhas certamente um público jovem, e sem qualquer aviso sobre o conteúdo que ia ser mostrado e a idade a que se destinava.
            Por favor, passemos esta conversa para a nova notícia. Obrigada!

  3. Gostei de todos, sinto alguma pena dos 12 anos que passaram sobre o shadow of colossous um jogo que me impressionou muito na época mas o tempo não perdoa, apesar da nova cara já não provoca nem metade da emoção de há 12 anos, mas continua imponente e bonito

  4. Mario e o trailer de Ghost of Tsushima?

    Pra mim foi a grande surpresa, já esperava um jogo da SuckerPunch mais confesso que fiquei deveras surpreso com a temática escolhida pra este novo titulo ou quem sabe franquia, porque não.

    Falando exclusivamente deste titulo, com a temática samurai, mas como também no fim do trailer como um shinobe, podemos esperar que o titulo como vai ser de mundo aberto e sthealt, traga de volta lembranças de um dos jogos que mais joguei no PS1, Tenchu.

    Sobre The Last of Us, nada fora do normal, o tema da franquia é adulto only, e pelo trailer o jogo está sendo bem conduzido pelo jeito, está brutal, espero mesmo que o jogo seja mais aberto como The Lost legacy + com a possibilidade de se fazer sides quest, expansão do gameplay como um todo, inventário, combate, exploração, ester eggs, além claro do modo Multi que em TLOU é uma delícia.
    Espero mesmo deste um grande concorrente a jogo do ano quando lançar.

    PS: Parece que este pode ser o ultimo jogo da Naughytdog pro PS4 nesta geração, não creio que apareça mais um Uncharted ou outra franquia, depois de Last of US eles podem se concentrar em novos projetos ou quem sabe trazer devolta o Jack.

    Já Guerrilla e Santa Monica não sei mais o que se pode sair denovo, Guerrilla bem que poderia voltar a série Killzone mas dando sequencia na história de Sevchenko e Rico em Killzone 4, Santa Monica tem de começar a abrir os olhos pois viver de God pra sempre não vai dar certo.

    • Alias, que ano de 2018 pro PS4 em.
      Na ordem que eu acredito de lançamentos:
      Shadow of the Colossus Remake em Fevereiro
      God of War em Março
      Spiderman em Junho
      Days Gone em Outubro
      Detroit em algum momento de 2018, além dos rumores que sugerem Ghost of Tsushima sai em 2018 pois ja está com 3 anos e meio em produção.

      Só isso em termos de triplo A já é algo de dar vontade de ter o PS4 a qualquer fanboy, imagina se vier algo mais ai em.

      Repito, quem tem PS4 sempre terá grandes exclusivos a disposição.
      Quem tem a oportunidade de ter todas as plataformas é gamer feliz.

    • Não prestei muita atenção a esse jogo… Desculpem!

  5. A Sony está trazendo umas coisas bem interessantes, esses trailers deixam uma sensação ótima pro futuro da plataforma. E olha que nem se tem nada sobre Death Stranding que deverá (pelo menos eu espero) ser algo bastante interessante.

Deixe um comentario

O seu e-mail nao sera publicado.


*