Para quem é a Xbox One X? – A Microsoft explica

Dado o lançamento da Xbox One X, transcrevemos e traduzimos uma  entrevista em que a Microsoft explica para quem é a Xbox One X. Acreditem… deu trabalho, mas ficou pronto a tempo!

 

A Microsoft anuncia a Xbox One X como “a consola mais poderosa de sempre”, e tal é uma realidade. Não só o sistema possui enorme performance como corta os tempos de carga e tem o potencial de mostrar jogos a 4K nativos e HDR.

Mas há que se ter em conta que 500 euros é um preço pesado para uma consola que no fundo nem sequer vem substituir a pré existente, mas que já custou um valor semelhante no seu lançamento à apenas quatro anos atrás. Um caso que piora se compraste uma S recentemente pois apesar de teres pago menos, o investimento acaba por ser realizado num espaço temporal mais pequeno.



Perante a realidade de esta ser uma consola de meio de geração, ou seja uma consola que não terá jogos criados a pensar na sua performance, mas sim jogos criados para a One base que sofrerão melhorias gráficas, o preço pode parecer extremamente elevado, quando mais não seja que, para que as diferenças visuais sejam realmente compensadoras, há que se possuir uma Tv 4K. E mesmo nesses casos, o benefício obtido dificilmente é justificativo de 500 euros.

Aqui não falamos de uma diferença visual gigante como a obtida na passagem dos 480p/576p para os 720p que foi um caso extremo de evolução, e nem sequer algo semelhante ao obtido na passagem dos 720p para os 1080p. Aqui a passagem dos 1080p para os 4K é mais um refinamento do que verdadeiramente yma revolução, sendo que o ganho mais significativo na qualidade de imagem até advém não da resolução, mas sim do HDR, algo que a S já suporta,

Dai que a pergunta sobre qual é o público alvo desta consola seja legítima, e isto apesar de os números de pré-reservas serem, de acordo com a microsoft, bastante elevados.

No sentido de se tentar obter algumas respostas, Albert Penello foi entrevistado pelo website Gameinformer, que lhe colocou algumas questões de forma directa. São as questões e respostas que colocaremos de seguida:

A Xbox One X aparenta ter como alvo primordial o jogador Xbox mais hardcore, ou seja, aqueles que já pagaram $500 quando a Xbox saiu à alguns anos. Como é que passam a mensagem que se justifica pagar mais $500 para se obter uma experiência melhor?

Há um par de presunções na sua questão que gostaria de explorar. A parte melhor do que estamos a fazer com este upgrade de meio ciclo é que muitas das regras geracionais das consolas não se aplicam. Tipicamente, quando isto acontece pensa-se: “OK, aqui está porque tenho de convencer toda a gente que necessitam de passar de uma Xbox 360 para uma Xbox One, ou de uma Xbox para a Xbox 360, e é porque elas estão e irão desaparecer dada a presença da nova.”
Mas isso não se aplica desta vez, pelo que muda o tipo de conversa que temos com os clientes, penso eu. Basicamente podemos dizer que desde que comprem uma Xbox, estamos bem! Não vejo a necessidade de realmente ir provar porque devem fazer o upgrade se o valor inerente não estiver lá para vocês, e se não és uma pessoa que ligue assim tanto aos visuais ou aos 4K, e isso está totalmente bem. Está ok. Eu tambem não penso que a proposta de valores é relegada para os jogadores hardcore. Penso que vimos na história da Xbox que quando fazemos produtos premium, eles normalmente saem-se bem. Eles surpreendem-nos sempre. Vou usar o controlador Elite da Xbox One como exemplo de algo que fizemos e que julgavamos iria ter um mercado pequeno, e que excedeu tremendamente as nossas expectativas. Daí que não gosto de segmentar a Xbox One X e a S como “hardcore” e “casual”porque acho que tudo sobre performance e o que importa para ti e quanto tu jogas.  Há pessoas que adoram tecnologia que vão obter uma TV 4K e que querem mostrar a TV 4K, e onde o quanto jogam até nem tem nada a ver.

Será que uma melhor maneira de parafrasear a coisa, em vez de “hardcore” seria usar o termo “pessoas que querem extrair o máximo de performance do seu sistema de jogos”?

Ah sim, certamente. Se falas das pessoas que gostam de performance, então estaremos a falar de como queremos oferecer a consola que tem a melhor versão do jogo. Agora, está nas mão sde quem faz as análises e dos fans, validar essa presunção. Acredito que iremos ver que as melhores versões do jogo estarão na Xbox One X, e construímos a consola para fazer isso mesmo. Serão as pessoas que irão julgar se esse valor é para eles. O melhor é que todos os jogos funcionam e a coisa será melhor na X mesmo que não tenha upgrades. Na minha S posso ver se tenho jogos com melhorias na X ou não, pelo que posso olhar para a minha livraria e dizer “”Wow! Metade da minha livraria está preparada!”. Isso ajuda nesta equação.

Penso também que os clientes de hoje estão habituados a ver os seus aparelhos a receberem upgrades mais rápidos, desde que as aplicações, os contactos e o software funcione, que é o motivo pelo que pusemos tanto ênfase na compatibilidade e em garantir que todos os acessórios e jogos sejam compatíveis entre os dois sistemas.

Assumo que se está a referenciar nos ciclos dos smartphones e em como com eles vemos a tecnologia como um todo. em que medida isso influenciou a aproximação da Microsoft no lançamento de multiplos sistemas numa geração e em ter o software a funcionar nos vários modelos?

É interessante porque gosto do modelo dos smartphones em alguns casos, mas certamente tambem há pontos negativos em ter modelos anuais. Há muitos indicadores para os quais olhamos. Vimos as TVs 4K e gostamos –  é importante que as pessoas olhem internamente para a tecnologia e acreditem nela – vemos a maior escala de cores, o HDR, os 4K e dizem, “Ok, isto é realmente bonito. Há algo aqui.”. E isso foi uma observação.

A segunda é quando falas com os produtores de TVs e lhes perguntas, “O que pensam que vai acontecer?” e eles são muito optimistas. Olhas para uma previsão de um analista e vês que as Tvs vão migrar e que o $k será o futuro. Olhas para os jogos PC e vês como eles abraçaram as texturas 4K e os objectos 4K no PC. O conteúdo de jogo está cá. Então olhas para o comportamento dos clientes, nos smartphones e nos PCs, nos quais tivermos uma ressurgência nos últimos 5 ou 10 anos com as pessoas a actualizarem as suas gráficas e percebes que as consolas são a única tecnologia que nos faz esperar, género, uma década, entre saltos.

Daí que olhas para estas coisas e perguntas, “Qual a melhor forma de fazer isto para o gaming, para os gamers, e para a industria?”. Porque queremos escolher o melhor, a a parte mais lógica destas observações.

Isso foi o o divertido neste processo: Fazer-nos a nós mesmos essas perguntas. qual a melhor forma de fazer isto de uma forma que seja melhor para os gamers e para os criadores que nos dê toda a energia de um lançamento de consola, mas não tenha a interrupção do negócio e dos clientes que normalmente vem com ela? Isso influenciou muito o produto que criamos.

Este é uma upgrade de meio de geração, pelo que não é verdadeiramente uma nova consola, mas a realidade é que estão a lançar uma nova consola. Penso que é correcto dizer que vários dos jogos que a Xbox esperava ter no seu estábulo exclusivo foram adiados ou até cancelados. Que desafios apresenta não ter um bom estábulo de exclusivos para lançar na mesma janela de lançamento da Xbox One X?

Definitivamente diria que há mais coisas para jogar, do que tempo para jogar. Quando olham para os jogos que estão a sair tanto das First como das Thirds, , temos o PUBG, temos o Forza Motorsport, e apesar de saber que não agrada ao core gamer, jogos como Lucky’s Tale e os jogos Disney games tem um lugar porque esse cliente está pronto a sair da sua 360 para uma nova consola pelo que isso são títulos importantes mesmo que tal não seja visível… jogos como Cuphead. O estábulo de exclusivos é bom: O estábulo entre plataformas é optimo. Temos retro-compatibilidade com a Xbox original, com a Xbox 360 e temos o Gamepass. Hámais conteúdo para consumir do que tempo para o consumir. Na perspectiva do conteúdo, sinto-me muito bem.

Especificamente para a Xbox One X é aqui que temos de dizer que não se comporta como uma consola de nova geração porque… eu uso a piada porque quando a Nvidia lança a 1080 Ti ninguém pergunta, onde estão os jogos para a 1080 Ti”. Os jogos antigos tornam-se melhores porque há mais GPU. Dado que não estou a pedir às pessoas que deixam a Xbox One S e se movam para a Xbox One X, penso que não há necessidade de haver um exclusivo Xbox One X para isso. Temos 160 títulos melhorados para a Xbox One X que foram anunciados. Dependendo nos números de quem acreditas, haverá 50 a 70 jogos que tiram partido da consola nas duas primeiras semanas de lançamento. Tipicamente uma nova consola tem 18 a 22 jogos: Nós teremos 50 ou 70. Mesmo nessa métrica, teremos mais conteúdo que tira partido do lançamento da X do que em qualquer outro lançamento de consola anterior.



Sinto-me bem com isto e acho que isto é uma facilidade a quem desenvolve e trabalha connosco e nos suportou, pelo esforço e energia que a equipa que fez esta grande plataforma de desenvolvimento está a tornar fácil de se fazer isso. Penso que o conteúdo da Xbox One X é realmente notável mesmo pelo standard de uma geração de consolas.

Com a Xbox One X a fazer o papel de um upgrade  de meio de geração, deverá alguem ter receios de que uma Xbox ainda melhor pode ser lançada no próximo par de anos, após gastarem $500 nesta? Os ciclos tecnológicos estão a acelerar.

Esse é o motivo pelo qual fazemos uma promessa acerca da compatibilidade e realmente demonstrar que realmente gostamos de jogos. Isso é tudo opcional. Tens razão e é divertido, porque eu comentei antes que quando lanças uma nova consola a primeira coisa que perguntam é “Quando sai a próxima”? O compromisso que estamos a ter com os clientes com coisas como o Play Anywhere até à retro-compatibilidade com a Xbox original é esse, sim os ciclos tecnológicos movem-se mais depressa, e o investimento real que as pessoas fazem a longo prazo é na livraria, no Gamerscore na Xbox Live e nos controladores, e há aqueles que gastam dinheiro em controladores como os de luta do Killer Instinct. manter essa compatibilidade é importante.

Não penso que vamos entrar em ciclos de consolas anuais – pessoalmente acho nem sobrevivia a lançar uma consola todos os anos [risos]. Não penso que seja saudável para a industria. Penso que verão inovação mais rápido, mas dependerá dos clientes o dizer-nos quando é a altura certa. Então, o que eu penso que queremos realmente dizer é “Hei, estamos a fazer um grande investimento na compatibilidade.” Estamos a provar que ao voltar atrás e ao fazer upgrades a títulos da 360 e trazendo jogos originais, garantindo que teremos 100% de compatibilidade entre a S e a X. esse investimento no conteúdo Xbox é algo que se manterá e que nos vamos preocupar daqui para a frente

Como estão a trabalhar para namorar novos criadores e os fazer melhorar os seus jogos usando o poder da Xbox One X?

Anunciamos o projecto Scorpio na E3 2016, e as pessoas ficaram surpreendidas que anunciássemos a Xbox One S no início da conferência e uma nova consola no fim. Na realidade tínhamos duas consolas em  execução, porque por cima da Xbox One X tinhamos o kit de desenvolvimento, que foi desenhado para ser o melhor do mundo. Os números, as especificações da consola, quando falas em 6 Tflops e 12 GB de GDDR5… todas essas especificações de performance, estão lá por uma razão.

O que é interessante no desenvolvimento da Xbox One X é que nas gerações típicas de consolas, começas de novo: tens as tuas especificações e atiras as mesmas ao mundo dizendo:”Por favor façam os melhores jogos que podem com estas especificações.” Neste caso, pegamos nos motores existentes e fizemos centenas de milhar de simulações para perceber o que seria necessário para levar os jogos a 4K e com os motores a usarem texturas 4K. Todos os números da Xbox foram especialmente desenhados para fazerem exactamente o que foi dito que faria. Isto faz a coisa muito interessante de uma perspectiva de hardware. Fizemos a Xbox para ter a performance e o devkit para tornar fácil a melhoria dos jogos, e esse é o motivo porque existe tanto suporte num produto que não foi ainda lançado.

Vimos outros detentores de plataformas lançar versões mais poderosas das suas consolas ou portáteis e alguns jogos não correm bem na versão original. Pensa que veremos casos desses onde o jogo é criado para a Xbox One X e o sistema menos poderoso vai sofrer?

Não vejo isso como um desafio que teremos de enfrentar. Não foi assim que desenhamos o sistema. Os jogos vão correr bem na Xbox One S e ainda melhor na Xbox One X. Esta é uma questão que recebo muito, e gosto muito de falar da forma moderna de desenvolvimento de jogos, mas também de como construímos a consola . A Xbox One a Xbox One S são a mesma consola de muitas formas. É apenas uma versão mais poderosa da outra consola. O desenvolvimento nos dias de hoje constrói os motores para serem escaláveis. Mesmo que tirem as consolas da equação, o PC é quem tem o maior re-escalamento dos baixo de gama aos topo de gama e isso é bem mais do que o que temos na Xbox One S para a Xbox One X. Pelo que os jogos modernos já tomam este escalamento de performance em consideração.

De certa forma não ouves isto no PC, esta ideia que “Oh, se não tivesse de correr isto numa placa gráfica integrada Intlel, o jogo seria tão melhor.”. É o mesmo com a Xbox One S e a Xbox One X; são a mesma consola, as mesmas ferramentas, o mesmo motor, o mesmo ambiente de desenvolvimento. Mesmo com um tempo de desenvolvimento curto – Os kits de desenvolvimento da Xbox One X só estão aí desde a E3 – já vemos níveis de performance entre elas, porque é fácil colocar os motores prontos e a funcionar. Nada segura a Xbox One X por causa da Xbox One S; são ambas a mesma consola, a mesma plataforma, e ambas vão correr os mesmos jogos enquanto vendermos essas consolas.

Vimos grande empenho da Xbox em supotar as iniciativas de retrocompatibilidade. Vamos ver um suporte similar com as melhorias para a Xbox One X?

Certamente espero que sim. Tal como disse, tentamos simplificar as coisas para que os criadores que estão a criar essas estruturas no PC possam ter outra plataforma para onde as trazer. A velocidade com que vimos o suporte aparecer foi incrivel, e a minha esperança é que daqui para a frente todos os jogos sejam melhorados para a Xbox One X. No entanto essas decisões cabem a cada criador e publicador e serão elas que as tomarão. Estou muito encorajado baseado no que vejo agora.



Alguns dos patches são enormes para descarregar as melhorias 4K ou HDR. Com a Xbox One X a ter um disco de 1 TB em vez dos 2 que vimos em alguns modelos Xbox One S, houve preocupação que tal não seria suficiente para esses patches enormes?

Grande ponto. Geralmente vemos que os patches 4K são maiores, mas não são o dobro ou quatro vezes mais. São em média,  provavelmente, um terço mais do que os dados 1080p. Estamos a desenvolver algo que chamamos de entrega inteligente que ajudará em ambas as consolas. Activamos um novo conjunto de ferramentas para os criadores que lhes permite segmentar os dados por consola, bem como coisas que usam enorme espaço como os packs de linguagens e outras coisas, que normalmente são obtidas num grande download. Estamos a fazer um grande esforço para melhorar os downloads.

Também me tenho de lembrar a mim e a outras pessoas na industria que temos livrarias de conteúdo anormalmente grandes para o consumidor médio devido ao que fazemos. Normalmente encontramos casos extremos que o cliente tipico não encontra.

A coisa que encorajo é o uso de drives externas como algo a usar-se desde logo. Vimos que mesmo quando tivemos a possibilidade de troca de drive na X360, as pessoas não gostavam de abrir as suas consolas. Ter o suporte para drives externas –  e elas agora são baratas: vi um disco de 4 TB por $110, penso –  é uma grande forma de se ter uma tonelada de armazenamento.

Penso que temos uma série de opções para as pessoas. Obviamente estamos a resolver as coisas com os criadores, estamos a tentar resolver com os utilizadores, e estamos a tentar tornar fácil para as pessoas que tem enormes livrarias o expandir o armazenamento sem ter de comprar uma nova consola, ou abrir a atual, ou algo assim.

Agora, podes pesquisar a livraria e ver que jogos possuem melhorias Xbox One X. Vai haver uma forma de procurar na loja quais os jogos com essas melhorias?

100%. Totalmente. Podes procurar a nossa loja e a loja .com – na realidade há mais filtros lá: Podes filtrar por 4k, hdr e Xbox One X-enhanced. na consola, podes pesquisar por Xbox One X-enhanced. Sambem podes fazer isso na Xbox One S, pelo que podes ver o que da tua livraria é futuramente compatível pelo que possas tomar a decisão se há valor nisso para ti.

Esperam-se comentários.



Posts Relacionados

Readers Comments (59)

  1. Meu ponto de vista…

    Anunciaram como 4k…

    Se dizem competir com o PC…

    Mostram o silício e lá está um logo 4k…

    Se queres jogar a 4k está assegurado…

    4k nativo…

    Hardcore games 4k…

    True 4k…
    __________________________

    842p…

    1382p-1440p…

    Checkboarding…

    1800p…

    Como dizem por aqui não se conta com o ovo no fi*%€ da galinha…

    • Sim, True 4k será mais uma miragem que outra coisa. Sem surpresas nenhumas, a ONE X não irá cumprir com os 4k nativos em todos os jogos, nem sequer os exclusivos (Quantum Break).

      • Quem disse que seriam todos os jogos?

        Enfim, já começaram a aparecer os jogos 4k/60fps.

        https://www.gamevicio.com/noticias/2017/11/diablo-3-esta-absurdamente-melhor-no-xbox-one-x-se-comparado-ao-ps4-pro/

        Nem estou contando, mas pelo que sei no Xbox One X tem pelo menos dois, Forza 7 e Diablo 3, isso após dois dias do lançamento.

        E no PS4 Pro um ano após seu lançamento, quantos jogos mesmo rodam à 4k/60fps? Se não tiver 4K/60fps pode ser só 4K nativo mesmo, porém tem que ser pelo menos dinãmico, não pode ser upscale.

        • E face à One base?
          Isso seria mais relevante de ser discutido.
          Porque se vamos aqui agora andar a constatar o obvio e a repetir em todos os jogos que uma consola que possui uma diferença gráfica para a outra maior que toda potencia gráfica da Xbox One, e que custa mais 140 euros, é superior, estamos muito mal…
          Agora importante seria saber é até que ponto a frase da Microsoft de que a X e a S são a mesma consola se comprova nos resultados apresentados por ambas.

        • “… Quem disse que seriam todos os jogos… ”

          Conheces Aaron Greenberg?

          De acordo com Greenberg, a fidelidade visual dos games no Scorpio “será incrível e comparável a algo nunca antes visto em jogos para videogames”.

          “Esse será o console mais poderoso que vocês vão conhecer. Ele vai fazer 4K verdadeiro [nativo]. As pessoas que gastaram milhares de dólares já têm essa experiência no PC. Mas que tal levarmos isso em um console para a sua sala de estar? Essa é uma das grandes propostas do Project Scorpio…”

          Mas olha tens 60 jogos Xbox X exchanced, sabes quantos são True 4k “NATIVOS” ?

          • Pergunto novamente.

            Onde está ele ou alguém da Microsoft dizendo que todos os jogos rodariam a 4K???

          • E da Sony?
            Como afirmas que a Sony disse, e dizes que a Microsoft não disse?
            Apresentas inclusive uma publicidade com um texto a dizer 4K e estão a afirmar, mas a Microsoft ter o logo 4K gravado no APU é mera coincidência.

          • “….No Twitter, Mike Ybarra, o vice-president de gaming da Xbox e Windows, revelou o chip da Project Scorpio. O chip vem com o logótipo da Xbox gravado, bem como as siglas “4K”….”

            Mas olha

            Titan fall: 1330-1440p

            The evil within: 1800p

            Diablo: ~ variável

            Sonic:
            1800p

            Quantum Break: 1080p

            Nier: 1800p

            AC origins: 1800p

            Sw: 1890p

          • Pá… convenhamos que 4K não é… mas é mesmo assim muito bom, e melhor que tudo o resto.
            Não há que negar as virtudes a quem as tem. Aqui o que preocupa é que isto, para o cliente é uma geração. As diferenças são tão grandes que é! Agora para os programadores é que não é… porque fazem mesmo jogo para as duas!
            Daí que nesta caso a meia geração acaba por ser uma patranha! Ter o Sonic a 1800p na X e a 720p na One e dizer “é a mesma consola” é… ridiculo! Pessoalmente acho isso gozar na cara das pessoas!

          • Já esqueceste quando Killzone teve de pagar indenizações por não ser 1080p…

            Phill Spencer, patrão da divisão Xbox da Microsoft, defende que “Olho para a PS4 Pro mais como uma competidora da Xbox One S do que da Xbox One X.”

            “Esta é uma verdadeira consola 4K. Se olhares para as especificações desta caixa, está numa liga diferente da de qualquer outra consola disponível”

          • O pior de tudo é que a Microsoft não está cumprindo o que prometeu, os verdadeiros 4K, e ao invés dos consumidores cobrarem seus direitos, limitam se apenas em dizer que tudo bem não ter os 4k nativos prometidos, o importante é ser melhor que o Pro
            Mas o que realmente está me deixando revoltado é o descaso que a microsoft está tendo com o One, basta ver os ultimos lançamentos com resoluções ridiculas, e o novo Sonic a 720p????? microsoft perdeu um cliente que os acompanha e dá suporte desde a época do primeiro Xbox

          • Repara numa coisa. Quando fazes algo dependente de largura de banda tu podes programar um código que é usado pela X, pela Pro e pela PS4. Todas elas possuem largura de banda para o GPU que possuem.
            Mas já na One… não. Tens de usar a eSRAM. Uma memória diferente e que tem de ser gerida porque só há 32 MB.
            Isto coloca-me sérias dúvidas sobre se as equipas irão continuar a optimizar para a complexa eSRAM, ou se se vão limitar a ficar pelos 720p ou 900p (o que der), tal como aconteceu com os primeiros jogos da consola.
            É uma pergunta que me faço e na qual espero sériamente não ter razão.

          • Graças ao EA acess tens uma noção a quantas anda Star Wars, One X versus One Alpha…

            https://youtu.be/X7MMdJJj10g

            Agora a sério se me dissesem que era 360 versus a One acreditava..

          • Pelo jeito pra quem ficou no One Fat ou no S, estamos de volta à 2013
            Parabéns Microsoft, novo Sonic a 720p é uma piada, um descaso com quem acompanha o One desde o inicio, e tem gente que vai defender ainda

          • Olha como são as coisas.
            Quando um jogo perde no máximo 10% de seu resolução 4k nativa em raríssimas ocasiões, um jogo que por sinal roda a 60fps, a pessoa se limita a dizer que o mesmo é variável.
            Muito conviniente.

      • Gostaria de saber mais do que se passa aqui.
        O jogo deveria possuir uma resolução dinâmica e ser capaz de atingir os 1080p. Mas segundo é dito várias vezes está a correr a 900p e não há referências a algo acima disso! Porque?

        • E sem pach Mário, se atualizar o jogo este fica bloqueado a 30 fps.. E como se instalasse a versão Day One esta corria fps livres mas a 900p.

  2. Seria ótimo o Xbox x ser um sucesso, pois isto manteria a competição mais ativa e o mercado de consoles desta geração teria mais tempo. Mas temo que se este sucesso for demasiado a MS opte por libertar o XBOX X seu irmão mais velho em termos games exclusivos, Neste caso a resposta da SONY poderia ser um PS5 antecipado e o estrago seria enorme para esta
    geração.

  3. Achei muito interessante o que foi dito e que para mim foi e é o ponto mais importante e crucial para continuar investindo nessa plataforma.

    No caso do Xbox com tudo o que a Microsoft vem implementando, daqui para frente você não perde nada do que foi e será investido, todos os seus acessórios, a sua biblioteca de jogos desde o primeiro Xbox, todas as suas conquistas, nada será perdido.

    A única coisa que você um dia precisirá de fato substituir será o console, algo mais que natural e inevitável que ocorre em qualquer plataforma.

    Agora, alguém do Playstation ou da Nintendo pode dizer o mesmo! Não né???

    O ponto é que a Microsoft está vendo além do momento atual e vislumbrando o futuro da plataforma Xbox, e quem tem Xbox e realmente conhece a plataforma, principalmente desde o ínicio dela pode ver isso, a não ser que tenha uma preferência muito forte por outra plataforma a ponto de ignorar e desdenhar de tudo ou qualquer coisa boa que o Xbox pode oferecer, ainda mais quando a sua plataforma favorita nem sequer cogita em ter algo parecido.

    Já aqueles que só vem problemas e odeiam o Xbox com certeza acham isso ruim, ou pelo menos é o que vão dizer mesmo querendo que a sua platorma estivesse fazendo o mesmo.

    Não tem problema, afinal para quem tem Xbox e sabe que pode comprar todos os seus jogos e acessórios sabendo que esses poderão ser usados e jogados nos futuros consoles da plataforma e não se tornarão um lixo inútil em poucos anos, não faz a menor diferença o que acham os haters da plataforma Xbox.

    E antes que digam “cadê os jogos?” Bom, apesar de não faltarem jogos no Xbox, se não viram deêm uma olhada nas recentes declarações da Microsoft a respeito de novos exclusivos que ainda não foram anunciados e sobre os novos estúdios a serem construídos e a aquisição de outros.

    • Eu irei ainda, num artigo futuro comentar estas declarações da Microsoft, e essa promessa que referes…

    • Igor, pois tomara que apareçam muitos jogos bons mesmo. É a melhor coisa que a MS pode fazer.
      Eu adoraria comprar um Xbox e ter mais opções de bons jogos, quem não gostaria disso não está raciocinando direito.
      Torço é pra que eles tragam uma enxurrada de jogos e tudo mais, não tem como perder nessa situação.
      O atual estado é que não agrada.

    • Igor, quem disse que não? Vc nunca ouviu falar no virtual console? O switch é o primeiro console da Nintendo a não ter retrocompatibilidade física com o anterior, até pelo fato do anterior ser cd e o atual cartucho, mas a Nintendo sempre foi adepta da retrocompatibilidade. Parece que a Microsoft inventou a roda, mas a Nintendo já fazia isso décadas antes. Ah! A Sony tb. Não se esqueça que a retrocompatibilidade do ps3 com ps4 é complexa por conta da arquitetura complexa do ps3, dificultando a retro no ps4, porém consoles da Sony sempre tiveram retrocompatibilidade, vide o PS2 com o PS1, o ps3 com o PS2( primeiras versões do ps3), ou seja, informe melhor.

      • Edson,

        Com dificuldade ou não, a Microsoft tendo ou não inventado a roda, o fato permanece.

        Daqui para frente a partir do One, todos os consoles da Microsoft são e serão retrocompatíveis e não somente nos jogos, mas também nos periféricos e acessórios, toda sua biblioteca de jogos e suas conquistas nada será perdido ou deixado para trás.

        A Microsoft também teve dificuldade para fazer a retrocompatibilidade com o Xbox 360 e o primeiro Xbox, mas nem por isso ele deixou de tentar e fez, está aí.

        Então eu pergunto e reafirmo novamente.
        Alguém do Playstation ou da Nintendo pode dizer o mesmo? Não né!!!

        • Tu acreditas mesmo no pai Natal, não acreditas?
          Nem o Pc consegue garantir isso e tu acredtas nisto?
          Mudam os standards como o USB ou outros da consola (evolução do hardware) e a retrocompatibilidade dos periféricos vai-se – Usa uma drive de diskettes, um joystick com porta Joystick, uma impressora com porta RS-232, um rato não USB, etc num PC atual. Ou usa o controlador da 360 na One X!
          Da mesma forma muda o OS e a retro-compatibilidade do hardware e mesmo software vai-se. O PC tem 40 anos… o software do Windows 7 nem todo corre no 8 ou no 10. O Do Xp nem todo corre no 7 e menos no 10, o do windows 95 pouco corre no XP, quase nenhum corre no 7 e nenhum corre no 10. Drivers de produtos mais antigos… nem vê-las!
          Não comas o que te dizem… vê a realidade do mercado… está tudo lá, e o windows é da Microsoft.
          Mais do que isso… é o “core business” da Microsoft

          • Se você não prestou atenção no que eu disse ou somente pegou o que mais lhe interessava, sinto muito.
            Primeiro que eu disse apartir do Xbox One, é lógico que os periféricos do 360 ou do primeiro Xbox não funcionam no One, não disse isso, agora os jogos sim e não tem por que não continuarem assim.
            É lógico que os periféricos não serão compatíveis até o fim dos tempos, mas é muito mais tempo do que o PS ou qualquer outro console.

  4. Não sei mais eu acho que é o fim da linha para o Xbox One S. eu vi a Live da Microsoft ontem e pareceu uma festa de lançamento de um console de nova geração, também se olhar nos maiores varejistas dos estados unidos o modelo “S” já desapareceu do top vendas que agora esta sendo dominado pelo “X”. o marketing matou o modelo mais fraco mesmo que indiretamente e não duvido muito que os desenvolvedores abandone ele futuramente ou lance versões extremamente mal feitas.

    • Quanto a isso pode ficar tranquilo, não se abandona assim uma base de mais de 30 milhões de usuarios, e pode ter certeza, o modelo S vai vender muito mais que o X, vimos o exemplo do Playstation, o Slim vende muito mais que o Pro, e a Microsoft já anda bastante queimada com seus consumidores, abandonar o S seria suicidio

      • A microsoft trabalhou muito bem o marketing do Xbox One X, óbvio que isso também afetou as vendas do PS4 Pro mas a Sony também colaborou pois até hoje muitos não sabem oque é o PS4 Pro devido ao péssimo marketing.

        • Não diria o marketing em si mas as diferenças entre a PS4 AMATEUR e a PS4 PRO são realmente poucas, se não tiveres uma TV 4k aí que não vai velas…

          Mas aqui está o porém, tens um jogo a 720p na One S e a 1800p na One X…

          E isto que foi lançada hoje imagine mais adiante, nem Call of Duty na Xbox 360 viu uma diferença tão grande para a Xbox One..

          • O mais engraçado é que temos aqui uma divisão do mercado Xbox como nunca se viu, e o que vemos?
            Os utilizadores olham para o lado como se nada fosse, e a Microsoft assobia alegremente dizendo que são ambas a mesma consola.
            Com users assim e a Microsoft a dizer isso, não são precisos nem inimigos e nem consolas da concorrência…

          • Não só olham para lado comemoram….

            Ontem vi um artigo do Windows club em que, WoW Gears está melhor que o PC..

            Mas não,u não é a Microsoft a botar port problemático e sem texturas em 4k… Mas sim o monstro é que está a engolir um Core i7 com uma Gtx 1080Ti…

            Mesmo que lhe digam e repitam que um único Core de um i7 oferece o mais que todos o core do jaguar juntos, o que vem é o monstro a destruir tudo…

            Reclamam tanto dos fanboy da Sony que há até alguns iluminados achando que a Pro está correr pior que a One S

          • @Mario o que acho pior é falarem:

            “…imagina quando chegarem os jogos pensados para o XOX…”

            Preferem ver seu console atual ficar na pior em apoio a um aparelho que nem todos irão comprar.

          • Hummm… Há aqui algo de estranho…
            Estávamos a 21 de Agosto… faz agora quase 3 meses, e havia notícias que a Scorpio edition da Xbox One X estava quase esgotada:
            https://www.techspot.com/news/70662-xbox-one-x-scorpio-edition-has-nearly-sold.html
            Ainda em Agosto, neste caso a 25 de Agosto, o Major Nelson colocou um twitter a referir que a Scorpio Edtion estava, agora oficialmente, esgotada.
            https://twitter.com/majornelson/status/901080735557210112

            Para quem não sabe, a Scorpio Edition era uma edição limitada comemorativa da consola. E estava oficialmente, dito por um representante da Microsoft, esgotada.

            Mas agora vou à Amazon e….
            https://www.amazon.com/Xbox-One-X-1TB-Console/dp/B01GW8VG7O/ref=as_li_ss_tl?th=1&linkCode=ll1&tag=jkfty-20&linkId=af48c10ee1e6e531e40de77cf5873a6e

            Naturalmente estão a vender rápido. Quando vi ontem não referia número, mas ao escrever este agora este comentário vi que já só havia uma.

            Mas 100, 20 ou 1, como é que algo oficialmente esgotado e limitado, aparece de novo à venda?

            Se calhar, tal como com o termo “exclusivo” o termo “totalmente vendida” tem um significado diferente para os representantes da Microsoft. Ou isso, ou alguém na Microsoft não sabe fazer contas!

          • Chega a ser irônico o que vou falar agora, mas vou sair em defesa da Microsoft…

            Efetivamente há um número de Xbox One X escorpion edition, e foram disponibilizados números aos mercados, ex: 1000 consoles ao Brasil, 250 ao Japão e etc…

            Por norma a alguns mercados que a receberam em datas diferentes, e por norma a mercados em que se esgotaram rapidamente e outros que ainda estão disponíveis.. Ex na minha cidade a duas Xbox One X em uma loja muito conhecida mas por um pretinho bem camarada…

            Então o que a Microsoft faz disponibilizar as unidades que ainda não foram arrematadas em outros mercados para as lojas a onde está se encontra esgotada. Apesar de ser uma edição limitada a que se ter em conta que a mercados que nem que fosse a metade do preço que se iriam vender todas… Tão simples quanto isso…

            A título de curiosidade o preço camarada está em 5.000,00 Temers e acredite há duas consoles somente… Se algum user aqui se interessar são escorpion edition, acho que eles enviam…

          • Nesse caso… a Microsoft tem mesmo uma interpretação diferente de “esgotadas”… Porque esgotadas é só quando estão vendidas!
            Acho engraçado tanta interpretação diferente. Mas a melhor foi quando o botão com o X do windows (usado para cancelar e fechar janelas) passou a dizer “Sim, eu aceito a atualização para o Windows 10”

          • @Mario o mais engraçado é ver que um comentário do neTTo ou do By-Mission reflete a atualidade, onde os papéis inverteram(frases como :”o que importa são jogos não resoluções”,” remasterstation enquanto temos novos jogos” mudaram de posição).

            A mais nova é uma declaração do Phil, que ao interpretá-la fica igual a de um executivo da Sony 1 ano atrás, segundo Phil sobre o público alvo da Xbox One X:

            “É os mais entendidos sobre os videojogos e que têm uma televisão 4K, que querem ver os melhores visuais possíveis.”

            O problema é que desde que me conheço como usuário de jogos eu quero ver a melhor performance e os melhores gráficos naquele aparelho que comprei, não quero é apoiar um aparelho em seu lançamento devido a promessas e 3/4 depois a marca vir com um modelo de meia geração dizendo novamente que se eu quero a melhor performance e melhores gráficos para aquele jogo comprado meses atrás eu tenho que adquirir um novo aparelho.

            Mas aí será que aqueles que zombaram dos donos do PS4 quando tal executivo falou dos gamers mais hardcore do Pro também irão criticar o que o Tio Phill falou?

  5. Concorrência é bem vinda.

    Hoje a Playstation UK anunciou o Pro a £449,99 com 5 jogos:
    Wipeout
    Uncharted The Lost Legacy
    Gran Turismo Sport
    Horizon Zero Dawn
    Horizon Zero Dawn Frozen Wilds

    5 jogos de 2017, na foto todos aparecem com steelbook o que não acho provável pq a DLC do Horizon é só digital.

    Slogan: One 4K console. Five Exclusive Adventures. The Only on PS4 Pro Bundle.

    Facebook da Gamestop tem o mesmo anúncio.

  6. Mário olha a diferença do seu artigo com esse aqui http://gizmodo.uol.com.br/review-xbox-one-x/ por favor quando tiver um tempo leia, recebi esse link hoje de manhã em um grupo de Destiny 2.
    Quando eu falo que a mídia Brasileira é ridícula não é mentira, as vezes parece que estou até falando para o PC Manias igual já me acusaram, mas é para mídia Brasileira eu juro!
    Uma analise do Xbox X com esse titulo Xbox One X é o console perfeito para o PC gamer preguiçoso.
    PC Gamer preguiçoso? Desculpa mas que porra de título é esse, eu não gosto de jogar em PC odeio, eu adoro ver as novidades as placas de vídeo, parece até estranho mas adoro acompanhar os lançamentos, mas não pretendo ter um PC, então por isso Xbox X é para gamer preguiçoso.
    Depois eles soltam isso Se você puder ignorar o fato que todos os seus amigos provavelmente são donos de Playstation 4 e aproveitam exclusivos como Horizon Zero Dawn e Uncharted 4, então o Xbox One X é quase o console perfeito.
    Não discuto a qualidade desses jogos, mas no meio da analise falar que todos meus amigos jogam no PS4, pelo contrario um dos motivos de eu estar no Xbox é por causa que eu tenho muitos amigos, desde época de Gears of War 2 para Xbox 360, como eles podem falar isso no meio de uma analise.
    Isso não é normal.
    Se você joga no PC porque quer a experiência mais bonita possível, então o Xbox One X dará a versão simples dessa experiência na maior parte do tempo (Jogos para PC não têm limites de quadros por segundo, enquanto o Xbox One X nunca ultrapassará os 60
    Qual o sentido de comparar Xbox com o PC que ridículo mais uma vez.

    O mesmo pode ser dito se todos os seus amigos têm PS4s e você planeja jogar muito Destiny 2 e FIFA. O Xbox One X é muito bom, mas você não pode jogar com seus amigos donos de PS4s e PCs — e vale lembrar que são mais que o dobro de PS4s do que Xbox Ones por aí. Assim, o número de adversários online no PS4 é maior.
    Como eu disse me mandaram esse link em um grupo de Destiny 2, é um grupo enorme, nunca faltou pessoas para jogar Destiny 2, mesmo sendo em menor quantidade do que PS4 sempre tem pessoas jogando.
    Tudo é baseado no play 4 essas coisas que me deixa puto Mário..

    È totalmente desnecessário essas coisas, a pessoa leiga que não tem nenhum console vai entender o que, que não tem ninguém jogando Xbox não vai achar partida, ou que o Console são para pessoas preguiçosas..

    Me Desculpa mas o Brasil realmente um lixo quando o assunto é tecnologia, e os grandes portais, uol Jogos, Ign, entre outros eles apenas pegam matérias de fora e traduzem para o BR.

    E que fica bem claro, analise pra mim totalmente diferente.
    Lembra o Headset que você ajudou eu comprar eu vi essa analise https://www.youtube.com/watch?v=ShhUcUARvd4 isso é analise falar do produto, somente dele, é a mesma coisa esse Homem começar a falar stinger é bom, mas todos seus amigos tem o Razer então você deveria comprar o Razer, mas o Stinger é bom, porém o Razer vende o dobro..

    Essa é a mídia gamer Brasileira, sempre vai ter uns falando mas essa opinião dele, que opinião porra isso é uma análise.

    Desculpa o desabafo Mário.

    • Só mais uma coisa Mário, Batlefield 4, Batlefiel 1, the division, Pes são jogos que são mais jogados no Xbox, fora que os jogos online procuram região no Brasil as vendas de Xbox é praticamente a mesma coisa do que PS4 no Brasil que fica bem claro, acredito que seja um pouco mais para Play 4 mas não é dobro como na europa.
      E no Brasil quando busca servidor gringo é na América do Norte, onde base de Xbox é bem grande.

      Se eu não tenho Xbox e leio isso vou pensar que não tem ninguém jogando.
      E parece que foi uma mulher que escreveu a pergunta que fica, será que ela joga vídeo game, provavelmente não sabe nem ligar o console.

      Mais uma coisa, quantas pessoas tem um PC que seja melhor do que Xbox One X, parece que todo PC é Gamer, pelo contrario a grande maioria tem PC que mal conseguem rodar Hearthstone. imagina um Batlefield no ultra, aqui no PC Manias mesmo mário tirando você que deve ter uma placa 1080 ou 1070 ou qualquer outra parecida, quem mais tem uma placa assim, sinceramente acho que ninguém deve ter um PC que seja melhor até que um Xbox One normal imagina o X

    • Essas duas partes do texto são bizarras, levando em conta como você disse, um leigo lendo e levando isso como a verdade:

      “Por R$ 4.000 você compra dois Xbox One S que também suportam Blu-rays UHD, 4K e HDR. A grande diferença entre os dois é que o Xbox One X pode fazer upscalling para 4K e atingir resolução em 4K de maneira mais consistente em jogos novos”

      “Infelizmente, não é tão bom para jogos multiplayer já que o PS4 tem uma base com o dobro de unidades vendidas.”

      Quem vai ser o infeliz que vai pagar 4.000?!
      Daqui a pouco vão encontrá-lo por 3.000 ou menos.
      Falar que o One S atinge 4k… Putz

      Não é bom pra multiplayer porquê o PS4 tem o dobro de consoles no mercado… Meu Deus.. quem escreveu esse texto ou estava mal intencionado ou é leigo também.

      Por essas e outras que gosto dos artigos do PC Manias que não distorce os dados desse jeito, explica detalhadamente e põe todos os pingos nos i’s nos comentários inclusive.

      Lamentável.

  7. Mario será assim tão difícil entender que eles esgotaram a edição especial em Agosto e prometeram que em Setembro iriam repor os stocks para mais pessoas terem acesso a essa edição especial? acontece tantas vezes em outras áreas. por exemplo espectáculos cujos bilhetes esgotam e eles estendem mais um dia para voltar a vender bilhetes a quem não conseguiu ir ao primeiro. Será que é a Microsoft que tem interpretações diferentes de “esgotada” ou será que quando se trata da Microsoft existe uma pré disposição para procurar o mau, o podre, a mentira, o engano?

    e sobre a divisão do mercado, eu comprei uma ONE no primeiro dia, utilizei-a intensamente diverti-me bastante, agora comprei a versão melhorada e espero continuar a divertir-me, mas se continuasse com a velha iria divertir-me na mesma, não me causa a menor inveja se outros tiverem sistemas melhores que o meu, se me está a divertir continuo a comprar jogos para ele se não está não compro e procura outras alternativas, saber que existem melhores versões não me afecta em nada…

    • Que bom Vitor que fizeste o upgrade. Desculpe o time mas talvez fosse bom dar uma olhada nesses tópicos do Reedit, assim evitar algumas dores de cabeça…
      Sem fanboyismo quando aparece updates da PS também procuro saber se estão com problemas, já evitei boas dores de cabeça…

      “Não é algo incomum nos lançamentos de novo hardware, mas é sempre lamentável. Segundo reportam alguns jogadores no Reddit e no ResetEra, existem problemas com a versão Project Scorpio da Xbox One X. Estes relatos indicam que a consola simplesmente parou de funcionar sem motivo, e que nada, nem removendo e voltando a ligar os cabos, está a resolver o problema.”

    • Para quem não sabe, o X é propositado. Foi a Playstation itália que o colocou… para congratular a Microsoft pelo lançamento da X… a 7 de novembro!
      Fair Play nunca fez mal a ninguem! E o X fazis parte da simbologia Playstation ainda antes da Microsoft ter sequer consolas.

  8. Devo ser só eu que acha um absurdo essa coisa que ele fala de: “temos jogos do Xbox original, do 360, então estou tranquilo quanto ao conteúdo”.
    Afinal, se é pra jogar jogos do Xbox 360, pra que comprar um console novo de 3.000 reais sendo que o 360 custa 500?!!?!
    Se não tem jogos novos pra que mudar de console?
    Não faz sentido justificar a falta de novos exclusivos com retrocompatibilidade.
    Pra mim isso é uma desculpa esfarrapada, as pessoas querem jogos novos.
    Retrocompatibilidade é legal, mas ser o centro da questão do conteúdo aí pra mim já é conversa fiada.

    • É pior Carlos. Antes da X a resolução não interessava. Só a retro compatibilidade é que se referia.
      Agora passa-se da 360 para a X e até se esquece que há a One no meio.
      A industria está mesmo podre.
      Se isto acontecesse com a PS4 seria assim? Pelo menos quando a Pro saiu, os membros deste site que são fans da Ps4 foram unânimes em se juntar a mim a crotiicar a consola (não porque ela desse ou não os 4K, mas por dividir o mercado Ps4 e criar diferenças, mesmo que pequenas no mesmo). E os da Xbox tambem criticaram.
      Agora, os da Ps4 estão a manter a coerência e reconhecendo a potência da X, criticam pelos mesmos argumentos e pelo aumento da disparidade dawuilo que se criticou na Pro, mas os da Xbox viraram o bico ao prego.
      E depois ainda me acusam de não ser imparcial. Deve estar é tudo bêbado!
      Um gajo anda aqui a defender uma industria sadia e sem estes vícios de upgrades e de deixar as bases para trás a meio de uma geração, e esta malta nem uma palavra tem nesse sentido. Ignoram o que se passa com a One, qua apesar de correr os mesmos jogos, tudo contabilizado tem visuais mais dispares para a X do que alguma vez a One teve da 360.
      E eles não tem uma palavrinha sequer sobre esse assunto.
      É triste… muito triste. Pessoas que só veem o ego pessoas e não percebem que estes exemplos são terríveis para o futuro que se está a criar.

      • Há muitos players que não entendem essa divisão da base user para os donos da midgen..
        Ex:

        Adoro o conquest de Bf1, se talves não conheces o jogo só digo que há mapas imensos e muitos veículos inclusive aviões, continuando estávamos eu e meu amigo a perseguir um caça, eu no PS4 AMATEUR e ele no Pro, hora não foi que em um rasante bati em tronco de árvore que efetivamente não estava lá, mas inconformado ele se ria por que do avião dele ele via a árvore perfeitamente mas o pop’in não me deu chance se quer…

        Agora me digam que raios de culpa tenho eu se ele te uma PRO e eu uma PS4 normal… É um bocado injusto não?
        Antes da PS4 PRO estaríamos na mesma situação, mas agora pop’in drops de fps fps etc são mais uma desvantagem para os user base.

    • “Se não tem jogos novos pra que mudar de console?.”

      “Não faz sentido justificar a falta de novos exclusivos com retrocompatibilidade.”
      Sabe o que de verdade é uma desculpa esfarrapada e conversa fiada?

      É essa estória contada pelos fãs do Playstation e detratores do Xbox que o mesmo não tem jogos e exclusivos.

      O interessante é que mesmo com “tantos” exclusivos o pessoal do Playstation parece não seguir a própria cartilha, isso por que não fazem na prática o que adoram esbravejar por aí.

      O melhor é que a própria Sony derruba por terra esse argumento sonysta.

      https://blog.us.playstation.com/2017/11/07/playstation-store-octobers-top-downloads-2/

      Entre os vinte mais vendidos há somente dois exclusivos, o melhor posicionado é Gran Turismo Sport na quinta posição um jogo exclusivo recém lançado, o outro é um remaster (levando em consideração que jogo velho não interessa pra ninguém) na 13° posição, e para finalizar a cereja do bolo Minecraft, um jogo da Microsoft fechando a lista.

      Dentre os vinte jogos da lista só há dois exclusivos sendo um deles um remaster e ainda mal posicionados, com Fifa liderando e Minecraft fechando a lista. Sério mesmo que esse é o console dos exclusivos!?

      Agora eu entendo por que tantos sonystas ficaram extasiados quando saiu uma notícia distorcida dizendo que a Microsoft poderia lançar exclusivos do Xbox no Playstation.

      Mas pera aí! Se o Xbox não tem exclusivos por que comemoraram quando ouviram algo tão absurdo e sem sentido.

      Isso sim é uma desculpa esfarrapada, uma conversa fiada e por que não dizer uma piada.

      • Minecraft não é um jogo Microsoft. É um jogo comprado pela Microsoft. Pode parecer um detalhe, mas na realidade faz muita diferença. Porque o jogo nunca passou pela aprovação ou escrutínio da Microsoft antes de ser lançado.
        Depois confundes as coisas. Ninguem nunca disse que os exclusivos vendem mais que os multi. O que se diz é que os exclusivos vendem consolas. Porque se é exclusivo e o queres jogar, ou compras a consola… ou não o jogas. (Na Xbox é diferente, e o termo exclusivo refere-se apenas a exclusivo consola).
        Daí que a lista não mostra verdadeiramente nada, excepto que há lá jogos emtre os mais procurados que só podem ser jogados na consolas.

      • Aí depende do local não é?

        Porque na Europa saltam para 6 exclusivos no top 20, 3 eles no top 10. E estranho que alguns já são títulos antigos.

        Fonte: Playstation Blog Europe
        Título: Gran Turismo Sport and Assassin’s Creed Origins storm October’s PS Store charts

      • Você está subvertendo tudo. Pros fanboys a coisa é assim, qualquer argumento por mais irrefutável que seja, logo é respondido com alguma dialética e tudo vira a famosa “verdade alternativa”. Isso é a internet.

        Já cansei de ver o Mário pulverizar seus argumentos X vezes e mesmo assim segue com esse discurso cego inteligível…

        Eu posso estar errado, claro, mas até agora você não mostrou isso de forma convincente. Até embutiu coisas de outras pessoas na resposta, eu não sou todo mundo. E não sou fanboy apesar de você talvez ver dessa forma.

        Você é melhor que isso, tenho certeza, aqui não é lugar pra fanfarrão.

        • Já tiveram momentos que cheguei a falar aqui que certas coisas que ele posta são oriundas da XMG, utilizando frases idênticas.

          Sobre o link que ele postou fiquei admirado pois “ele acompanha” o Playstaion Blog, entretanto foi a partir do momento que fiz o login no Facebook vi que o que ele postou foi algo que saiu em um canal dedicado ao Xbox, não da XMG e sim de um cara que aparenta almejar ser um deles.

          • Pois é, esse papo é conhecido já.
            É como você chegar numa escola e ir na sétima série, todos tem o mesmo corte de cabelo, usam o mesmo tênis, fumam o mesmo narguilé…
            Aparentemente a capacidade de pensar por si próprio está em desuso.

            Só não seguem a lógica sensata, porquê a treta que parece ser o objetivo.

            Resumindo, molecagem.

          • Você é que parece ser um frequentador assíduo desses canais. Sabe tudo o que os mesmos postam.

            Por um acaso a alguma mentira alí. Os links levam diretamnete ao site da Sony.

            É impressão minha ou você parece querer ditar o que os outros devem fazer.

          • Mas não é que é a mesma sensação que se tem aqui com praticamente todo mundo falando as mesmas coisas.😕

Deixe um comentario

O seu e-mail nao sera publicado.


*