Playstation 4 bate todos os recordes

5 2 votes
Avalie o nosso artigo

A consola é a mais lucrativa de sempre, a com maior attach ratio de jogos alguma vez conseguido pela Sony.

A PS4 chega ao fim da sua vida com uma data recordes. Apesar de não ter superado em vendas a PS2, a consola vendeu um total de 113,5 milhões de unidades, fazendo faturar um total de 11.3 mil milhões de dólares, o que a torna a consola mais bem sucedida da história dos videojogos, batendo mesmo a Wii (10.56 mil milhões, e a Nintendo DS (11.04 mil milhões).

Este é um valor quatro vezes superior ao gerado pela PS2, e três vezes gerado pela consola mais lucrativa de sempre da Sony, a PS1.

A consola vendeu no período de três meses um total de 80.9 milhões de jogos, dos quais 12,4 milhões, ou 15% eram jogos Sony… Um valor impressionante a nível de vendas de exclusivos.

Basicamente a consola consegue assim uma média de jogos vendidos por consola, ou attach ratio, de 13,01 jogos por consola, um valor recorde equivalente à venda de um total de 1,477 mil milhões de jogos durante a vida da consola.



Basicamente neste último trimestre a PS4 vendeu um total aproximado de 879 300 jogos por dia, ou 10,18 jogos por segundo… São valores que impressionam, numa consola que, por estes feitos, ficará para sempre na história.

 

 

 



5 2 votes
Avalie o nosso artigo
128 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Felipe Leite
Felipe Leite
25 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Espero que esse sucesso seja um sinal para a Sony não mudar o caminho.
Que sigam com humildade e pensamento voltado para o consumidor.
O que diga-se de passagem, tenho algumas dúvidas, não me parece que estejam a importar-se tanto com o consumidor quanto na geração passada, espero que eu esteja enganado e que a Sony prove que não irá dormir na sombra do sucesso.

Danilo Marciel
Danilo Marciel
Responder a  Felipe Leite
25 dias atrás

Acredito que isso já aconteceu..

Da pra notar sim que a Sony não tem mais a mesma “paixão” por fazer mais e melhor pro cliente..

Ela está naquela fase de que sou a SONY só isso basta.

Carlos Eduardo Santos
Carlos Eduardo Santos
Responder a  Felipe Leite
25 dias atrás

A Sony virou uma empresa que procurou agradar os consumidores, quando o PS3 quase faliu a divisão de PlayStation e empresa toda junto.
Aí teve PSN com online de graça, jogos junto com o serviço todo mês e etc…
O fim da geração do PS3 foi o que definiu o que a empresa é hoje, pois eles focaram na excelência dos seus próprios jogos.
O PS4 significava vida ou morte para a empresa, console esse que deu continuidade no que vinha sendo feito no final do PS3, ou seja, qualidade nos jogos.
Hoje todo mundo sabe que a empresa não da mimos para os clientes e não alivia nos preços dos seus jogos e serviços, porém, entrega qualidade, muita qualidade.
E cobra preço por essa qualidade.

Rafael
Rafael
Responder a  Felipe Leite
24 dias atrás

Em que vc acredita que ela mudou?
A geração nem começou. Sony e Microsoft estão colocando as cartas na mesa e fazendo cada uma seu marketing, que nesse ponto promete o mundo pra qualquer um. Vejo um console que teoricamente tem especificações suficiente para essa geração pelo menos quando comparado com os atuais desktop estão oferecendo mais do que o ps4 ofereceu em comparação com os desktops da época.
Jogos exclusivos de sempre, algumas inovacoes, preços agressivos.. enfim, só o tempo dirá se será um sucesso ou não.

Sparrow81
Sparrow81
25 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Como a Sony anda prepotente, meu Deus! Só tem a maior line up de lançamento da história, 6 grandes AAA First Party confirmados para o primeiro ano do console, fez um trabalho inovador com o ps5, expandindo Studios, valorizando parcerias… Deveria ela colocar a mão na consciência e voltar para 2013, começar com uma LINE up fraca e engrenar só lá por 2022. Isso é ser humilde e pró consumidor.

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
25 dias atrás

A melhor “line-up” do primeiro ano de uma consola, como tu lhe chamas, sao na sua maioria jogos a chegar a PS4. Nestes termos, a PS4 teve line-up ainda melhor e os estudios internos tambem produziram e muito bem em 2013. Basta ver que em finais do outono de 2013 ate Fevereiro de 2014, tiveste na PS Puppeteer, GT6, Beyond Two Souls, Infamous SS, Knack, Killzone SF, entre outros. Diria que esta ela por ela. A diferenca e que, na altura, devido as diferencas de arquitetura, os jogos da PS3 nao corriam na PS4 a nao ser que feitos especificamente para isso. Agora correm, com mais uns cosmeticos e a unica coisa que se esta a passar e que se tenta passar isto como um grande “suporte”. Portanto, sim, devia colocar a mao na consciencia e regressar a 2013, para ver se finalmente comeca a entregar os graficos next-gen.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
25 dias atrás

Não importa onde vai chegar… Não vou entrar no mérito de concordo ou discordo de você, Bruno. O que importa é que é a maior line up… Ratchet and Clank foi confirmado só para ps5 e outros serão assim…alguns darão suporte ao PS4 por mais dois anos e outros não…

No mais, discutir que Horizon, God of War, GT7 e outros são muito superiores a todos que você citou… acho que nem precisamos discutir sobre, né amigão?

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
25 dias atrás

GT7 esta oposto a GT6.E de GT7 nao sabes a data, embora se imagine que chegue no inicio do proximo ano. O mesmo e verdade para Horizon, e God of War de que so viste um logo.

Fora isso eu refiro o periodo de 3 meses (que engloba o lancamento da consola), de finais de Novembro a a Fevereiro e nao de um ano. Mas se queres considerar anualmente, podemos ver apenas que no primeiro ano de vida da PS ainda tiveste Little Big Planet, Driveclub, e nem me vou referir ao periodo que antecedeu o lancamento da PS4 (janeiro a Dezembro de 2013) onde tiveste titulos nada famosos como The Last of Us ou God of War Ascension.

A unica diferenca e que a PS4 foi lancada com jogos que so podiam ser ogados nessa consola e claramente superiores ao nivel atingido pela PS3, ao passo que na PS5, se vai descobrindo a pouco e pouco o que os graficos ja mostram – os jogos sao PS4.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
25 dias atrás

GT7 primeiro semestre de 2021.
Little Big Planet? Tem Sackboy pro lançamento do ps5! Day one!

Estranho você citar jogos de fim de geração do PS3, quando agora se lança the last of us e Ghost of Tsushima TB.

E sim, estou me referindo ao primeiro ano mais diverso que um console playstation já teve. Não sei porque está questionando isso, já estava claro no primeiro comentário que fiz que era o primeiro ano.

Ps5 se inicia com um spider e um remake grande, mais Sackboy, mais Godfall… Mas PS4 foi melhor para alguns, ok né? Hahaa

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Sparrow81
25 dias atrás

Day one:

Demon’s Souls
Miles Morales
Spider Man Remastered
Sackboy
Godfall

2021:

1st Party

R&C
GT7
GOW
Horizon
Destruction All Stars
Returnal

2nd party

Kena
Solar Ash
Stray
Little Devil Inside

3rd Party

GhostWire
Deathloop
FF16

E a lista vai crescer… “Muito pouco. Comparável ao PS4…”🙄

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
25 dias atrás

Dos que referes…

Horizon, Sackboy, Miles Morales, Kena sao jogos PS4,ja confirmados.

Demons Souls e uma incognita, mas ja surgiram placeholders em duas cadeias internacionais distintas para o jogo para a PS4 – graficamente, e um jogo PS4.

O mesmo se aplica a todo o resto do catalogo que indicas – graficamente… sao jogos PS4.

Horizon, GT7, R&C, Returnal, GOW, Kena, Stray, Little Devil Inside, GhostWire, Deathloop, FF16 nao tem data de lancamento – tu assumes que sao 2021… com base em nada, excepto o rumor de GT7 que surgiu ha dias e nao esta confirmado.

Por essa logica, posso adicionar a minha lista The Order 1886, Deep Down, Driveclub, GT6, Beyond, FF XV, Kigdom hearts 3, Transistor, Mad Max, entre outros. A diferenca e que The Order ou Deep Down tinham aspecto next-gen na altura e eram so para a PS4 – ao contrario do que ocorre para a PS5.

nETTo
nETTo
Responder a  bruno
25 dias atrás

Horizon FW e Gow já tiveram sua janela de lançamento declarados oficial pra 2021.

bruno
bruno
Responder a  nETTo
25 dias atrás

Queres dizer como Driveclub também teve uma?

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
25 dias atrás

FF16 confirmado pela Square enix pra 2021. R&C confirmado pela Insomniac apenas para ps5. Não sei onde se baseia para dizer que são jogos de PS4…

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
25 dias atrás

Podes por link? Essa do FF16 e nova para mim. A noticia que tenho e que mais novidades do jogo so em 2021, mas sobre data de lancamento… nao ha nada!

R&C esta confirmado para so para a PS5, sim, o que nao implica que os graficos sejam de PS4… e nisto que me baseio… nos graficos.

Felipe Leite
Felipe Leite
Responder a  Sparrow81
25 dias atrás

Para mim, por exemplo, foi.
Não entro em discussões, porque respeito a sua opinião. E confesso, gostaria de ter a mesma opinião! Estaria muito mais satisfeito. Entretanto, como já disse, cancelei a minha compra, pois não me sinto minimamente atraído pela launch line-up da PS5 (como também já disse, estou apenas a espera de um jogo que me faça ter vontade de jogar)
E como eu estava a dizer, na minha opinião, o lançamento não traz nada de especial, jogos comuns, com uns toques para justificar o maior poder da consola.
Na ps4, por muito que eu deteste o jogo, o killzone me fez jogar, pela sensação de “isso realmente não era possível na ps3”
E mesmo assim, não foi uma line-up de lançamento minimamente especial.
O primeiro jogo que realmente me deixou satisfeito foi o Infamous.
Nessa nova geração, não temos nem um jogo para showcase.
E entretanto, temos : subida de preço nos jogos, exclusivos Cross gen, exclusivos no PC, um exclusivo always on line, falta de transparência por parte da Sony(faltando 10 dias para o lançamento e ainda pairam um mar de dúvidas sobre a consola), políticas contraditorias….
Tudo isto me faz temer por um retrocesso da Sony no quesito satisfação do jogador/consumidor.
Essa é a minha opinião. Respeito quem pensa de forma diferente e acima de tudo, admiro quem tem a certeza de que a PS5 ou a XSX estão a chegar muito bem no mercado e estão felizes com a sua escolha!
Nesse momento, não há nenhuma das duas que me dê razões para adquirir uma delas.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Felipe Leite
25 dias atrás

Se os jogos não são pro seu gosto, ok. Ninguém pode discutir gostos… O que estou mostrando é que a Line up do ps5 é superior em tudo a do ps4. Só isso.

José Galvão
José Galvão
Responder a  bruno
25 dias atrás

Puppeteer, GT6 e Beyond Two Souls eram jogos da PS3, não da PS4, no lançamento tiveste Killzone e Knack e pouco mais, na PS5 tens o Demon’s Souls que mete esses dois juntos no bolso, também tens O Sackboy e o Spiderman, no geral o line-up inicial da PS5 bate o da PS4.

Quando sair a PS6 também vais dizer para a Sony voltar a 2020 e meter a mão na consciência?
Tens noção que a cada geração o salto visual será cada vez menor?

Nem no PC com gráficas acabadas de sair a 1500 paus tu notas o salto que tu achas que devia ter sido dado, o salto visual é notório mas temls que ter calma, deixa os devs familiarizarem-se com a consola, verás que daqui por uns tempos vais pensar de loutra forma.

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
25 dias atrás

comment image

comment image

comment image

comment image

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
25 dias atrás

De acordo. Mas a realidade nao deixa de ser esta… a PS4 apresentou Knack, Killzone SF, Infamoys SS e tu soubeste claramente que aquilo era proxima geração…

Na PS5 não tens isso.

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
25 dias atrás

Knack: melhores texturas, geomteria mais complexa visivel na geracao de particulas independentes na personagem principal e inimigos, estruturas e cristais transparentes. Impossivel de fazer na PS3.

Infamous: geometria altamente complexa, iluminacao, efeitos de particulas, dimensao e detalhe do mundo, numero de NPCs, veiculos, destrocos, deformacao… impossiveis de fazer na PS3.

Killzone Shadowfall: geomteria complexa, vegetacao luxuriante, texturas,efeitos de iluminacao e sistema de ilumincao, efeitos de particulas impossiveis de serem feitos na PS3.

Onde tenho isso agora? Por favor, indica-me o jogo que apresente efeitos impossiveis de obtar na PS4 e que nao seja loading.

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
24 dias atrás

Eu nao acho que tenha tudo o que tu referes…

https://www.youtube.com/watch?v=YK-DKgsCt5Y

Onde esta a geomteria melhorada e os melhores efeitos? Ou referes-te ao Miles Morales?

Aqui o problema e que voces estao a ver diferencas deste tipo:

https://www.youtube.com/watch?v=7NUX2rG_u8w

E dizem que o segundo e nova geracao.

Eu afirmo que so quando chegamos a diferencas tao grandes como esta:

https://www.youtube.com/watch?v=YLw1OLsx_lA

ou esta:

https://www.youtube.com/watch?v=f2GgmXt2d1M

E que chegamos a uma nova geracao.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
25 dias atrás

Basta um exemplo: Demons Souls não tem nada em paralelo na PS4… Geometria, iluminação, partículas, etc… R&C idem… A versão de Miles Morales no ps5 estará muito acima da do ps4, basta olhar para gameplay do Spider para ps5 e pra Miles Morales no ps5… NPCs, iluminação, texturas… Tudo acima na versão de ps5.

R&C confirmado apenas para ps5!

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
24 dias atrás

Claro que tem… e tem desde 2013..

https://www.youtube.com/watch?v=p6Vu8sVvaWk

Rafael
Rafael
Responder a  bruno
24 dias atrás

Vc tá esperando o que no lancamento? Nenhum console mostra seu real desempenho nos jogos iniciais. No ps4 todo mundo reclamou que fizeram muitos remaster… agora reclamam que os jogos iniciais tbm serão lancados no ps4 e no ps5 terá apenas algumas melhorias aqui ou ali. Com certeza quem compra console no lançamento nao é por conta dos jogos. Se quiser motivos (jogos) tem que esperar no minimo 1 ano. Essa geração vai ter uma transição bem mais suave, justamente pela compatibilidade com os jogos da atual geração e isso já foi dito pela sony e Microsoft… esses graficos que vc ta pedindo virão no meio da geração… olha como foi uncharted. O primeiro parecia um jogo de ps2, o segundo jogo mudou drasticamente mas demorou pra ser lançado… o mesmo vai acontecer nessa geração

bruno
bruno
Responder a  Rafael
24 dias atrás

Revelacoes deste tipo:

https://www.youtube.com/watch?v=PDfu1mYQXEg

Quando a referencia da anterior geracao e esta:

https://www.youtube.com/watch?v=whGrcp2Q0t4

bruno
bruno
Responder a  José Galvão
25 dias atrás

Nao disse que nao eram, e alias claramente o refiro no comentario Galvao…

Mas se se consideram jogos PS4 como fazendo parte do line-up inicial da PS5 para se fazer numeros e depois se vem alardear que e o melhor suporte de sempre e apenas justo que se veja o que a Sony andou a entregar na altura da PS4 – sobretudo se olharmos para o primeiro ano como o Sparrow quer fazer.

A unica diferenca e que a Sony esta a pegar em jogos PS4, e colocar efeitos exclusivos na PS5 e a lanca-los na PS5. A Microsoft com o smartdelivery, entrega isso de forma gratuita, mas pelo menos admite que o suporte inicial e cross-gen.

Eu nao vou ser hipocrita a ponto de dizer que andar a lancar jogos para a PS4, e que por a PS5 ser retrocompativel, eu tenho esses jogos na PS5, logo e o melhor lineup de sempre …. mas se quisermos ver assim, entao considera-se o que foi lancado tambem para a PS3 no mesmo periodo.

Porque a triste realidade e so uma… em 2013, tivemos jogos PS3 excelentes e jogos PS4 que graficamente eram jogos PS4, e nao jogos PS3 com mais uns efeitos.

Quanto ao menor retorno grafico isso tem muito que se lhe diga…

Primeiro, a questao e: menor retorno grafico porque?

Nao sera certamente por nao se poderem melhorar mais os graficos, porque se e nisso que acreditas apresento-te ja varios exemplos de graficos claramente superiores ao que temos agora!…

E se ha espaco para melhorias e nao se entrega entao sera porque o hardware nao e suficiente? E nesse caso, se nao e suficiente, porque uma nova geracao? Para ter loadings mais curtos? Para ter os mesmos jogos e uns efeitos que supostamente e Raytracing mas nao se sabe bem e depois cada um puxa a corda para seu lado?…

E se assim e, entao para que uma nova geracao?

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
25 dias atrás

Hardware não é o suficiente? Os motores estão sendo adaptados para sair de um carroça e rodar num jato! O que espera? Que da noite pro dia, com orçamento limitado dos Studios, eles largariam suporte aos jogos de PS4 e fossem trabalhar nos motores para na primeira leva do ps5 eles tirassem quase tudo do hardware? A quebra é muito maior que em outras gerações, onde saía do HD e ia para o mesmo. Isso ou você não quer entender ou não sei o que se passa.

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
25 dias atrás

Adaptacao dos motores nao e desculpa para ausencia de melhoria grafica. Os motores tambem nao tinham sido adaptados na PS4 ou na PS3 e ainda assim, tiveste jogos claramente de nova geracao.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
25 dias atrás

Veja o comparativo de Miles Morales ps5 e ps4 quando sair! Você realmente viu o Miles Morales do ps5 na demonstração? Modelagem, partículas, física… Tudo MUITO superior ao spider de PS4. Só não vê quem não quer!

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
25 dias atrás

Ok, entao veremos. E não, não vi nada muito superior.

Talvez te devas preparar para a realidade de apenas mais draw distance e RT.

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
24 dias atrás

Conforme te demonstrei em cima, os “ganhos decrescentes” nao e um argumento valido.

Aquele e o alvo a ser entregue. Logo, das duas uma, ou a consola nao e capaz, ou estao a fazer jogos cross-gen e as pessoas querem jurar a pes juntos que aqueles graficos seriam impossiveis na atual geracao… quando nao o sao.

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
24 dias atrás

Estas a dizer que Killzone Shadowfall é um jogo com grafismo ps3 cuja diferença para o que foi entregue na ps3 não é perceptível?

Porque o the sorcerer é um exemplo,mas já dei aqui outros de jogos PS4 disponiveis dia 1 que não deixam dúvidas quanto a grafismo.

José Galvão
José Galvão
Responder a  bruno
25 dias atrás

Tens noção de que pela primeira vez na história da PlayStation, a arquitetura é a mesma?
É claro que vão tentar capitalizar os mais de 100 milhões de utilizadores da PS4, eu faria o mesmo.

Eu acredito piamente que vamos ter jogos de fazer cair o queixo, até não partilho da opinião de que estas consolas desiludem, pelo menos a PS5, eu olho para o Demons e para o Ratchet e vejo ali algo impossível de ser feito na PS4, também tenho os pés bem assentes no chão de forma a não exigir um salto grande tão cedo.

Isto para mim não é nada de novo, a descridibilização de uma geração no seu inicio, a PS2 não era mais que um leitor de DVD barato, depois foi o que se viu, a PS3 segundo um certo senhor era uma perda de tempo para todos e foi o que se viu, a PS4 saiu numa altura em que alguns acredpitavam que as consolas estavam acabadas, e foi o que se viu, algo comum a todas é que a qualidade visual não era assim tão grande em comparação com a geração anterior que estava no seu auge visual, aqui é o mesmo, a PS4 ainda este ano entregou verdadeiros colossos visuais, logo é de certa forma, injusto que se diga que a PS5 não está a cumprir, porque está, não está é a cumprir com o que tu esperas, mas o tempo vai teatar de ver quem tinha razão.

bruno
bruno
Responder a  José Galvão
24 dias atrás

E?

Na PS3 vs PS4 nao tiveste titulos como AC BlackFlag, Alien Isolation, Call of Duty Advanced Warfare ou ate Forza 5 nas duas consolas? E nao eram o mesmo jogo? Isso impediu que ao veres Inamous SS soubesses claramente qual era o de nova geracao?

O haver 100 milhoes de utilizadores na PS4 nao justifica o nao se entregarem jogos PS5. Porque teres mais publico na anterior geracao e normal. Isso sempre ocorreu. A retro justifica um suporte mais continuado, mas nao deve justificar ausencia de salto grafico geracional.

Eu nao vejo nada de especial em Ratchet ou Demons Souls. Nao mostram nada que ja nao tenhamos visto. Os graficos estao bons… para a atual geracao.

Uma coisa e haver descridibilizacao… mas ate a PS2, que talvez tenha sido dos maiores saltos geracionais que tivemos, demonstrou claramente no inicio experiencias impossiveis na PS1. Basta olhar para TR AoD, Metal Gear ou Devil May Cry…. quem ao ver esses titulos alguma vez pensou “Bah, a PS1 tambem faz isto…”. Ninguem! A diferenca foi tao notoria que nao havia duvidas. Quanto a PS3, repito, tibveste anuncios como Heavenly Sword, MotorStorm e mesmo estes jogos em gameplay suplantaram tudo o que a PS2 teve ambicao de entregar.

Logo, nao, nao e o mesmo tipo de descredibilizacao.

Sobre o entregar ou nao, ja foi demonstrado e nem e isso que discuto. O que discuto e que isso nao esta a ser entregue dia 1, e nas anteriores geracoes, foi entregue.

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
24 dias atrás

O infamous Second Son nao apresenta apenas melhores texturas…

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
24 dias atrás

E o gpgpu traduziu-se em algo mais que apenas reflexos.

Marco Antonio Brasil
Responder a  Mário Armão Ferreira
24 dias atrás

Acho que a malta anda a subestimar o RT (eu inclusive). Andei pesquisando um pouco o assunto e vendo alguns vídeos comparativos e passei a acreditar que o RT tem potencial para revolucionar (perdoem o exagero rs) a arte dos jogos. Deixando de lado por um momento o RT de reflexos, que é o que está sendo utilizado para chamar a atenção, e focando no RT de iluminação global, o impacto visual nos jogos é incrível, as texturas e materiais mostram uma sensível diferença.
Sei que muitos dizem que dá para substituir o RT com outras técnicas e talvez eu esteja enganado, mas me parece que um RT iluminação bem implementado vai alcançar resultados superiores impossíveis de atingir na geração atual.

bruno
bruno
Responder a  Marco Antonio Brasil
24 dias atrás

O RT serve para subtituir os sistemas de iluminacao tradicionais, u “cozinhados” e permite efeitos de reflexo, refraccao e transmissao da luz que antes exigia muito trabalho e muitos jogos implementam mal. E uma melhoria, mas uma melhoria que, como temos visto em titulos como Shadow of the Tomb Raider, Metro Exodus, ou DMC 5 por si so, nao torna o jogo next-gen.

Marco Antonio Brasil
Responder a  bruno
24 dias atrás

Bruno eu concordo contigo que a nova geração começa devagar. Eu mesmo vou postergar a compra da PS5.
Mas talvez seja preciso ajustar as expectativas. Infelizmente, pode não ser possível um jogo inteiro como a techdemo UE5. As consolas podem ter chegado a um ponto em que o custo seja um limitante. Talvez uma expectativa realista para gráficos nextgen seja os gráficos atuais no “very ultra” com RT.

José Galvão
José Galvão
Responder a  bruno
24 dias atrás

Devil May Cry e Metal Gear Solid 2 sairam um ano depois do lançamento da PS2, o seu line-up inicial era composto por Tekken Tag Tournament, Moto GP, Fantavision, Ridge Racer V e pouco mais, a diferença para a anterior geração era grande se viesses da PSOne mas se viesses de um N64 ou melhor ainda, de uma Dreamcast, o salto nem era grande coisa.

Se te sentes desiludido não compres já, compra daqui por um ano, agora não me venhas dizer que uma PS4 corre o Demon’s Souls e o Ratchet.

bruno
bruno
Responder a  José Galvão
24 dias atrás

Como sabes, estamos a discutir se este e ou nao o melhor line-up inicial para o primeiro ano da consola, neste caso a PS5.

Eu rebato esta ideia porque simplesmente, nenhum jogo aqui apresentado tem graficos next-gen. Nao se trata de desilusao ou nao, trata-se de andar afirmar algo que e falso, isto e, que este e o melhor line up de sempre de um lancamento de uma consola quando ali nao ha um unico jogo que seja next-gen.

Agora, o Sparrow incluiu jogos que supostamente vao surgir no primeiro ano de vida da consola, logo eu faco o mesmo.

E assim sendo, tanto Devil May Cry que foi apresentado ao mundo para a PS2 na TGS 2000 e MGS 2 que foi apresentado ao mundo na e3 2000 podem ser referenciados. Sim, estes jogos so nos chegaram em 2001, mas foram anunciados no ano de lancamento da PS2 e eram uma demonstracao grafica do nivel que a PS2 se propunha atingir, e que a PS1 nem sonhava apresentar.

(Seja como for, mesmos os jogos que referes ja eram um salto sobre a PS1, ou nao?)

Algo que todas as PS desde essa altura fizeram… e que esta nao fez, porque tu, fora a demo do Unreal Engine 5, nao tens nada next-gen em nenhuma das consolas.

Esta-se basicamente a comprar consolas sem saber que nivel elas vao entregar e baseado numa crenca.

José Galvão
José Galvão
Responder a  bruno
24 dias atrás

Crença?
Como queiras Bruno, mas olha que no PC também não te safas, a diferença é que gastas o dobro ou o triplo do dinheiro.

bruno
bruno
Responder a  José Galvão
24 dias atrás

O PC recebe o que as consolas recebem..
A questão é saber o que as consolas vão receber…

nETTo
nETTo
Responder a  bruno
24 dias atrás

Killzone Shadow Fall até hj em dia é impressionante

Realmente, nesta nova geração não vimos nada equivalente a isso. Infamous e Driveclub também deixavam todos de queixo caido, do lado do Xone tinhamos Ryse como destaque, mas mesmo DeadRising 3 ao ser comparado com a velha geração se percebia a diferença absurda ..

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Sparrow81
25 dias atrás

Entendo o ponto de vista do Bruno mas concordo com o Sparrow nessa
Acredito que as surpresas maiores só virão com tempo, no PS3 demorou até sair algo realmente interessante a nível gráfico mas jogos bons já tem desde o início, mesmo que não tenham nível de tech demo

bruno
bruno
Responder a  Carlos Zidane
25 dias atrás

Nao creio. A ps3 apresentou titulos como Resistance ou motorstorm.

José Galvão
José Galvão
Responder a  bruno
25 dias atrás

Pois tiveste, e também tiveste a transição do SD para o HD.

bruno
bruno
Responder a  José Galvão
24 dias atrás

O que nao impede de teres uma coisa como Tomb Raider Legend em HD e outra, Tomb Raider Underworld. Resolucao nao justifica uma nova geracao por si so.

nETTo
nETTo
25 dias atrás

Off Envolvendo o PS5

https://www.playstation.com/en-us/games/resident-evil-village/

E o FUD e as narrativas caem toda semana kkkk

Resident 8 em 4K Dinamico + Raytracing e todo o resto de features nextgen

Livio
Livio
Responder a  nETTo
25 dias atrás

Não foi aqui que teve gente a defender o insider desses rumores do RE8? Ele só tinha dado o deslize para “equilibrar” as notícias mas mesmo assim a credibilidade dele não seria afetada pois a Capcom não o tinha desmentido? E agora?

Quando a Sony fica calada não indica que o PS5 está a ter problemas, só lembrar que a filosofia da MS(ocidental) e Sony(oriental) são diferentes.

nETTo
nETTo
25 dias atrás

Sobre a news é meio claro que a Sony vai suportar esta geração até o PS5 começar a remar sozinho, quase 120 milhões de consoles não se vira a cara

Ainda sim, ontem a Insomniac confirmou ontem que Ratchet Rift Apart é exclusivo do PS5

bruno
bruno
Responder a  nETTo
25 dias atrás

Nao ha mal nenhum em suportar a PS4 Netto. Alias, eu adoraria que a Rockstar fizesse um Remake do primeiro Red Dead para a PS4 tal como o Mafia sofreu, e que foi rumorizado ha algum tempo..

O problema e a falta de experiencias unicas que demonstrem do que e que o novo sistema e capaz, algo que so vimos em demo.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
25 dias atrás

Você não acha que visualmente terão diferença, eu discordo, mas ok. Mas falar que a experiência é a mesma do dualsense pro dualshock 4 é meio exagero, não? Ou não anda a acompanhar o que o dualsense adiciona a experiência?

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
25 dias atrás

O DualSense nao precisaria de uma PS5. Logo, nao, nao e exagero.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
25 dias atrás

Áudio TB é possível na PS4. Só colocar o tempest lá… Pronto! Haahaha

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
24 dias atrás

Exactamente. Eu nao compro consolas so para ter melhor audio. E um acessorio nao e motivo para comprar uma consola completa de novo.

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
24 dias atrás

Não… E a prova é que o audio não evoluiu tanto quanto os graficos e ninguém se queixou.

Fernando Molina
Fernando Molina
25 dias atrás

Sucesso mais que merecido, a Sony nessa geração com seu PS4 arrebentou

Só mais uma semaninha galera, espero que na terça que vem já consiga dar minhas primeiras impressões do XSX pra vocês

nETTo
nETTo
25 dias atrás

Eita que hj ta interessante, mais um Off envolvendo o PS5

Aproveitando que mais um FUD foi pro Halo (kkk)

https://twitter.com/geronimo_73/status/1314107832439054338

Vamos de mais uma narrativa indo pro béléléu kkk, PS5 é tão silencioso quanto XSX segundo Insider acima, visto que estes influenciadores já tem o console pra emitir um comparativo, abaixo os dados:

PLAYSTATION 5 Noise Level
#PS5
Dashboard: ~28db
In Game: ~33db
Disk Installation: ~38db
In comparison to

PS4 PRO
(CUH-7000)
Dashboard: ~59db
In Game: ~70db
(CUH-7002)
Dashboard: ~44db
In Game: ~49db

Xbox Series X
Dashboard: ~25db
In Game: ~30db
Disk Installation: ~42db

Detalhe que durante a instalação de jogos o PS5 é mais silencioso kkkk Mark Cerny só cumprindo suas promessas

marcio
marcio
25 dias atrás

Desculpe pelo OFF, mas parece que o insider estava errado sobre o desenvolvimento de RE Village para PS5..
https://www.eurogamer.pt/articles/2020-11-03-resident-evil-8-corre-a-4k-dinamica-com-ray-tracing-na-ps5

bruno
bruno
25 dias atrás

Produto de um produto bem pensado, politicas amigas do consumidor, e um grande suporte de qualidade.

A PS4 continua a ser uma plataforma excelente, e na minha opiniao, talvez a melhor consola desenvolvida pela Sony ate a data, no que diz respeito ao desenho do hardware, software e servicos.

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  bruno
25 dias atrás

Bruno sabe que eu concordo com você em muita coisa e isso é uma delas, a ps4 para mim foi ate o momento o melhor console em termos gerais que a Sony poderia fazer.
Quanto ao Ps5 por mais animado que eu esteja eu tento colocar meus pés no chão, pois ainda tenho a estranha sensação de que quando o boom inicial de vendas passar a Sony vai começar a liberar mais jogos ao Pc, para mim é muito estranho de como ela ficou calada em relação a esse assunto e as pessoas parecem ter memória curta, de qualquer forma espero estar enganado.

Ps: Ironicamente ela liberando jogos no Pc só tem a beneficiar a Microsoft principalmente depois da compra da zenimax.

bruno
bruno
Responder a  Daniel Torres
25 dias atrás

Concordo plenamente.

Rui
Rui
25 dias atrás

Off: até 200 euros qual a melhor gráfica do mercado? Na opinião dos meus amigos.

Rui
Rui
Responder a  Mário Armão Ferreira
25 dias atrás

Nao é para mim, eu li que a 580 gts bate essa, agora nao sei.

Rui
Rui
Responder a  Mário Armão Ferreira
25 dias atrás

Combinado.

bruno
bruno
Responder a  Rui
25 dias atrás

Rui, ve benchmarks. Nessa gama, nao consegues achar nada duradouro e de futuro… seja la o que for que compres, tera sempre que ser subtituido nos proximos tempos.

João Magalhães
João Magalhães
25 dias atrás

PS4 foi um grande console e fez tudo certo mas o tempo passou e fizeram uma reestruturação interna na Sony e algumas decisões para o PS5 parecem um pouco diferentes…Como essa politica de jogos Cross Gen nos dois primeiros anos e levar algumas IPs para o PC…..Isso me causou frustração.

Não tenha dúvidas que o PS5 será um sucesso agora dizer que será perfeito como o PS4 precisamos esperar.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  João Magalhães
25 dias atrás

Você acha que o PS3 seria abandonado se não fosse uma mudança total de arquitetura? O PS3 só não recebeu mais jogos porque era inviável financeiramente. Era programar duas vezes para se colocar o jogo a rodar lá… Sabemos, não é de hoje, as complicações de programação no PS3.
Do PS5 para PS4 é similar… Se programa pro ps5 e desce para o PS4… Quando os motores tiverem 100% adaptados para i/o e os jogos forem feitos do zero para aproveitar isso e a cpu muito melhor do ps5, se fica inviável portar ao PS4.

Felipe Leite
Felipe Leite
Responder a  Sparrow81
25 dias atrás

Uma excelente observação, eu havia ignorado por completo a diferença entre as arquitecturas.
Em relação aos Cross gen no início da geração, faz todo o sentido em termos económicos para a Sony.
Esse ponto por acaso é um que não me incomoda sobremaneira.
Eu sei que haverão diferenças entre as versões e que serão notáveis.
O que incomoda-me é todo o restante que mencionei no meu comentário anterior.
Acredito que não faria mal nenhum termos um “killzone”(jogo para showcase) no lançamento.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Felipe Leite
25 dias atrás

Tivemos algumas complicações… Creio que o cronograma era diferente… Jogos atrasaram e muito. Foi um esforço grande entregarem TLoU 2 e Ghost of Tsushima ainda no meio do ano, inclusive teve uma colaboração direta de outros Studios Sony para entregar os jogos da ND e SP.
Com tudo isso, há atraso nas entregas e Ratchet and Clank, como outros ficaram para início de 2021… Em tempo, Ratchet and Clank é o Showcase next gen e isso é bem visível. Só não conseguiram entregar no tempo para day one!

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
24 dias atrás

O “abandono” da PS3 (a PS3 teve um 2013 e 2014 com imensos jogos de peso) deu-se, como se deram o das outras consolas como a PS2 e foi normal.

A questao e que apos 7 anos de geracao, em que a idade ja se mostrava e pesava no hardware, o publico estava altamente receptivo a uma nova geracao que supria muitas das falhas da anterior e mostrou a sua forca logo no inicio.

Havia cansaco. A PS4, ao contratrio da 3, aos 7 anos ainda se aguenta muito bem – como o Rui e o Fernando ja apontavam, tens jogos visualmente assombrosos ainda a rodar a 30 fps estaveis. O hardware tem tido um desempenho excelente.

Fora isso, a consola a custar 399$ tambem ajudou e muito.

Nao teve nada a haver com diferencas de arquitetura, mas com o salto grafico notorio, preco acessivel da nova geracao, e jogos atractivos dia 1 presentes no novo sistema.

E a prova e que muitos estudios nao tiveram problemas em fazer jogos cross-gen na altura.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  bruno
24 dias atrás

Bruno, você quer provar seu ponto de vista e tem argumentos pra ficar aqui até amanhã, mas a questão mais relevante é que o PS5 está aí e é como é, o que o a Mário falou é o mais certo, se esperar demais vai acabar ficando frustrado.
Eu também gostaria de mais, porém querer e poder são coisas muito diferentes, e olha que pro hardware que tem e comparando com o preço do PC pra fazer algo parecido, está até bom demais. Eu vou aproveitar e pronto, quem não quiser pode ficar no PS4 mais alguns anos.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
24 dias atrás

Hoje os consoles também já deram o que tinham que dar… Ps4 chegou a fritar com TLoU 2 em certos momentos… Se você não quer aceitar isso, ok. A maioria sabe que a CPU atrasou muito a atual geração e já tinha passado da hora de evoluir ..

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
24 dias atrás

Chegou? Essa é novidade… Porque o que tenho lido é que a consola com problemas foi até a Pro e não a base.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
24 dias atrás

Problema nenhum… O problema é que aquele ali é o limite e para se fazer aquilo novamente vai mais 4 ou 5 anos de desenvolvimento, pra mais… Você prefere ficar mais 4 ou 5 anos com Studios focados ainda na atual geração ou que tudo já esteja sendo adaptados para next gen e daqui 2 anos tenhamos jogos com o máximo que o ps5 pode dar? Seu raciocínio simplesmente não tem lógica alguma.

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
24 dias atrás

Este teu comentário é que nao tem lógica nenhuma. Referes que the last of us part 2 “fritou” a PS4. Agora referes que afinal não houve problema nenhum… mas que aquilo é o “limite” ( baseado em nada mais uma vez).

E vens agora escrever que eu defendo que o estudio passe os proximos 4 a 5 anos a explorar mais o hardware da ps4?!🙄

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
24 dias atrás

Fritou foi uma figura de linguagem que usei para limite!!! O PS4 chegou ao seu limite com esse jogo e esse é o fato, você querendo ou não! Veja quantas pessoas foram envolvidas no projeto de TLoU 2… Em torno de 2500 pessoas (5 anos de desenvolvimento) e você quer porque quer fazer todos acreditarem que essa geração com o jaguar (criticado inclusive por você várias vezes) aguentava mais? Óbvio que não sairá mais que isso e óbvio que se fosse sair algo do nível de TLoU 2 se precisaria de mais 5 anos de desenvolvimento ou até mais… Aí você quer porque quer que essa geração continue e atrase o lançamento da próxima em mais ainda… Não tem lógica alguma! Haaha

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
24 dias atrás

Pois, mas o termo fritou em Portugal significa quando queimas o chip..

E se for usado como figura de estilo é uma forma exagerada de afirmar que puxou pelo sistema ao máximo sendo visivel que este tem dificuldade em correr o jogo…

Como ocorreu com o primeiro TLoU na PS3.

E o que te indiquei é que pela performance do jogo na PS4 base…. isso não se verificou.

Agora o que vejo é que usas métricas curiosas para medir o custo computacional de um jogo… Neste caso, vais buscar o número de pessoas envolvidas no mesmo. Esta é novidade.

Eu nao estou a a fazer nada do que me acusas. Tu referes no inicio que a PS3 foi abandonada devido à arquitetura. E o que se passa agora entre PS4 e PS5 é somente devido ao facto de ambas serem x86.

Eu apenas te estou a demonstrar que a PS3 no seu ultimo ano de vida já tinha dado o seu máximo e estava a limitar o nivel dos jogos, graficamente. Logo quando a PS4 chegou já com titulos como Infamous SS, Knack ou Killzone SF, a demonstrarem o standard grafico da nova geração, a adopçaodo mercado foi rapida e os produtores (que já se vinham a queixar dos limites há algum tempo) não tiveram problemas em largar a plataforma anterior. E por isso foi abandonada, não devido à arquitetura.

Entre a PS5 e PS4, tendo em conta que os graficos de todos os jogos estão ao nível da PS4, se verifica que nem os produtorew estão prontos..

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
24 dias atrás

E no fim, o aspeto e o mesmo, e os graficos que deviam ser o standard da nova geracao nao chegam…

Logo, que importa que um seja maquilhagem, se a diferenca e minima?

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
24 dias atrás

Não tem novidade alguma nisso… Usei o número de pessoas para o projeto apenas para te mostrar que a base dos jogos da atual geração é medíocre! Quem conseguiu puxar o jaguar ao máximo foram as esquipes First Party, principalmente da Sony e a Rockstar com Red Dead 2 e um desenvolvimento com investimento gigantesco e mais de 5 mil pessoas envolvidas. Ou seja, são pontos fora da curva que você está usando para validar seu comentário que o jaguar tem muito a dar ainda (mesmo falando o contrário e até o criticando diversas vezes). Agora você imagina jogos com essa qualidade de rockstar e TLoU 2 para endossar que a geração não chegou no limite… Ou seja, lógica zero!

Do PS3 para o PS4 se mudou completamente a arquitetura, os motores tinham por obrigação estar 100% adaptados para a nova geração. Não acontece o mesmo do ps4 para ps5 e você simplesmente ignora completamente isso.

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
24 dias atrás

A unica logica zero aqui e este teu comentario…

Vais buscar o numero de pessoas por tras desses jogos (e que nao sabes em que trabalharam, se em fisica, se em modelacao, ou outras coisas..) e usas isso para provar… eu nem consigo entender bem o que… falas de “base’ de jogos… penso que te referes a media ou a maioria (termo muito diferente e com significado muito distinto de base)…
que os jogos sao um primor tecnico?… que os jogos demoraram muito a fazer?… E no fim o que e que isso tem a haver com o levar e puxar por um sistema ao maximo?…

Um limite de um sistema nunca foi medido pelo numero de pessoas envolvido num projecto, sobretudo porque ai depende da tecnologia presente, organizacao interna entre muitos outros… Mas tu queres que assim seja porque… te apetece.

O limite de um sistema e medido pela sua capacidade de correr jogos visualmente complexos. The Last of Us part 2 e dos jogos mais tecnicamente avancados hoje disponiveis e tem uma performance excelente na PS4 – isto aponta que o sistema o conseue correr sem ser levado ao limite (se fosse a performance estaria a sofrer).

O numero de pessoas nao importa a nao ser que estejas a falar de NPCs que o sistema tenha que render.

Porque se tiveres um estudio com 500 pessoas envolvidas em limpeza de secretarias isto nao te interessa… ou interessa?

bruno
bruno
Responder a  bruno
24 dias atrás

Num adendo, o teu ultimo paragrafo da PS3 e PS4, entao nao faz sentido nenhum…

Se a arquitetura da PS3 para a PS4 mudou, desde quando os motores tinham que “estar 100% adptados para a PS4”? (ou queres dizer que os motores “tiveram que ser adaptados” = tiveram que ser modificados, e nao que “estavam adaptados’ = ja estavam prontos)?…

E assim, como e que, sendo a PS5 e a PS4 a mesma arquitetura, se explica que a PS4 tivesse graficos next-gen day1, e a PS5 que possui a mesma arquitetura logo menos trabalho ha, nao apresenta graficos next-gen? Porque neste caso menos adaptacao se tem que fazer e o que resta e melhorar graficos e efeitos…

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
24 dias atrás

O que disse é que The Last of Us puxa o sistema ao máximo, mas 99% dos jogos não faz isso e nem irá fazer se a geração durar mais 10 anos! Por razões óbvias! Não elevaram os níveis em 7 anos de geração e não vai ser agora que farão com um jaguar! Milagre não existe!

Tá bem claro o que eu disse. Se você não entendeu, então não vou desenhar. Abraço.

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
24 dias atrás

Dizes que The Last of Us part 2 puxa o sistema ao máximo baseado…no numero de pessoas que trabalharam no jogo.

Ok.. tens razão a culpa é minha por não entender a tua métrica que só tu usas.

Deves avisar os reviewers pir ai fora, na altura de testar processadores, que deixem as benchmarks de lado e passem a usar jogos apenas baseado no numero de pessoas que trabalharam nele.🙄

E o que é que o facto de 99% dos jogos não estar à altura (sim, concordo), tem a haver com a razão pela qual os jogos ps5 first party estao a receber gráficos ps4?

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
24 dias atrás

Nao, digo com base no que foi mostrado pela ND mesmo… Meu exemplo de pessoas envolvidas foi para tentar te desenhar orçamento generoso que poucos jogos tem e o tempo para se realizar isso. Se vc acha possível mais, você está achando e obviamente falando que nem ND, nem Rockstar extraíram tudo do Jaguar. O que é totalmente na contra mão do que se diz no meio de desenvolvimento… o jaguar já está fazendo hora extra e não precisa ser nenhum gênio para saber disso. Mas você queria mais jogos na atual geração, demorando 4 ou 5 anos para desenvolver e está satisfeito nos multis… Simples, cara! Fica na atual geração então… Agora querer impor verdades que só você vê, ninguém vai engolir.
Quanto aos jogos de ps5 recebendo jogos com gráfico de PS4, você tá vendo isso, eu e a maioria não. Estás a dizer que Demon’s Souls tem gráficos iguais Bloodborne, dark Souls 3, sekiro, etc… E não, está muito acima de todos esse jogos em tudo na parte técnica. É só olhar e perceber o óbvio.

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
24 dias atrás

Eu não estou a impor verdades, só estou a demonstrar que o sistema ainda tem boa performance num jogo exigente como TLoU part 2 logo não está no limite…ao contrário do que afirmas.

Relativamente a orçamentos… mais uma vez, depende de muita coisa e nada quer dizer.. estás a ir buscar métricas não relacionadas, porque eu falo de limites e performances, tu falas de qualidade e orçamentos. E tentas mudar o assunto de limite do sistema para limite porque não se pode pagar mais (como se os desenvolvedores a cada jogo não construissem sobre o anterior..) e a isto só te recordo dos jogos que defendeste serem next gen e que agora se sabem vir a chegar à PS4.

TLoU com a qualidade que tem a rodar a 30 fps fixos não indica, mais uma vez, problemas com o jaguar
Sim o processador é o ponto fraco nestas consolas, mas não viste nada nos supostos next gen que estas consolas não tenham feito.

Sobre os graficos…eu provei o que disse com imagens. Tu só insistes no mesmo, mas provas… nenhumas.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
24 dias atrás

Estava dizer que se rodou satisfatoriamente um game é pq o sistema pode mais? Preferia que TLoU rodasse com quedas Inaceitáveis para você concluir que a geração já era? Não é necessário, meu caro! A indústria sabe dos limites há anos… E o jaguar chegou ao seu limite com toda certeza. Você querendo ou não!

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
24 dias atrás

Então busque imagens de soulslike (bloodborne, sekiro, dark Souls) da atual geração e compare com Demon’s Souls… É superior em tudo! Agora exigir visuais unreal engine 5 já day one, beira a insanidade. Abraço.

bruno
bruno
Responder a  Sparrow81
23 dias atrás
bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
23 dias atrás

Lançado na PS3.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  bruno
23 dias atrás

Estado de negação é o seu… Como disse, fica na geração atual, compra um PC ou sei lá o que… Você realmente não vai conseguir fazer que a maioria enxergue algo que não existe: Gráficos iguais em Bloodborne e Demon’s Souls Remake. Só você fala que não é next gen, até os maiores críticos do PlayStation falam o contrário desse remake.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
24 dias atrás

Que blza, Mário! Sou fotógrafo entusiasta e gosto muito dessa parte de tecnologia de sensores de câmeras … Será que esse sensor da Samsung é Sony TB? Sabe me dizer quanto seria esse zoom de 100x equivalente de uma tele-objetiva (lente) dslr fullframe (equivalente a 35 mm)?
Minha última câmera foi uma Nikon D810 FullFrame com sensor Sony e fazia conjunto com uma tele fixa nikkor 300 mm f4. Que conjunto espetacular!

eduard08
eduard08
Responder a  Mário Armão Ferreira
23 dias atrás

Ja agora Mario, penso que ja devas saber, mas ja se pode pedir o cabo para ligar a psvr a ps5

https://camera-adaptor.support.playstation.com/en

Ja agora fico a espera do review pois talvez va ser a solução para mim também

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
24 dias atrás

Espetáculo Mario… Aí é só com tripé mesmo… Não há estabilização óptica que aguente um zoom desses… E tudo isso em um smartphone… Wowww… É realmente um ganho sem precedentes.

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
24 dias atrás

Fantastico. Algum outro aparelho no mercado consegue isto?

Daniel
Daniel
Responder a  Sparrow81
24 dias atrás

Se TLOU 2 foi totalmente destinado ao PS4 já suou, imagine um novo God Of War e Horizon que comecem desde já com implementações, principalmente advindas da cpu e do ssd do Ps5? Quem puder, que compre agora, pois mesmo se lançados no Ps4, esses jogos, a meu ver, sairão capados ao máximo, ampliado pela situação do COVID, que até agora (8 meses depois e não se sabe até quando) não se normalizou. Que a Sony não cometa o mesmo erro do Xbox; na minha humilde opinião, Halo Infinite só virou o que virou pela teimosia demasiada em lançá-lo para a atual geração, e talvez fosse lançado junto aos novos consoles, e porque não, seria uma justificativa plausível na aquisições dos consoles Microsoft. Apostar na Ps4 nesse mundo de incerteza quanto a prazo pode atrasar o lançamento desses jogos.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Daniel
24 dias atrás

O problema do Xbox vai muito além de Cross gen… Hoje se chama SS… Um Halo não vai ser muito melhor que o mostrado… Mesmo que muito melhor, não chega a algo que Demon’s Souls é, mas nunca.
Quanto as adaptações, é possível ainda o Port para PS4 porque os motores não estão adaptados para i/o e não se está usando a cpu ainda… Vai escalar gpu do ps5 para do ps4 e isso ainda é fácil de fazer… No momento que envolver cpu/gpu/i/o fica totalmente inviável lançar no PS4 também e se abandona totalmente o apoio First Party para o console.

Daniel
Daniel
Responder a  Sparrow81
24 dias atrás

Não achei Demons Souls isso tudo, ainda mais por ser um jogo com mecânicas e assets de PS3; se trocasse ele por R&C concordaria com você (este, parece sensacional mesmo kkk). Halo é semi open world e Demons Souls é praticamente linear (fica difícil comparação); não está muito acima de TLOU 2 e nem de Gears 5, na minha opinião, claro. No mais, concordo com você sobre o SS que poderá limitar toda uma geração (principalmente third party), mas no caso específico que tratei (Halo Infinite exclusivo Series S/X no lançamento) seria muito melhor que desconsiderassem lá atras para a atual geração, pois seria um problema a menos ao atual, foi isso que tratei.

bruno
bruno
Responder a  Daniel
24 dias atrás

Como Horizon Forbidden West?…

Daniel
Daniel
Responder a  bruno
24 dias atrás

E quem sabes também God of War Ragnarok né Bruno, ainda está em aberto kkkk. Pelo que está aparecendo, nova geração mesmo só em 2022; esse ano e 2021 teremos “pitadas” nada generosas, que se pensarmos bem, dá pra contar no dedo.

error: Conteúdo protegido